HAAK será lançado oficialmente em agosto

HAAK finalmente sairá do Early Acces e será lançado para Switch e PC via Steam em 25 de agosto. O game foi lançado pela primeira vez em acesso antecipado para PC via Steam em 16 de setembro de 2020.

Sobre

📹 Haak será lançado no Nintendo Switch | Divulgação Nintendo

HAAK é um jogo de plataforma de ação de rolagem lateral desenvolvido pela Blingame e publicado pela Lightning Games. O game tem forte inspiração no gênero Metroidvania, e permite que você explore o deserto apocalíptico. Durante o processo de exploração, o jogador precisa desenvolver suas habilidades, lutar com a misteriosa organização entrincheirada neste mundo, resolver vários mistérios e abraçar o maior segredo do mundo.

📷 HAAK será lançado oficialmente em agosto | Divulgação

“Comece sua aventura no mundo apocalíptico em HAAK! Ao explorar o deserto desolado, você também pode enfrentar a ameaça de organizações misteriosas entrincheiradas neste mundo. Derrube-os, resolva os mistérios e abrace o maior segredo do mundo!”

Características principais

📷 HAAK será lançado oficialmente em agosto | Divulgação

  • Deserto apocalíptico – Em termos de estilo de arte, HAAK usa gráficos old-school e tons escuros para apresentar uma cena desolada de ruínas, que está alinhada com seu pano de fundo do deserto apocalíptico, com o objetivo de trazer os jogadores para o futuro do mundo escatológico para experimentar esse sentido de desolação.
  • Controles responsivos – Nós nunca projetaríamos um jogo que causaria cãibras nos dedos! Movimento ágil e tempo cuidadoso é o único tipo de ritmo que nos interessa.
  • Armas e habilidades únicas – A principal arma do HAAK é o Energy Hook multifuncional que pode ser usado para atacar e interagir com o ambiente, que combina com habilidades de hackers específicas do personagem para criar todos os tipos de possibilidades de jogo para uma experiência de jogo totalmente única.

📷 HAAK | Divulgação

  • Ambientes hiperimersivos – A estética visual única e a iluminação ambiente, SFX e trilha sonora do HAAK trabalham juntos para criar ambientes hiper-imersivos, de paisagens de chuva sombrias a cidades futuristas e instalações subterrâneas assustadoras que o transportarão para outro mundo.
  • Explorar o desconhecido – HAAK define muitas missões secundárias ocultas, prenúncios e ferrões. Através da exploração contínua no jogo, você pode obter muitas informações sobre a história de fundo e os personagens e interpretar o conteúdo mais profundo por meio deles, para que cada experiência de jogo seja nova e não repetida. Você está pronto para levá-lo a 100% de conclusão?

O que você achou da novidade? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Gematsu, Steam.

No Man’s Sky: Versão para PlayStation VR 2 confirmada

A desenvolvedora Hello Games confirmou que No Man’s Sky vai ganhar uma versão para o PlayStation VR 2. A notícia foi revelada durante o State of Play de 02/06 e, segundo no PS Blog, o desenvolvimento do projeto para o dispositivo da Sony ainda está em andamento.

No Man’s Sky para PSVR2

📷 No Man’s Sky para PSVR2 | Divulgação

O anúncio veio acompanhado de um trailer que mostra os diversos aspectos de exploração, com a visão em primeira pessoa que os jogadores devem experimentar na versão final.

No PlayStation Blog, o fundador da Hello Games, Sean Murray, falou sobre o lançamento da atualização Beyond. E da jornada que o estúdio percorreu desde que originalmente reimaginou No Man’s Sky para VR.

Será interessante ver quais melhorias vêm na versão PSVR2, já que Murray já parece animado com os avanços dados nos últimos anos.

📹 Trailer de anúncio No Man’s Sky para PSVR2 | Divulgação

Experimentar No Man’s Sky no PS VR foi um pequeno milagre, já que tivemos vários obstáculos técnicos para levar um universo infinito e sem transição para o headset futurista. Vários anos depois, a tecnologia deu um salto de evolução ainda maior, oferecendo a oportunidade de elevar o patamar de imersão do jogador ao próximo nível.

O poder do PlayStation 5, junto com o novo hardware do PlayStation VR2, incluindo os novos controles Sense, se juntam para elevar bastante a sensação de imersão e realismo. 

Sean Murray, fundador da Hello Games.

📹 Gameplay no Man’s Sky para PSVR2 | Divulgação

Sobre No Man’s Sky para PSVR2

A versão de realidade virtual de No Man’s Sky também está disponível para PC. Com compatibilidade com headsets como o Oculus Quest 2 e o Valve Index, entre outros.

Até o momento, a desenvolvedora não explicou se o PlayStation 5 vai trazer melhorias inéditas para a experiência, ou se ela vai se basear somente nos sistemas aprimorados já encontrada no PC.

Embora haja poucos detalhes sobre o que exatamente estará disponível nesta versão, a ideia dos jogadores sentirem como se estivessem pilotando uma nave provavelmente será um recurso interessante. 

📹 Gameplay No Man’s Sky para PSVR2 | Divulgação

PlayStation VR2 pode chegar somente em 2023

O próximo headset de realidade virtual da Sony pode ser lançado somente no primeiro trimestre de 2023. De acordo com um novo rumor divulgado pelo canal PSVR no YouTube.

Além disso, o analista da TF International Securities, Ming-Chi Kuo, postou em seu perfil no Twitter alguns detalhes sobre o PlayStation VR2. Ele cita que o headset deve entrar em produção em massa ainda neste ano para um potencial lançamento no início de 2023.

PlayStation VR2

📷 Playstation VR2 | Divulgação

Desde o início do ano há suposições de que o PSVR2 começará a ser produzido em massa em breve. E terá duas vezes mais pixels que o Oculus Quest 2.

Referencias:

Adrenaline, PS Verso, Playstation blog.

Temtem será lançado em setembro

Temtem finalmente sairá do Early Access. A editora Humble Games e a desenvolvedora Crema, anunciaram o lançamento do jogo em 6 de setembro, para PS5, Xbox Series, Switch e PC. Temtem foi lançado pela primeira vez no Early Access para PC via Steam e Humble Store em 21 de janeiro de 2020, seguido pelo PlayStation 5 em 8 de dezembro de 2020.

📹 Trailer da data de lançamento | Divulgação

As versões de console estarão disponíveis fisicamente e digitalmente. As pré-encomendas físicas já estão disponíveis em todas as plataformas, enquanto as pré-encomendas digitais estão disponíveis no PlayStation 5, Xbox Series e PC, com as pré-encomendas do Switch disponíveis em breve. Uma versão Digital Deluxe, que inclui o jogo completo e bônus cosméticos, também está disponível para pré-venda.

Sobre

📷 Temtem será lançado em setembro | Divulgação

Fortemente inspirado em Pokémon, Temtem é uma aventura de captura, evolução e batalha entre monstros, mas com um diferencial: o jogo é um MMORPG online que permite que mais de um jogador se junte à jornada. Na história, os jogadores podem explorar seis ilhas para coletar os monstrinhos Temtem, em meio a luta para ser o maior domador do mundo. Como Pokémon, a aventura envolve viajar entre regiões, desafiando os “líderes de ginásio” desse mundo, enquanto se defende de ataques da organização criminosa local. As batalhas são baseadas em turnos e a exploração é feita com ganchos, montarias e em veículos. Cada jogador pode carregar consigo oito Temtem. Até três monstrinhos são desqualificados pelo adversário antes do começo de cada batalha, até que ambos times cheguem a cinco criaturas.

Recursos

📷 Temtem será lançado em setembro | Divulgação

  • Campanha de História – Viaje por seis ilhas vívidas e embarque na aventura de se tornar um domador de Temtem enquanto luta contra o malvado Clã Belsoto.
  • Mundo Online – Os dias de viajar sozinho acabaram; em Temtem, o mundo é massivamente multiplayer. Domadores de todo o mundo podem participar e você poderá vê-los ao seu redor, vivendo a aventura com você e lutando para se tornar o melhor domador de Temtem.
  • Aventura Co-Op – Você poderá unir forças com um amigo a qualquer momento e trabalhar juntos em direção ao seu próximo objetivo. Pegue um novo Temtem, complete uma Rota ou enfrente um Líder de Temtem; tudo isso enquanto luta ao lado de seu amigo em batalhas duplas!
  • Habitação – Compre sua própria casa no Atoll Row e decore-a do seu jeito. Compre móveis novos, pinte suas paredes e você estará pronto para convidar seus amigos!
  • Personalize – Personalize seu personagem para se destacar da multidão e obter novos cosméticos enquanto luta contra outros domadores. Escolha um chapéu bobo, um moletom confortável, algumas calças e você está pronto para ir! Ou talvez você prefira usar um cosplay completo do seu Temtem favorito?
  • Competitivo – Comece escolhendo oito Temtem e a fase de escolha e banimento começará. Revezem-se com seu rival para escolher seu Temtem e banir o deles. Quando todas as decisões forem tomadas e os turnos terminarem, você terminará com um esquadrão de cinco Temtem e a batalha começará.
  • Sempre Crescendo – Novos conteúdos são constantemente adicionados ao Temtem, novos eventos, novas missões, novos cosméticos, novos Temtem e novas maneiras de jogar!

O que você achou do jogo? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Gematsu, Canaltech, PSX Brasil.

Tiny Tina’s Wonderlands

Tiny Tina’s Wonderlands é um jogo eletrônico de RPG de ação e tiro em primeira pessoa desenvolvido pela Gearbox Software e publicado pela 2K Games. É um spin-off da série Borderlands, e um sucessor de Borderlands 2: Tiny Tina’s Assault on Dragon Keep. Foi lançado em 25 de março de 2022 para Microsoft Windows, PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One e Xbox Series X/S.

Jogabilidade

Semelhante aos seus antecessores, Tiny Tina’s Wonderlands é um jogo eletrônico de tiro em primeira pessoa com elementos de RPG de ação. Pode ser jogado sozinho ou com três outros jogadores no modo multijogador on-line ou local em tela dividida. O jogo se passa logo após Tiny Tina’s Assault on Dragon Keep e, como essa expansão, a campanha se passa no mundo de um RPG de mesa com tema de fantasia. A personagem Tiny Tina, está ambientada em um mundo semelhante a uma masmorra, com seu cenário podendo ser mudado a qualquer momento.

Em Tiny Tina’s Wonderlands, os jogadores podem criar seus próprios personagens jogáveis. O jogo apresenta seis classes de personagens distintos e, pela primeira vez na série, os jogadores podem misturar e combinar essas habilidades para seus personagens. Os avatares jogáveis ​​possuem estatísticas que podem ser atualizadas usando “pontos de herói”. Os jogadores possuem um grande arsenal de armas e armas de fogo à sua disposição e, pela primeira vez na série, armas brancas podem ser usadas. O jogo apresenta o mesmo sistema de loot gerado proceduralmente da série Borderlands, capaz de gerar inúmeras combinações de armas e outros equipamentos. Os jogadores também podem lançar diferentes feitiços mágicos, como convocar meteoros ou transformar inimigos em ovelhas. O jogo apresenta um overworld, que é usado pelos personagens jogáveis ​​para atravessar diversos locais no jogo. Existem encontros de combate aleatórios e missões que só podem ser concluídas no overworld.

Atualizar mochilas

As mochilas são onde os jogadores armazenam seus itens. Este atirador saqueador está repleto de armas e itens emocionantes que podem ser úteis nas batalhas à frente. Portanto, nada é pior do que encontrar um anel perfeito para o personagem, apenas para descobrir que ele não cabe na mochila e, portanto, não pode ser pego.

É por isso que é vital que os jogadores procurem atualizar suas mochilas sempre que possível. Dirija-se ao Ferreiro Brighthoof quando ele se tornar um local disponível e procure aumentar a capacidade de carga. O foco deve estar na capacidade de carga, e não na perda de espaço de saque ou em um banco de armazenamento, no entanto, não fará mal agarrá-lo quando for viável.

Mantenha o inventário inteligente

Um dos aspectos mais importantes do País das Maravilhas de Tiny Tina é o loot e como o jogador pode gerenciar efetivamente isso enquanto atravessa as terras lutando contra inimigos em todos os lugares que vão. É por isso que é extremamente importante ser inteligente sobre os slots de inventário, mantendo-se atualizado com o que é realmente necessário e o que pode ser removido sem perder o item real.

Este é o caso da maioria dos cosméticos. Como acontece com muitos RPGs, o jogador não precisa manter todos os itens cosméticos em seu inventário. Basta selecioná-los para removê-los do espaço do inventário e permitir que o jogador os coloque no Brighthoof Tavern. Também vale a pena descartar cosméticos repetidos, pois eles não vendem e apenas obstruem o inventário do jogador.

Não tenha medo de gastar dinheiro

Devido ao design e jogabilidade de Tiny Tina’s Wonderland, é garantido que o jogador receberá muitos itens. Portanto, pode ser bastante tentador jogá-lo fora e esperar que um item melhor caia de um inimigo. Embora seja uma boa ideia se o inventário do jogador estiver cheio, ainda é importante encontrar uma arma certa e manter as outras para vender ou visitar máquinas de venda automática e não hesitar em gastar o ouro não tão precioso.

Afinal, a única coisa em que o dinheiro precisará ser gasto é em atualizações de mochila, então não é um aspecto que muda o jogo. Apenas certifique-se de que as atualizações de mochila sejam a prioridade e venda tudo o que não for necessário.

Empurre os inimigos para longe

Em Dungeons & Dragons, ou Baldur’s Gate 3, um dos elementos mais úteis para a batalha é a ação de empurrar. Lutando sobre um penhasco? Empurre-os para fora. Precisa deles fora do caminho? Empurre-os para fora do caminho para obter uma posição mais vantajosa. Isso é algo que os jogadores podem fazer em Tiny Tina’s Wonderland , embora seja mais para evitar o encontro como um todo. No entanto, isso é algo que até mesmo alguns profissionais ainda precisam descobrir.

Simplesmente, espere que o inimigo se aproxime e dê um soco nele. A chave é não deixar o inimigo acertar o personagem primeiro ou a batalha começará.

Evitando Batalhas

Devido aos muitos encontros aleatórios, missões secundárias e inimigos gerais espalhados pelo mapa, não é incomum encontrar um fluxo interminável de batalhas acontecendo. Às vezes, isso pode ser útil, especialmente se o jogador precisar subir de nível ou estiver procurando por itens. No entanto, às vezes pode ser apenas frustrante. É por isso que muitas vezes é melhor apenas fugir deles.

Da mesma forma, para o empurrão, o jogador só precisa ter certeza de que não será atingido pelo inimigo. Assim que o inimigo for visto, corra o mais longe possível para evitar ataques irritantes.

Criação cuidadosa de personagens

Assim como em Dungeons and Dragons ou em muitos RPGs recentes que envolvem a criação de personagens, o jogador precisa pensar muito sobre o que quer do personagem e do jogo. A seleção de tal personagem em Tiny Tina’s Wonderlands tem uma influência considerável no próprio jogo, bem como no diálogo.

Embora seja o jogador quem dita o que o personagem faz, as linhas de diálogo insuportáveis ​​​​quando o personagem é feito para ser irritante vai moer as engrenagens dos jogadores.

Constituição é a chave

À primeira vista, as estatísticas podem ser relativamente confusas e muitas vezes serão uma decisão desafiadora no início do jogo. Felizmente, deve haver um foco principal, a constituição. Afinal, é o que controla os pontos de vida máximos do jogador e muitos outros aspectos importantes que manterão o jogador vivo e fazendo alguns golpes poderosos.

A Constituição também melhorará a Sentinela, algo que, sem dúvida, manterá os jogadores vivos tanto quanto seus pontos de vida, tornando a constituição um dos aspectos mais importantes de qualquer personagem.

Super Santuários

Não só os Santuários parecem incríveis, mas também fazem coisas incríveis. Coletar todas as peças do Santuário e completar essas missões permitirá ao jogador acesso a efeitos passivos do mundo, como experiência e aumento de ouro, algo que pode mudar o jogo.

Apenas não se preocupe muito em coletar todos os quatro fragmentos, pois alguns estão escondidos nas missões principais e outros estão espalhados pelo mapa. Continue jogando o jogo para desbloquear mais fragmentos, mas certifique-se de voltar para os Santuários para desbloquear a vantagem assim que ela estiver disponível.

Mantenha-se à espreita

Alguns jogadores adoram passar por alguns monstros mais fáceis para obter mais itens, ouro ou XP, outros odeiam. Infelizmente, o grind certamente parece um aspecto que muitos são incapazes de evitar em Tiny Tina’s Wonderlands . Se o jogador quiser progredir rapidamente e não sentir que está sendo colocado contra inimigos completamente fora de seu alcance de habilidade, então o grind é uma necessidade.

Seja por meio de missões secundárias, masmorras ou encontros aleatórios, o jogador geralmente precisa de um determinado recurso disponível apenas para eles através da moagem. Apenas continue avançando e o resultado final valerá a pena.

Use o Bling

Muitos RPGs usam cosméticos de duas maneiras. Ou está lá apenas para fazer o personagem parecer bom, ou está lá para fornecer buffs úteis que muitas vezes podem ser indispensáveis ​​para certos jogadores. O País das Maravilhas de Tiny Tina é o último dos dois, concentrando-se em dar ao jogador alguns buffs incrivelmente poderosos através do uso de anéis e outros elementos.

Fique de olho nos anéis, amuletos e realmente qualquer coisa que o jogador escolher colocar e certifique-se de que eles funcionarão com o personagem criado. Se o fizerem, isso pode tornar o personagem mais poderoso do que nunca.

Dicas gerais

É aconselhável investir em atualizações de SDU no ferreiro em Brighthoof em vez de comprar armas em fornecedores. As atualizações não apenas se tornam incrivelmente caras, mas ainda mais inestimáveis ​​à medida que você avança no jogo e seu repertório de armas legais se expande.

Certifique-se de refazer os encantamentos de equipamentos regularmente no Ferreiro em Brighthoof (pós-campanha), pois você pode atingir um limite de moeda e qualquer ouro coletado será desperdiçado.

Você pode rolar novamente encantamentos em armas que inicialmente não possuem um encantamento para melhorar imediatamente a arma.

As missões secundárias são indiscutivelmente melhores se você as salvar até o final do jogo/limite de nível. As recompensas aumentam com o seu nível, então itens/armas únicos serão de nível máximo e, portanto, viáveis ​​à medida que você avança para a Câmara do Caos. As missões secundárias no nível 40 também fornecem uma maneira prática de aumentar o nível do seu Myth Rank.

Encontre todos os dados que puder no mundo; cantos de busca, alto e baixo. Não só eles dropam uma pequena quantidade de ouro e loot, mas muitos dos dados (não todos) aumentam sua sorte de loot. Isso significa que todos os saques subsequentes de qualquer fonte têm uma chance percentual maior de serem de melhor qualidade em termos de estatísticas ou maior raridade.

Dicas de Exploração

Se você já jogou um jogo de Pokémon, saberá que a grama alta pode representar a ameaça de encontros de combate aleatórios. Wonderlands é o mesmo, como se você entrasse na grama um inimigo pode aparecer e lançar você em uma luta. Derrote todos os inimigos e você ganhará uma pequena quantidade de itens e dinheiro.

Cada vez que você entrar no Mundo Superior, reserve um tempo para saquear novamente baús, quebrar caixas e lutar em alguns acampamentos inimigos. Isso pode aumentar suas reservas de ouro e ajudar a fornecer um fluxo consistente de acesso a equipamentos que sempre corresponderão ao seu nível. Isso pode ser particularmente útil ao jogar cooperativo no modo ‘Cooperação’, pois você receberá várias instâncias de saques de acampamentos que você pode comparar com amigos e trocar se estiver se sentindo caridoso.

Sempre que você pegar um item cosmético (que sempre será de raridade roxa), certifique-se de resgatá-lo imediatamente no menu do seu inventário (desde que seja um que você ainda não possua). Isso garante que você mantenha seus slots de mochila abertos para mais saques focados em armas.

Enquanto viaja pelas diferentes áreas do jogo (não no Overworld), pode valer a pena quebrar as várias caixas e barris espalhados por aí. Eles geralmente contêm poções de saúde e algumas munições, para que você possa se manter atualizado sem precisar encontrar um baú ou um fornecedor.

No mundo superior, se você encontrar um Mimic enquanto abre um baú, não o acerte! Entre no encontro de combate e derrote os Mímicos para obter acesso aos grandes loot pools que eles derrubam.

Pode valer a pena dedicar um tempo para completar as várias masmorras ao redor do Mundo Superior para ganhar Peças de Santuário. Ao completar cada santuário e ativá-lo, você ganhará um bônus passivo permanente (Ouro ganho, XP ganho, Dano Crítico, Sorte de Saque, etc).

Assim que você passar pelo Wargtooth Shallows, vale a pena priorizar a Lens of the Deceiver Quest de Margravine, pois isso permite que você revele as pontes enroladas invisíveis espalhadas pelo Overworld, permitindo capacidade de travessia quase total no Overworld até este ponto

Dicas de combate

Independentemente da sua classe/estilo de jogo, muitas vezes você pode se encontrar cercado por inimigos querendo se aproximar com armas, garras, dentes, talvez uma combinação de todos eles. Particularmente no início do jogo, isso pode levar você a ser derrubado várias vezes em qualquer cenário. Embora sobrecarregado, pode ser fácil esquecer que você tem várias opções disponíveis para limpar sua vizinhança imediata de ameaças. Com qualquer arma equipada em seu espaço corpo a corpo, você pode pular e, em seguida, acertar a entrada de agachamento no ar para derrubar a arma e criar uma onda de choque, cambaleando os inimigos próximos se não os fizer voar.

Além disso, se você precisar escapar de uma situação complicada, não se esqueça de usar o sistema de mantos introduzido pela primeira vez em Borderlands 3. Isso permitirá imediatamente uma gama de verticalidade à sua estratégia, e embora a maioria dos inimigos possa segui-lo áreas, ele ainda pode fornecer alguns segundos vitais de vantagem de altura e reorientação que podem garantir que você saia por cima.

Se você acabar sendo derrubado, vale a pena planejar antes de descer para deixar um inimigo fraco/vulnerável vivo (se possível/disponível) para permitir uma morte fácil , portanto, um fácil “Death Save” reviver.

Você ainda pode disparar sua arma enquanto lança feitiços. Segurar o gatilho enquanto lança feitiços pode aumentar significativamente seu DPS.

Dicas de classe

Embora seja recomendado construir seu personagem em torno de seu Talento de Classe, não é obrigatório. Você naturalmente estará em vantagem se ajustar suas habilidades/equipamentos para o seu talento, mas você pode facilmente seguir caminhos alternativos e criar um estilo de jogo híbrido; embora você provavelmente vai acabar como um pau para toda obra, mestre de nada.

Depois de desbloquear as habilidades-chave de ambas as classes, certifique-se de alternar entre as duas e ver qual delas se adapta mais ao seu estilo de jogo. Não há penalidade para alterar e pode ser feito a qualquer momento, então experimente!

Quando a habilidade de multiclasse for desbloqueada, considere quais são os pontos fortes inerentes de suas classes atuais e, além disso, o que cada uma das outras classes poderia fazer para aprimorar esses pontos fortes e elementos do seu estilo de jogo escolhido. Certifique-se de escolher com cuidado embora!

Se você é um veterano da série e está procurando a classe que é a mais diferente dos estilos de jogo anteriores, é recomendável escolher Spellshot, pois o foco no lançamento de feitiços e os tempos de atualização rápidos significam que você pode causar todo tipo de caos no campo de batalha sem depender apenas em armas.

Referências:

IGN, Game Rant, Wikipedia.

Em Early Access: conheça Hidden Deep

Hidden Deep é um thriller de ficção científica de ação e exploração em 2D, desenvolvido pela Cogwheel Software e publicado pela Daedalic Entertainment. O título foi lançado em acesso antecipado para PC (via Steam) no dia 24 de janeiro de 2022.

📹 Trailer de anúncio | Divulgação

“Um grupo de pesquisadores detectou estranhas anomalias de natureza desconhecida e organizou uma expedição para examinar o misterioso fenômeno. De repente, após 681 dias, o contato com os pesquisadores é interrompido. Você é o líder da segunda equipe: Desça até lá, descubra o que aconteceu, resgate quem estiver vivo.”

Mais sobre

Em Early Access: conheça Hidden Deep

📷 Em Early Access: conheça Hidden Deep | Divulgação

Segundo o site Game ON, “Hidden Deep é claramente inspirado em clássicos da ficção científica, como O Segredo do Abismo e Alien, o 8º Passageiro, mas puxando para pegada de terror, no melhor estilo It.” No jogo, somos enviados para uma plataforma submarina, que está realizando escavações no fundo do mar, onde fatos estranhos acontecem. Após um desses fatos ocorrer, o jogador perde o contato com os trabalhadores, por isso somos enviados a essa plataforma. Para encontrar os funcionários desaparecido, teremos que explorar cavernas no fundo do oceano com equipamentos especializados; arpéus, scanners, drones e maquinário pesado são parte do seu arsenal. Além disso, devemos nos preocupar em se defender contra formas de vida alienígenas horríveis e outros horrores não descobertos que espreitam nas profundezas.

Vale mencionar

O jogo ainda está em acesso antecipado, ou seja, não está completo e é comum que ocorram problemas. E segundo o site Gamers & Games, “este é um título que irá precisar de algumas correções.” Veja as considerações que o site fez:

📷 Em Early Access: conheça Hidden Deep | Divulgação

“A maior parte dos problemas aqui está relacionada às animações, embora estas sejam bem feitas é comum que elas ocorram de forma inconstante ou lentas demais ou rápidas demais o que pode resultar em várias mortes por motivos bobos como dar um passo a mais ao chegar perto de um precipício, animação de pulo que demoram a acontecer e outras ações que acontecem de forma irregular. Infelizmente isso não é tudo é temos outros problemas como o sistema de ordens que precisa de melhorias e as hitboxes dos inimigos que precisam de uma total reformulação pois no atual estado é quase impossível de se acertar os inimigos de forma precisa.”

Características

📷 Em Early Access: conheça Hidden Deep | Divulgação

  • Uma experiência para um jogador baseada em missão, onde você controla sua equipe diretamente ou dando ordens;
  • Modo de história com mais de 50 níveis baseados em narrativas, feitos à mão, em homenagem aos clássicos da ficção científica dos anos 80 e 90;
  • Modo de desafio com níveis aleatórios para ação intensa e em ritmo acelerado;
  • Exploração de cavernas suboceânicas usando ganchos, scanners, drones, maquinaria pesada e muito mais;
  • Alienígenas furtivos e mortais, armadilhas ambientais e outros perigos ocultos para tornar sua vida miserável – e emocionante;
  • Modo cooperativo local ou via Steam Remote Play.

Vale mencionar que um dos pontos positivos do jogo é que, apesar de inglês, ele tem textos e legenda em português do Brasil.

Outras referências:

Steam.

Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado

O estúdio independente polonês Far From Home anunciou no último dia 11 seu primeiro jogo. O game, chamado Forever Skies, é um jogo de ação/sobrevivência em primeira pessoa, ambientado em uma versão inabitável e pós-apocalíptica da Terra. A produtora compartilhou um teaser, com os cenários impressionantes do game e com trechos de jogabilidade. Confira:

📹 Teaser trailer de revelação | Divulgação

O teaser acima foi gravado diretamente no Unreal Engine com base no estado atual de desenvolvimento do jogo. Segundo a desenvolvedora, esta é apenas uma prévia de algo muito mais amplo, cujo os detalhes serão contados mais pra perto da estreia do game.

Sinopse oficial

Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado

📷 Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado | Divulgação

“Forever Skies é um jogo de ação focado na sobrevivência e exploração nas ruínas do que resta da civilização humana. Uma enorme catástrofe ecológica destruiu o mundo que conhecemos, e apenas alguns conseguiram escapar para o espaço. O jogador fará o papel de um cientista solitário retornando à Terra, coberto por uma nuvem de poeira misteriosa e tóxica por centenas de anos. Acima dele erguem-se torres improvisadas e em ruínas nas quais a humanidade lutou sem sucesso por sua sobrevivência. Cabe a você descobrir a história da queda da humanidade e testemunhar o nascimento de um novo mundo que evolui sob a poeira. Diremos a você que as pessoas não estão mais no topo da cadeia alimentar, e a sobrevivência requer muitas habilidades, suporte tecnológico e uso de inteligência.”

Gameplay

📷 Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado | Divulgação

No pequeno teaser divulgado, você pode conferir o conceito principal de Forever Skies. Grande parte de sua ação ocorre em edifícios em ruínas, elevando-se acima da camada de nuvens tóxicas que tornam o solo inabitável. O jogador precisará explorar e pesquisar neste mundo nas alturas, passando por características clássicas de sobrevivência, como contrução de base, artesanato e plantio de culturas. Os destalhes sobre o combate ainda não foi mostrado, mas o que se tem certeza é que o jogador terá que enfrentar quaisquer ameaças que estejam à espreita sob a camada mortal de nuvens da Terra.

Mais detalhes

📷 Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado | Divulgação

Em Forever Skies, o protagonista usará um dirigível tecnológico como base, que funcionará como uma casa, oficina e laboratório. O jogador poderá coletar recursos para aprimorá-lo, assim como manter sua integridade. O conhecimento científico do personagem principal será importante para construir e operar máquinas diferentes, fazer engenharia reversa de tecnologia perdida, pesquisar novas formas de obter alimentos e recursos e descobrir novas ferramentas. Vale mencionar que, segundo Andrzej Blumenfeld, CEO da Far From Home, o cenário do jogo foi inspirado nos impactos reais das mudanças climáticas em Cracóvia, Polônia, acrescentando que Forever Skies é explicitamente destinado a ser sobre os perigos das mudanças climáticas.

A desenvolvedora

📷 Forever Skies: game de sobrevivência é anunciado | Divulgação

Far From Home é um estúdio de jogos polonês independente, fundado por veteranos da indústria cujos títulos incluem jogos como Chernobylite, The Medium, Dying Light, Divinity: Original Sin e Dead Island. O novo estúdio visa produzir jogos “AA+” de última geração, mantendo-se independente e trabalhando com uma pequena equipe. O estúdio atualmente é composto por 23 desenvolvedores, muitos deles tendo trabalhado anteriormente em títulos AAA de grande nome.

Forever Skies será lançado para PlayStation 5, Xbox Series e PC, ainda sem data confirmada. Um acesso antecipado já está disponível através da Steam. Neste momento de desenvolvimento o game tem cerca de 30 horas de jogo single-player, mas de acordo com Andrzej Blumenfeld, o jogo deve crescer ainda mais nos próximos meses de desenvolvimento.

O que você achou da novidade? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Forever Skies, IGN, GameSpot, Steam, MeuPlayStation.

Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro

O jogo independente Reverie Knights Tactics finalmente recebeu uma data de lançamento oficial. O título estará disponível para PS4, Xbox One, Switch e PC (via Steam) a partir do dia 25 de janeiro de 2022.

📹 Anúncio da data de lançamento | Divulgação

Reverie Knights Tactics é uma produção brasileira da 40 Giants Entertainment, em coprodução com a Hype Animation e Jambô Editora.

“Usamos os últimos meses para ouvir bastante a opinião do público em relação ao game e fazer ajustes para deixar o jogo especial para os nossos jogadores e fãs de ‘Tormenta’. Estamos muito empolgados em lançar o jogo no início do ano que vem.”.

EdH Müller, diretor e ilustrador do projeto.

Sobre

Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro

📷 Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro | Divulgação

Reverie Knights Tactics é um jogo brasileiro que está em desenvolvimento há quatro anos. O título é um RPG tático com combate por turnos em uma grade isométrica 2D e sistema de escolhas, onde cada decisão pode alterar o rumo da história. O jogo é protagonizado por Aurora, sua melhor amiga Brigandine e outros personagens. A história do jogo é ambientada no mundo de Arton e revelada em um épico estilo de visual novel, com artes desenhadas a mão e coloridas digitalmente. Reverie Knights Tactics contará com customização de personagens, exploração profunda dos mapas, criação de itens e diversos outros elementos essenciais a qualquer RPG.

E mais

📷 Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro | Divulgação

Em um mundo ilustrado à mão, você controlará uma equipe de até quatro heróis em uma expedição para encontrar Lenórienn, a cidade élfica perdida, ao mesmo tempo em que luta contra a ameaça goblinoide que espalha terror no continente. Reverie Knights Tactics utiliza personagens e cenários recorrentes do universo “Tormenta”. Criada em 1999 por Marcelo Cassaro, Leonel Caldela, Guilherme Dei Svaldi, Rogério Saladino e JM Trevisan, a série abrange romances, quadrinhos, jogos e outros produtos.

Disponibilidade

lançamento de janeiro

📷 Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro | Divulgação

A pré-venda no Xbox One começa dia 11 de janeiro e no Nintendo Switch dia 18 de janeiro, ambos com um desconto de 15% se adquiridos de forma antecipada. O game estará disponível em inglês, alemão, japonês, russo, chinês simplificado e português. Vale mencionar que a distribuição mundial do jogo fica a cargo da publisher europeia 1C Entertainment. Enquanto o game não é lançado, você pode conferir a demo já disponível na Steam. A demo é um prólogo, que dá acesso à primeira hora do game com a protagonista Aurora que, com a ajuda de sua melhor amiga Brigandine, parte em uma jornada para encontrar seu pai adotivo que desapareceu em uma expedição.

Requisitos mínimos

lançamento de janeiro

📷 Reverie Knights Tactics: Jogo brasileiro chega em janeiro | Divulgação

Confira a seguir os requisitos mínimos para rodar o game no seu PC:

  • Requer um processador e sistema operacional de 64 bits
  • SO: Windows 7/8/10 64-bit
  • Processador: Intel Core i5-3570K
  • Memória: 4 GB de RAM
  • Placa de vídeo: Intel(R) HD Graphics 4000
  • DirectX: Versão 9.0c
  • Armazenamento: 9 GB de espaço disponível
  • Placa de som: Direct X compatible

O que você espera do jogo? É um fã de Tormenta? Deixe aí nos comentários.

Referências:

IGN, Steam, Nós Nerds.

Chicory: A Colorful Tale

Chicory: A Colorful Tale é um videogame de aventura do desenvolvedor independente Greg Lobanov e publicado pela Finji. Ele apresenta um cão antropomórfico com um pincel mágico, que é usado para colorir o mundo do jogo. Foi lançado para Microsoft Windows, macOS, PlayStation 4 e PlayStation 5 em junho de 2021 e para Nintendo Switch em dezembro de 2021.

Gameplay 

Chicory: A Colorful Tale, ou Chicory, é um videogame de RPG de aventura em que os personagens são pequenos animais antropomórficos. O jogador assume o papel de um cão antropomórfico com o nome da comida favorita do jogador, ou o nome padrão “Pizza” se o jogador não escolher uma comida favorita. O mundo que eles exploram é preto e branco, mas pode ser pintado usando o pincel, um pincel grande. O pincel também pode ser usado para resolver quebra-cabeças ambientais.

Lidando com assuntos pesados

Superficialmente, Chicory pode parecer uma aventura brilhante e alegre. No entanto, o jogo tem um ponto crucial da história que aborda a saúde mental e como alguém se vê quando recebe uma responsabilidade enorme.

Chicory, em particular, é uma personagem bastante complexa que ficava estressada com a pressão exercida sobre ela. O jogador testemunha suas lutas, especialmente depois que ela desiste do pincel. Este jogo é muito mais do que apenas pintar um mundo e conhecer personagens engraçados, então esteja preparado para lidar com assuntos mais pesados.

Você pode preencher automaticamente as áreas imediatamente

A jogabilidade principal gira em torno da exploração de áreas que foram despojadas de sua cor. Usando o pincel fornecido, os jogadores podem começar a colorir tudo o que está em sua tela. Alguns objetos pintados podem mudar ao serem coloridos.

Para alguns, isso pode parecer muito trabalhoso. No entanto, se os jogadores simplesmente segurarem o botão do pincel, um anel de tinta começará a ficar cada vez maior até cobrir todo o quadro. Em partes posteriores do jogo, os jogadores podem se deparar com um anexo de balde de enchimento que faz a mesma coisa com apenas um clique.

Procure crianças perdidas

Ao explorar Luncheon pela primeira vez, um dos residentes que o jogador encontrará é um gato chamado Beans. Ela sentirá falta de alguns de seus filhos e pede ao jogador para sair e procurá-los. As crianças são na verdade gatinhos que se escondem dentro de vários objetos ao redor do Picnic.

Ao procurá-los, o objeto em que estão irá tremer e potencialmente miar. Se os jogadores clicarem no objeto algumas vezes, a criança sairá voando. Na verdade, há muitas crianças para encontrar e, depois de encontrar uma determinada quantidade, Beans oferecerá ao jogador alguns conjuntos de móveis que ele poderá usar para decorar.

Pegue o lixo

Existem alguns itens colecionáveis ​​em Chicory: A Colorful Tale , mas o único tipo de objeto que é amplamente encontrado em todo o mundo é o lixo. Essas pilhas aparecem em quase todos os lugares, com alguns quadros tendo ao norte quatro pedaços de lixo para o jogador pegar.

É importante coletar essas pilhas de lixo, pois elas se tornam uma moeda para várias lojas ao redor do Picnic. As lojas que os jogadores podem ir para a troca de lixo são The Plant Exchange in Dinners, Ixora in the Grub Deep e The Litter Collector em Teatime Meadows.

A natação muda tudo

Há muito o que explorar neste jogo, mas no início, os jogadores não terão a capacidade de verificar algumas das áreas, uma vez que requerem habilidades específicas. Uma das habilidades que os jogadores ganham mais tarde em Chicory: A Colorful Tale é nadar na tinta que é desenhada.

Este é essencialmente um botão de sprint que permite aos jogadores não apenas dar um zoom muito rápido em frames específicos, mas também acessar seções que têm apenas entradas baixas. Após o Capítulo 4, os jogadores ganharão a habilidade de nadar em paredes listradas, melhorando ainda mais a travessia. Portanto, não fique desanimado por não ter acesso a tudo desde o início.

Clusters contêm segredos

Ao viajar pelo Picnic, cada quadro é bastante único e tem seu próprio conjunto de desafios e caminhos a seguir. É por isso que é extremamente importante ficar de olho em tudo que possa parecer suspeito.

Especificamente, os jogadores devem ficar de olho nas plantas e flores naturais que formam algum tipo de cacho ou círculo. Isso porque, se um jogador chegar perto deles, esses aglomerados começarão a brilhar. Brinque com a tinta nessas áreas e o jogador será recompensado com um presente que provavelmente contém um item de roupa ou um tipo de pincel.

Fale com cada NPC

Se há algo que os desenvolvedores deixam claro com este jogo, é que eles querem que o jogador converse com o maior número possível de pessoas. Há trocas que vão fazer o jogador rir, junto com outras que são verdadeiramente sinceras. Um ótimo exemplo disso é usar as cabines telefônicas para falar com a mamãe e o papai enquanto eles dão conselhos sobre como proceder.

Cada personagem tem sua própria personalidade única, com alguns deles aparecendo frequentemente para comentar sobre o progresso do jogador ou o ambiente. Além disso, alguns personagens pedirão ao jogador para ajudá-los em uma tarefa específica ou apresentar um quebra-cabeça para eles. Esta é uma ótima maneira de ganhar mais estilos de roupas e pincéis.

Pintar tudo não é necessário

Como mencionado anteriormente, pode parecer assustador iniciar Chicory: A Colourful Tale, pois pode parecer que está pedindo ao jogador para pintar tudo à vista, dado o fato de que o mundo é preto e branco no início. A verdade é que os jogadores não precisam se preocupar em colorir tudo.

Grande parte do desenho fica a critério do jogador e não afetará o resultado do jogo se os jogadores decidirem não preencher o livro de colorir virtual. Dito isso, pintar certas coisas é necessário para navegar pelo mundo e resolver seus quebra-cabeças, então a habilidade de adicionar cor ao mundo não é completamente opcional.

Pinte

Chicory significa devolver cor ao mundo, afinal, e vale a pena parar e apreciar o mundo enquanto você pinta cada tela com a paleta de cores de cada área. Não apenas os residentes de Picnic irão apreciar isso, mas eles podem até aparecer em áreas pintadas aleatoriamente para comentar sobre o seu trabalho. Colorir telas também pode ajudá-lo a manter o controle dos lugares que você visitou e dos que ainda não explorou.

Estilos de pincel de preenchimento automático

Se você tentar a ferramenta de preenchimento automático ao usar diferentes estilos de pincel, poderá descobrir que os padrões se expandirão de maneiras diferentes!

Prepare-se para retroceder

Como qualquer jogo de aventura cheio de colecionáveis ​​e habilidades de travessia, você pode esperar encontrar muitos segredos escondidos fora de seu alcance até que você tenha as atualizações certas. Tente se lembrar desses pontos e volte a eles quando ganhar a habilidade de nadar, subir paredes e assim por diante.

Use a cor para marcar itens colecionáveis

Já que você não pode alcançar todos os presentes ou ninhadas assim que identificá-los, você sempre pode usar uma cor específica para circular ou apontar para o colecionável fora de alcance, para que possa localizá-lo novamente quando voltar mais tarde no jogo.

Fale com todos!

Ao conhecer os diferentes moradores do Picnic, alguns podem oferecer serviços exclusivos, pedir favores ou revelar segredos de um mundo que você talvez não conheça. Às vezes, certos personagens podem aparecer em novas áreas com novos diálogos e recompensas!

Mais decoração

Você pode colocar a decoração à medida que os obtém em quase qualquer lugar do jogo, embora apenas alguns itens tenham várias quantidades. Colocar a decoração muitas vezes pode fazer com que outros NPCs apareçam e façam uso deles!

A grade de estilo do pincel

Seus estilos de pincel têm um layout exclusivo na tela do menu. Conforme você localiza mais estilos, pode notar o preenchimento da grade de uma forma muito estranha. Os pontos ausentes correspondem, na verdade, a uma estimativa aproximada de onde podem ser encontrados no mapa-múndi. Está faltando um estilo de pincel no canto inferior esquerdo? Verifique a parte inferior esquerda do mundo!

Dimensão da barraca de bolso

Se você adquirir a decoração da Tenda, você pode entrar na barraca depois de colocá-la no mapa. Por dentro, você pode decorar o interior com ainda mais decoração, e mover a barraca para um novo local ainda manterá os mesmos itens dentro!

Referências:

IGN, Game Rant, Wikipedia.

Len’s Island

Lançado em 26 de novembro de 2021, Len’s Island, está disponível para PC, foi desenvolvido e distribuído pelo Flow Studio, sendo uma mistura de construção pacífica, agricultura e artesanato, misturada com intenso combate, batalhas de masmorras e exploração.

Você é novo na cidade, com apenas as ferramentas em sua mochila e uma atitude positiva você constrói uma nova vida para si mesmo na bela ilha próxima.

Desvende os segredos sombrios que a ilha guarda ao se aventurar nas cavernas para descobrir o que os viajantes do passado procuraram.

Criando seu personagem e mundo

Criar um novo personagem é bastante simples. Primeiro, vamos começar com o mundo: o   mapa da Ilha de Len é estático, então você não precisa se preocupar com nenhum tipo de aleatoriedade.

Quanto ao seu personagem, você poderá escolher sua origem (que determina a cor de sua pele), seu “estilo” (masculino ou feminino) e algumas peças de roupa diferentes. Você não terá que se preocupar com estatísticas ou qualquer coisa assim.

Pelo que eu sei, sua origem e sexo não podem ser alterados uma vez que o jogo já tenha começado, então certifique-se de escolher algo com o qual você esteja feliz! No entanto, você pode trocar de roupa um pouco mais tarde no jogo (e até mesmo desbloquear algumas novas opções de cores).

Seu primeiro dia na ilha

Depois de criar seu personagem, você se encontrará em uma praia ao lado de uma pequena jangada. Essa balsa é muito importante – contém uma caixa de ferramentas e um saco de dormir. O saco de dormir vai deixar você dormir à noite, avançando o jogo para o dia. Também pode ser usado para salvar seu jogo.

Agora é hora de começar com seu primeiro dia – comece reunindo alguns materiais. Você vai querer que Madeira, Fibra, Argila e Pedra comecem. Você pode obter Madeira de árvores, Fibra de plantas, Pedra de rochas cinzentas e Argila de rochas vermelhas.

Seu estoque

Embora você tenha que pegar esses itens, você deve estar se perguntando onde eles estão. Você pode acessá-los pressionando Tab para ver seu inventário a qualquer momento. É dividido entre Recursos, Alimentos e Agricultura e Construção.

Mas e quanto às suas ferramentas? Vou encaminhá-lo de volta para a caixa de ferramentas em sua jangada – você não adquire ferramentas e armas específicas, na medida em que as desbloqueia e pode acessá-las de qualquer caixa de ferramentas a qualquer momento. Precisa de um slot gratuito para Hotbar? Arraste seu machado ou espada para fora do Hotbar – você sempre pode recuperá-lo mais tarde em qualquer caixa de ferramentas.

Enquanto você estiver trabalhando, observe as duas barras de energia abaixo do seu Hotbar:

A barra superior é a sua saúde e a barra inferior é a sua fome. Como você pode esperar, sua saúde caindo a zero resultará em você morrer e renascer onde quer que tenha dormido pela última vez. A comida pode curá-lo se você sofrer algum dano.

Seu medidor de fome, ao contrário, começará a drenar sua saúde (mas não o matará imediatamente) caso chegue a zero. Você vai precisar comer algo mais cedo ou mais tarde. 

Como conseguir comida

Conseguir comida não é tão difícil no início do jogo – tudo o que você precisa fazer é encontrar um arbusto de Blue Berry e golpeá-lo com sua espada. Você também pode ocasionalmente encontrar comida em engradados e poderá comprar comida na cidade.

Embora a coleta de frutos silvestres seja uma fonte sustentável de alimento, você provavelmente esgotará rapidamente assim que começar a explorar o subsolo. É aí que entra a Agricultura.

Construindo sua primeira casa

O sistema de construção deste jogo é bastante intuitivo. Lembre-se de que você pode obter um reembolso por qualquer coisa que tenha construído; não há preocupação em construir no lugar “errado” aqui.

Eu pessoalmente recomendo construir sua primeira casa ao lado do barco onde você começou o jogo. Isso lhe dá acesso fácil a uma cama e uma caixa de ferramentas, evitando o incômodo de criá-los no início do jogo. Você ainda estará bem perto da primeira masmorra (The Ancient Caves) e também estará bem próximo à cidade de Bridgewater.

Como desbloquear novas ferramentas, armas e peças de construção

Você pode estar se perguntando se pode atualizar suas ferramentas ou obter mais peças de construção. Você pode de fato – simplesmente construir uma Bancada de Trabalho (que custa 10 Metais Recuperados) e você ganhará a habilidade de desbloquear novas ferramentas, armas e peças de construção. Criticamente, esta bancada de trabalho também permite que você crie novos itens.

Normalmente, desbloquear novos itens custará no mínimo uma porção de Metal Recuperado. Embora você possa comprar algumas das armas e ferramentas  do jogo, também pode criar uma feira atualizando sua Bancada de Trabalho.

Onde fica a cidade da Ilha de Len?

A cidade de Len’s Island fica a nordeste da ilha em que você começou, mas não será possível chegar lá imediatamente. Você precisará consertar a ponte para Bridgewater antes de poder acessar a cidade.

Você precisará coletar 80 Stone (que você pode obter das rochas cinzas) e 40 Limestone (que você pode obter das grandes pedras brancas na água). Em seguida, siga a costa norte de seu barco; você encontrará a ponte a uma curta distância. Vá até ele e clique com o botão esquerdo nele; em seguida, você será solicitado a reparar a ponte. Bridgewater tem vários locais importantes que são úteis para ganhar dinheiro, conseguir equipamentos e personalizar seu personagem.

Aventurando-se nas cavernas antigas

Você reuniu alguns recursos e um pouco de comida. Talvez você tenha construído uma pequena casa e começou a cultivar. Agora é se aventurar nas Cavernas Antigas.

Antes de começar, certifique-se de ter os seguintes itens em seu Hotbar:

  • Uma arma
  • Uma picareta
  • O máximo de Blue Berries que você puder encontrar
  • (opcional) Uma tocha

Siga para noroeste do barco e você encontrará uma estrada. A cidade de Bridgewater fica a nordeste; em vez disso, estamos indo na direção oposta. Siga a estrada e ela eventualmente fará uma curva em direção à entrada das Cavernas Antigas – é muito difícil não perceber.

A área imediata dentro da entrada da caverna é segura, mas você logo começará a encontrar criaturas inimigas. Você também encontrará Pedra, Carvão e Ferro na caverna em suas respectivas rochas:

Além dessas pedras, você também pode encontrar pedaços de Metal Recuperado dentro de barris, assim como em outros lugares do mundo. As Cavernas Antigas são uma boa fonte desse material, em particular.

No entanto, não é tão fácil quanto caminhar pelas cavernas e coletar pedras. Os inimigos próximos à entrada são muito fáceis de matar, mas você logo enfrentará monstros do tamanho de um homem e criaturas ainda maiores do que isso. Não se aventure mais longe do que você se sentirá confortável para entrar – lembre-se, você sempre pode levantar algum dinheiro com a Agricultura e comprar ou criar equipamentos melhores para ajudá-lo a sobreviver às lutas mais difíceis.

Indo mais fundo (e além)

Bem, não há muito a fazer a não ser ir mais fundo – há uma boa quantidade de exploração a fazer em The Ancient Caves. Além disso, existem outras áreas da ilha para verificar também. Continue a arrecadar dinheiro, certifique-se de ter um suprimento constante de comida e faça tudo que puder para se preparar para as próximas batalhas – você vai precisar de todas as vantagens que puder obter.

Quebre cada barril que você vê

Embora normalmente você possa encontrar sucata de dentro das masmorras do jogo, é muito mais seguro exaurir a linha costeira de quaisquer barris que você vê, pois esta é uma maneira muito mais segura de obter a sucata de que você precisa para criar ferramentas e móveis mais avançados, sem precisar se preocupar em lutar contra monstros em uma caverna. E por falar nisso …

Prepare, prepare, prepare, antes de entrar em uma caverna

Por mais emocionante que seja explorar os confins das cavernas da ilha, é muito fácil se ver renascendo em seu saco de dormir se você não se preparar com antecedência. Sempre tente entrar com a barriga cheia ou quase cheia, caso contrário, sua saúde atingirá cerca de 50%, especialmente antes de você poder fabricar uma tocha e uma arma melhor. Qualquer carvão que encontrar deve ser tratado como um prêmio absoluto até que você possa cultivá-lo confortavelmente dentro, já que pode ser usado para acender fogueiras que permitirão a você regenerar sua saúde.

Não desperdice ouro em recursos

Embora possa ser tentador colocar seu ouro no início do jogo em materiais mais incomuns, como fragmentos de ferro, é melhor se concentrar em coletar essas cavernas em vez de gastar ouro com elas. Embora possa parecer uma boa ideia, alguns comerciantes também vendem armas raras, que você vai querer para os inimigos mais fortes do jogo que encontrará nos arredores da ilha. E, especialmente, não gaste seu ouro em nada que possa cultivar com relativa facilidade, como flores ou frutos silvestres.

Nem todo caminho é óbvio

Uma das melhores características da Ilha de Len é que sempre há um novo caminho a ser explorado, se você olhar bem. Às vezes, são as pontes que você precisa consertar com madeira e pedra, mas é mais provável que você encontre bancos de areia perto da beira da água. Embora possa parecer um limite, às vezes você pode segui-los para levar a uma ilha de conexão. O caminho no Len’s é muito sutil, mas uma boa regra é se ele se parece com um caminho, seja feito de areia ou uma linha de pedras, então provavelmente vale a pena explorar esse caminho.

Sempre vá para os críticos

Os inimigos neste jogo causam uma boa quantidade de danos, mas você pode mitigar muitos deles causando o máximo de dano possível com um único combo. Isso significa sempre ir para as críticas, em vez de apenas segurar o botão esquerdo do mouse. O tempo varia de arma para arma, portanto, certifique-se de aquecer com alguns golpes de prática antes de avançar para a frente, isso pode salvá-lo de uma morte embaraçosa se você for derrotado.

Configure uma fazenda de frutas silvestres o mais rápido possível

As bagas são muito semelhantes aos arbustos que você corta para fazer palha, mas podem ser reconhecidas por muitos pontos azuis ao redor do arbusto. Em vez de comê-los imediatamente, segure-os em sua mochila até que você possa plantá-los em uma fazenda. Uma baga renderá várias quando estiverem prontas para serem colhidas, que você pode plantar novamente para mais, e até mesmo vender estoque extra por um pouco de ouro adicional. Até que você possa comprar trigo ou outras safras mais caras, uma fazenda de frutas silvestres é uma boa maneira de garantir que você sempre terá um bom suprimento de comida para quando explorar as masmorras

Não se estresse com os recursos da caverna

Assim como você deve ter notado, com mais árvores aparecendo durante a noite, os recursos reaparecem. Se você limpar uma caverna de muitos de seus fragmentos de carvão e ferro, eventualmente esses recursos voltarão, então não se preocupe muito se sua caverna parecer estar sem o que você precisa.

Recicle velhas ruínas

Ao explorar a ilha, você encontrará muitas casas inacabadas. Embora alguns você precise construir para completar os quebra-cabeças (como adicionar mais escadas ao segundo andar de um edifício para chegar a um baú do tesouro), na maioria das vezes, essa é madeira ou pedra de graça; entre no modo de edição e rasgue-os em pedaços para seus materiais. Em vez disso, você pode usá-los para construir sua própria casa de acordo com sua preferência e terá mais tempo para explorar do que reunir. Isso é tudo para nossas dicas e truques da Ilha de Len. 

Referências:

Indie Game website, TechRaptor, Steam.

Gravitational: jogo brasileiro promete

O estúdio brasileiro Electric Monkeys, o mesmo de Gravity Heroes, está trabalhando em Gravitational, com o objetivo de trazer uma nova perspectiva e mecânica de gravidade, algo já bem explorado no jogo anterior.

📹 Trailer de lançamento | Divulgação

O título é um jogo de exploração e quebra-cabeças em VR (Realidade Virtual), que chega em 11 de novembro para Oculus Quest 2, Oculus Rift, Oculus S, HTC Vive e Valve Index (via Steam e Viveport). O game também chega para PSVR (via PlayStation Store) na mesma data.

Sobre

Gravitational

📷 Gravitational: jogo brasileiro promete | Divulgação

Gravitational se passa algumas décadas no futuro. A humanidade segue prosperando. A corrida pela descoberta de novas tecnologias cresce a cada dia. Você controla Sebastian, um brilhante cientista que se torna paraplégico. Em uma estação espacial, ele continua a pesquisa que gira em torno da misteriosa empresa Gravcorp. Os desafios que Sebastian em uma cadeira de rodas precisa enfrentar são muitos, principalmente em um mundo que não foi projetado para ele, o que permitirá que jogadores vivenciem um dia na perspectiva de uma pessoa que precisa lidar com essas dificuldades. Para isso, ele poderá usar controle gravitacional para resolver puzzles e prosseguir com as pesquisas. Apesar disso, ele não está sozinho, como companheiro e guia, Sebastian terá junto a ele uma inteligência artificial (AI) baseado em seu amigo falecido.

Principais características

Gravitational

📷 Gravitational: jogo brasileiro promete | Divulgação

  • Mova através de uma cadeira de rodas – após um acidente, Sebastian perde os movimentos de suas pernas e começa a se locomover com uma cadeira de rodas. Mova-se utilizando o modo motorizado e o tradicional.
  • Entre em campos gravitacionais – esta é uma das tecnologias que vem sendo testada pela Gravcorp. Tudo flutua dentro dos campos gravitacionais, inclusive Sebastian.
  • Manipule objetos do ambiente – Sebastian combina uma de suas criações pessoais com outras tecnologias criadas pela Gravcorp. Desta forma ele consegue controlar alguns objetos pesados a distância, facilitando algumas de suas tarefas.

Por trás do game

Gravitational

📷 Gravitational: jogo brasileiro promete | Divulgação

Gravitational foi desenvolvido pela Electric Monkeys, um estúdio de jogos independentes localizado em São Paulo, Brasil. A empresa, que atualmente é composta por 18 pessoas, foi responsável também pelo aclamado Gravity Heroes. Segundo a empresa, experiência completas e inovadoras é seu principal objetivo, além disso, o amor por seu trabalho permite entregar de forma única cada projeto. “Aqui valorizamos muito o respeito, a transparência, a responsabilidade e a ética aplicada em cada etapa do processo de criação, assim como o compromisso e a inovação em cada projeto.” Electric Monkeys começou em 2016 como Studica Solution e além de desenvolvimento de games e aplicativos para clientes. Posteriormente, a empresa começou a focar exclusivamente no desenvolvimento de jogos.

Se for de seu interesse, você já pode adicionar Gravitational à lista de desejos no Steam e na PlayStation Store. Vale mencionar que, o título foi eleito o melhor jogo por voto popular no BIG Festival 2021, além de ser finalista em múltiplas categorias.

O que você achou do game? Grande promessa, não concorda? Deixe aí nos comentários sua opinião.

Referências:

Electric Monkeys, IGN Brasil, Steam.

Edge of Eternity ganha trailer de gameplay

O JRPG Edge of Eternity, que já está disponível para PC, chegará também aos consoles. E para anunciar a novidade, o game ganhou um trailer com elementos de gameplay. Confira:

📹 Gameplay exclusiva | Divulgação

O vídeo contém três minutos e mostra um pouco da exploração e algumas batalhas para o jogador que deseja compreender um pouco mais o sistema que será utilizado nos confrontos, que usam um sistema que mescla turno e tático.

Descrição oficial

Edge of Eternity ganha trailer de gameplay

📷 Edge of Eternity ganha trailer de gameplay | Divulgação

“Em um mundo dilacerado, o povo de Heryon trava uma guerra desesperada contra um invasor misterioso, os Arquelitas. Conforme este conflito contra magia e tecnologia cresce para proporções cataclísmicas, uma nova ameaça emerge do campo de batalha. A corrosão: a arma mais cruel dos arquelitas, uma doença terrível que envenena o corpo, torce os membros e transforma as pessoas em abominações horríveis e disformes. Um soldado abandonado nesta guerra esquecida por Deus, Daryon está pronto para fazer o último sacrifício por seu país … até o dia em que ele recebe uma carta de sua irmã. A mãe deles contraiu a doença fatal, e eles precisam dele para encontrar uma cura. Naquele dia, Daryon terá que fazer uma escolha que mudará sua vida – e o destino de seu mundo – para sempre.”

Sobre

Edge of Eternity ganha trailer de gameplay

📷 Edge of Eternity ganha trailer de gameplay | Divulgação

Edge of Eternity é um JRPG publicado pela Dear Villagers e desenvolvido pela Midgar Studio. A empresa Midgar Studio é um estúdio independente francês de desenvolvimento criado em 2008, que reúne 13 apaixonados por videogames. Sediado em Nîmes, no sul da França, o estúdio é especializado em jogos hardcore, sobretudo para PC e consoles. O título foi lançado graças a mais de 4.000 fãs que apoiaram o jogo por meio de uma campanha de sucesso no Kickstarter. O crowdfunding foi tão bem-sucedido que o Midgar Studio conseguiu trabalhar com o lendário compositor do RPG japonês Chrono Trigger, Yasunori Mitsuda.

Características principais

1hit games

📷 Edge of Eternity ganha trailer de gameplay | Divulgação

  • Suas escolhas são importantes – descubra um grande conto de esperança e sacrifício, cheio de reviravoltas na trama e momentos de partir o coração. Resolva missões de várias maneiras, faça suas próprias escolhas e enfrente suas consequências.
  • Um mundo maravilhoso para descobrir – Viaje pelo mundo dos ambientes etéreos e únicos de Heryon e desvende seus segredos mais antigos.
  • A trilha sonora impressionante – Heryon é trazido à vida por uma trilha sonora sublime da lenda da indústria e compositor de Chrono Trigger e Xenoblade Chronicles, Yasunori Mitsuda
  • Um Sistema de Combate Profundo e Estratégico – Ultrapasse seus inimigos em um combate tático épico baseado em turnos: use o ambiente para atraí-los para armadilhas tortuosas, ser mais esperto e flanqueá-los para infligir danos massivos! Crie seu equipamento e aprimore-o com cristais poderosos para desbloquear combinações únicas de habilidades e power-ups.
  • Personagens carismáticos – Conheça um elenco de companheiros extraordinários, cada um com suas próprias personalidades e atributos únicos. Observe-os crescer e evoluir ao longo da história, à medida que você mesmo a vive. Descubra seus sonhos, falhas, esperanças e tormentos ao vivenciar e compartilhar muitos momentos especiais juntos.

Edge of Eternity está disponível para PC via Steam. As versões de PS4, PS5, Xbox One e Xbox Series serão lançadas no primeiro trimestre de 2022.

O que você achou da novidade? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Voxel, PSX Brasil, GOG.com, Epic Games Store.

Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo

Starfield ganhou novos detalhes. A Bethesda divulgou um vídeo, onde é apresentado o universo do game. O novo trailer fala dos Settled Systems, os sistemas da galáxia que foram ocupados pelos seres humanos. Confira:

📹 The Settled Systems | Divulgação

Situado no ano de 2330, Starfield vai além de uma pequena porção da Via Láctea e estende a exploração espacial para aproximadamente 50 mil anos-luz de distância, alcançando os chamados Settled Systems

Descrição oficial

Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo

📷 Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo | Divulgação

“Starfield é o primeiro novo universo em 25 anos da Bethesda Game Studios, os criadores premiados de The Elder Scrolls V: Skyrim e Fallout 4. Neste RPG de próxima geração situado entre as estrelas, crie qualquer personagem que você quiser e explore com liberdade incomparável ao embarcar em uma jornada épica para responder ao maior mistério da humanidade.”

Detalhes sobre o vídeo

Starfield

📷 Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo | Divulgação

O novo vídeo é narrado por Emil Pagliarulo, diretor de design do game, que nos traz um pouco mais sobre a história e a ambientação de Starfield. Emil diz também que o game se passa huma época pacífica, mas que essa paz é frágil. Foi apresentado também duas facções importantes: United Colonies e Freestar Collective, que se enfrentaram na sangrenta Colony War, cerca de 20 anos antes da história do jogo. Atualmente, ambos estão em paz, porém não significa que os Settled Systems estão menos perigosos. Além dos dois grupos, você poderá encontrar outras ameaças em seu caminho, como os mercenários Eclipticos, os piratas da Crimson Fleet, os violentos Spacers e até mesmo os fanáticos religiosos da House Va’ruun.

Sobre o jogo

Starfield

📷 Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo | Divulgação

Como foi dito, não se tem muitas informações sobre o game. Sabemos que Starfield é um RPG de ficção científica completamente voltado para o single player e que jogador vive um novo membro de uma organização chamada Constellation, que tem como objetivo descobrir os mistérios ainda ocultos da galáxia. Além disso, sabemos que a empresa está trabalhando no jogo a mais de 10 anos. Durante o anúncio chocante do jogo na E3 2018, o chefe da Bethesda, Todd Howard, chamou Starfield de “nosso épico para um jogador da próxima geração.”

Relembre

Starfield

📷 Starfield: Bethesda revela novos detalhes em vídeo | Divulgação

Starfield foi anunciado em 2018, mas a crise mundial fez com que seu lançamento ficasse bastante incerto. Em seu trailer de anúncio, você pode conferir poucos detalhes. No pequeno teaser de um pouco mais de 1 minuto, você o sol nascendo em um planeta árido enquanto a câmera se move para uma estação espacial pairando acima, com painéis solares que curiosamente tomam a forma de uma estrela. Mas antes que possamos respirar, um flash de luz brilhante devora rapidamente o planeta e a estação espacial em segundos. Até hoje ainda não se tem muitos detalhes revelados sobre o game.

Após diversos rumores que o game seria exclusivo do Xbox, foi confirmado. Starfield está com previsão de lançamento para 11 de novembro de 2022 e será exclusivo para PC e Xbox Series. Segundo a Bethesda, não existem chances do game ser lançado para PS5.

O que você tem achado do game até agora? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Starfield, IGN Brasil, Voxel.

Dungeon Encounter: RPG de exploração de masmorras é anunciado pela Square Enix

Durante um Tokyo Game Show 2021, a Square Enix anunciou seu mais novo jogo: Dungeon Encounters. É uma nova IP de alguns membros da talentosa equipe de desenvolvimento por trás da série Final Fantasy. Pré-encomendas disponíveis agora para Nintendo Switch e Steam.

O jogo será lançado para PS4, Nintendo Switch e PC via Steam e tem para trás integrantes da equipe lendária, como Nobuo Uematsu e Hiroyuki Ito. Um trailer de anúncio também foi divulgado, confira abaixo.

📷 Dungeon Encounter: RPG de exploração de masmorras é anunciado pela Square Enix | Reprodução

Produzido por Hiroaki Kato e dirigido por Hiroyuki Ito, mais conhecido como diretor de Final Fantasy VIIX e XII e criador do Active Time Battle (ATB), e contando com personagens desenhados por Ryoma Ito e direção musical de Nobuo Uematsu, o jogo será lançado no próximo dia 14 de outubro.

Este é um RPG de exploração de masmorras, onde as masmorras lembram o formato do jogo das “palavras cruzadas” e prometem exigir muita estratégia por parte do jogador. Você deve explorar cada espaço vazio do mapa para conseguir avançar ao nível seguinte.

📷 Dungeon Encounter: RPG de exploração de masmorras é anunciado pela Square Enix | Reprodução

Os jogadores poderão ainda aproveitar uma versão mais polida e refinada do clássico Active Time Battle de Final Fantasy reimaginado pelo seu próprio criador. Dungeon Encounters contará com um expansivo elenco de personagens inspirados por reinos de fantasia criados por Ryoma Ito, oferecendo aos jogadores uma visão única do gênero de dungeon crawler, e a habilidade de customizar o seu time para completar os desafios e obstáculos efetivamente.

Um labirinto de outro mundo apareceu de repente nos arredores de uma cidade tranquila. Use suas habilidades de forma inteligente para mapear as profundezas, superar obstáculos e derrotar seus inimigos em batalhas emocionantes!

📷 Dungeon Encounter: RPG de exploração de masmorras é anunciado pela Square Enix | Reprodução

Durante suas expedições, você descobrirá itens raros e poderosos, encontrará aventureiros perdidos que podem se tornar novos aliados e ficará frente a frente com monstros mortais.

Contando com parte da equipe de desenvolvimento por trás da lendária franquia Final Fantasy, Dungeon Encounters estará disponível digitalmente para o sistema Nintendo Switch, console PlayStation 4 e PC via Steam e é classificado como Teen.  

📷 Dungeon Encounter: RPG de exploração de masmorras é anunciado pela Square Enix | Reprodução

  • Eventos:
    Ao descobrir e visitar espaços com números brancos, você pode obter itens, desbloquear e alterar habilidades, restaurar a saúde do seu grupo, encontrar mercadores escondidos e muito mais.
  • Os encontros de batalha, marcados com números pretos, estão ocultos em todo o mapa. Eles podem ser revelados com uma habilidade especial, permitindo que você escolha quando e onde enfrentar seus inimigos.
  • Os eventos descobertos anteriormente serão registrados no Event Log, um recurso valioso que permite consultar experiências passadas para enfrentar desafios futuros.
  • Batalhas:
    Teste suas estratégias em batalhas emocionantes, com o sistema de Batalha de Tempo Ativo (ATB), que se tornou famoso na série FINAL FANTASY.
  • Sob a direção de Ito Hiroyuki, criador do sistema ATB, as batalhas se desenrolam em tempo real, utilizando uma iteração polida e refinada desse design clássico, que promete um combate emocionante e desafiador.
  • Mapa:
    O mapa em branco espera por você e, explorando e investigando cada peça em cada nível, você receberá pontos de habilidade. Navegue pelos obstáculos, incluindo passagens secretas e armadilhas escondidas, e conquiste a masmorra!

As pré-encomendas já estão disponíveis para o console Nintendo Switch e Steam® com um desconto de 20% até o final de outubro. DUNGEON ENCOUNTERS estará disponível para compra na PlayStation®Store a partir do lançamento em 14 de outubro com um desconto de 20% para membros do PlayStation®Plus até 28 de outubro.

📹 DUNGEON ENCOUNTERS | Announce Trailer | Square Enix

Referências:

Square Enix, VGBR, PSX BR, Nintendo Blast, Game Blast.

O fofíssimo Tchia ganha novo trailer

Tchia, jogo de aventura que está sendo desenvolvido pelo Estúdio Awaceb ganhou um novo trailer. A novidade foi revelada durante a transmissão do PlayStation Showcase, realizado na última quinta-feira (09). Confira:

📹 Trailer PlayStation Showcase 2021 | Divulgação

Apesar do game não ser um dos mais aguardados do evento, acabou chamando atenção pelo seu visual alegre e muito colorido. Destaque também por seu mundo aberto e ambiente responsivo.

Sobre o jogo

Tchia

📷 O fofíssimo Tchia ganha novo trailer | Divulgação

Tchia foi inspirado na Nova Caledônia, um território francês formado por dezenas de pequenas ilhas no Pacífico Sul. Esse também é o local onde fica estúdio desenvolvedor, além de ser o lugar onde os desenvolvedores viveram na infância. Segundo Phil, diretor do game, a intenção era aproveitar essa herança e insuflar essas sensibilidades. Em um post para o PlayStation Blog, Phil diz:

Tchia

📷 O fofíssimo Tchia ganha novo trailer | Divulgação

“Nós nos inspiramos nas ricas e variadas paisagens locais, flora e fauna, culturas, músicas, línguas, folclores e tradições e colocamos nossas próprias sensibilidades em tudo. Trazer pessoas de todo o mundo para a equipe também ajudou muito a garantir que o que estamos fazendo seja agradável para quem não conhece o país.       

Um pouco da jogabilidade

O fofíssimo Tchia ganha novo trailer

📷 O fofíssimo Tchia ganha novo trailer | Divulgação

Exploração é o forte do jogo, e em Tchia você o faz com movimentações bem divertidas. Você poderá escalar qualquer superfície e deslizar pelo mapa com bastante facilidade. Tchia, a personagem, pode se catapultar pelo ar usando a elasticidade de um coqueiro, por exemplo. Além disso, o game possui um sistema de truques que permite que você dê saltos e mergulhos legais! Para distâncias mais longas, você pode usar seu barco e navegar para longe!

Assuma o controle dos animais

Tchia

📷 O fofíssimo Tchia ganha novo trailer | Divulgação

Em Tchia você pode ter o controle de qualquer animal ou objeto que encontrar. Desta forma, use suas jogadas e habilidades únicas para viajar, resolver quebra-cabeças e descobrir segredos, seja voando como um pássaro, explorando o oceano como um peixe ou cavando tesouros como um cão. Ao todo, são mais de 30 animais jogáveis ​​e centenas de objetos.

Seu companheiro Ukulele

O fofíssimo Tchia ganha novo trailer

📷 Tchia | Divulgação

Apenas tocando sozinho ou jogando ao lado de NPCs, seu ukulele totalmente jogável será um companheiro confiável durante todo o jogo. Você deverá usá-lo em momentos importantes da história durante as seções de ritmo ou toque melodias desbloqueáveis em qualquer ponto do mundo aberto para acionar eventos especiais, como atrair animais, provocar chuva.

Itens e personalização

Tchia

📷 Tchia | Divulgação

Estilize as roupas e o barco da Tchia com centenas de itens cosméticos desbloqueáveis, desde um visual tradicional até as opções mais exageradas. Você também desbloqueará ferramentas úteis e divertidas ao longo do caminho, como uma lanterna, estilingue, bússola e câmera.

Tchia será lançado exclusivamente no PS4 e PS5, bem como na Epic Games Store. O jogo ainda não possui data de lançamento, mas chegará em algum momento de 2022.

O que você achou do jogo? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Tchia, PlayStation.BlogBR, Steam, DualShockers.

King’s Bounty II 

King’s Bounty II é um RPG tático baseado em turnos desenvolvido pela 1C Entertainment e publicado pela Prime Matter que foi lançado para Nintendo Switch, Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 24 de agosto de 2021. É uma sequência direta do primeiro jogo King’s Bounty lançado em 1990, embora um título derivado , King’s Bounty: The Legend, que também foi desenvolvido pela 1C foi lançado em 2008. King’s Bounty IIfoi anunciado inicialmente para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 14 de agosto de 2019. A versão Nintendo Switch foi anunciada em 26 de março de 2020 em uma apresentação do Nintendo Direct Mini.

Escolha os talentos certos

Seu personagem tem a capacidade de aprender diferentes talentos conforme você avança no jogo. Esses talentos dependem do sistema ideal do jogo.

Você ganha pontos ideais para completar missões com certos pontos de vista. Quanto mais altos os pontos ideais que você tem para um tipo de alinhamento, maior o número de talentos desbloqueados para esse ideal específico.

É melhor pegar a maioria dos bônus de porcentagem passivos logo no início para obter a eficácia máxima (como aqueles na anarquia, se você puder).

Se você quiser usar feitiços, invista nos talentos de finesse nível 1; idealmente primeiro em Luz e luz ou Ar e Fogo (mas certifique-se de que você pode realmente aprender os feitiços).

Esteja atento aos ideais

Isso nos leva ao próximo tópico de discussão, o jogo tem um sistema Ideal com alinhamentos opostos, como Ordem vs Anarquia ou Finesse vs Poder.

Esses ideais forçam você a completar missões de um certo ponto de vista. Por exemplo, se você tiver muitos pontos em Ordem, não poderá escolher as opções de Anarquia para nenhuma missão.

No entanto, você também pode investir em ideais opostos, mas precisa progredir muito mais fundo no jogo para conseguir fazer isso.

Cuidado com os altares

No mundo de Kings Bounty 2, você encontrará muitos altares. Esses altares fornecem diferentes tipos de bônus, bem como power-ups para o seu personagem.

Altares como Obeliscos de Poder, Altar do Povo e Memoriais de Guerra fornecem bônus como Dano Extra causado por Unidades, Força e Duração do Feitiço e outros como estes.

Por último, o maior problema de que os jogadores reclamarão é o movimento lento. O padrão linear torna as viagens de um lugar para outro muito cansativas depois de algum tempo. É aqui que entra a viagem rápida.

Ao contrário de muitos jogos, você não pode viajar rapidamente para nenhum destino. Para viagens rápidas, os jogadores precisam interagir com Steles. Certifique-se de descobri-los em suas viagens para tornar a viagem mais fácil. Você só pode se teletransportar de uma Estela para outra que você pré-descobriu.

Combate

O combate em Kings Bounty 2 é muito comum, pois você estará enfrentando hostis durante a viagem. Suas habilidades não são a única coisa importante, mas suas tropas, bem como seu gerenciamento, importam muito.

Ao iniciar uma luta, certifique-se de reposicionar as unidades de modo que suas unidades de longo alcance sejam bloqueadas das unidades inimigas ou preparadas para tomar o terreno elevado para obter bônus de elevação!

Seu personagem tem uma estatística de liderança. Esta estatística determina quantas unidades de um tipo específico podem se juntar ao seu exército.

O valor de Liderança de seu personagem aumenta com o aumento de nível, bem como com o uso de certas engrenagens e interação com santuários específicos. O valor de Liderança mais alto permite que você tenha um exército maior sob seu comando.

As unidades têm estatísticas próprias. As unidades têm agrupamentos ideais, bem como moral. Agora, diferentes grupos de unidades têm diferentes ideais, como ordem de anarquia ou poder.

Isso afeta o moral de suas unidades. Se você tiver unidades de grupos diferentes em seu exército, isso diminuirá o moral geral de seu exército. Por outro lado, se todas as suas unidades tiverem os mesmos ideais, isso aumentará o moral do seu exército.

Obtenha mais unidades

Agora vamos discutir como conseguir unidades para seu exército. A maneira mais fácil de expandir seu exército é comprando unidades de NPCs recrutadores. Isso requer ouro e você pode comprar quantos quiser.

Além disso, você também pode obter esquadrões de unidades ao completar várias missões no jogo. Recomenda-se adiar a compra de unidades até que você realmente precise delas para uma batalha. As unidades têm diferentes tipos e diferentes táticas e habilidades.

Durante uma batalha, você tem a opção de tentar curar e ressuscitar suas unidades. Você precisa de feitiços diferentes para isso, mas é uma possibilidade.

Fora isso, você tem a opção de segurar “H” depois de uma batalha e reviver suas unidades. Esta ação requer ouro e não pode reviver unidades afetadas por Ferimento Letal, Execução ou Praga.

Se você tiver unidades de reserva, poderá até usá-las para reabastecer suas unidades esgotadas.

Iniciando a campanha

Depois de iniciar a Campanha, você terá acabado de sair da prisão e terá que se encontrar em Nostira.

Assim que você for libertado de Fort Crucis, pegue seu equipamento, seu cavalo e seus 3 lanceiros. Com eles, compre uma besta e recrute 3 cães de guerra.

Um pouco mais longe no mundo depois de começar, você encontrará um anão que tem uma missão secundária para você. Definitivamente, aceite esta missão, pois ela lhe dá acesso a uma matilha de lobos e anões com grandes habilidades para as primeiras escaramuças.

Sua primeira batalha

A próxima etapa é enfrentar sua primeira batalha contra uma matilha de lobos em New Tyrene. Felizmente, há um tutorial robusto que fica feliz em segurar sua mão durante o processo.

Certifique-se de fazer um salvamento manual com antecedência – você deve adquirir o hábito de sempre salvar antes de uma batalha ou escolha de história. Você também deve notar que você não será automaticamente puxado para a batalha – você tem a opção de evitar o combate totalmente

Batalhas em  King’s Bounty 2  funcionam como muitos RPGs clássicos baseados em turnos. Cada unidade no tabuleiro tem uma pontuação de iniciativa que determina quando ela pode atacar. Tentar se afastar de um inimigo em um hexágono adjacente pode resultar em um contra-ataque (essencialmente, um golpe livre em suas unidades). Como é comum nesses jogos, você também deve tomar cuidado com as formações, colocando arqueiros e lançadores de magia atrás de algumas unidades corpo-a-corpo bem equipadas.

Não se esqueça de curar após a batalha

Além de salvar o jogo, há outro hábito importante a ser estabelecido: você sempre deve curar suas unidades após o término de uma batalha. As unidades danificadas ficarão mais fracas durante as lutas subsequentes e você pode restaurar sua saúde simplesmente gastando uma pequena quantidade de ouro. Não se esqueça de curar seus soldados se você puder fazer isso!

Reparar a estátua

Há também uma estátua quebrada proeminente no centro de New Tyrene. Encontre os braços que faltam e substitua-os e você revelará um cache de itens!

A Axes and Splinters tem sua primeira escolha verdadeira com consequências: seja qual for o lado para trás, você poderá contratar uma nova unidade. Ficar do lado dos humanos destrava Brigands (à esquerda) e ficar do lado dos anões destrava os milicianos (à direita).

Side Quest 1 – Axes and Splinters

Com os lobos derrotados, você pode felizmente seguir em frente em direção ao seu objetivo final de continuar a missão The Road to Marcella. No entanto, existem algumas oportunidades interessantes para fazer três missões paralelas ao longo do caminho e iremos cobrir todas as três no   Guia de King’s Bounty 2 para Iniciantes.

A primeira dessas três missões secundárias é “Machados e Lascas” e também é bastante simples: caçadores humanos e lenhadores anões estão em uma disputa e você deve escolher um lado. Esta missão pode ser encontrada no caminho mais à esquerda, mais adiante na estrada, após sua primeira batalha.

Antes de começar, você deve pegar algumas unidades extras do Recrutador próximo para complementar suas forças. Uma vez feito isso, você deve escolher um lado – anões ou humanos – e lutar uma batalha. Cada um dos dois lados oferecerá a você a oportunidade de adquirir um novo tipo de unidade do mesmo Recrutador próximo; consulte a imagem acima para obter mais informações.

O Golem Roadblock

Sua próxima tarefa é continuar descendo a estrada em direção à cidade. Inspecione cada canto e recanto da cidade, pois há alguns contêineres de saque espalhados por toda parte. Certifique-se de pegar a recompensa da missão Axes and Splinters ao longo do caminho também!

Você logo descobrirá um grupo de Golems bloqueando a estrada. Vá para a direita e você descobrirá uma runa mágica e um campo de força. Katharine terá a opção de desabilitar o campo de força e pedir ao mago para desabilitar os golens; caso contrário, você terá que batalhar contra eles.

De qualquer forma, você vai querer explorar mais à direita do mago. O prédio interno tem um “lustre” na parede que revelará uma sala secreta cheia de pilhagem; você também pode encontrar algumas guloseimas no segundo andar. Passe pelos golens e é hora de outra missão secundária!

Side Quest 2 – Cold Bones

Depois de limpar o bloqueio do Golem, é hora de seguir em frente e finalmente encontrar um guerreiro chamado Ancel. Ao longo do caminho, você encontrará uma runa que inicia a missão “Ossos frios”. Mais uma vez, vamos fazer uma pequena diversão.

Explore e saqueie a área. Eventualmente, você encontrará três tochas e um tablet que oferece um quebra-cabeça para acendê-los em uma determinada ordem.

Solução de Bliss Tablet

A solução Bliss Tablet é acender as tochas nesta ordem quando estiver de frente para o tablet: direita, esquerda e centro.

Assim que as tochas são acesas, um portal se abre. Passe por ela e você encontrará um esqueleto bastante amigável chamado Berengarius. Ele diz a você que existem runas protetoras em Bliss que estão perdendo seu poder; você deve ir para a cidade e restaurá-los. Feito isso, é hora de atacar a fonte da corrupção: um bando de mortos-vivos nojentos no cemitério.

Você agora terá a oportunidade de lutar outra batalha. Você deve aceitar – derrotar esses bandidos abre a oportunidade de recrutar unidades de mortos-vivos via Berengarius e ainda há algumas lutas difíceis pela frente.

Side Quest 3 – Pedra da Bruxa

Encontre-se com Ancel e comece a correr pela estrada. Ao fazer isso, você será emboscado por um Maroto que corre para um prédio próximo. Ancel diz para você persegui-lo, mas não corra atrás dele ainda – fale com o recrutador próximo e consiga quantos recrutas você puder pagar.

Fale com o Maroto e ele dirá que está sob o feitiço de uma bruxa na torre. Avance pelo interior do edifício e descobrirá alguns cristais caídos no chão; cada um desses cristais tem um estrado próximo onde você precisa colocá-los. Assim que os três forem colocados, um campo de força bloqueando uma passagem desaparecerá. No entanto, tome cuidado para explorar a área próxima antes de prosseguir, pois você pode pegar alguns itens para o lado.

A área final aqui mostrará uma bruxa em cima de uma plataforma. Você pode encontrar um único baú em uma das salas laterais e então é hora de confrontar aqui. Mais uma vez, você terá que travar uma batalha contra um novo tipo de inimigo.

Vença a batalha e, como sempre, você obterá um pouco de saque e alguma experiência. Finalmente é hora de avançar para o clímax deste capítulo de abertura (e a conclusão de nosso   Guia King’s Bounty 2 para Iniciantes).

A Batalha dos Portões de Batille

Você finalmente alcançou os portões de Batille e tudo parece bem – um grupo de guardas se aproxima e parece que você finalmente está seguro. Infelizmente, logo é revelado que estes não são guardas, mas bandidos disfarçados – há mais uma batalha a ser travada.

A esta altura, você já conhece o procedimento: posicione suas unidades, dispare alguns feitiços e derrote os bandidos. Assim que terminar, ainda  mais  inimigos aparecerão, prontos e ansiosos para arruinar o seu dia. Felizmente, uma pitada de  deus ex machina  chega na forma de um dragão e um mago. Em seguida, você verá algumas cenas que contam como sua aventura começou.

A aventura continua

Você logo estará na capital (após a batalha da Batille e algumas cenas). É aqui que você pegará mais missões e aprenderá um pouco mais sobre a história.

Tire algum tempo para explorar a sala do trono. Quando terminar, saia e você verá uma mulher em um vestido roxo chamada Gilda reclamando com um guarda. Fale com ela e você terá a primeira de muitas missões paralelas nesta nova área.

Depois disso, siga em frente e você poderá vender todo aquele lixo que passou as últimas horas pilhando. Agora você pode visitar mercadores para comprar novos equipamentos e itens, e também pode encontrar três Recrutadores diferentes para conseguir alguns novos soldados para seu exército.

Altares, saques e estatísticas de personagens

Durante suas aventuras em King’s Bounty II, você topará com diferentes tipos de recipientes (ou seja, baús, caches, bolsas e similares). Na maioria das vezes, o saque que você obtém tende a ser aleatório (mas a maioria deles são lixo que você pode vender). Em certos casos, você pode encontrar equipamentos para usar, embora provavelmente os receba como recompensas de missões ou como itens de fornecedores.

Além disso, fique atento a altares / santuários (ou seja, Obeliscos de Poder, Altares do Povo, Memoriais de Guerra e muito mais). Você pode interagir com eles apenas uma vez, e diferentes tipos fornecem bônus para as estatísticas do seu personagem. Exemplos incluem:

Warfare – Dano extra causado pelas unidades.

Magic Power – Força e duração dos feitiços.

Conhecimento Arcano – O limite com o qual você pode aprender ou atualizar feitiços, bem como a quantidade de mana que você pode ter durante o combate.

Liderança – os valores mais altos permitem que você coloque mais unidades em campo.

Viagem rápida, exploração geral, mapa-múndi e economia

Seu personagem apenas corre, e há um botão de andar em vez de um que permite que você corra. Da mesma forma, a montaria do seu cavalo só galopará quando estiver dentro dos cubos (até mesmo o seu movimento de corrida é um pouco mais rápido). Pior, os ambientes são projetados de forma semelhante a um “mundo de corredor”, em vez de um “mundo aberto”. Isso significa que você tem que seguir caminhos e estradas de terra para chegar a um novo destino. Você pode facilmente ficar preso em saliências que não o deixarão pular ou esbarrar em obstáculos. No mínimo, você pode viajar rapidamente interagindo com as estelas, então certifique-se de encontrá-las para acelerar a exploração.

Se você olhar o mapa-múndi, verá vários ícones referentes a missões, NPCs de fornecedores, recrutamento de unidades, pontos descobertos de viagens rápidas e até mesmo saques. Você também verá ícones que representam os ideais, caso os objetivos possam ser concluídos de uma determinada maneira. Além disso, aconselho você a salvar manualmente com frequência. Os salvamentos automáticos só são acionados ao iniciar uma batalha ou ganhar um ponto de alinhamento. Pode haver momentos em que você cometerá um erro, apenas para perceber que todos os salvamentos automáticos anteriores foram substituídos.

Liderança, recrutamento de unidades, ideais e gastar ouro

Em King’s Bounty II, você verá unidades de entidade única (ou seja, os monstros maiores e mais robustos), mas a maioria dos esquadrões são formados por tropas. Cada unidade também tem um valor de liderança específico. A própria estatística de liderança do seu personagem (aumentada ao subir de nível, usar certas peças de equipamento, ter o talento Glória ou interagir com santuários específicos) determina quantas unidades de uma determinada unidade podem se juntar ao seu exército.

Além disso, as próprias unidades fazem parte de agrupamentos ideais (ou seja, Ordem, Anarquia, Finesse e Poder). Se você tiver unidades de ideais opostos ou diferentes, isso levará a uma queda no moral. Se você tiver unidades da mesma categoria, entretanto, você ganhará um bônus de moral (uma chance maior de ter um turno adicional durante o combate).

Nota 1: As unidades são compradas predominantemente de NPCs recrutadores, gastando ouro. Ainda assim, existem alguns casos em que você ganha novas tropas graças às missões. Pessoalmente, eu não compraria muitas unidades que você não vai usar, pois isso é apenas um desperdício de ouro. Para ser justo, você realmente teria que se atrapalhar muito para chegar a um ponto em que não teria ouro suficiente para obter unidades decentes para vencer batalhas futuras. Porém, é sempre melhor ter recursos extras.

Nota 2: No meu caso, fiquei com unidades do tipo Ordem, como lanceiros, cães de guerra, curandeiros e arqueiros no início do jogo. Mais tarde, mudei para besteiros, cavaleiros, magos reais e discípulos. 

Referências:

PC Invasion, Tech Raptor, Wikipedia.

Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay

Na última quinta-feira (19), foi divulgado um novo trailer de Black Myth: Wukong, jogo que foi inspirado em Jornada ao Oeste. O vídeo divulgado mostra um pouco mais de 12 minutos de gameplay. Confira:

📹 NVIDIA DLSS trailer de revelação | Divulgação NVIDIA GeForce

O vídeo foi divulgado no canal da NVIDIA GeForce no you tube e como você pôde conferir, exibe a exploração e o ciclo de combate. Além disso, o trailer revela que o game foi atualizado para a Unreal Engine 5, terá suporte para DLSS e também que Black Myth: Wukong rodará em 4K a 60fps.

Sobre o jogo

Black Myth: Wukong é uma história inspirada pelo folclore tradicional chinês. A seguir, você confere a sinopse retirada do livro “Macaco, Uma Jornada Para o Oeste”, que serviu de inspiração:

Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay

📷 Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay | Divulgação

“Originalmente escrita no século XVI é a história das aventuras do patife-trapaceiro Macaco e seus encontros com uma bizarra casta de personagens enquanto ele viaja com o peregrino budista Tripitaka à Índia em busca de escrituras sagradas. Muito mais que uma novela de aventura picaresca Macaco é uma profunda alegoria da luta que deve ocorrer antes que a transformação espiritual seja possível.”

O título é um RPG de ação que está sendo desenvolvido pela Game Science. Black Myth: Wukong foi anunciado em agosto de 2020, juntamente com um trailer de gameplay com 13 minutos de duração.

Mais detalhes

1hit games

📷 Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay | Divulgação

A jogabilidade foi descrita como semelhante à de Souls. Contudo, o jogo oferece um combate frenético com a incorporação de diferentes habilidades, partes do cenário e rolamentos que deixam os personagens da série Souls com inveja. Em Black Myth: Wukong, o jogador controla Sun Wukong (também conhecido como Rei Macaco) com habilidades para se transformar em insetos voadores ou um monstro gigante, para lutar contra uma variedade de inimigos.

O primeiro trailer

1hit games

📷 Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay | Divulgação

O primeiro trailer de Black Myth: Wukong foi incrivelmente popular, e recebeu dezenas de milhões de visualizações já nos primeiros dias de lançamento. Após isso, a Game Science não quis revelar mais desde então, com poucos detalhes fornecidos no ano seguinte. O novo trailer oferece muito mais do que vimos anteriormente, com novas habilidades, efeitos visuais, chefes e pistas da história oferecidos.

Lançamento

1hit games

📷 Black Myth: Wukong ganha novo trailer de gameplay | Divulgação

Black Myth: Wukong foi anunciado em agosto de 2020, mas de acordo com o site oficial, eles afirmam que estão trabalhando no jogo há seis anos. O título não tem data de lançamento, mas será lançado no PC, nos consoles disponíveis na época (provavelmente PS5 e Xbox Series) e em plataformas de streaming. O fato de o novo vídeo terminar com o logo da Epic Games sugere que será exclusivo, pelo menos temporariamente.

O jogo parece estar caminhando muito bem e temos boas expectativas com ele. O que você espera do game? Deixe aí nos comentários.

Referências:

Voxel, The Enemy, IGN Brasil, Windows Club.

Elite: Dangerous

Elite Dangerous é um jogo de simulação de voo espacial desenvolvido e publicado pela Frontier Developments. O jogador assume o papel de um piloto (coloquialmente referido como “Comandante” ou “CMDR”) de uma nave espacial e explora uma representação realista de mundo aberto em escala 1: 1da Via Láctea, com a jogabilidade sendo aberta. O jogo é o primeiro da série a tentar uma jogabilidade multiplayer massiva , com as ações dos jogadores afetando a narrativa do universo persistente do jogo, ao mesmo tempo em que mantém um modo de um jogador. Elite Dangerous é o quarto jogo da Elite série de videogame, uma das franquias de videogame mais antiga. É a sequência de Frontier: First Encounters, lançado em 1995.

Não conseguindo chegar a um acordo de financiamento com uma editora por muitos anos, a Frontier começou sua campanha Kickstarter em novembro de 2012. Versões de teste de pré-lançamento do jogo estavam disponíveis para patrocinadores desde dezembro de 2013, e o jogo final foi lançado para Windows em dezembro de 2014, com a versão do macOS lançada posteriormente em maio de 2015. Uma versão “prévia” do jogo para o Xbox One foi lançada posteriormente por meio do Xbox Game Preview Program em junho de 2015 durante o briefing da Microsoft na Electronic Entertainment Expo 2015, e foi totalmente lançado em outubro de 2015, enquanto uma versão para PlayStation 4 foi lançada em 27 de junho de 2017. Elite Dangerous também oferece suporte a todos os dispositivos de realidade virtual de PC.

No final de abril de 2015, Elite Dangerous vendeu mais de 500.000 cópias, com a Frontier Developments esperada para gerar £ 22 milhões em vendas. Em 15 de janeiro de 2019, as vendas cumulativas de Elite Dangerous ultrapassaram 4,3 milhões de unidades de franquia, compostas por 3 milhões de unidades de jogo de base e 1,3 milhões de unidades de expansão Horizons. Em abril de 2020, as vendas de unidades de jogos base Elite Dangerous ultrapassaram 3,5 milhões. Durante uma entrevista publicada em 23 de outubro de 2020, o CFO da Frontier, Alex Bevis, anunciou que a Elite Dangerous gerou mais de £ 100 milhões de receita. 

Gameplay 

Após seu lançamento em 2014, Elite Dangerous começou no ano 3300 e está em sincronia com o UTC, embora 1286 anos no futuro. O jogo se passa cerca de 45 anos depois de Frontier: First Encounters. Elite Dangerous mantém a premissa básica dos jogos anteriores – os jogadores começam com uma nave espacial e uma pequena quantia de dinheiro em uma galáxia aberta e jogam em várias atividades para adquirir mais dinheiro e mérito. Essas atividades incluem comércio, mineração, exploração, transporte de passageiros, caça de recompensas, pirataria e assassinato.

O jogo é o primeiro da série a apresentar multiplayer online com acesso a um mundo persistente multiplayer massivo chamado Open Play, bem como um modo single player apenas online. O jogo Open Play é semelhante ao Eve Online em que muitas ações que seriam consideradas luto em outros jogos multiplayer são geralmente permitidas, desde que haja uma razão válida para o RPG (por exemplo, roubo, extorsão e bloqueio de sistemas estelares). No entanto, algumas ações, como “mentalidade de turba”, perseguição de jogadores, exploração da mecânica do jogo (como sair do jogo no meio de uma luta para evitar a morte) e palavrões não são permitidos, e pode resultar no banimento do servidor principal.

O dinheiro ganho ao longo do jogo pode ser gasto na atualização de navios ou na compra de novos. Os jogadores podem personalizar seus navios alterando os módulos, ou seja, motores, armas, scanners, etc. Com a segunda moeda do jogo chamada Arx (também pode ser comprada com dinheiro real), os jogadores podem comprar mudanças visuais para seus navios, como outras cores ou cosméticos partes.

Dentro da galáxia virtual, o jogador pode explorar cerca de 400 bilhões de sistemas estelares completos com planetas e luas que giram e orbitam em tempo real, refletindo ciclos dinâmicos de dia e noite. Cerca de 150.000 dos sistemas estelares do jogo são retirados de dados astronômicos reais, enquanto alguns sistemas planetários parcialmente fictícios, que foram criados na Fronteira e nos Primeiros Encontros antes que um número significativo de exoplanetas fosse descoberto, são transportados sobre. Por exemplo, nenhum dos gigantes gasosos do sistema Fomalhaut corresponde às propriedades detectadas de Fomalhaut b. Um punhado de sistemas inteiramente fictícios nomeados no Elite original, e também apresentado em jogos posteriores, estão incluídos (por exemplo, o sistema inicial original Lave). O restante é gerado processualmente de acordo com modelos científicos. Os jogadores podem atracar suas naves em estações espaciais e postos avançados localizados por toda a galáxia em sistemas estelares para negociar mercadorias, comprar novas naves espaciais, rearmar sua nave, efetuar reparos e fazer missões de Mission Board. Os jogadores também podem encontrar cargas perdidas ou encontrar outros navios durante o vôo, investigando fontes de sinais não identificados.

Facções: Existem três facções principais, o Império de Achenar, a Federação e a Aliança de Sistemas Independentes. Patch 1.3, lançado em junho de 2015, apresentou a adição Power Play que introduziu desafios competitivos de facção galáctica. Os jogadores podem se aliar a uma facção no jogo e contribuir com ela, completando as missões da facção, ao mesmo tempo que ganham várias recompensas. O resultado coletivo das conquistas de cada facção determina os poderes da facção, o controle territorial e seus objetivos posteriores. Cada facção tem sua própria linha de navios que são obtidos ao adquirir postos dentro da respectiva facção, exceto os navios da Aliança que não estão bloqueados por um sistema de classificação. A Federação tem quatro navios feitos por uma corporação federal do jogo chamada Core Dynamics. O Império possui quatro navios fabricados pela Gutamaya, uma corporação Imperial. A Aliança tem três navios, nenhum dos quais requer patente, fabricados pela Lakon Spaceways.

Papéis de jogadores e classificação

Existem três papéis arquetípicos de jogador associados a classificações individuais (também conhecidas como status de jogador) separadas das classificações de facção: Combate, Exploração e Negociação. Os jogadores ganham pontos de experiência e classificação nessas áreas ao completar atividades que são divididas entre as três funções. Por exemplo, um caçador de recompensas destruindo piratas ganhará pontos de experiência em Combate e progredirá na classificação de Combate. Em 15 de março de 2015, o primeiro jogador a alcançar o status de Triple Elite (classificação Elite em Combate, classificação Elite em Exploração e classificação Elite em Negociação), o status mais alto, ganhou £ 10.000. Um certo status ou posição com uma facção pode conceder permissões de acesso a uma série de sistemas que as exigem. Os benefícios também incluem preços com desconto de navio. 

Assista aos tutoriais em vídeo oficiais do jogo

Há uma série de tutoriais em vídeo oficiais para Elite Dangerous: Horizons . Esses tutoriais em vídeo podem ser esclarecedores para a maioria dos jogadores novos no Elite Dangerous . Você pode assistir a todos eles na seção Ajuda do site oficial do jogo.

Seguindo as dicas para iniciantes de Elite Dangerous: Horizons , você terá um início de jogo melhor. Além dessas dicas, verifique o guia do Codex Pilot’s Handbook do jogo, no painel do hub direito do seu navio, que fornece mais orientações. A Elite Dangerous Wiki também é um ótimo recurso para verificar mais detalhes sobre o jogo.

Não saia do distrito da federação de pilotos tão cedo

Após o tutorial introdutório, muitos jogadores irão voar para Mawson Dock, Dromi no Pilots ‘Federation District para completar a primeira missão. O Pilots ‘Federation District é uma coleção de 10 sistemas de estrelas para novos jogadores começarem em Elite Dangerous. Lá você pode completar missões mais básicas para começar no jogo.

Alguns jogadores podem não perceber que perderão as permissões do Distrito da Federação de Pilotos ao atracar em estações fora do PFD. Você receberá uma mensagem do PFD informando isso, mas os jogadores que não verificarem suas mensagens a perderão. Lembre-se de que você não pode voar de volta aos sistemas estelares PFD quando atracar em uma estação fora do Distrito da Federação dos Pilotos. É uma boa ideia para os novos jogadores completar algumas missões dentro do PFD antes de se aventurar no universo mais amplo. Portanto, não voe para uma doca fora do PFD se quiser ficar no Distrito da Federação de Pilotos.

Atenha-se a missões mais diretos (não de combate)

É melhor se limitar a missões mais diretas que são mais fáceis de completar quando você começa a jogar Elite Dangerous . As missões de transporte de dados do comerciante estão entre as mais diretas do jogo, para as quais você precisa enviar dados para outra docking station. Tudo o que você precisa fazer para essas missões é voar de uma estação e atracar em outra em um sistema estelar diferente, que é algo abordado no tutorial introdutório do jogo. Portanto, as missões de transporte de dados são boas para começar com voos interestelares entre as estações.

As missões de transporte de carga são semelhantes às de correio de dados, exceto que você também precisa carregar e descarregar cargas nas estações de encaixe. Portanto, pode ser necessário expandir o armazenamento de carga do seu navio com um serviço de equipamentos para algumas missões. Você também pode ser interceptado e atacado por um piloto espacial sujo durante o transporte de carga. No entanto, além disso, uma missão de carga é quase tão direta quanto uma de mensageiro de dados. Portanto, experimente algumas missões de transporte de carga antes de tentar atribuições mais difíceis.

Tanto as missões de carga quanto de transporte de dados aumentarão sua classificação no Trader. Não recomendo que pilotos novatos tentem missões de combate mais arriscadas. Perder navios em missões de combate custará créditos. Limite-se a trocar missões para acumular créditos e se familiarizar mais com os controles da nave durante os primeiros dias no universo Elite, pelo menos.

Economize alguns créditos para o seguro do nave

As naves espaciais vêm com seguro de 95% na Elite Dangerous . Sempre que você perde um navio, o que geralmente acontece em combate, você pode recomprá-lo por 5% do valor original. Por exemplo, você pode recomprar um navio perdido no valor de 500.000 créditos por 25.000.

Se você não puder pagar o custo do seguro depois de perder um navio, no entanto, você terá que fazer um pequeno empréstimo para recomprá-lo ou desmarcar os módulos. Módulos desmarcados não são devolvidos com o resto da nave. Caso contrário, você perderá a nave e terá que conseguir uma completamente nova.

Certifique-se de sempre ter créditos suficientes para cobrir o custo do seguro do seu navio. Para verificar o custo do seguro do seu navio, pressione a tecla de atalho Shift + D para abrir o painel do lado direito. A guia Status nesse painel exibe o valor do seguro do navio como um custo de recompra.

Atualize sua unidade frame shift

O alcance de salto da sua nave é o quão longe ela pode saltar no Hiperespaço, que é medido em anos-luz. Com um alcance de salto maior, sua espaçonave pode alcançar sistemas estelares mais distantes em um salto no hiperespaço. Assim, estender o alcance de salto de sua nave permite que você alcance estrelas mais distantes com menos saltos, o que acaba tornando mais rápido viajar pela galáxia.

Estender seu alcance de salto é uma das melhores maneiras de atualizar sua nave. Para fazer isso, você precisará investir em melhores unidades de deslocamento de quadro nos serviços de equipamento das estações de encaixe. Selecione Core Internal no menu Outfitting de uma estação para ver se há algum Frame Shift Drives disponível que irá estender o alcance de salto de sua nave espacial. Quando você encontrar um Frame Shift Drive que aumentará o alcance de salto da sua nave espacial, pegue-o o mais rápido possível. Embora alguns FSDs possam reduzir um pouco a velocidade padrão da sua nave, seu alcance de salto é o que realmente leva você através da galáxia mais rápido.

Ligue a visão noturna

Visão noturna é um modo prático com o qual todas as naves vêm equipadas, que destaca os objetos no espaço e no terreno planetário. Esta ferramenta torna as pequenas naves e objetos na distância do espaço escuro muito mais claros, o que pode ser útil para detectar espaçonaves hostis e Nav Beacons. Também é inestimável para pousar sua nave em estações de ancoragem baseadas em terra no lado escuro dos planetas.

Para ativar a Visão Noturna, pressione a tecla de atalho Shift + D para abrir o painel direito do seu navio. Selecione a guia Navio no painel direito. Em seguida, ative a opção do modo Night Vision nessa guia.

Torne-se um táxi espacial

Quando você deixar o Pilots ‘Federation District para trás, sem dúvida notará a seção Passenger Lounge nos menus de serviços de suporte das estações de acoplamento. É aí que você pode aceitar algumas missões de passageiros com um navio devidamente equipado que inclui cabines. Vale a pena investir em algumas cabines para o seu navio mais cedo ou mais tarde, pois as missões de passageiros darão a você mais opções e também podem ser muito lucrativas.

Para encontrar um lugar onde você possa comprar cabines de passageiros, abra o mapa da galáxia. Selecione  Mapa no mapa da galáxia. Em seguida, selecione o filtro de turismo para destacar sistemas estelares com indústrias turísticas. Lá você encontrará estações de acoplamento com indústrias turísticas, onde poderá comprar cabines de passageiros para sua nave espacial. Depois de adicionar algumas cabines à sua nave, você pode começar a transportar passageiros pela galáxia para ganhar mais créditos.

Confira elite & Dangerous Roguey

Como alternativa, você pode encontrar estações de encaixe que vendem equipamentos de que você precisa no site Elite & Dangerous Roguey . Esse site fornece um mecanismo de pesquisa inestimável para commodities, equipamentos, navios e muito mais dentro do universo Elite Dangerous . Também inclui um fórum que incorpora um fórum de discussão Elite Dangerous .

Para encontrar uma estação de acoplamento que forneça o equipamento da nave espacial de que você precisa, clique na guia Equipment no site Elite & Dangerous. Selecione um tipo de equipamento listado lá, como Cargo Rack, para abrir uma lista para ele. Em seguida, clique em um dos links Onde comprar de um equipamento específico para abrir uma caixa de pesquisa para ele. Digite o sistema de estrelas em que você está na caixa de pesquisa e selecione 20 li no menu suspenso Dentro. O mecanismo de busca encontrará então todas as estações de acoplamento que vendem o equipamento de que você precisa dentro de 20 anos-luz de seu sistema estelar.

Complete mais missões para facções menores alinhadas com superpoderes

O Império, a Federação e a Aliança são as três principais facções (superpoderes) em Elite Dangerous , cada uma com 14 classificações para os jogadores escalarem. Aumentar sua classificação com uma facção principal em Elite Dangerous desbloqueará suas naves exclusivas e permissões restritas do sistema estelar. Portanto, tente aumentar sua classificação com uma facção principal para obter bônus extras.

Para fazer isso, você precisará aceitar missões de facções menores que estão alinhadas com as maiores. Uma facção secundária é alinhada com uma superpotência se incluir o logotipo da facção principal sob seu título no tabuleiro da missão, como o da foto diretamente abaixo. Quando você tiver a classificação de sua facção principal em até 100 por cento, poderá completar uma missão de promoção a partir de um fator secundário alinhado com o qual você tem uma posição cordial para subir de posição.

Pratique antes de entrar no modo multijogador

O modo multijogador é uma coisa nova na franquia Elite . Para os fãs, é a parte mais emocionante e intrigante do jogo, mas isso não significa que eles possam começar imediatamente. Depois de terminar os tutoriais, os jogadores têm a oportunidade de começar a jogar no modo multiplayer. Porém, para quem não quer morrer a cada 5 segundos, ou para quem quer ter sucesso no jogo, não é recomendável começar por aí.

O espaço neste jogo é altamente perigoso e implacável. Os jogadores não terão misericórdia após falhar, eles terão que enfrentar as consequências financeiras e outras. É melhor praticar manobras básicas e estratégias de combate no modo solo para realmente pegar o jeito antes de ir para a “arena”.

Aprenda a acoplar corretamente

Docking é algo que os jogadores farão centenas, senão milhares, de vezes ao longo do jogo. Além disso, há penalidades para uma doca ruim e podem ser muito altas. Uma das primeiras coisas que os jogadores devem fazer após mergulhar no jogo é aprender como encaixar corretamente.

Algumas pessoas realmente gostam, a maioria odeia com paixão. Mas, uma vez que um jogador se torna um mestre em docking, ele pode governar o mundo, então, não importa o que ache desse exercício, ele deve acabar com isso e fazê-lo bem.

Faça anotações ao longo do caminho

Este jogo não ajuda o jogador em nada. O espaço é enorme e complexo, e a jogabilidade também. É importante armazenar todas as informações importantes e fazer anotações quando necessário. Muitas pessoas não fazem isso no início, mas rapidamente pegam o jeito, depois de esquecer em qual planeta esses recursos estavam.

Ao saltar de planeta em planeta, de um sistema solar a outro, os jogadores obtêm muitas informações muito importantes que são impossíveis de armazenar em um curto espaço de tempo. É melhor manter um telefone, tablet ou bloco de notas por perto, para rabiscar algumas informações valiosas. Esta informação pode ser em qual sistema solar um planeta está, o nome do planeta onde o jogador encontrou recursos valiosos, etc.

Encontre um grupo

Elite Dangerous é um jogo enorme e tem muitos desafios e ameaças. Uma maneira fácil de crescer como indivíduo é ingressar em um grupo. Existem muitos grupos ativos no jogo, todos úteis para coisas diferentes. O primeiro passo é descobrir que tipo de personagem o jogador quer ser e quais são suas prioridades.

Grupos como o Fuel Rats reúnem combustível por toda a galáxia e o entregam aos pilotos perdidos. O grupo Code está cheio de piratas e vários exploradores que executam missão após missão por toda a galáxia, sejam boas ou más. O grupo da Primeira Grande Expedição é o melhor em viagens e exploração. Os grupos são fáceis de encontrar nos fóruns Elite Dangerous .

Remova as atualizações antes de vender naves espaciais antigas

Quando os jogadores chegarem ao ponto de mudar para um navio diferente, maior e melhor, eles provavelmente venderão o que usaram. Mas as chances são de que ao longo do jogo, eles adicionaram atualizações valiosas a esse navio.

Para garantir uma venda mais rápida e melhor, os jogadores terão que remover essas atualizações levando o navio ao Outfitter mais próximo. Aqui, eles podem trocar essas atualizações por peças que podem usar no futuro ou vender com o navio.

Negociar é a melhor maneira de ganhar dinheiro rapidamente

Ser bom em negociações é a maneira mais eficiente de ganhar dinheiro rapidamente no Elite Dangerous . A maioria dos jogadores valoriza o dinheiro neste jogo mais do que qualquer outra coisa. Depois de fazer algumas missões, os jogadores ficarão cientes dos planetas e sistemas solares mais próximos nos quais eles podem saltar. Eles também verão que cada planeta tem recursos diferentes.

Ao visitar um planeta, a coisa inteligente a fazer é estocar qualquer coisa que o jogador possa vender pelo preço mais barato. Eles devem então encontrar um planeta que tenha menos desse recurso. Dessa forma, os jogadores podem obter lucro rapidamente. O comércio também pode ser conectado diretamente à exploração, portanto, se um jogador optar por ser mais um explorador, esta é a maneira mais fácil de ganhar dinheiro.

Planeje expedições e aventuras

Depois de começar a entrar ativamente no jogo, os jogadores provavelmente farão muitas coisas ao mesmo tempo. Eles se perderão na exploração, farão missões, começarão a negociar e transportarão pessoas do ponto A ao ponto B. Tudo pode ficar muito rápido.

Os jogadores devem começar a planejar com antecedência, para tornar o tempo gasto no jogo o mais eficiente possível. Se eles começarem a transportar pessoas, eles devem verificar os recursos desses planetas. Se eles forem explorar, é recomendável verificar as missões, os recursos e os contatos de táxi também. Seja eficiente e planeje com antecedência.

Coloque alguma música

Criar uma lista de reprodução para jogar Elite Dangerous pode salvar vidas. Este jogo pode tornar-se monótono e viajar de um lugar para outro ou sair para explorar e não encontrar nada pode irritar uma pessoa rapidamente.

Para evitar isso, é bom ter uma lista de reprodução ou um podcast pronto para entreter os jogadores enquanto voam pelo espaço. Se os jogadores adicionarem boa música ao jogo, ele se tornará ainda mais viciante e divertido.

Referências:

Keen Gamer, Game Rant, wikipedia.

Hellpoint

Hellpoint é um RPG de ação desenvolvido pela Cradle Games e publicado pela tinyBuild, lançado para Microsoft Windows, Linux, MacOS, PlayStation 4 e Xbox One em 30 de julho de 2020. O jogador assume o papel de um humanóide sem nome preso em abandonou a estação espacial Irid Novo, e deve lutar contra criaturas cruéis para resolver o mistério por trás dos eventos que aconteceram lá. Irid Novo orbita em torno de um enorme buraco negro; a posição da estação em relação ao buraco negro afeta a força dos inimigos. Um Stadia e Nintendo Switch versões foram lançadas em 25 de fevereiro de 2021, com versões para PlayStation 5 e Xbox Series X/S com lançamento previsto para 2021.

Gameplay 

Em Hellpoint, a jogabilidade gira principalmente em torno do combate. O jogador tem ataques leves e fortes em seu arsenal, bem como uma mecânica de evasão. O progresso do jogo pode ser salvo em violações que não ressuscitam os inimigos, pois eles reaparecem após um determinado período de tempo. Podem ser armazenadas até duas injeções curativas. O medidor de cura é recarregado ao causar dano a monstros. O jogo depende muito da exploração, oferecendo uma série de segredos a serem descobertos. Eles podem estar escondidos atrás de portas secretas ou em lugares aparentemente inacessíveis que podem ser alcançados utilizando a mecânica de salto. 

Hellpoint foi apelidado de um jogo “Soulslike”, devido às semelhanças na mecânica de jogo com os jogos From Software, como Dark Souls e Bloodborne .

Vá devagar, faça um plano e observe seus pés

Hellpoint está profundamente comprometido com a ofuscação de sistemas da FromSoftware e deseja matá-lo. A partir do momento em que você sai de sua primeira Brecha (o equivalente do Hellpoint a uma fogueira de Dark Souls), você está em perigo de todos os lados.

Quando estiver se aventurando em áreas que nunca viu antes, vá devagar. Avance com facilidade e observe os cantos. Faça uma nota mental de onde os inimigos estão em uma sala. Determine seu plano de ataque: É mais fácil derrotar os inimigos difíceis primeiro ou você precisa limpar o terreno para não ficar sobrecarregado? Antes de entrar em uma nova sala ou andar por um beco, gire sua câmera para ver os inimigos esperando para emboscá-lo.

Esse hiperfoco também pode ser sua ruína. Pelo menos um inimigo – o Cavaleiro Angélico perto do início do jogo – pode atacá-lo por baixo e à distância. Se você estiver procurando por inimigos em uma nova sala, certifique-se de manter os olhos nas costas e nos pés. Algo pode simplesmente tentar tirar vantagem de seus próprios pontos cegos.

Espalhe seus pontos de atributo ao redor

Se você está familiarizado com os jogos do Souls, pode saber que gosta de armas grandes e pesadas e ficar tentado a jogar todos os seus pontos de atributo em Força. Não se force a ficar encurralado cedo demais. No início do Hellpoint, espalhe o amor entre vários pontos de estatísticas, já que muitas armas requerem Força e Reflexos.

Não há seleção de classe no Hellpoint , então você sempre começará em uma linha de base. Dê a si mesmo pelo menos quatro pontos em Força, Reflexos, Saúde e Vigor antes de ser muito específico.

Assim que tiver algumas armas e armaduras de que goste, sinta-se à vontade para se especializar um pouco mais. Mas para os primeiros níveis, você deve se equilibrar um pouco.

Experimente armas antes de investir nelas

Encontrar uma arma que você ama é importante em qualquer jogo difícil como Hellpoint . Muitas armas requerem um grande investimento em estatísticas antes que você possa usá-las adequadamente e causar danos graves. Mas você pode começar a jogar com armas antes mesmo de ter as estatísticas necessárias.

Empunhar uma arma para a qual você não tem estatísticas apenas impede sua letalidade, não o fluxo de seus combos. Se uma arma parecer atraente, equipe-a e tente alguns golpes antes de investir um monte de pontos de Atributo em sua direção.

Use armas para desbloquear habilidades

Depois de encontrar uma boa arma no Hellpoint , use-a. Algumas armas têm habilidades especiais que você pode gastar energia (mana que você recarrega ao atingir os inimigos) para ativar. Mas para desbloquear essas habilidades, você precisará usar sua arma em combate.

Você também pode usar moeda para atualizar as armas para que elas causem mais danos. Você precisará investir recursos preciosos nessas armas para energizá-las, então é melhor gastar em algo que você sabe que já gosta. Guarde o que você sabe e troque apenas quando encontrar algo que se adapte melhor ao seu estilo de jogo. Lembre-se: teste antes de investir.

IMPORTANTE: Para atribuir um killer com arma desbloqueado, mantenha pressionado RIGHT no D-PAD, isso abrirá o menu pop-up que você vê na imagem acima. Em seguida, clique no botão da habilidade que deseja atribuir. Observe que o ícone padrão para a sua arma equipada muda para refletir o movimento que você ativou. Em seguida, para usar o movimento desbloqueado, pressione X no controlador de switch (requer energia).

Olhe para cima e ao redor

Uma das únicas diferenças importantes do Hellpoint nos jogos Souls é a inclusão de um botão de pular. Graças a esta mecânica, vimos pelo menos uma seção de escalada extensa e opcional. Se você completar este percurso de obstáculos (localizado no telhado do Observatório), você pode pegar alguns itens e uma tonelada de Axions (moedas como Almas).

Hellpoint recompensa pulando e explorando áreas diferentes, e você pode se dar um grande impulso em Axions, equipamento ofensivo e defensivo apenas limpando uma área e explorando um pouco. Essa última parte provavelmente soa familiar para os jogadores do Souls, então lembre-se de que o Hellpoint também quer que você olhe para cima.

Ir para casa

O Observatório é sua base em Hellpoint – o equivalente a Firelink Shrine em Dark Souls. Ele abriga uma estação de artesanato, uma estação de cura e uma estação de aumento de armas. Volte aqui e se energize de vez em quando, especialmente se você estiver lutando, mas certifique-se de ter Axions antes de viajar.

Os principais serviços, como a atualização de sua arma, custam Axions, bem como materiais especiais que você encontra enquanto joga. Se você gastar toda a sua moeda atualizando seus Atributos, você pode chegar em casa muito pobre para atualizar suas armas. Se você sabe que um retorno ao Observatório pode ocorrer em breve, certifique-se de salvar alguns milhares de Axions.

Salve seus sincronizadores de violação

Voltar ao Observatório nem sempre é fácil. Para uma viagem rápida, você precisa infundir uma Breach com um Breach Synchronizer . Em nosso tempo com o jogo, encontramos apenas alguns deles. Depois de infundir uma Brecha, você não pode recuperar seu Sincronizador, então escolha com sabedoria. Nós criamos um por área e apenas o aproveitamos o resto do tempo.

É importante notar que você pode usar violações grandes, que parecem surgir após você matar um chefe, para viajar rapidamente de volta ao Observatório, ou mesmo outras violações sem precisar de um sincronizador.

Visite brechas próximas com frequência

Descansar em uma brecha não reaparece todos os inimigos que você matou, nem recarrega seus itens de saúde.

Já que você não reaparece os inimigos ao visitar uma Brecha, você pode subir de nível seu personagem sem ter que limpar uma área inteira novamente. Isso torna o depósito de seus Axions a coisa mais segura a se fazer antes de se aventurar. Você deixará cair todos os Axions que estiver segurando se morrer e precisará retornar ao seu corpo para recuperá-los.

Se você estiver indo para uma área desconhecida com um barco cheio de Axions, faça uma rápida viagem de volta para fortalecer seu personagem.

Conforme você causa dano, você recupera as cobranças por sua Injeção de Cura – visitar uma Brecha não restaurará nenhuma cobrança. Se você estiver com pouca saúde e injeções de cura, você tem três opções: curar na estação de cura do Observatório, lutar contra os inimigos até obter mais cargas de injetores de cura ou morrer. Quando você morrer, você renascerá com duas cargas de injetores de cura.

Gastando seus primeiros pontos de estatística

Existem várias maneiras de construir seu personagem no Hellpoint , mas alguns pontos gastos nas estatísticas certas desde o início tornarão a vida um pouco mais fácil para os recém-chegados. Se você é um jogador veterano do Soul, Cognition e Foresight serão novos nomes para você, mas saiba que a cognição dimensiona o dano para armas de fogo e a previsão para armas ocultas (mágica). A carga é literalmente a carga do seu equipamento e a energia determina o tamanho da sua barra de “mana” azul, se você quiser.

Observe que a energia pode ser usada para mais do que apenas mágica. Na verdade, é essencial independentemente da arma que você usa – mas não significa que você precisa de toneladas dela. Mais sobre isso na próxima dica. Por enquanto, considere colocar seus primeiros pontos em saúde e resistência. Você ficará sem resistência em momentos importantes se não investir nessa estatística. Haverá ondas de inimigos em alguns pontos e a diferença entre ter energia restante e acabar é enorme. Dito isso, você não pode morrer a menos que seu HP acabe. Não importa que tipo de dano os inimigos joguem em você, um pool de saúde maior permitirá que você sobreviva um pouco mais, aumentando assim sua margem de erro como um novo jogador aprendendo as cordas. Os retornos por nível parecem realmente pequenos, mas as estatísticas aumentam mais lentamente aqui do que em outros lugares.

E quanto a danos? Depois de descobrir qual arma você gosta de usar, vá em frente e coloque estatísticas em força ou reflexo de acordo. Na verdade, você pode precisar colocar alguns neles para começar, apenas para equipar a arma que você gosta (você encontrará muitos matando inimigos, bem como apenas explorando e pegando todos os objetos brilhantes que você vê). Mas saiba que você será capaz de aumentar sua produção de dano de outras maneiras além de bombear Força e Reflexo assim que chegar ao Observatório, então focar na capacidade de sobrevivência para os primeiros níveis apenas tornará suas primeiras horas muito mais suaves.

Portas secretas abundam

Em Irid Novo, rotas secundárias, corredores escondidos e segredos dentro de segredos estão esperando para serem descobertos. Mas, quase todos esses mistérios serão perdidos se você não aprender a pressionar Y enquanto se encosta em paredes que parecem suspeitas. Você também encontrará algumas paredes destrutíveis que devem ser atacadas para ver o que há do outro lado. Portanto, se você vir um item brilhante fora do alcance e não conseguir descobrir como chegar lá, tente procurar uma parede que possa abrir ou quebrar. Confie em mim, você encontrará alguns itens malucos e coisas mais estranhas.

Aprenda o Artesanato… Eventualmente

Você vai encontrar muitos projetos de armas e equipamentos em Hellpoint . Muitos desses são planos de atualização, transformando armaduras ou armas de nível inferior em uma versão mais poderosa de uma forma que me lembra de Sal e Santuário . Você também encontrará todos os tipos de recursos espalhados. Pode não fazer sentido no início, mas continue quebrando equipamentos antigos e coletando recursos. Eventualmente, você encontrará os projetos mencionados acima para aprimorar o equipamento que você está coletando para eles, essencialmente, para aumentá-los. Ou – você pode apenas construir novos itens todos juntos – como aprimoradores de armas que servem como Hellpoint’ssistema de atualização de armas. Equipar e atualizar aprimoradores em suas armas favoritas os ajudará a aumentar exponencialmente os danos. Você só precisa ter certeza de que o realçador que você usa corresponde à estatística em que você tem mais pontos. Normalmente, isso será Força ou Reflexo, mas você pode encontrar alguns outros tipos também. Toda essa atualização e fabricação exigirão muitos Axions e materiais, portanto, continue coletando e mexendo nas estações de trabalho até que o ciclo de atualização se torne aparente.

Não ignore aquele relógio enigmático no canto superior esquerdo

Este é um dos elementos mais confusos do Hellpoint . Dito isso, para entender completamente o design dos desenvolvedores e o que torna este jogo tão único, você deve prestar atenção ao relógio. Não prestei muita atenção quando comecei a jogar e gostaria de ter feito isso. Não quero dizer mais nada sobre isso, mas queria ter certeza de que estava claro que era mais do que uma decoração chique.

Exploração é a chave

A exploração é uma necessidade absoluta em Hellpoint. Muitos dos melhores itens podem ser encontrados em lugares onde você não deveria estar. Portanto, tente não seguir um caminho linear e se mover para encontrar muitas portas e paredes escondidas. Pressione o botão de interação nas portas para abri-las e apenas bata na parede para quebrá-las.

Combate

Os condutores podem ser instalados no Weapon Editor Station. Os condutores instalados também podem ser usados ​​em outras armas. Condutores como reflexo e força contam como habilidades de arma. Você pode brincar com as combinações para descobrir qual se adapta melhor ao seu estilo de jogo.

Uma dessas combinações pode ser muito eficaz no início do jogo. Você pode vencer quase todas as lutas com essa combinação. Use Reflex Conductor em uma arma de machadinha perdida. A arma Lost Hatchet pode ser encontrada no centro da Acrologia, ponte setor 2-1. O condutor reflexo reduz o uso de resistência, o que permite que você envie ataques pesados ​​em inimigos durante todo o dia, o que os confunde, tornando suas lutas um passeio no parque.

Lembre-se também de que a habilidade Backstab também é útil desde o início, pois permite que você mate inimigos mais rápido se esgueirando por trás deles. Lembre-se de que não funcionará se o inimigo o tiver visto. Observe também que atacar por trás aumentará seu dano, mesmo sem a habilidade Backstab.

Cuidado com sua resistência

A barra verde no canto superior esquerdo do HUD indica o nível de resistência. O que tem mais probabilidade de fazer você morrer cedo é ficar sem energia ao lutar contra um inimigo. Praticamente tudo o que você faz fora da caminhada consome energia. Quando você tem baixa resistência, é incapaz de atacar, defender, correr ou pular até que o medidor se encha.

Ao iniciar o jogo pela primeira vez, sua resistência pode ser reduzida rapidamente. Então, até que você possa reunir Axion suficiente para aumentar seu nível de resistência, você deve ser extremamente cauteloso. Enfrentar mais de um ou dois inimigos é uma sentença de morte, pois bastam alguns ataques pesados ​​para ficar sem energia.

Esteja ciente do tempo

Uma das mecânicas únicas do Hellpoint é o Relógio do Buraco Negro. Você verá o relógio no canto superior esquerdo da tela. Em certos momentos, você será capaz de abrir portas que não conseguia antes e você encontrará inimigos mais poderosos ao redor da estação. Para obter mais informações sobre este mecânico, verifique nosso guia do relógio Black Hole.

Aprenda a curar

Ao contrário de Dark Souls, Breaches (a versão desta fogueira deste jogo) não irá curá-lo ou recarregar seus métodos de cura (Estus Flask deste jogo). Em vez disso, você precisa reabastecer seus Métodos de Cura lançando ataques contra os inimigos. Isso significa que você não pode evitar inimigos como em Dark Souls. Você deve lutar contra todos os inimigos que encontrar para que possa manter muitas das pilhas de cura confidenciais.

Nunca desista

Hellpoint é um jogo que irá testar você, mas oferece Coop e uma comunidade online próspera que já desvendou seus mistérios. Você tem todo o apoio de que precisa para ter sucesso em sua busca para desvendar o que diabos aconteceu em Irid Novo. Por que não trazer um amigo? Lembre-se, é perigoso ir sozinho …

Referências:

Switch RPG, FPS Index, Polygon, wikipedia.

Tormented Souls ganha novo vídeo de gameplay

Tormented Souls foi anunciado em 2020. O game é um survival horror inspirado nos clássicos do gênero dos anos 90, bem como Silent Hill e Resident Evil. O título foi desenvolvido pelos estúdios Dual Effect e Abstract Digital, sendo publicado pela PQube. Relembre o trailer de anúncio a seguir:

📹 Trailer de anúncio | Divulgação PQube

Sobre

O jogo gira em torno da protagonista é Caroline Walker. Ela busca 2 irmãs perdidas em uma mansão, mas é adormecida por um desconhecido, após um período de 7 dias ela acorda com dores, conectada a cabos e respiradores, submersa no líquido pútrido de uma velha banheira. Enquanto ela se senta lentamente, Caroline descobre que sua memória está completamente perdida. Nossa protagonista encontrará perigos ameaçadores que se escondem nas sombras da Mansão Wildberger enquanto ela tenta elucidar quem ela é e qual é seu papel nos eventos macabros que aconteceram lá. Mas, felizmente para Caroline, ela receberá a ajuda de um sacerdote peculiar obcecado em ajudar as almas a encontrarem o caminho para o céu. Mas também, um perigo iminente será um médico obcecado pelas almas dos mortos e bruxaria, uma mente má que experimentou pessoas inocentes para seus próprios desejos distorcidos.

Detalhes

Tormented Souls survival horror 1hit games

📷  Tormented Souls ganha novo vídeo de gameplay | Divulgação

A principal característica do jogo são os quebra-cabeças desafiadores em um ambiente escuro e ameaçador. A exploração também faz parte do curso principal de Tormented Soul, pois nossos protagonistas terão que descobrir o passado sinistro da Mansão Wildberger, com o objetivo final de aprender sua própria identidade perdida.

Jogabilidade

Tormented Souls survival horror 1hit games

📷  Tormented Souls ganha novo vídeo de gameplay | Divulgação

Em Tormented Souls, você precisará mais do que mira e bons reflexos para sair vivo. O cenário está a seu favor. Olhe bem a sua volta qualquer coisa que você possa usar para sua vantagem. Combine iténs, resolva quebra cabeças e use todos os recursos disponíveis para explorar os segredos da mansão.

Fique atento

Tormented Souls survival horror 1hit games

📷  Tormented Souls | Divulgação

Em Winterlake, nada é o que parece. Os espelhos fornecem um caminho para uma realidade alternativa e outro lugar no tempo. Ao atravessar esses portões cintilantes, Caroline pode manipular o próprio tecido da realidade de maneiras surpreendentes, transformando a situação em seu proveito. A mansão pode parecer abandonada, mas, como Caroline investiga seus segredos, forças das trevas e horrores indescritíveis farão tudo ao seu alcance para impedir que ela chegue à verdade.

Novo vídeo de gameplay

Tormented Souls ganha novo vídeo de gameplay

📷  Tormented Souls | Divulgação

As desenvolvedoras lançaram no dia 15, um novo vídeo de Tormented Souls. Ele apresenta as principais mecânicas do jogo, incluindo a resolução de muitos quebra-cabeças, perseguições e combate contra criaturas. Confira:

📹 Trailer revelação de gameplay | Divulgação

Vale ressaltar que, o jogo está com registros abertos para inscrições no teste beta fechado no PC, e os participantes que forem aleatoriamente escolhidos irão receber a chave da Steam por e-mail em 21 de abril. Tormented Souls será lançado em formato físico e digital para PS5 e Switch, enquanto que o Xbox Series e PC (Steam) receberão apenas digitalmente. O lançamento está previsto para 2021. Vale lembrar que, o game estava previsto para sair para Xbox One e PS4, contudo, essa versões foram canceladas.

Você é fã de survival horror? O que você espera do jogo? Deixei aí nos comentários.

Referências:

Dual Effect Games, Voxel, The Enemy, PSX Brasil.

Darkest Dungeon

Darkest Dungeon é um videogame RPG desenvolvido pela Red Hook Studios e publicado pela Merge Games. O jogo foi lançado pela primeira vez para Microsoft Windows e OS X em janeiro de 2016, após um período de desenvolvimento de acesso inicial de um ano. Mais tarde naquele ano, ele foi lançado para PlayStation 4, PlayStation Vita e Linux, com portas para iOS sendo lançadas em 2017 e Nintendo Switch e Xbox One sendo lançadas em 2018.

Darkest Dungeon faz com que o jogador gerencie uma lista de heróis para explorar masmorras abaixo de uma mansão gótica que o jogador herdou. Jogado em uma mistura de movimento em tempo real e combate baseado em turnos, uma característica central do Darkest Dungeon é o nível de estresse de cada herói que aumenta com mais exploração e combate; um personagem que sustenta um alto nível de estresse pode adquirir aflições que irão dificultar, ou possivelmente aumentar, seu desempenho como explorador. O jogo recebeu críticas positivas dos críticos, ganhando várias indicações para prêmios e vendeu mais de dois milhões de cópias. Uma sequência foi anunciada em fevereiro de 2019. Uma adaptação do jogo de tabuleiro está atualmente em desenvolvimento.

Gameplay 

Darkest Dungeon é um jogo de RPG no qual o jogador gerencia uma lista de heróis e aventureiros para explorar essas masmorras e lutar contra as criaturas dentro delas . Antes de entrar em uma masmorra, o jogador pode usar as instalações na “cidade central” do jogo perto da mansão para gerenciar uma lista de heróis e inventário. Cada herói pertence a uma das quinze classes de personagens e tem suas próprias estatísticas e habilidades que podem ser atualizadas com o tempo. Se um herói morre enquanto explora uma masmorra, esse herói está perdido para sempre.

Assim que o jogador conclui os preparativos, ele seleciona quatro de seus heróis para explorar uma masmorra gerada por procedimentos . Os encontros de combate acontecem em turnos. Um elemento central do Darkest Dungeon é seu sistema de Aflição, que indica os níveis de estresse dos heróis ou resoluções. Uma série de fatores impactam a Aflição enquanto está em uma masmorra, como aventuras sem comida ou fontes de luz, testemunhar a morte ou ferimento de um membro do grupo em batalha ou de pragas lançadas sobre eles por inimigos. Níveis de estresse não controlados irão interferir gradualmente no comportamento do personagem, como ficar com medo e ser incapaz de lutar diretamente. Permitir que um herói alcance um nível de estresse extremamente alto pode fazer com que ele tenha umataque cardíaco , levando-os à beira da morte, se não atendidos imediatamente. O estresse pode ser reduzido enquanto estiver em uma masmorra por meio de acampamentos oferecidos em locais específicos ou outros itens restauradores, bem como quando estiver de volta à cidade vizinha. 

Esteja preparado para o fracasso

O jogo usa um sistema de salvamento automático enquanto você joga, então tudo o que acontece é permanente, independentemente de ser uma coisa boa ou ruim.

Os heróis em seu grupo desenvolverão aflições e agirão de maneiras incontroláveis; muitos dos seus favoritos até morrerão. E isso vai continuar acontecendo, de novo e de novo, porque essa é simplesmente a natureza deste jogo.

O truque para o sucesso é esperar perdas e nunca colocar todas as suas esperanças em um determinado Herói ou configuração de grupo.

Ensine a si mesmo que o jogo é construído em torno desse sistema e você nunca ficará frustrado quando sofrer uma derrota esmagadora.

Jogue com tato e lembre-se de se retirar

Se você pular para o Calabouço Mais Escuro pensando que pode usar a força bruta no seu caminho através da maioria das masmorras, então tenho uma notícia terrível para você.

As coisas raramente acontecem como você espera neste jogo, já que até mesmo um único erro pode custar caro.

Portanto, se você se deparar com uma situação em que acha que seu grupo sofrerá muitas baixas, ou mesmo se você não tiver certeza de como avançar, nunca tenha medo de usar uma retirada tática. É melhor prevenir do que remediar, e isso pode salvar sua pele com mais frequência do que você pensa.

Recuar significa que seus heróis não ganham nenhum ponto de experiência, independentemente de quantos inimigos eles mataram, e eles também sofrem de estresse por falharem em sua missão.

Mas como regra geral, é melhor deixar seus heróis ficarem estressados ​​do que deixá-los morrer.

Atualize primeiro a diligência

Depois de terminar o tutorial e obter acesso à cidade, você deve atualizar a Stagecoach antes de qualquer outro edifício.

Uma Stagecoach atualizada não só dá acesso a um maior número de novos heróis após cada missão, mas também aumenta o tamanho de sua lista geral de personagens.

Isso é muito útil nas primeiras horas do jogo porque sua seleção de classes de Heróis é limitada no início e essas atualizações permitirão que você adquira personagens melhores e mais diversos que podem ajudá-lo a virar a maré na batalha.

Se você está passando por momentos difíceis e morre com frequência, isso também garante que você tenha um suprimento constante de carne fresca para preencher suas fileiras.

Sempre traga um curandeiro

Independentemente de como você escolhe preencher o restante dos espaços do seu grupo antes de se aventurar em uma masmorra, você deve sempre salvar pelo menos um espaço para um curandeiro.

Pode parecer uma perspectiva atraente criar uma equipe com nada além de tanques e traficantes de alto dano para atravessar hordas de inimigos, mas o que você fará quando eles se ferirem?

Heróis como vestais, ocultistas e flagelantes desempenham um papel inestimável em um grupo, ajudando você a manter seus personagens com boa saúde para que eles possam continuar lutando. Eles podem até mesmo trazê-los de volta da Porta da Morte, curando-os por um mínimo de um ponto de saúde.

Nunca subestime o valor de um curandeiro em um jogo tão difícil como Darkest Dungeon.

Tenha os heróis de backup sempre prontos

Depois de ganhar acesso a novos heróis e entrar no ritmo das coisas, criando uma equipe que efetivamente funcione para você, torna-se fácil focar sua atenção apenas nesses personagens em particular e negligenciar seu elenco restante.

Então, se um de seus heróis favoritos morrer e você não tiver um substituto poderoso o suficiente disponível, você pode se encontrar em uma situação difícil.

Para evitar esse problema, sempre treine alguns Heróis reserva junto com seu grupo principal.

Ao se aventurar em masmorras visitadas anteriormente, traga um ou dois rostos recém-recrutados junto com seus veteranos. Eles podem não ser capazes de fazer muito no início, mas meramente ser capaz de sobreviver em masmorras difíceis ao lado de Heróis experientes os ajudará a subir de nível rapidamente.

Portanto, agora, se um de seus personagens morrer, você não terá que começar a treinar um novo substituto do zero.

Desconfie do estresse

Os heróis adquirem Stress no Darkest Dungeon de várias maneiras, como explorar masmorras no escuro, assistir companheiros morrerem ou falhar em uma missão.

Se o medidor de estresse for deixado desmarcado, pode haver alguns efeitos adversos no personagem.

Com 100 de estresse, os heróis podem desenvolver uma das muitas aflições diferentes, que são características que afetam negativamente seu comportamento e estatísticas. Dependendo de qual Aflição eles tenham, eles podem se recusar a ser curados, usar um item ou até mesmo recuar. Isso pode tornar o combate extremamente desafiador.

Então, a 200 de estresse, eles sofrerão um ataque cardíaco durante o combate que os colocará na porta da morte ou até mesmo os matará.

Para evitar essas situações, é uma boa ideia manter o controle sobre o quão estressados ​​seus personagens estão.

Se o estresse estiver aumentando, mande-os para a abadia ou taverna da cidade para ajudá-los a se livrar dele antes que as coisas piorem. Isso os torna indisponíveis para uso por algum tempo, mas a alternativa poderia ser muito pior.

Saiba quando cortar um herói solto

Peculiaridades são traços de caráter positivos e negativos que os Heróis em Darkest Dungeon podem desenvolver de algumas maneiras diferentes, como participar de expedições ou interagir com curiosidades. Isso afeta as estatísticas e os comportamentos exatamente como as aflições, mas em menor grau.

Eles também são semipermanentes, então se você não gosta de uma peculiaridade em particular, pode ir ao prédio do Sanatório na cidade e pagar em ouro para removê-lo. Demora muito para fazer isso; no entanto, a peculiaridade pode ser reforçada. Ele ainda pode ser removido neste ponto, mas a um custo muito maior.

Você pode estar disposto a gastar uma quantidade excessivamente alta de ouro necessária para colocá-los de volta em forma de luta, mas isso significaria que você está ativamente tirando recursos de seus outros lutadores.

Então, se você se depara com uma situação como esta, em que tem um Herói com múltiplas peculiaridades negativas, que também está continuamente estressado com Aflições, às vezes a melhor coisa a fazer é liberá-los.

Você não pode mais usá-los efetivamente.

Use a classe Antiquarian para ganhar ouro

O ouro é difícil de encontrar no início do jogo, mas é necessário para várias atualizações essenciais diferentes para seus heróis e para a cidade. É aí que o Antiquarian se torna útil.

Em termos de combate, este Herói é sem dúvida o mais fraco em todo o jogo, mas ela tem algumas outras vantagens muito úteis.

Ela pode aumentar a quantidade de ouro que você pode carregar em uma única pilha em seu inventário de 1750 para 2500, o que é uma quantidade significativa de dinheiro no início do jogo.

Ela também faz com que itens únicos caiam de inimigos e objetos antigos, que podem ser vendidos por muito dinheiro depois que você voltar para a cidade.

Se você precisar de algum ouro, certifique-se de recrutar um Antiquário assim que encontrar um na diligência.

Não desperdice ouro e herança em novos recrutas

Os edifícios da Guilda e do Ferreiro na cidade permitem que você atualize as habilidades e equipamentos de combate de seus Heróis. E embora possa parecer sábio investir recursos em recrutas para colocá-los em forma de lutador rapidamente, na verdade é uma má ideia.

Como mencionado antes, os heróis morrem com frequência no Darkest Dungeon e ouro e heranças são difíceis de encontrar no início. Portanto, despejar dinheiro para melhorar os recrutas é um desperdício se não houver garantia de que você possa mantê-los vivos.

Gaste apenas seus valiosos recursos em personagens que já subiram um pouco de nível e você sabe com certeza que conseguirá sobreviver em uma luta.

Mantenha suas provisões em estoque

Itens de provisão como comida e bandagens ajudam seus heróis com efeitos como restaurar a saúde e parar o sangramento. Seria melhor se você nunca subestimasse sua importância durante as missões.

Pode parecer tentador ao se aventurar em uma masmorra para manter a maioria dos slots de seu inventário vazios para qualquer tesouro que você possa encontrar no caminho, mas isso é um erro que pode custar caro no futuro. Sempre priorize slots para provisões.

Certifique-se de fazer um balanço do que você tem disponível e do que você precisa mais, especialmente quando entrar em novas masmorras pela primeira vez. É sempre melhor estar com excesso de provisões do que despreparado e você sempre pode deixar os extras para abrir espaço, se necessário.

Itens como tochas são cruciais para o jogo, pois determinam os efeitos do medidor de luz, um sistema pelo qual heróis e inimigos nas masmorras ganham buffs e debuffs radicais dependendo de quanta luz está disponível.

Portanto, sempre preste atenção em quantas tochas você tem. Você não quer ficar sem eles no meio de uma batalha.

Mantenha sua lista completa

Não existe “muitos membros do grupo” em um jogo como Darkest Dungeon. Você pode levar apenas quatro personagens para cada masmorra, mas o estresse e os danos físicos freqüentemente forçarão seus combatentes a recuar e cuidar de seus ferimentos. Então você vai precisar de um banco profundo de heróis, prontos para subir conforme necessário. Ter uma lista completa também lhe dará o enchimento de que você precisa para colocar um personagem no banco muito estressado / danificado para ser útil durante sua próxima excursão. Apenas certifique-se de ter uma boa combinação de classes. Você nunca sabe o que Darkest Dungeon vai atirar em você.

Questões de posicionamento

Essa dica também funciona como o maior eufemismo no artigo. Não há nada indiscutivelmente em Darkest Dungeon mais importante do que a colocação de seus heróis / inimigos. A posição determina quais inimigos podem / não podem ser atingidos (ou não podem atingir você), quais habilidades estão disponíveis para os membros do seu grupo e ocasionalmente até impactam o resultado de certos eventos não relacionados a combate (como armadilhas). Antes de embarcar em uma missão, reserve um momento para garantir que cada membro do seu grupo esteja em sua posição ideal – porque os cruzados e os homens de armas não serão muito úteis nos quatro pontos – e verifique se eles ‘ você terá acesso aos feitiços / habilidades de que você precisa para esta corrida em particular. Faça o mesmo após qualquer encontro de combate que reorganizou sua equipe.

Lento e constante vence a corrida

Para terminar Darkest Dungeon , os jogadores precisam perceber que o jogo não é um sprint. É mais como uma ultramaratona com um componente de revezamento. Você treinará dezenas de personagens a partir do nível zero, muitos dos quais morrerão antes mesmo de atingir o limite, e trocarão membros do grupo constantemente. Não há maneira de contornar esse processo. Na verdade, há uma série de mecanismos em vigor especificamente para punir aqueles que tentam contornar o ritmo de caracol do jogo. Portanto, não tente.

Em vez disso, certifique-se de que cada viagem para longe do povoado resulte em um pequeno passo à frente para a propriedade de sua família. Explore cada masmorra da maneira mais eficiente possível, sem colocar seus heróis em risco, e venda bugigangas indesejadas por ouro extra. Tente fazer pelo menos uma melhoria de construção entre cada passagem pelas masmorras, mas deixe bastante dinheiro para equipamentos melhores e tratamento médico. Mais importante ainda, certifique-se de ter bastante ouro para aliviar o estresse na igreja e / ou taverna.

Conheça o seu orçamento

Entre pagar para aliviar o estresse, equipamentos melhores e novas habilidades, não faltam maneiras de gastar seu ouro em Darkest Dungeon. Mas é vital que os jogadores nunca se esqueçam de reservar dinheiro para comprar provisões para a próxima viagem. No início, você geralmente não precisa de mais de 2.000 ouro por corrida. Eventualmente, esses custos começarão a subir, conforme a duração de suas excursões aumenta e você começa a experimentar as várias curiosidades espalhadas por cada local.

Aqui estão as disposições que tendemos a comprar para as missões iniciais (nível 0-1):

Short Quest

8 alimentos

10 tochas

1 bandagem

1 antiveneno

Opcional: pá (se você estiver se sentindo rico)

Tente não usar a comida, a menos que você seja solicitado a comer ou vá para a última sala da masmorra. Use uma tocha sempre que seu nível atual cair abaixo de 75. 10 tochas devem ser suficientes para manter a masmorra bem iluminada por toda a sua corrida.

Missão Média

12-16 Alimentos

14-16 tochas

2 bandagens

2 antiveneno

1 pá

Trazer um pouco de comida extra em missões mais longas dá a você algum espaço de manobra para usar uma ração para manter um de seus heróis longe da Porta da Morte. Certifique-se de manter pelo menos 8 rações disponíveis para acampar.

Conheça suas prioridades

Uma das maiores chaves para a sobrevivência, uma vez que você se aventurou em uma masmorra, é saber quais inimigos você deve priorizar em combate. Graças a algumas mudanças recentes de equilíbrio, para dissuadir aqueles que estavam prolongando os encontros a dar à sua festa tempo para curas extras, é mais importante do que nunca terminar cada engajamento o mais rápido possível. No início, isso geralmente significa focar nos Acólitos Cultistas e / ou Pestilentos Suínos sempre que os encontrar. Mas saber qual (is) alvo (s) priorizar fica mais complicado conforme o jogo avança. Preste muita atenção durante o combate e descubra quais inimigos estão lhe dando mais / menos problemas de forma consistente e ilumine-os na próxima vez que você se encontrar no calor do combate.

Debuffs podem empilhar

Blight e Bleed não são úteis apenas porque ignoram as estatísticas de proteção. Ambos os debuffs podem ser empilhados, várias vezes, para aumentar a quantidade de dano causado em cada turno. É importante lembrar que isso vale para os dois lados. Claro, você pode fazer um trabalho rápido com um Brigand Bloodletter com alguns ataques de ferrugem / sangramento. Mas você vai se amaldiçoar por não ter trazido mais suprimentos médicos em sua última viagem na primeira vez que um efeito de praga de três pilhas desfere um golpe mortal em um membro do grupo antes que ele / ela possa ser removido da Porta da Morte. 

Ignorar a maioria das curiosidades

Dependendo da sorte que você teve até agora, você já pode ser avesso a investigar as várias curiosidades encontradas em cada masmorra. Sim, alguns dos itens espalhados em cada masmorra ocasionalmente são úteis. Caixas-fortes desbloqueadas frequentemente rendem ouro extra e outros recursos, enquanto mapas e outros itens podem ser encontrados regularmente em mochilas. Mas muitas curiosidades criam sérios problemas para o seu grupo se você não estiver carregando os itens adequados, todos eles custando ouro que você geralmente não pode dispensar neste momento. Alguns ficam presos, causando instantaneamente dano ao personagem que os desencadeou, enquanto outros transmitem uma variedade de doenças físicas. Até que você esteja mais familiarizado com as várias curiosidades, continue caminhando.

Curas dedicadas são as melhores curas

Nunca desafie um chefe sem um curandeiro dedicado em sua equipe. Idealmente, esse curandeiro será uma Vestal bem nivelada, com equipamentos e habilidades de cura atualizados. E não faria mal nenhum ter um plano alternativo também. Battle Medicine faz uma ótima cura secundária em níveis mais altos, mas o ponto principal é: não desafie chefes sem um curandeiro. Não vai acabar bem.

Referências:

Player, Exputer, Wikipedia.

Pillars of Eternity II: Deadfire

Pillars of Eternity II: Deadfire é um videogame RPG desenvolvido pela Obsidian Entertainment e publicado pela Versus Evil. É a sequência de Pilares da Eternidade de 2015 e foi lançado para Microsoft Windows, Linux, macOS em maio de 2018 e para PlayStation 4 e Xbox One em janeiro de 2020. Ele será lançado para o Nintendo Switch em uma data posterior. O jogo foi anunciado em janeiro de 2017 com uma campanha de crowdfunding na Fig, onde atingiu sua meta de financiamento em um dia.

Gameplay

Pillars of Eternity II: Deadfire é um videogame RPG jogado de uma perspectiva isométrica. Ambos os companheiros e novos companheiros estão disponíveis, dependendo das escolhas feitas pelo jogador, que desempenham um papel opcional na história do jogo. Deadfire concentra-se na navegação marítima e na exploração de ilhas por meio de um navio. Tripulações também podem ser contratadas para cuidar deles e auxiliar no combate aos navios. A jogabilidade baseada em classe retorna, com cada classe tendo pelo menos quatro subclasses opcionais com habilidades únicas. Um novo recurso do Deadfire em comparação com o original são as subclasses.

Nível de dificuldade – qual devo escolher para minha primeira jogada?

O nível de dificuldade Classic é a melhor escolha para sua primeira jogada. Aqui, você deve preparar seu grupo para a maioria dos encontros com monstros ou para lidar com seus ataques incomuns, mas, ao contrário dos próximos níveis, não oferece um grande desafio. Esta dificuldade perdoa todos os pequenos “erros” cometidos durante a escolha dos membros do grupo ou cometidos durante o processo de desenvolvimento de seu personagem. A exceção é quando você não jogou o primeiro jogo ou não se lembra muito bem. Se for assim, pense em escolher o nível de dificuldade Relaxado, pelo menos nas primeiras horas da campanha.

A capacidade de alterar seu nível de dificuldade atual em qualquer ponto é uma característica importante de Pilares da Eternidade 2 Deadfire. Esta opção é útil quando, por exemplo, você não consegue vencer uma luta apesar das inúmeras tentativas. A dificuldade pode ser alterada no menu de opções. Lembre-se de que essas mudanças afetam apenas um desafio oferecido por inimigos gerados no mapa explorado atualmente. Outras mudanças, por exemplo, número de inimigos, são ativadas em novos mapas. Nota – Mudar seu nível de dificuldade logo após iniciar o jogo pode bloquear o acesso a algumas das conquistas!

Como importar seu progresso do Pilares da Eternidade 1

Pillars of Eternity II: Deadfire permite que você importe suas escolhas da primeira parcela e seus pacotes de missão White March. Existem três maneiras de fazer isso:

Importar um jogo de salvamento de Pilares da Eternidade 1 – Esta é a melhor solução, se você só tiver seus salvamentos da parcela anterior e quiser que o mundo do jogo na segunda parcela reflita essas escolhas.

Use um dos seis Histories (a imagem acima) – Esta é a melhor solução se você não tiver nenhum salvamento ou simplesmente quiser fazer um início rápido. É melhor escolher uma das variantes mais neutras. O mais extremo é o sexto Histórico, porque ele assume o pior dos cenários possíveis (escolher finais de missões “ruins”; causar a morte de membros do seu grupo, etc.). Não escolha este se esta for sua primeira vez com Deadfire.

Escreva sua própria história – você pode fazer isso no menu principal. Existem muitas opções para escolher e eles podem, por exemplo, determinar como terminaram missões importantes, quem você ajudou, quem morreu, o que aconteceu com os membros restantes do grupo, etc. Esta é uma boa solução se você jogou a primeira parcela, mas você não tem nenhum salvamento.

Nota adicional – todos os eventos ou opções de diálogo resultantes das escolhas feitas em Pilares da Eternidade 1 são marcados com um ícone especial (um algarismo romano com fundo azul).

Herói e festa – como planejar seu jogo?

O processo de criação do personagem é extremamente importante em Pillars of Eternity II: Deadfire. Criar um personagem fraco ou difícil de gerenciar pode aumentar o nível de dificuldade. Decida se você deseja jogar como um personagem de uma ou várias classes durante sua primeira jogada. Um personagem multiclasse oferece uma variedade e opções maiores, mas também é mais fácil cometer erros que podem tornar seu personagem mais fraco. Se você jogou os primeiros Pilares da Eternidade então você pode pensar em criar um personagem multiclasse, mas tente escolher classes menos complicadas (por exemplo, lutador + ranger) que são fáceis de desenvolver. Se esta é sua primeira vez com a série, então fazer um personagem de classe única é sua melhor escolha. Graças a isso, será mais fácil tomar decisões enquanto sobe de nível e escolhe novas habilidades ou estatísticas.

Escolher os membros do seu partido é igualmente importante. Seu grupo em Pillars of Eternity II: Deadfire só pode consistir em cinco personagens (o primeiro jogo permitia que os jogadores tivessem seis membros do grupo). Esta é uma das razões pelas quais interpretar um personagem multiclasse é tão atraente. Ter apenas personagens de classe única oferece menos opções. Depois de encontrar um membro potencial do grupo, você pode escolher sua classe (o jogo propõe duas classes regulares e um único item para um personagem multiclasse). Tente fazer uma festa onde as classes principais (guerreiro, mago, sacerdote, ranger etc.) tenham pelo menos um representante. Outras decisões, como se você deseja lutar em combate corpo-a-corpo ou usar feitiços, dependem de você.

Auto-Pause – quando usar?

A pausa é parte integrante de quase todas as batalhas em Pillars of Eternity II: Deadfire. Este elemento deve ser familiar para você se você jogou o primeiro jogo ou qualquer outro RPG clássico. Usar a pausa automática é igualmente importante – ela é ativada automaticamente ao atender a certas condições. A pausa automática pode ser ajustada nas opções (a imagem acima). As configurações recomendadas para ativar a pausa automática são:

Inimigo localizado. Isso é quase um must-have. A pausa automática pode protegê-lo de correr entre inimigos e da necessidade de fazer algumas reações rápidas. Além disso, esta opção é útil se você jogar como um personagem furtivo, porque você pode começar a planejar seu ataque furtivo mais cedo (ou pode decidir contornar um inimigo mais resistente). Nota – Lembre-se de definir Parar Movimento do Grupo se decidir usar esta opção e as duas seguintes. Isso diminui a chance de um de seus companheiros correr perigo grave.

Início do combate. Esta é uma extensão da opção descrita acima. Mesmo que você não precise fazer preparações adicionais para uma luta em particular, ainda existem situações (por exemplo, um ataque furtivo do inimigo ou uma conversa que termina com uma luta) em que esta opção é muito útil.

Armadilha detectada. Outro cenário muito importante. Você encontrará inúmeras armadilhas ao longo do jogo. A maioria deles pode esgotar a saúde do membro do seu partido em um piscar de olhos e também podem causar ferimentos. Nota importante – Nem todas as armadilhas podem ser detectadas automaticamente pelo seu grupo. Isso depende do nível de percepção. Cuidado, especialmente dentro das masmorras. Você pode tentar aumentar o zoom o mais próximo possível e examinar você mesmo as salas recém-visitadas – as armadilhas geralmente podem ser detectadas a olho nu (por exemplo, fileiras de pequenos orifícios no chão).

Baixa saúde. Este é um cenário muito melhor do que aquele em que o jogo pausa automaticamente após a morte de um membro do grupo (derrubado no chão). Restaurar uma barra de saúde é muito mais simples do que trazer alguém de volta à vida. Além disso, ser derrubado causa lesões que deixam o personagem mais perto da morte definitiva.

Objeto oculto encontrado. Os esconderijos são marcados em roxo. Esta configuração é útil quando você deseja visitar locais. Sem ele, você pode facilmente perder uma mensagem sobre se deparar com um objeto oculto, especialmente quando a câmera não está centrada na festa naquele momento.

Arma ineficaz. Esta e outras configurações semelhantes são úteis em níveis de dificuldade mais altos, pois você encontrará mais inimigos com resistência parcial ou total a certos tipos de dano. Essas configurações não são necessárias em níveis de dificuldade mais baixos, mas ainda podem ajudá-lo a detectar problemas mais rapidamente.

Nota adicional – Além da pausa automática, você também pode usar o sistema de controle de velocidade de combate. Isso permite que você, de certa forma, reduza o tempo para ter mais controle sobre o que está acontecendo. Quanto a lutas fáceis, você pode acelerá-las. Para saber mais, consulte o capítulo intitulado Combate.

XP – como subir de nível mais rápido?

Completar missões principais e secundárias é a melhor fonte de XP em Pillars of Eternity II: Deadfire. Tente desbloquear todos eles. Você recebe XP independentemente de como a missão foi concluída.

Outros métodos de obter XP são descobrir novos locais e adicionar novas entradas de inimigos ao bestiário. Uma informação importante é que no caso de batalhas com monstros, apenas aquelas batalhas que envolvem adicionar uma entrada completamente nova ao bestiário ou atualizar as entradas já adicionadas são levadas em consideração. Em outros casos (incluindo lutar com pessoas), você não receberá nenhum ponto.

Stealth – vantagens de permanecer nas sombras

Confiar na furtividade em Pillars of Eternity II: Deadfire é recomendado – use-o sempre que puder. As maiores vantagens de se esgueirar são:

A possibilidade de aproximar-se furtivamente dos inimigos que lhe permite preparar melhor a sua equipa ou atacá-los de surpresa (por exemplo, de um flanco ou por trás).

Uma chance de contornar inimigos mais fortes. Isso é especialmente útil no início da campanha, quando seu grupo não consegue lidar com alguns inimigos de “elite” ao mesmo tempo.

A possibilidade de roubar itens de baús e carteiristas. Ambos os métodos podem lhe dar saques valiosos, mas lembre-se de ser cauteloso – ser pego pode reduzir seus pontos de reputação em um determinado local e / ou levar a uma luta.

Furtividade e prestidigitação (furto de carteiras) são algumas das habilidades que você deve começar a desenvolver desde o início do jogo. Você também deve usar a ajuda oferecida pelo jogo – o círculo cinza que indica o quão longe um personagem pode ouvir; o triângulo vermelho que mostra o campo de visão de um NPC, e pequenos círculos exibidos no chão ao redor de seus personagens que informam o quão perto eles estão para serem detectados.

Observação importante – Pillars of Eternity II: Deadfire usa um sistema de detecção de roubo bastante exclusivo. Você não será pego nem punido com reputação negativa por invadir um baú (mesmo se usar lockpicks para fazer isso). Você pode dar uma olhada em um contêiner e dar uma olhada no que está dentro (e até mesmo ler documentos!), clicando em RMB. Só tirando um item do baú existe o risco de ser pego. No entanto, isso só é válido para os itens que foram marcados em vermelho na janela de conteúdo.

Viajando pelo mundo – mapas locais e mundiais

Viajar pelo mundo de Pillars of Eternity II: Deadfire é semelhante à forma como era feito no jogo anterior. No entanto, a sequência tem alguns recursos novos e importantes. Existem quatro aspectos de viajar pelo mundo do jogo:

Mapas locais – incluem cidades, vilas, masmorras e outros locais que têm seu próprio mapa e onde você pode ver todos os membros do seu grupo e a interface do usuário em sua versão completa. Cada mapa local tem uma ou algumas “saídas” – elas podem levar a sublocações (por exemplo, masmorras sob ruínas) ou a um mapa de cidade / mapa mundial.

Cidades – locais maiores no jogo podem receber mapas da cidade, onde os distritos foram delineados (por exemplo, porto, comércio). Você pode viajar entre esses distritos, onde chegar a outro distrito geralmente leva de 1 a 2 horas do tempo de jogo.

Mapas mundiais: viajando a pé – é assim que você descobre novas partes das ilhas ou outras áreas que estão em terra. Você pode escolher livremente seus destinos (o tempo passa mais rápido quando você está viajando). Graças a este método, você pode alcançar novos locais nos mapas ou pode examinar locais menores (encontrando suprimentos, participando de uma interação com script, etc.).

Mapas do mundo: usando um navio – Este é um novo recurso muito importante adicionado ao jogo. Usar um navio é a única maneira de chegar a ilhas e outros locais distantes. O tempo passa mais rápido e você pode escolher a direção, como faz quando viaja a pé. Graças ao seu navio, você pode chegar às ilhas (procure os ícones de ancoragem), vá direto para os mapas locais, mas também pode examinar locais opcionais. Além disso, seu grupo pode encontrar outros navios – você pode decidir se deseja atacá-los ou evitá-los.

Salve seu jogo antes de começar a examinar uma nova área ou ilha. Isso pode protegê-lo de encontros com oponentes poderosos, uma interação programada (que pode ser “falhada” devido a más decisões) ou uma batalha marítima com um navio inimigo. No entanto, você não deve evitar explorar novos lugares porque visitar um novo mapa pela primeira vez dá XP.

Mais informações sobre como explorar o mundo podem ser encontradas nos capítulos Exploração e interação com o meio ambiente e Viagem de navio, que contém várias dicas, por exemplo, sobre como criar uma tripulação de navio, reunir suprimentos ou derrotar outros navios em batalhas navais.

Itens que são úteis durante a exploração do mundo

Usar passagens alternativas, graças a certos itens, e alcançar tesouros únicos foi possível nos primeiros Pilares da Eternidade. Deadfire também tem essa opção. Um dos itens mais importantes são os lockpicks. Eles permitem que você abra portas ou baús, desde que o pool de Party Assist for Mechanics seja ligeiramente mais baixo do que o de uma fechadura (por exemplo, uma fechadura de nível 4 e 3 pontos de Party Assist em Mechanics). Infelizmente, os lockpicks não podem ser usados ​​quando o nível de uma fechadura é muito maior do que o nível de Mecânica de todo o grupo. Por exemplo, lockpicks não estarão disponíveis se um lock estiver no nível 10 enquanto seu grupo tiver apenas 5 pontos em Mecânica.

Além de lockpicks, existem outros itens que oferecem interações exclusivas com o ambiente (e possíveis novas passagens alternativas). Esses itens são Corda e Grappling gancho, martelo e um formão, picareta e prybar.

Todos esses itens podem ser comprados de fornecedores ou encontrados no mundo todo. Tente sempre ter pelo menos uma unidade de cada item em seu inventário. Eles são todos descartáveis. Salve seu jogo antes de usar qualquer um deles, caso o resultado não seja satisfatório para você. Quando isso acontecer, você pode simplesmente recarregar o seu salvamento anterior e deixar esse valioso “gadget” para mais tarde.

Missões – o jogo não mostra um caminho exato para o gol

Assim como na edição anterior, Pillars of Eternity II: Deadfire não segurará sua mão durante as missões. Aqui você pode encontrar algumas informações importantes sobre missões:

Fale com todos os NPCs porque os geradores de missões não são marcados pelo jogo. Procure personagens com nomes únicos, há uma grande chance de você conseguir falar com eles. Lembre-se sempre de usar todas as linhas de diálogo (ou pelo menos usar aquelas que estão disponíveis graças às suas estatísticas atuais e habilidades de grupo). Pular uma missão pode diminuir sua diversão, mas também custa muito XP ou itens como recompensa.

Verifique seu diário para ler uma descrição de cada missão. O jogo não marca nenhum local relacionado a missões no mapa (por exemplo, uma cabana que pode ser examinada, um NPC que pode ser interrogado). Você tem que descobrir tudo isso sozinho. Preste atenção às partes do texto em negrito. Eles geralmente informam sobre locais ou personagens importantes relacionados a uma determinada missão.

A maioria das missões em Pillars of Eternity 2 Deadfire não são lineares. Essa não linearidade é evidente principalmente em conversas com NPCs e interações com objetos do ambiente. Algumas linhas de diálogo ou maneiras de se comportar só estão disponíveis quando você atende a certos requisitos (por exemplo, uma alta diplomacia ou ter um personagem de uma determinada raça em seu grupo). Você também pode precisar fazer uma escolha – há situações em que certas ações são mutuamente excludentes. Salvar antes de cada decisão importante é uma boa ideia. Ao fazer isso, você tem a chance de voltar e escolher uma linha diferente.

Nota – A informação importante, em relação às missões, é que o jogo informa sobre a dificuldade potencial. Isso é representado por crânios no diário ao lado do nome da missão. Quanto mais crânios, mais difícil é a tarefa. Deixe todas as missões mais difíceis para um momento posterior e concentre-se nas que correspondem à experiência do seu grupo.

Nosso guia para Pillars of Eternity 2 Deadfire contém um passo a passo para todo o jogo. Verifique se você tiver problemas ou dúvidas. Tentamos nosso melhor para incluir tantas variantes quanto possível e para informá-lo sobre as consequências de realizar certas ações.

Efeitos de status positivos e negativos – como entendê-los?

Os status são um elemento importante da jogabilidade em Pillars of Eternity II: Deadfire. Eles podem determinar o quão bons (ou ruins) os membros do seu partido são no cumprimento de seus pedidos. Eles também podem afetar seu estado de saúde atual. Os status são divididos em positivos e negativos. Os positivos geralmente são criados por feitiços, bênçãos ou efeitos causados ​​por ataques AOE. Status negativos podem ser causados ​​por um ataque único ou uma armadilha ativada.

Os status são marcados por pequenos ícones próximos aos retratos dos membros do seu grupo, que são exibidos no canto inferior esquerdo. Mova o cursor do mouse sobre eles para aprender sobre um determinado status. Status negativos podem ser anulados, por exemplo, beber poções, antídotos ou lançar feitiços de cura.

Muitos dos status duram apenas uma batalha. Aqueles que duram mais ou são “permanentes” (por exemplo, o status da imagem acima que dá estatísticas de bônus se um companheiro animal estiver perto daquele personagem) podem ser verificados na ficha de personagem. Lesões são uma categoria separada e são marcadas com gotas de sangue que são exibidas ao lado do retrato de um membro do partido (à esquerda). Mais sobre eles na próxima subseção deste capítulo.

Salvar o jogo e a morte de um personagem

Por padrão, Pillars of Eternity 2 Deadfire permite que você crie um número ilimitado de salvamentos. Você pode usar salvamentos rápidos ou manuais. Além disso, o jogo sempre cria um salvamento automático sempre que você entra em um novo local. A exceção é quando você escolhe o modificador Trial of Iron no início do jogo. Neste modo, você tem que vencer o jogo em um único slot de salvamento que é excluído após a morte de todo o seu grupo. Não tente jogar neste modo se não tiver concluído o jogo pelo menos uma vez. Este modo requer que você saiba tudo sobre a mecânica do jogo e tenha conhecimento sobre possíveis ameaças em um determinado local. Salve seu jogo antes de começar a explorar um mapa desconhecido ou antes de cada batalha. Salve ANTES de se aproximar dos inimigos, ou seja, antes que eles percebam seu grupo.

Em Pillars of Eternity 2 Deadfire, um membro do grupo que foi nocauteado não morrerá imediatamente. Esse personagem pode ser ressuscitado por outro companheiro durante a mesma luta ou ele se levantará após uma batalha (vitoriosa). Infelizmente, você não pode confiar nesse método sempre que quiser. Cada situação em que um personagem é derrubado causa uma lesão. O seu estado atual de saúde pode ser verificado a qualquer momento do jogo. Essas lesões são marcadas com gotas de sangue vermelhas exibidas à esquerda do retrato de um personagem – o personagem na foto acima tem três lesões (três gotas). A quarta queda significa que esse personagem morrerá permanentemente. Recarregar um salvamento anterior é uma boa opção aqui. No entanto, os ferimentos podem ser removidos:

Visitar uma pousada e alugar um quarto é uma ideia melhor. O descanso elimina lesões e todos os outros status, mesmo se você usar a variante básica (aquela que não lhe dá nenhum bônus de estatísticas).

Uma forma alternativa é fazer um acampamento. Este método só é útil quando você está longe de uma aldeia ou qualquer outro local que ofereça um local de descanso e seu personagem tiver três ferimentos e estiver perto de morrer. Aqui, os ferimentos só podem ser removidos com alimentos.

Nota importante – Lesões podem ser causadas não apenas durante as lutas, mas também após pisar em uma armadilha. Tenha muito cuidado ao examinar locais desconhecidos, especialmente masmorras. Isso reduzirá a chance de ativar uma armadilha. Depois de descobrir um, você pode tentar desarmá-lo ou contorná-lo. Lembre-se de que armadilhas de alta qualidade podem não ser descobertas automaticamente por seu grupo. Percepção é o atributo que determina o quão bons seus personagens são em encontrar armadilhas.

Testes de assistência de grupo – pontos de habilidade de todo o grupo podem combinar

Pillars of Eternity 2 Deadfire apresenta um sistema onde as habilidades de seu personagem principal podem ser fortalecidas pelas mesmas habilidades de outros membros do grupo. Como isto funciona na pratica?

Por exemplo – o personagem principal escolhe uma ação que requer a habilidade Diplomacia (isso ocorre durante uma conversa). A habilidade de diplomacia dos membros do grupo é assim: Personagem principal – 3 pontos de Diplomacia

Aloth – 4 pontos de Diplomacia

Xoti – 5 pontos de Diplomacia

Pallegina – 2 pontos de Diplomacia

O personagem principal tem 3 pontos de Diplomacia, mas também recebe um bônus de seu grupo: 4 + 5 + 2 = 11. Isso dá 5 pontos de Diplomacia adicionais – seu personagem recebe 8 pontos de Diplomacia durante esta ação.

Construa uma festa completar

Não – não queremos dizer cinco bffs que saltam por aí dizendo uns aos outros o quanto eles amam aquela nova couraça, ou como a espada bastarda que eles estão usando realça a cor de seus olhos. Para sobreviver aos muitos desafios de Pillars of Eternity II: Deadfire, você precisa compor um grupo de classes que complementam as habilidades umas das outras. Vaguear com um grupo formado exclusivamente por conjuradores de membros esguios é procurar encrenca, e o mesmo vale para guerreiros desajeitados que nem sabiam soletrar ‘magia’, quanto mais manejá-la.

Em vez disso, é melhor equilibrar suas classes de acordo com seus pontos fortes e fracos relativos. O equilíbrio preciso está aberto à experimentação – e na verdade, isso é metade da diversão – mas se você estiver chegando aos Pilares, e talvez até mesmo RPGs isométricos, novamente aqui está um modelo básico: dois tanques, um revendedor DPS (corpo a corpo ou à distância) , um curandeiro e um utilitário.

Como o tamanho do grupo diminuiu de seis para cinco desde o primeiro jogo dos Pilares, a composição do partido não pode ser traduzida exatamente entre os dois, mas os princípios permanecem os mesmos. Os dois tanques estão lá para tirar todo o dano de quem você está lutando, porque eles inevitavelmente terão mais saúde e resistência. Guerreiros, Bárbaros, Paladinos, Monges e até mesmo Chanters podem funcionar bem em uma parceria de tanques juntos, especialmente se receberem bônus que atraem a atenção do inimigo para eles e, portanto, para longe dos membros mais fracos do grupo.

Nos negociantes DPS – a ênfase aqui é lidar com o dano máximo por segundo ao invés de absorvê-lo. Barbarian, Monk, Cipher, Rogue e Wizard são adequados para o trabalho, e você pode até decidir sacrificar um tanque por dois deles – dividi-los em um corpo a corpo e um à distância torna mais difícil para os inimigos se posicionarem adequadamente para anular eles. Atrás deles está o seu curador – um sacerdote ou druida – cujo trabalho principal é melhorar a saúde de todos e mantê-los vivos. Depois, há a sua utilidade – qualquer uma das classes mágicas, como Wizard, Chanter ou Druid – que aumenta os amigos e enfraquece os inimigos para os tipos de ataque dos outros membros do grupo.

Você saberá que encontrou uma composição decente quando, ao pausar o jogo, descobrir que a ação padrão de cada membro do grupo é aproximadamente o que você gostaria – ou seja, duas pessoas absorvendo o dano, a maioria lançando ataques e um ou dois no dever de polimento.

Entenda o sistema de saúde

Este foi um elemento confuso nos primeiros Pilares: saúde e resistência são ambas esgotadas quando você sofre dano em combate, mas suas consequências e curas variam significativamente. A resistência pode ser reabastecida facilmente usando feitiços e itens, e ficar sem ela completamente em combate derrubará um personagem. A saúde, por outro lado, só pode ser reabastecida com descanso. Se você perder toda a saúde de um personagem uma vez, ele será derrubado e retornará em 1HP com um status de ‘mutilado’ permanente, o que significa que na próxima vez que perder toda a saúde, ele morrerá. Para sempre. Foi. Kaput.

Dadas as apostas altas e o fato de que esses dois sistemas não são muito explícitos no jogo original, isso provou ser um dos maiores obstáculos para os iniciantes. Portanto, ele foi ligeiramente remodelado para o Pilar II. Há apenas uma barra que determina como, hã, os membros do seu grupo estão vivos e, se estiver esgotada, eles perderão 25% do HP até o próximo descanso. Se eles forem abatidos quatro vezes sem descansar, eles estão mortos. Então, você sabe, descanse seus membros feridos do partido.

Preste atenção ao posicionamento

Pode não parecer a princípio, mas onde os membros do seu grupo estão em relação uns aos outros e seus oponentes tem uma grande influência no resultado de cada luta.

No exemplo mais simples possível, colocar seu tanque na frente de uma porta irá preencher essa lacuna para que outros oponentes não possam entrar na sala e flanquear você. Da mesma forma, colocar o tanque na frente do grupo significa que eles estão mais aptos a realizar tarefas como essa. Não entre com feiticeiros fracos encabeçando sua formação, tipo, nunca.

Quando os bônus começam a ser distribuídos para ataques furtivos e de flanco, as coisas ficam realmente interessantes. Seus feiticeiros podem imobilizar oponentes perigosos para que um Ladino possa se manobrar para desferir o golpe mortal. Ou seu DPS melee pode aproveitar uma oportunidade, já que seu tanque mantém um inimigo engajado na frente, para lançar um ataque de flanco. A tecla de pausa é sua amiga aqui, então use-a para reagir ao inimigo enquanto ele tenta manobrar você.

Fique atualizando com a história

Esta sequência é uma continuação direta dos eventos do primeiro jogo – você até joga o mesmo personagem, o Observador. Se você pulou Pillars, mas não quer sentir que as conversas estão passando por cima da sua cabeça, aqui estão as notas do penhasco.

O Vigilante viaja para o alcance oriental de Eora em busca de um trabalho de aventura honesto. Suas humildes ambições são prejudicadas quando uma tempestade mata seu grupo de viajantes e, enquanto buscam abrigo em uma caverna próxima, eles testemunham um horrível ritual de coleta de almas – que, aliás, dá ao Observador o poder de ler almas e reviver suas memórias. Prático.

Ansioso para entender suas visões perturbadoras, o Vigilante encontra Lord Raedric em Dyrwood, que lhes fala sobre a praga Hollowborn – pessoas nascidas sem alma, que são subsequentemente penduradas em uma árvore no meio da cidade. Animancers são os principais suspeitos, mas, como o Watcher descobre durante suas investigações, o culpado é na verdade um sujeito chamado Thanos. Ele é o único do ritual de coleta de almas na caverna, ao que parece.

Rastreando Thanos até seu covil, O Vigilante descobre que os deuses que governam seu mundo são, na verdade, invenções de animancers, colocadas em prática para manter a sociedade sob controle. Thanos é o último da ordem que criou os deuses, e ele tem usado a magia de colheita de almas para permanecer vivo e cobrir seus rastros o tempo todo. O Vigilante o mata, mas como o resto da história termina depende de suas ações anteriores. É possível transportar essas consequências e personagens para Pilares da Eternidade II , que chega ao PC em 8 de maio, mas se você está lendo isso, achamos que isso não será um fator.

Traga um mago e um sacerdote

Eles não podem receber muitos golpes, mas quando sobem de nível, eles oferecem a maior variedade de feitiços que são devastadores no ataque e oferecem a variedade mais tática para você. Os magos oferecem opções que os lutadores simplesmente não podem. Além disso, não tenha medo de usar alguns feitiços que têm efeitos de status em vez de dano direto. Prender os inimigos no chão com teias de aranha pode ser muito mais importante do que assá-los com fogo às vezes.

Quando suas tripas estiverem sendo roídas por carniçais, você ficará grato por ter esses arautos dos deuses para expulsá-los e colocar aqueles fluidos vitais tão importantes de volta dentro de você. Eles podem ser surpreendentemente bons no ataque se você também os especificar.

Divulgue suas habilidades em seu grupo

Durante suas viagens, às vezes você terá que verificar suas habilidades. Pode ser para blefar em uma situação ou para perceber certas coisas sobre a situação em que você está. Em Pillars Of Eternity II, o grupo pode acumular habilidades como um grupo. Então, se seu personagem principal tem 3 na diplomacia e outro tem 2, o grupo terá 5 na diplomacia para verificações de grupo. É muito útil ter isso em mente ao escolher habilidades conforme você sobe de nível.

Coma suas ervilhas e descanse

Quando você descansa em Deadfire, você tem a oportunidade de comer parte da comida que você pilhou ou cozinhou. Comida e descanso vão lhe dar incentivos bastante significativos que podem levá-lo a uma situação complicada.

Referências:

Cultured Vulture, PCGAMESn, Game Pressure, wikipedia.

The Last of Us Part II

Jogo eletrônico de ação aventura e sobrevivência, The Last of Us Part II é desenvolvido pela Naughty Dog e publicado pela Sony Interactive Entertainment. É uma sequência de The Last of Us, de 2013, e foi lançado em 19 de junho de 2020 exclusivamente para PlayStation 4. Ambientado cinco anos após os eventos do primeiro jogo e vinte e cinco anos após o início de um fenômeno epidêmico causado por uma mutação do fungo Cordyceps, os jogadores assumem o papel de Ellie, com 19 anos de idade, que entra em conflito com cultos misteriosos em um Estados Unidos pós-apocalíptico. O jogo contém elementos de survival horror e é jogado numa perspectiva de terceira pessoa. Os jogadores podem usar armas de fogo, arcos, armas improvisadas, esquiva e furtividade para se defenderem de seres humanos hostis e criaturas infectadas.

The Last of Us Part II foi oficialmente revelado durante o evento PlayStation Experience em dezembro de 2016. O jogo é realizado por Neil Druckmann e escrito por Druckmann e Halley Gross e a música é novamente composta pelo argentino Gustavo Santaolalla. Troy Baker e Ashley Johnson voltam a ter os papéis de Joel e Ellie, respectivamente. Estava programado para ser lançado em maio de 2020, mas foi adiado para junho devido à problemas logísticos causados pela pandemia de COVID-19.

The Last of Us Part II foi aclamado pela crítica especializada segundo o agregador de resenhas Metacritic. Os elogios foram direcionados à jogabilidade aprimorada em relação ao seu antecessor e fidelidade visual, enquanto seu enredo e as apresentações de seus temas através da violência receberam opiniões divididas da crítica e do público.

Jogabilidade

The Last of Us Part II é um jogo eletrônico de ação – aventura e sobrevivência jogado numa perspectiva de terceira pessoa. Os jogadores podem usar armas de fogo, arcos, armas improvisadas, esquiva e furtividade para se defender de humanos hostis e criaturas infectadas por uma mutação do fungo Cordyceps. As mecânicas de jogabilidade de Part II foram aprimoradas em relação ao jogo anterior. No jogo, o jogador pode explorar um ambiente mais aberto, sendo capaz de alcançar pontos mais altos, pulando e escalando enquanto joga com uma Ellie mais ágil. Os jogadores também podem deitar no chão para se esconder dos inimigos. Durante o jogo, os jogadores terão personagens não jogáveis os ajudando. Além disso, grande parte do jogo é passado em Seattle, Washington.

O jogo trás de volta o “Modo de Escuta” permitindo que os jogadores localizem os inimigos através de um senso maior de audição e percepção espacial; os inimigos ficam indicados com contornos visíveis através de paredes e objetos. Além disso, os jogadores podem coletar suprimentos para melhorar suas habilidades em uma árvore de habilidades, com os três principais galhos da árvore sendo Sobrevivência, Fabricação e Furtividade. Sobrevivência melhora a saúde, alcance do Modo de Escuta, e aumenta a distância de jogar coisas nos inimigos. Fabricação permitem atualizações no combate corpo a corpo, aumentam a velocidade de fabricação de Ellie e a capacidade de fabricar bombas de fumaça e de choque. Furtividade melhora a movimentação enquanto deitado no chão, assassinatos furtivos mais rápidos, e a possibilidade de usar silenciadores nas pistolas. Part II também introduz cães de guarda que podem rastrear o cheiro do jogador.

Use o mapa quando o tiver

Em determinado momento do jogo você poderá usar um mapa para se orientar. Nele, Ellie marca os pontos de interesse e, apesar de The Last of Us Part II ser um jogo linear, ele oferece uma experiência de “semi-mundo aberto” ao possibilitar que você visite prédios, lojas e lugares opcionais. Por mais que não sejam necessários para a história, os locais podem oferecer momentos únicos e colecionáveis para completar suas estatísticas no jogo, então você não vai desperdiçar tempo investigando cada prédio.

Crie armadilhas explosivas e coquetéis

Nem sempre temos paciência para craftar logo antes de uma batalha contra infectados ou humanos, mas sem dúvidas as armadilhas e coquetéis são ferramentas muito úteis, especialmente contra o primeiro grupo. Por mais que já tenhamos aprendido a usá-los no primeiro game com Joel, saiba que aqui a IA melhorada incentiva que o jogador se preocupe mais com ataques alternativos, que podem te ajudar a criar estratégias enquanto lida com outras hordas e ainda economizam balas.

Melhore suas habilidades furtivas

Ellie tem árvores de habilidades que podem ser melhoradas conforme o jogador encontra manuais e guias pelo cenário e junta pílulas suficientes para desbloquear novos pontos. Há melhorias para combate corpo a corpo, precisão de movimentos e sobrevivência, fabricação de itens e, claro, as habilidades furtivas. Por mais que seu estilo de gameplay possa ser focado em uma abordagem mais agressiva, é fato que a furtividade pode salvar sua pele em grande parte do jogo. Melhorar as habilidades furtivas inclui ouvir melhor a presença de adversário por trás de paredes, fazer menos barulho ao se locomover e agachar, aumentar a velocidade dos durante ataques furtivos — diminuindo os riscos de ser descoberta –, entre outras melhorias significativas.Isso ajudará bastante em pontos cruciais do jogo — mas claro que fica a seu critério escolher a forma que melhor se adequa ao seu gameplay.

Busque recursos

Exploração sempre fez parte da essência de The Last of Us. Enquanto vasculha prédios, lojas e casas abandonadas, não poupe tempo em checar todos os cômodos em busca de recursos. Algumas salas podem estar vazias, mas dificilmente você sairá de mãos vazias de algum local. Munição é escassa, mas há muitos itens úteis pelo caminho: pílulas para melhorar as habilidades da personagem, ferramentas para aprimoramento de armas, itens para produção de kits médicos e armadilhas e muito mais. Olhe sempre os cofres e busque as senhas, mesmo os mais vazios vão encher os bolsos de Ellie. De quebra, você ainda encontrará pelos locais abandonados notas e cartas que contam mais da vida que havia ali antes do caos.

Aprimore as armas

Pelo cenário você encontrará mesas de ferramentas onde é possível melhorar aspectos importantes de suas armas, de forma mais detalhada do que no game anterior. Diminuir a cadência do tiro, aumentar a velocidade de recarga, melhorar a estabilidade ao segurar… todos esses pontos são importantes para fazer com que as valiosas munições sejam melhor aproveitadas.

Crie estratégias de ataque

Não há uma regra fixa para os ataques de sucesso, tudo depende da abordagem que você escolher. Mas, caso opte por avançar a sala em stealth, algumas dicas podem ajudar a poupar algumas vidas e curativos: Uma opção é eliminar os Estaladores antes dos demais inimigos, por serem praticamente mortais, assim você evita que algum passo em falso desperte a atenção deste infectado. Chamar a atenção dos Corredores e Perseguidores para armadilhas de bomba e molotovs poupa muito tempo e faz um estrago em massa, o que torna a eliminação dos restantes ainda mais rápida.

No caso de locais amplamente vigiados por humanos, opte por atacar os adversários mais afastados para não chamar atenção dos demais: comece pelas beiradas até chegar ao centro da ação. Cuidado com inimigos nos andares superiores, lajes e varandas, que podem te ver por janelas. Use o Modo Escuta para “escanear” todo o ambiente, ter ideia da posição de inimigos em pisos superiores ou inferiores, e eliminar os que estiver ao seu alcance sem notificar os demais. Se um inimigo achar um corpo morto, as buscas por você serão mais intensas. Use e abuse das coberturas, grama alta, caçambas e veículos para se esconder.

Cuidado com os Trôpegos, novo tipo de infectado

Por mais assustadores que possam ser os novos infectados, eles não tão difíceis de desvencilhar. É só ter um pouco de paciência — e algumas surpresinhas às mãos: armadilhas terrestres são excelentes para deter trôpegos. Coquetéis e bombas explosivas causam dano e o atordoam por um tempo útil para que você se recupere e ganhe distância. A propósito, distância é a palavra! Trôpegos soltam uma espécie de líquido corrosivo em suas vítimas: fique alerta aos sinais de ataque.

Cuidado com seu rastro

Alguns inimigos do grupo chamado WLF (Washington Liberation Front) andam acompanhados de cães loucos para farejar seu cheiro por trás das coberturas e paredes. Você os ouvirá conversando com os animais, questionando se eles ouviram ou sentiram algo. Neste momento é provável que seu rastro esteja prestes a revelar seu esconderijo. Tenha sempre em mãos um tijolo ou garrafa para distrair a atenção do animal. Ao mudá-lo de direção, você ganha tempo para se esconder novamente; use o Modo Escuta para saber quando seu cheiro está despertando a atenção dos bichos. Fique sempre em movimento e tenha distância dos cachorros — ou os enfrente, se preferir, mas esteja ciente de que são rápidos, podem dar ataques mortais e principalmente chamam a atenção de todos os humanos do local, que imediatamente apontam a mira para você.

Explore até gastar as botas de Ellie

Se tem um jogo que te motiva a explorar, esse é The Last of Us: Parte 2. Do começo ao fim, é importante que você vasculhe cada cantinho dos locais, principalmente vidros de máquinas de lanche. Se você for um jogar paciente e persistente, irá encontrar muitos itens (para construir equipamentos); munições (que estão mais escassas e com espaço menor de carregamento); e outros artefatos importantíssimos. Coldres, Armas novas, Manuais de Evolução e Colecionáveis só podem ser encontrados se você seguir a cartilha de um bom escoteiro. Isso, certamente, fará você entrar muito mais preparado nos combates e traçar estratégias mais assertivas ao enfrentar situações de risco.

Cima + Baixo + Frente – Não, não é cheat code

Essa dica é uma extensão da primeira. Em TLOU2 você tem uma liberdade imensa para explorar. Entretanto, há uma dica importante para se ter em mente. A liberdade que você tem, te permite olhar para baixo, para frente e para cima. Calma, não se assuste – Explicarei!

Baixo: Ellie agora pode deitar e rastejar no chão. Portanto, há lugares secretos que só pode ser adentrador, se você deitar.

Frente: Verifique vidros de Lojas e fendas. Isso pode fazer você encontrar lugares escondidos cheios de itens bons.

Cima: Além de Ellie poder subir em móveis, caminhões e muros, também pode utilizar a Corda. Assim, há lugares que só pode ser acessados se você subir no cenário.

Bônus: Há momentos em que Ellie nada, assim como Joel. Portanto, sempre que estiver nadando, busque buracos escondidos, ou locais escuros. Ali você pode encontrar coisas muito valiosas.

Quem não é visto, não é lembrado

Se tem uma coisa que a gente aprende com Joel é: Furtividade é vida. Em The Last of Us Part II, acreditem, MAIS AINDA. O número de inimigos está muito maior. O nível de percepção deles está muito mais aguçado, portanto, uma estratégia furtiva é a melhor pedida.

Pensando nisso, temos algumas maneiras de encarar os inimigos. O fato de podermos deitar, não ajuda só na exploração, mas certamente é um elemento crucial para se esconder em gramas altas. Temos de novo a abordagem que captura o inimigo desavisado por trás. Também possuímos, novamente, o silencioso e mortal Arco e Flecha. Porém, agora temos a possibilidade de construir silenciadores para sua pistola. Assim, não há desculpa para você não enfrentar inimigos como se fosse um fantasma.

Isso trará vários benefícios, como economizar munição, itens e principalmente, não alertar inimigos faz uma diferença gigante na hora de um combate.

Cuidado: cão bravo

Não é maldade, mas sim pura sobrevivência. A adição dos cachorros são uma elemento que deixa o combate mais picante. Isso porque sua estratégia de furtividade pode ir por água abaixo, umas vez que os doguinhos não percebem só movimento e barulho, mas também o cheiro. Portanto, uma dica importantíssima quando eles aparecerem, elimine-os primeiro.

Eles são inimigos muito perigosos, velozes, que conferem um alto dano e ainda despertam a atenção de todos. Eliminá-los com arco e flecha ou com o silenciador é uma ideia valiosa.

Entre tijolos e garrafas, quebraram-se todos

Assim como no primeiro, tijolos e garrafas são elementos importantíssimos para montar sua estratégia. Seguindo o mesmo padrão, você pode utilizar para despistar infectados e humanos, mas também pode usá-los para atacar o inimigo e assim atordoá-lo, podendo finalizar ou agarrar. A dica é, há locais que existe uma abundância desse tipo de item. Utilize-os sem dó, principalmente quando há cachorros, será de extrema valia. Quando necessário, você pode utilizar esses itens para bater nos inimigos como uma arma de mão.

Já falando em armas de mão, aqui vai uma dica extra. Fique muito de olho da vida útil da sua arma. Veja qual o inimigos está utilizando e a vida útil dela. Existe umas melhores do que as outras, óbvio. Para mim, a mais equilibrada é a machadinha, com alto poder de dano, com vida útil boa e bem veloz.

A esquiva é sua maior aliada

Uma das principais mecânicas que mudaram o estilo de jogar em The Last of Us: Parte 2 é a esquiva. No jogo anterior, Joel era mais forte, mais parrudo, porém mais lento. Nesse agora, Ellie é ágil e veloz, fazendo muito sentido ter a esquiva como aliada.

Dessa maneira, infectados e humanos tentarão te arrebentar a todo custo. Dominar essa arte é essencial para combates frenéticos – principalmente contra os corredores. Mas cuidado, quando você parte para cima de um inimigo que tenha arma de fogo na mão, desista, não é uma boa ideia, pois aqui é The Last of Us, não Matrix.

Cofres não tem dinheiro e essa é a maior riqueza

Assim como no primeiro jogo, cofres são elementos super importantes para esse jogo. Entretanto, diferente do primeiro game, não é apenas só encontrar o código que o cofre será aberto. Dessa vez, está bem mais difícil encontrar as senhas, pois os itens dentro dos cofres são bem valiosos.

Pois bem, a dica é a seguinte. Sempre que você encontrar um cofre, a combinação não estará muito longe. TLOU2 não tem backtracking, ou seja, se você passar daquela área, dificilmente poderá voltar.

Outro ponto importante: nem sempre há um código em uma carta, entregue de bandeja. Portanto você deverá, em alguns casos, procurar as respostas em paredes e, ás vezes, até fazendo cálculos.

O que não mata, evolui

Não é segredo para ninguém que há 5 tipos de evoluções que você vai conquistando ao longo do jogo. Cada uma delas traz focos diferentes. Uma é determinante para a sobrevivência, outra melhora itens, outra te deixa mais poderoso para o combate e assim por diante. Portanto, uma das coisas que eu fazia e que me deixou bem equilibrado e preparado para o combate é não utilizar todos os remédios que eu tinha de uma vez. Isso porque as evoluções vão sendo desbloqueadas ao longo do game, por essa razão é sempre importante você ter pílulas de evolução para quando abrir uma nota coluna, você escolher melhor o que irá evoluir.

Outra dica importante. Fique atento às suas necessidades no jogo. Seja no combate, seja nos itens. Dessa maneira, saberá bem que parte deverá evoluir para que seja útil e melhor seu desempenho.

Por fim, lembre-se que não é só o personagem que evolui; as armas também. Então, nesse game a escassez de ferramentas para melhorar seu armamento é muito grande. A dica é, analise qual é a arma que você mais utiliza. Veja o ponto mais importante para ela. Normalmente é importante evoluir o arco e flecha, capacidade de munição, velocidade de recarga e, se sobrar uma graninha, miras telescópicas sempre vão bem.

Analise os locais

Uma dica que parece óbvia, mas ela pode fazer toda a diferença. Quando você tem uma etapa de enfrentamento é de suma importância que consiga identificar locais para se esconder ou para possíveis escapadas. Isso te dará inúmeras opções de abordagens contra inimigos de todos os tipos. Vale destacar que agora Ellie pode pular cercas, subir em telhados, entrar embaixo de caminhões e se camuflar nas gramas altas. Análise com cautela esses aspectos do cenário, mas não se esqueça de sempre utilizar o R1, modo escuta. Em The Last of Us: Parte 2 está muito mais difícil de perceber o oponente, mas ainda dá pra – pelo menos – ter uma ideia de onde ele está.

Quem não arrisca, petisca sim

Ellie tem mais itens para serem construídos. Portanto, o uso das matérias primas – Álcool, trapo, Lâmina, Explosivos, garrafas, etc, competem muito mais para ver quem será utilizado. Álcool, por exemplo, é usado para fazer Kit médico e bomba. Portanto, saiba qual deles poderá ser mais necessário (optei sempre pelo kit médico).

Outro ponto importante. Com exceção do kit médico, todos os outros itens podem ser opcionalmente reservados para quando a necessidade bater. Então se você perceber que há falta de lâminas nesse trecho que está passando, evite ao máximo usar itens que precisem delas para serem craftados. Assim sendo, você terá passagens um pouco mais seguras tendo sempre reservas importantes de equipamentos poderosos.

Dicas de combate para iniciantes

Matar inimigos furtivamente pelas costas é sempre o método mais seguro, mas se o inimigos estiver perto o suficiente, você pode surpreendê-lo também pelo lado ou até mesmo de frente, desde que esteja em uma cobertura para fechar rapidamente a lacuna que existe até o momento em que ele te vê.

Atirar enquanto agachado aumentará bastante a sua precisão. Atirar deitado aumenta essa precisão ainda mais!

Use garrafas e tijolos com frequência. Jogue-os em seu oponente para um choque temporário e finalize-os com um ataque corpo a corpo, ou use-os para atrair infectados a um local e surpreenda-os com uma bomba ou um coquetel molotov.

Ao matar furtivamente NPCs humanos, certifique-se de sair da área antes que seus camaradas apareçam. Eles vão alarmar os outros e acabar com a sua cobertura. Para evitar isso, mate furtivamente apenas aqueles que estiverem distantes do grupo.

Muitas vezes, você terá um companheiro ao seu lado. Portanto, não tenha medo de deixá-los fazer o trabalho sujo. Se for pego de surpresa e precisar colocar uma pequena distância entre você e seu inimigo, seu parceiro ocasionalmente fará um assassinato furtivo ou até matará o inimigo enquanto ele estiver focado em você.

Ficar embaixo de um carro não é uma invisibilidade garantida – os inimigos procurarão você em cada canto.

Existem muitos itens colecionáveis em todo o mundo, mas fique atento para os coldres para tornar a troca de armas mais eficiente.

Fugir é uma boa opção. As áreas de combate são grandes o suficiente para que Ellie possa fugir de uma luta, permitindo que você recupere o fôlego e, muitas vezes, reative seu status de furtividade. Observe que, mesmo se você estiver se escondendo, seus inimigos estarão em alerta máximo se souberem que você está por ali em algum lugar.

Se houver inimigos humanos e infectados em uma mesma área, uma boa opção é colocá-los para atacarem uns aos outros. É um movimento eficaz e que economiza munição.

Tenha cuidado ao criar itens! Assim como no original, The Last of Us Part II não congela o tempo enquanto você acessa o inventário e usa o menu de criação, portanto, verifique se você está em um local seguro antes de fazer isso.

Dicas de combate para veteranos

Experimente várias estratégias. Usar um coquetel molotov pode matar um inimigo e atrair estaladores para as chamas é uma delas. Montar minas explosivas em pontos de entrada e depois atrair inimigos fará um trabalho rápido para quem se aproximar.

Se você usar silenciadores na pistola, preste atenção à contagem de tiros silenciados que aparece embaixo do ícone da arma. Você não vai querer ser pego por causa do barulho de um tiro acidental.

Quando você leva um tiro e é derrubado, pode atirar a partir desse local propenso, retaliando rapidamente ao invés de perder tempo se levantando.

Ao lutar contra inimigos humanos, você geralmente tem muitos objetos para se esconder atrás e prédios com vários andares. Se estiver morrendo muito, tente abordar o cenário de um novo ângulo ou direção.

Referências:

O Vicio, Combo Infinito, Br Ing, wikipedia.

E aí, o que acha deste game, comente logo abaixo sobre The Last of Us Part II!

Maneater

Maneater é um jogo eletrônico de RPG de ação desenvolvido e publicado pela Tripwire Interactive. Foi lançado em 22 de maio de 2020 para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One, e em uma data posterior no mesmo ano para Nintendo Switch. No jogo, o jogador assume o controle de um tubarão-cabeça-chata que deve evoluir e sobreviver em um mundo aberto para se vingar de um pescador que o desfigurou e matou sua mãe.

Jogabilidade

Maneater é um jogo eletrônico de RPG de ação, jogado numa perspectiva em terceira pessoa. No jogo, o jogador assume o controle de um tubarão-cabeça-chata bebê que deve se vingar do caçador de tubarões Scaly Pete, que o desfigurou e matou o tubarão-mãe. O tubarão tem vários ataques básicos, incluindo atacar inimigos, silenciar fora da água e chicotear inimigos com sua cauda para atordoá-los. Ele também pode usar seus arredores para obter vantagens de combate, como o uso de um peixe-espada como lança. O tubarão precisa caçar e consumir outros animais selvagens aquáticos, como peixes e tartarugas, a fim de obter nutrientes, nomeadamente proteínas, gorduras, minerais e mutagênicos raros. Os jogadores também podem atacar humanos causando estragos ao longo da costa, destruindo iates e navios e derrubando pessoas de jet skis. À medida que o jogador ganha nutrientes suficientes, o tubarão desbloqueia novas habilidades e aumenta de tamanho, o que permite ao tubarão enfrentar criaturas maiores e mais mortais. O tubarão evoluirá lentamente para um megalodonte adulto, e os jogadores poderão adquirir upgrades avançados e opções de personalização, como placas ósseas externas e picos eletromagnéticos, para aprimorar ainda mais as habilidades de combate do tubarão.

Jogando como o tubarão, os jogadores podem explorar livremente um mundo aberto, que consiste em sete regiões. Os jogadores podem descobrir locais escondidos e completar objetivos colaterais. Cada região também terá seu próprio predador, que pode matar o tubarão. Derrotar esses predadores, que incluem jacarés, lulas gigantes, baleias assassinas e até outros tubarões, ganharão habilidades especiais para o jogador. O mundo é reativo. À medida que o tubarão cria mais confusão, caçadores de recompensas humanos serão enviados para caçá-lo. Se o tubarão conseguir matar os dez caçadores de chumbo, receberá recompensas adicionais. O jogo é narrado pelo apresentador de um reality show no jogo, intitulado Maneaters vs. Sharkhunters (dublado por Chris Parnell), que orienta o jogador durante toda a jogatina.

Coma!

Quando você estiver navegando pelo mundo de Maneater, certifique-se de devorar qualquer vida de foca que estiver no seu caminho. Muitos animais – como tartarugas e cavalas – não são necessariamente agressivos, mas consumi-los aumentará você com os principais nutrientes que lhe permitirão aumentar suas habilidades mais tarde. Preste atenção nos tipos de lanches aquáticos em que você está comendo: jacarés e tubarões são ricos em proteínas, enquanto outros fornecem minerais importantes. Você pode usar seu sonar para revelar a composição genética de sua presa.

Não tenha medo de nadar para longe

Nas primeiras horas de Maneater, enquanto você ainda é um tubarão relativamente pouco poderoso, você descobrirá que é fácil ficar sobrecarregado em combate. Como tal, não tenha medo de nadar para longe dos inimigos que são mais poderosos que você. Nosso conselho é planejar uma rota de fuga com cuidado e comer qualquer outra vida marinha para se recuperar enquanto você sai. Depois que sua saúde for restaurada, retorne à batalha com vigor renovado e acabe com seus inimigos traquinas.

Voltar regularmente

À medida que avança na história de Maneater, você desbloqueia novas áreas com vida marinha mais desafiadora. Não tenha medo de voltar atrás em determinados pontos e retornar às áreas anteriores. Eles não apenas serão preenchidos com itens colecionáveis ​​e missões para você completar, mas você provavelmente descobrirá que está mais preparado para lidar com eles depois de subir de nível. Isso também garantirá que você seja mais forte quando retornar à história principal.

Especifique seu tubarão de acordo

À medida que avança pelo Maneater, você desbloqueia várias evoluções e habilidades diferentes que podem ser equipadas pelo seu tubarão. Algumas delas oferecem poderes de choque elétrico; outros permitem nadar mais rápido. Recomendamos alternar entre as habilidades com base no que você está fazendo. Se você está antecipando o combate, talvez se concentre em aumentar seus danos e saúde. Como alternativa, se você estiver procurando por itens colecionáveis, talvez prefira aumentar o número de nutrientes que absorve. Tudo depende do contexto.

Efetue ping regularmente no seu sonar

Seu sonar se tornará seu melhor amigo quando você estiver procurando por itens colecionáveis; portanto, atualize-o o mais rápido possível. Quando você estiver nadando, certifique-se de fazer ping com frequência para abrir áreas de interesse no mapa. Eles serão marcados permanentemente e ajudarão você quando você tentar 100% do título mais tarde.

Fugir

Assim como na vida real, às vezes é melhor fugir de uma situação e voltar a ela em vez de tentar resolvê-la naquele momento. Maneater explora esse conceito e tenta nos encorajar a ficar mais fortes antes de enfrentar uma situação difícil. Ao iniciar o jogo, seu tubarão é relativamente fraco em comparação com outros tubarões no oceano. Isso facilita que seu tubarão seja dominado por outras criaturas do mar durante o combate. Se você estiver enfrentando um inimigo que é mais forte que você, não tenha vergonha de fazer uma saída rápida. Isso lhe dará a chance de voltar à luta depois de subir de nível e comer outra vida marinha ou retornar à batalha com sua saúde totalmente restaurada para acabar com aqueles inimigos complicados.

Particularmente no início do jogo, você enfrentará inimigos muito mais fortes que o seu jovem personagem tubarão. Evite esses inimigos a todo custo até que você esteja mais forte e pronto para igualar sua força.

Plantas amarelas ajudam a navegar em cavernas

Se você se perder em uma caverna ou em uma área escura, há um raio de esperança na forma de plantas amarelas. As plantas amarelas que revestem as cavernas e túneis subaquáticos o ajudarão a encontrar uma saída. Essas plantas e luzes amarelas indicam para onde nadar em seguida, ajudando você a encontrar as pernas do mar enquanto está perdido debaixo d’água. Pode ser extremamente útil em situações apertadas.

Crie um tubarão evolutivo

Lembre-se também de especificar o seu tubarão. Você terá a chance de desbloquear diferentes evoluções e habilidades que podem ser equipadas ao seu tubarão, dando-lhe mais poder e proporcionando uma melhor chance de sobrevivência. Algumas evoluções ajudarão você a nadar mais rápido, enquanto outras podem lhe dar um poder surpreendente. Essas evoluções ajudarão você a se adequar a diferentes tarefas do jogo. Algumas evoluções são boas para equipar quando lutamos, como aumentar sua saúde ou dano. Outros são mais adequados para quando você está tentando encontrar itens colecionáveis ​​ou aumentar seus nutrientes. Alternar entre habilidades e evoluções o ajudará a diminuir quais são as mais adequadas ao seu estilo de jogo.

Existem três tipos principais de conjuntos de mutações no jogo: Bone Set, Bio-Electric Set e Shadow Set. Cada conjunto dará ao seu tubarão um tipo diferente de impulso. O Conjunto de Ossos é obtido derrotando outros predadores e funciona melhor no combate a barcos. O Conjunto Bioelétrico é obtido derrotando caçadores de recompensa e aumentando sua infâmia. É um ótimo conjunto para impressionantes predadores marinhos atacantes também. O Conjunto de Sombras é obtido colecionando itens de coleção de referência. Isso ajuda a aumentar a velocidade, explosões de veneno e ataques de roubo de vida.

Causando Havoc

Um dos aspectos mais atraentes de  Maneater  é ser capaz de desencadear devastação em seres humanos como um tubarão, enquanto você come pessoas desavisadas, destrói barcos e iates e se torna um incômodo absoluto. Há conseqüências nessas ações, é claro, com caçadores de recompensas rastreando você se você causar muitos problemas – mas isso não é tão dissuasivo quanto você imagina. Existem muitos caçadores de recompensas nomeados em  Maneater,  e uma vez que você tenha causado problemas suficientes no mundo aberto do jogo, esses caçadores de recompensas serão alertados sobre sua presença. Continuando trabalhando para garantir que isso aconteça, porque matar esses caçadores de recompensa gera algumas atualizações muito impressionantes que podem realmente ajudá-lo à medida que você avança no jogo.

Matando caçadores

Matar caçadores é mais fácil de dizer do que caçadores de recompensa podem encontrar tudo que eles têm, e embora alguns deles possam ser bem fáceis de derrubar, quanto mais caos você desencadeia, maior a intenção deles em derrubá-lo . Mas há alguns truques que você pode ter em mente para lidar com eles nessas situações. Para iniciantes, continue comendo caçadores que se machucam e caem no mar, porque isso reabastece sua saúde. Muitas vezes, eles chegam até você em vários barcos; portanto, não se concentre em nenhum barco em particular, porque se você fizer isso, os outros poderão sobrecarregá-lo facilmente – mudando de alvo. Finalmente, se você sentir que uma briga não está indo do seu jeito, você pode simplesmente ir mais fundo na água ou nos esgotos, esperar os caçadores perderem o controle de você e voltar para enfrentá-los com vigor renovado.

Sem restrições

Não há nenhuma barra de resistência com que se preocupar no Maneater, o que significa que, quando se trata de combate, você não tem restrições impostas ao movimento. E o único movimento que você deve usar constantemente é o seu esquivar. Freqüentemente, alguns outros animais aquáticos perigosos com os quais você luta podem ser muito rápidos com seus ataques, e muitos caçadores de recompensas em grandes números também podem sobrecarregá-lo com bastante facilidade, portanto, evitar ataques é fundamental. Especialmente durante as primeiras horas do jogo, quando seu tubarão não é muito forte e formidável, esquivar será útil em encontros contra alguns dos predadores mais perigosos do mundo do jogo.

Evoluções

Existe um sistema de progressão surpreendentemente profundo no  Maneater  (que rastreia, já que é um RPG), e uma das maneiras mais importantes de fortalecer seu afiado é através do Evolutions. Desde dar a você dano adicional a buffs passivos e várias outras vantagens, há muitas opções à sua disposição, o que significa que você pode misturar e combinar essas evoluções para se adequar ao seu estilo de jogo. Combinações diferentes podem permitir que você lide com situações de maneiras diferentes; portanto, em vez de usar apenas algumas evoluções que desejar, tente experimentar com elas.

Upgrades de órgãos

Como qualquer RPG, você estará pensando muito em  Maneater  sobre quais atualizações deve obter primeiro e quais deve investir mais, e embora a maioria dessas decisões se refira ao seu estilo de jogo preferido, recomendamos definitivamente investindo em alguns deles. A atualização Anfíbia, que permite que você sobreviva por mais tempo e se mova mais rápido em terra, pode ser bastante útil quando você está tentando pegar atalhos ou apenas quer mais tempo para mastigar seres humanos ou destruir propriedades, enquanto a Digestão Mineral aumenta a quantidade de saúde e minerais que você obtém ao comer inimigos. Cartilagem reforçada aumenta sua resistência a danos, e há o Sonar avançado, é claro, sobre o qual já falamos.

Exploração

O mundo de Maneater  não é gigantesco como o mundo aberto parece ser hoje em dia, mas ainda há muito para ver. No entanto, também há muitas áreas inicialmente bloqueadas. Portanto, quando se trata de explorar o mundo aberto e realizar atividades opcionais e rastrear todos os itens colecionáveis, volte sempre às áreas mais antigas do jogo. À medida que seu tubarão se torna mais poderoso e ganha novas habilidades, você poderá chegar a novas áreas, mesmo em locais mais antigos do jogo, então lembre-se de que a exploração trará mais recompensas quando você também estiver retornando.

Caches nutritivos

Enquanto você está explorando o mundo aberto, um recurso em particular que você deve estar atento são os caches de nutrientes. Além de ajudá-lo a subir de nível significativamente mais rápido, eles também disponibilizam muitos outros recursos úteis. Cada área do mundo aberto tem caches para encontrar e a melhor maneira de localizá-los usando o seu Sonar, do qual falamos anteriormente. Portanto, depois de ter acesso ao Sonar (especialmente se for atualizado), use-o o máximo possível enquanto estiver nadando.

Marcas

A quantidade de milhas que você obtém ao rastrear todos os itens colecionáveis ​​no  mundo aberto de Maneater  variará dependendo de quanto você é completista (ou quão divertido você está se divertindo jogando o jogo, é claro), mas quando se trata de pura definitivamente priorize os Marcos acima de tudo. Embora as placas e os baús não sejam de forma alguma inúteis, o Historical oferece algumas evoluções e atualizações de suor – portanto, sempre fique de olho nele, enquanto explora o mundo aberto.

Como curar em Maneater?

Aqui, como seu personagem é um grande tubarão, a coisa mais óbvia que você pode fazer para manter sua vida alta é simples: coma. Sabe-se que os tubarões comem tudo e qualquer coisa que atrapalhe, até pratos e outros detritos. Mas no Maneater, há bastante peixe para você comer e toda vez que comer, você terá saúde.

Quanto maior o peixe que você come, mais saúde você precisa. Se você é realmente baixo e precisa de saúde rapidamente, procure níveis mais altos com sua capacidade de sonda. Qualquer nível 6 ou superior será um bom impulso e o levará de volta a qualquer luta que faça com que você precise de saúde em primeiro lugar.

Focas, tartarugas marinhas, garoupa, o maior peixe-gato e muitas outras são ótimas oportunidades para curar muito sem muito esforço.

Dicas Gerais

Lembre-se do seu ABC – Always Be Chompin! À medida que você passa de um objetivo para outro, quase nunca há uma razão para estar constantemente devorando qualquer peixe que você encontrar ao longo do caminho. Quanto mais nutrientes você ingerir, mais rápido evoluirá, subirá de nível e se tornará mais forte. Isso também permitirá que você atualize suas mutações mais rapidamente à medida que as encontrar, além de curar os ataques de outras criaturas ou caçadores.

Existem 4 tipos de Nutrientes – Gordura (amarelo), encontrada principalmente na maioria dos peixes dóceis, Minerais (azul), encontrados principalmente em tartarugas, Proteína (vermelha), encontrada principalmente nas criaturas marinhas e seres humanos mais agressivos, e Mutagênico (verde), encontrado apenas em espécies mais raras. criaturas albinas. A obtenção de qualquer tipo ajudará você a subir de nível, e cada mutação requer um tipo diferente para atualizar (embora quase todos exijam algum mutagênico para atualizar para seus níveis máximos.

Sua Gruta é um espaço seguro – e você não pode ser atacado por um homem ou uma criatura marinha enquanto estiver dentro. Você pode realmente usar isso a seu favor, pois qualquer inimigo agressivo que o segue até sua gruta ainda pode ser atacado, mas eles não vão reagir. Nutrientes grátis!

No início, quando você ainda é um filhote e adolescente, você pode encontrar várias criaturas caçadas em cada região que facilmente superam você no poder. Embora você possa equilibrar as probabilidades posteriormente usando mutações e atualizações da evolução, provavelmente não terá muitas habilidades no início do jogo, portanto, evite esses inimigos a todo custo até se sentir mais forte. Se uma missão ocorrer nas proximidades, seja rápido e furtivo para tentar devorar mais peixes dóceis ao seu redor antes que eles notem.

Depois de evoluir para um adulto, você poderá usar o rabo para lançar coisas nas quais se agarrou. Isso pode ser incrivelmente versátil – pois você pode usá-lo para abrir certos portões, atirar caçadores no mar (ou um no outro) e atirar peixes em predadores para atordoá-los. Depois de superar um peixe agressivo em particular, você descobrirá que pode se agarrar às criaturas menores – e jogá-las fora se elas estiverem incomodando você.

Os seres humanos geralmente não são ótimos nadadores, a menos que tenham equipamentos de mergulho – e caçadores feridos ou outros seres humanos jogados na água depois de serem atingidos, expulsos à força de um navio em explosão ou mastigados, provavelmente se afogarão por conta própria – e enquanto eles não lhe causará mais problemas, você pode usá-los como um lanche fácil enquanto luta contra outros caçadores ainda ativos.

Existem três “conjuntos” principais de mutações – The Bone Set, Bio-Electric Set e Shadow Set, além de várias mutações de órgãos. O Conjunto de Ossos é obtido ao derrotar predadores no ápice e geralmente é o melhor para combate em barcos. O Conjunto Bioelétrico é obtido ao derrotar caçadores de recompensas nomeados à medida que você aumenta sua infâmia, e geralmente é ótimo para impressionantes predadores marinhos atacantes. O Conjunto de Sombras é obtido com a coleta de colecionáveis ​​da Landmark e funciona bem contra qualquer tipo de inimigo, devido ao aumento de velocidade, explosões de veneno e ataques de roubo de vida.

Depois de começar a encontrar as mutações no “corpo”, você pode ativar poderes especiais que são carregados comendo bastante comida. Se você sabe que está prestes a entrar em uma batalha com um Apex Predator ou atrair alguns caçadores de recompensas, prepare seu powerup primeiro para ativá-lo quando necessário.

O uso de movimentos diferentes fará com que certas partes do seu corpo brilhem – dependendo de qual evolução e mutações o afetem: como barbatanas brilhando ao esquivar, cabeça e corpo brilhando ao correr, e cauda brilhando ao chicote na cauda.

Dicas de Combate

Você será capaz de superar qualquer inimigo perseguidor – mas pode esperar ser perseguido e atacado várias vezes enquanto tenta escapar. Por esse motivo, muitas vezes é essencial que você vire a câmera para ficar atrás de você quando estiver fugindo, para poder estar pronto para fugir a qualquer momento. Fugir com sucesso geralmente significa que seu inimigo precisará de um momento para se recuperar, dando-lhe mais tempo para escapar.

O combate contra outras criaturas do mar é bastante simples, mas é fácil ignorar certas técnicas. Os inimigos costumam alternar entre ataques rápidos e ataques mais lentos antes de atacar você, ou bater o rabo se você chegar muito perto. Muitas vezes, quando um inimigo se levanta e depois que ele corre, seu corpo brilha – indicando que está vulnerável. Se você atacar nesses pontos, poderá causar dano extra, interrompê-los com golpes de cauda ou até prender inimigos menores que você e atacá-los.

Ao combater inimigos no seu nível ou acima dele – especialmente predadores de ponta -, tentar combiná-los golpe por golpe provavelmente não ajudará. Em vez disso, deixe-os fazer o primeiro movimento, desviar e atacar algumas vezes, depois recuar por uma curta distância e estar pronto para desviar novamente.

Durante as lutas, peixes mais dóceis tendem a se dispersar, mas ainda podem ser encontrados nas proximidades – espere até você se esquivar ou atordoar um oponente para procurar uma refeição rápida para recuperar a saúde em uma luta difícil.

Lembre-se de que seu bloqueio não é um movimento permanente – ele permite que você vire o rosto para o atacante atual. Isso pode levar muito tempo para se acostumar, pois você precisará adquirir o hábito de deslocar a câmera para enfrentar o atacante, evitar o ataque recebido, travar rapidamente na nova posição e atacar rapidamente antes que eles se recuperem ou continue a dar voltas. Se enfrentar vários atacantes, tente manter o maior número possível à sua frente – ou você corre o risco de ser atingido por todos os lados.

Se você conseguir lançar um predador fora da água (usando o ataque do chicote da cauda), eles não poderão revidar até chegarem à água novamente – mas você pode persegui-los e continuar atacando.

Manter o botão pressionado para atirar algo na boca reduzirá o tempo, permitindo que você escolha com cuidado o seu alvo – o que é especialmente útil no meio de vários barcos caçadores, para que você possa incapacitar alguém que atira em você jogando um de seus amigos para a direita para eles.

Os caçadores podem sobrecarregá-lo se você não estiver prestando atenção e se concentrar inteiramente em um barco. Certifique-se de disparar entre eles e use o chicote ou o lance da cauda para esvaziar rapidamente os barcos – pois eles geralmente ficam desamparados na água e se afogam rapidamente se já estiverem feridos. Você pode fazer um lanche com eles para recuperar a saúde durante a luta, mas seu foco deve ser desativar os barcos o mais rápido possível.

Barcos maiores tendem a ter caçadores atacando em espaços protegidos – então você precisará pular e pousar no barco e agitar-se para destruir a seção superior e expô-los.

Se você precisar se afastar dos caçadores rapidamente, vá para águas mais profundas, onde eles não conseguem rastrear seus movimentos, ou entre em grades e esgotos onde eles não podem seguir até que eles se esqueçam rapidamente de você.

Dicas de Exploração

Não subestime a capacidade do seu tubarão de pular em terra seca. Você pode durar surpreendentemente muito tempo acima da água e, quando o O2 se esgotar, você começará a perder saúde até voltar para a água. No entanto, você não apenas pode deixar a água para fazer um lanche rápido, mas também pode usar a terra para se afastar de outros predadores e dar-lhes o escorregão se houver outra fonte de água por perto.

No início do Maneater, você não poderá progredir até evoluir para um adolescente ou adulto maior, necessário para derrubar certas barreiras – mas, quando você chegar às margens do Golden, poderá explorar o resto do mundo. mapa, se desejar – apenas tome cuidado para evitar os predadores mais fortes que vivem em direção às águas abertas!

Depois de crescer de adolescente para adulto ou de adulto para idoso, verifique nas regiões anteriores se há grades que você não podia abrir antes – pois elas podem estar escondendo novos itens colecionáveis ou atalhos para outras regiões.

À medida que você evolui, você poderá aumentar a distância que pode sair da água – e eventualmente poderá pular várias vezes. Com isso, você pode nadar para fora da água ou pular da superfície (primeiro salto) e depois pular ou mergulhar mais duas vezes!

Existem muitas cavernas e esgotos submarinos em Maneater, e pode ser fácil se perder e desorientar nas vias estreitas. Como regra, observe que todas as aberturas ou passagens do túnel sempre terão luzes amarelas ao seu redor.

Referências:

Push Square, Gamming Bolt, Ing, Digital Trends, Xbox Play, wikipedia.

Nier: Automata

Nier: Automata (ニーア オートマタ Nīa Ōtomata?) é um jogo eletrônico de RPG de ação desenvolvido pela PlatinumGames e publicado pela Square Enix. Foi lançado em fevereiro de 2017 no Japão e mundialmente no mês seguinte para PlayStation 4 e Microsoft Windows, com uma versão para Xbox One estreando em junho de 2018.

O jogo é uma sequência de Nier, um spin-off da série Drakengard. A história se passa milhares de anos no futuro em meio a uma guerra por procuração entre máquinas criadas por invasores alienígenas e andróides concebidos pelos remanescentes da humanidade, acompanhando os andróides 2B, 9S e A2. A jogabilidade combina elementos de RPG com um combate voltado para a ação e uma mistura de outros gêneros.

O desenvolvimento começou em 2014, com o diretor Yoko Taro, o produtor Yosuke Saito e os compositores Keiichi Okabe e Keigo Hoashi retornando nas mesmas funções que tinham desempenhado no Nier original. A história foi baseada ao redor de temas similares aos trabalhos anteriores de Yoko, como o impulso para matar, ao mesmo tempo incorporando questões como o confronto do preconceito e a fuga de situações difíceis. O objetivo era fazer um jogo fiel ao espírito do original, mas que simultaneamente possuísse uma jogabilidade de combate melhor. A equipe da PlatinumGames enfrentou vários desafios no desenvolvimento das diversas mecânicas de jogo e do mundo aberto já que o estilo projeto era inteiramente novo para eles.

Automata foi anunciado pela primeira vez durante a conferência de imprensa da Square Enix na Electronic Entertainment Expo de 2015, porém seu título oficial e imagens de jogabilidade foram revelados posteriormente. Sua data de lançamento originalmente seria em novembro de 2016, porém o jogo foi adiado até fevereiro do ano seguinte por preocupações sobre seu desempenho comercial. O título foi muito bem recebido pela crítica especializada, que elogiou sua narrativa, profundidade temática, música e jogabilidade, enquanto as principais críticas centraram-se em problemas técnicos e visuais. Ele teve um bom desempenho comercial e vendeu mais de quatro milhões de unidades, também vencendo e sendo indicado a diversos prêmios.

Esquiva e defesa

Lutas e combates eletrizantes estão presentes ao longo de toda a jornada em Nier: Automata. Como não existe um medidor de fôlego que limita a stamina, corra sempre e abuse dos movimentos de esquiva para não levar dano. Basta usar o botão R2 para escapar rapidamente dos problemas.

É importante dominar a esquiva, pois ela abre portas para contra-ataques letais. Quando 2B escapar deixando uma trilha de partículas brancas pelo caminho, essa será a marca visual de uma esquiva realizada no tempo exato. Neste momento, desfira qualquer ataque para quebrar a guarda inimiga e emendar combos letais.

“Pod”

O Pod que acompanha 2B não é apenas um aliado útil, mas também uma arma ambulante, então não esqueça de utilizá-lo como tal. Apesar de o seu poder de ataque não ser dos mais altos, sua munição ilimitada compensa.

Assim, em todas as lutas que encontrar, segure o botão R1, fazendo com que o Pod ataque incessantemente os rivais. Se utilizá-lo bem, todas as lutas serão mais rápidas.

Viagem rápida

Diferentemente de outros jogos do gênero, viajar rapidamente pelo mapa de Nier: Automata é um recurso que só é habilitado após muitas horas de jogo. No começo, a viagem só é possível entre o Bunker e Campo da Resistência, então persista e continue jogando a campanha principal para resolver o problema.

Quando chegar à Underground City (Cidade Subterrânea), vá até o fundo da caverna e vença o chefe. Ao sair da caverna, interaja com o androide na entrada, pois ele irá liberar um novo Acess Point (Ponto de Acesso) que inclui um transportador. Finalmente será possível viajar instantaneamente até qualquer outro ponto quando desejar.

Lembre, também, que os Acess Points devem ser usados frequentemente para salvar o seu progresso, já que Nier: Automata não possui um sistema de salvamento automático.

Investimento frutífero

O mundo de Nier: Automata é gigantesco, mas não são apenas as belas vistas que fazem sua exploração valer a pena. Para melhorar as suas armas é preciso obter diversos materiais espalhados pelo cenário, então, em vez de correr de uma missão para outra, gaste alguns minutos investigando cada canto do mapa em busca de recursos.

Colher muitos itens também ajuda na customização de chips da 2B, já que seu fortalecimento exige gastos em dinheiro do jogo. Visite qualquer vendedor para comprar upgrades de habilidades passivas. Escolha sabiamente, pois ao longo da campanha eles aumentam de preço. Interaja, também, com os personagens de outros jogadores para ganhar bônus.

Os chips de fortalecimento são úteis ao natural, mas também podem ser combinados para criar chips ainda mais poderosos no menu de pausa. O único ponto negativo do processo é que o novo chip ocupará mais espaço no inventário.

Saúde é o que interessa

A morte não é o fim em Nier: Automata. Caso 2B caia em combate, volte prontamente ao local da derrota para recuperar seus itens. A melhor forma de evitar esse inconveniente é deixar chips com itens de uso automático equipados, e confiar no Pod para a auxiliar nos momentos ruins.

Assim, sempre que a saúde de 2B estiver quase zerada, o Pod correrá em seu socorro, evitando a derrota. Também é aconselhável investir seus recursos no aprimoramento dos chips de cura gradual, já que eles permitem que a heroína recupere seu HP sempre que estiver fora de combate.

História de pescador

Ganhar dinheiro é essencial para prosperar em Nier: Automata, então é uma boa ideia negociar frequentemente os seus itens e materiais encalhados com os vendedores, além de cumprir missões paralelas para colher recompensas.

Além disso, tente pescar sempre que possível, já que esse é o melhor modo de ganhar dinheiro rapidamente. A pescaria pode ser iniciada em qualquer espaço que possua água.

Para iniciar a pescaria, segure “círculo” no joystick. Posicione o cursor no local onde o Pod deve iniciar a busca por peixes. Assim que ele sinalizar que fisgou algo, aperte “X” no controle para puxar sua recompensa.

Se você conseguir chegar ao primeiro ponto de salvamento, você estará OK

A parte mais difícil do jogo pode ser o começo. Você é jogado em uma série de lutas aéreas, tem que voar através de corredores estreitos que irão prejudicá-lo se você bater neles, aprender as cordas de combates corpo-a-corpo, lutar com seu primeiro chefe, enfrentar ondas de inimigos menores e depois lutar contra um multi-inimigo. chefe de fase que só pode ser derrotado usando vários estilos de combate e obedecendo a prompts especiais. Tudo isso vem antes do primeiro ponto de acesso ao jogo, o que significa que, se você morrer, terá que jogar cerca de 40 minutos de conteúdo novamente. Depois disso, você terá a noção da maioria dos mecanismos necessários, ou pelo menos descobriu como diminuir a dificuldade. Você também terá acesso rápido a lojas que permitirão que você personalize seu estilo de luta e compre mais itens de cura vitais do que a colocação em que iniciar o jogo. Se você puder sobreviver até então, você será capaz de lidar com o resto dos desafios do Nier: Automata.

Funções básicas e power-ups são um trade off

Como um andróide, as habilidades de seu personagem vêm na forma de fichas de plug-in que podem ser reiniciadas durante o jogo. Cada chip ocupa uma certa quantidade de espaço, incluindo aqueles que marcam os objetivos da sua missão em um mapa e lhe dizem coisas que você precisa saber em combate – como quando suas recargas estão prontas, sua saúde atual e quanto dano você está causando . Chips mais poderosos que aumentam a chance de acertos críticos ou permitem que você se cure quando você ataca, ocupam mais espaço, então você vai querer bombear muito do seu ouro para expandir sua capacidade. Mesmo assim, é uma boa ideia descobrir o que você pode viver sem. Aproveite as várias opções do jogo para salvar configurações de chip criando um conjunto de exploração que enfatiza a velocidade de movimento e as ferramentas de mapa e, em seguida, alternar para uma construção focada em combate quando você entra em combate.

Jogue como se você fosse daltônico

Quando o seu android está com pouca vida, os visuais se tornam monocromáticos com um pouco de pixilation nos cantos para indicar que seus sistemas estão falhando. É um efeito legal, adicionando tensão à cena e um senso de urgência para estalar um item restaurador. Infelizmente, ele também desativa uma importante dica visual: as luzes vermelhas ao redor das máquinas que estão prestes a explodir você com armas à distância. Isso pode rapidamente tornar um cenário já muito pior, então você vai querer investir em um chip que automaticamente cura seu personagem ou aprende a pegar a animação que os inimigos usam quando liga seus lasers para que você possa evitar o ataque e encontrar um momento para curar.

Faça uma lista de compras

Você pode ler histórias relacionadas às suas armas a qualquer momento na seção Intel do menu, mas aprender quais materiais você precisará para atualizá-las exige que você esteja na loja certa. Isso também é verdade quando se trata de melhorar seu robô companheiro Pod incrivelmente importante. Tome nota do que você precisa para que, quando encontrar alguém vendendo materiais, saiba o que comprar sem ter que voltar atrás. Mapear os próximos upgrades também evitará que você se preocupe se tiver que vender seus itens por dinheiro rápido.

Esteja pronto para o inferno da bala

Enquanto a maioria do Nier: Automata consiste em combate no solo, existem porções significativas onde você estará voando em uma nave espacial tentando explodir seus oponentes antes que suas ondas de tiros disparem. Essas seções também surgem quando você menos espera. O jogo abre com você no céu, antes de você passar algum tempo como um mech defletindo fogo inimigo com uma espada. Um mini-jogo bullet hell também é como o seu android entra em batalhas de hackers com outras máquinas. Isso faz uma transição bem chocante quando, num momento, você está lutando com uma cantora de ópera robótica e seu exército de andróides escravizados com sua espada, e então você tem que abater um orbe específico para voltar à briga. Você vai querer ficar bom nisso desde lesões no jogo de hackers serão transportados para seus andróides.

Cadáveres, especialmente os seus

Você não precisa estar conectado on-line para jogar o Nier: Automata, mas isso tornará o jogo um pouco mais fácil e divertido. Tal como acontece com Dark Souls, a morte em Nier: Automata é um assunto social. O jogo está cheio de cadáveres de jogadores caídos, e você pode orar sobre eles para ganhar um pouco de ouro e um bônus baseado em quais fichas de plug-in eles equiparam quando morreram. Você também pode tentar reparar o corpo android e obter um aliado temporário. Da mesma forma, quando você morrer, suas memórias serão carregadas em um novo corpo que saia do ponto de acesso mais próximo (ou seja, o ponto de salvamento), mas você precisará voltar ao seu cadáver para recuperar suas próprias fichas de plug-in. Você consegue manter o seu outro equipamento e o jogo é generoso com gotas de plug-in, mas os chips duplicados podem ser fundidos em versões mais poderosas, então geralmente vale a caminhada de volta. Cadáveres vêm com uma mensagem sobre seu destino, embora não esperem que eles sejam particularmente úteis. Eles são escolhidos aleatoriamente ou predefinidos pelo jogador em uma lista de opções.

Fique ciente do seu entorno

Os irritantes muros invisíveis que assolam Nier: Automata podem dissuadi-lo de enfiar sua cabeça em edifícios e tentar escalar e pular ruínas, mas você precisará realmente explorar o mundo para encontrar itens poderosos, missões secundárias e até mesmo continuar trama principal. Pense tridimensionalmente em contornar áreas aparentemente intransponíveis para o seu próximo objetivo, seja envolvendo descer uma escada para os esgotos ou pular em torno dos carros de um passeio parado para chegar a uma saliência. Elevação também é extremamente útil em combate, permitindo que você evite sprays de ataques à distância e forçando alguns chefes a perder tempo se ajustando para que eles possam atacá-lo novamente. A habilidade de dar um duplo salto significa que você pode ficar no ar um tempo surpreendentemente longo durante uma luta, o que realmente ajuda quando o chão é coberto por lasers giratórios.

Paciência é uma virtude, exceto quando não é

No clássico RPG de ação, grande parte das lutas de Nier: Automata envolve encontrar o momento certo para atacar. Você precisará ser bom em fugir e fugir de ataques devastadores (se altamente telegrafados) enquanto espera seu momento para liberar seus próprios ataques pesados. Mas o jogo mantém você em pé, mudando as coisas. Chefes podem gerar enxames de monstros de ataque rápido que você precisa queimar rapidamente, para que não o distraiam do objetivo principal. Depois, há Adam, o andróide incrivelmente rápido que sobe de nível enquanto você luta. É quando é bom alterar a configuração do seu chip de plug-in e as táticas do seu andróide do companheiro para liberar a ofensiva mais agressiva possível.

Tire algum tempo para relaxar

Entre brigas intensas e conversas profundas sobre a natureza da vida e o destino da humanidade, é bom relaxar e apreciar alguns dos toques mais leves do jogo. Pegue um pouco de isca para animais e monte um alce ou um javali enquanto admira a bela paisagem. Pegue a pesca, usando seu robô como um bobber que trará de volta capturas estranhas, incluindo peixes e canos que podem ser usados ​​como armas. Além de ser necessário para desbloquear todos os itens colecionáveis ​​do jogo, alguns desses itens podem ser vendidos por muito dinheiro, então use seu tempo de inatividade com sabedoria para aumentar seus ativos.

Estoque itens de cura

Nossa heroína 2B enfrenta vários desafios durante a sua aventura e alguns inimigos, especialmente chefões, podem oferecer um desafio maior do que o esperado. Os save points são escassos em algumas áreas, sem opção de auto-save, por isso é importante ter itens de cura para quando surgir uma necessidade grave. Dica: coloque o uso de item de cura no direcional com seta para Baixo em seu controle DualSHock 4, para agilizar o procedimento.

Sempre faça upgrades

O sistema de upgrade de “Nier: Automata” não é muito bem explicado, sendo que há várias coisas que podem ser evoluídas como a protagonista, as armas o Pod auxiliar e outros. Para melhorar os atributos de 2B basta inserir novos chips em sua placa-mãe, sendo o mais valioso o de HP e o de Storage (espaço da placa-mãe para 2B usar os chips). A auto-cura também pode ser bem vantajosa em situações de aperto. O jogo oferece diversos tipos de chips que podem ser usados para o ataque ou defesa, com várias opções de customização – teste as que mais se adequam ao seu estilo de jogo, ou se preferir, use o balanceamento automático do jogo. O Pod e as armas também podem, e devem, ser melhorados através dos mercadores, em troca de recursos e dinheiro (no caso das armas) ou encontrando outros Pods abandonados que oferecem diferentes armas.

Explore o mapa, colete tudo

Se você já é veterano em jogos de mundo aberto já sabe que é essencial coletar tudo que aparece pelo mapa e aceitar as side quests para obter não apenas valiosos pontos de XP extra, como também itens especiais que podem ser usados nos upgrades das armas e chips para 2B.

Ligue a opção Online

Tenha certeza de ligar a funcionalidade online do game. Assim como em “Dark Souls”, “NieR: Automata” permite visualizar o corpo de outros jogadores pelo caminho, que além de servir como um “aviso” para área perigosas, também serve para dar um loot e recarregar o HP do seu personagem ao interagir com o corpo do jogador azarado – é possível inclusive ressuscitar um corpo, que será controlado pela Inteligência Artificial e que lhe ajudará nos combates até ser derrotado novamente ou se auto-destruir após uma quantidade de tempo. Importante: se você morrer, perderá itens valiosos, e mesmo que tenha sido em um lugar de difícil acesso, recomendamos que você vá até o local da sua morte para recuperar seus preciosos chips.

Salve seu jogo

NieR: O Automata não possui uma função de salvamento automático (que você entenderá porque, jogando o jogo), então lembre-se de encontrar pontos de acesso e salvar seu progresso regularmente.

As Missões Secundárias Estarão Esperando por Você

Não se preocupe em estudar todas as missões secundárias assim que as encontrar. Algumas delas são sensíveis ao tempo, mas não se preocupe se você sentir falta delas. Você terá a chance de voltar e completá-las mais tarde no jogo. Você também desbloqueará a habilidade de viajar mais rápido no final do jogo e destravar um capítulo para limpar todas as missões secundárias que você possa ter perdido.

Encontre Pods e Atualize-os

Pods são unidades de suporte extremamente úteis em combate. Você começa o jogo com um, mas você pode encontrar mais dois em todo o mundo, então não deixe de procurá-los. Um está na Cidade Inundada e o outro está na Zona Deserto.

Não se esqueça de atualizar seus Pods no campo de resistência também, embora você precise de materiais raros para fazer isso. Ah, regue seu Pod com carinho pressionando o Thumbstick direito de seu controlador enquanto move seu Thumbstick Esquerdo. Eles vão apreciar isso.

Personalizar Chips de Plug-in

Você pode equipar muitos chips de plug-in para oferecer uma variedade de buffs e habilidades. Lembre-se de instalar novos chips para combinar com seu estilo de jogo e armas equipadas.

Alguns chips úteis para equipar ao iniciar são:

EXP Gain Up (aumenta a quantidade de experiência adquirida, facilitando o crescimento de nível)

Auto-Use (automaticamente usa itens de cura quando a saúde cai abaixo de 30%)

Auto-Heal (restaura a saúde após 4-6 segundos sem receber dano)

Item Drop Rate Up (aumenta o número de itens descartados pelos inimigos)

Auto-Collect Item (itens são automaticamente atraídos para você e coletados)

Você também pode fundir as mesmas fichas para aumentar sua eficácia.

Priorizar a Atualização de Armazenamento da Loja de Manutenção

Isso custa bastante no início do jogo, mas permite que você instale mais fichas. O que, por sua vez, torna você mais poderoso. Portanto, vale a pena economizar para aumentar sua capacidade de armazenamento de chip ao máximo possível o mais rápido possível.

Não Tenha Medo de Perder a Dificuldade

NieR: o Automata apresenta várias configurações de dificuldade, então não tenha medo de alterá-lo para se adequar ao seu estilo de jogo. Em dificuldades menores, você também pode instalar auto chips especiais, o que tornará o jogo mais fácil, executando automaticamente certas ações para você, como evadir e atacar.

Misture e Combine Armas

As armas têm ataques e combinações diferentes, dependendo se você as equipar aos botões de ataque pesado ou leve. Misture e combine armas e configurações para se adequar ao seu estilo de jogo. Mesmo trocar as mesmas armas entre ataques leves e pesados ​​pode mudar drasticamente como você usa cada uma delas, então não deixe de experimentar.

Ataques de Carregamento

Pressione e segure o botão Light Attack para um ataque mais pesado e mantenha pressionado o botão do programa Pod para carregar seus ataques Pod. Cobrar seus ataques Pod pode produzir ataques devastadores se você tiver mais de um.

Vender Peixe e Objetos de Valor por Dinheiro

Todos os peixes e qualquer coisa com “Pode ser trocado por dinheiro”, escrito em sua descrição, podem ser vendidos sem preocupação. Você não precisará desses itens para missões secundárias ou para melhorar suas armas ou Pods. A única exceção é a cavala, que eu ouço é delicioso e você deve experimentá-lo se você tiver a chance.

Continue Jogando Depois de Terminar [A]

NieR: Automata possui 26 finais diferentes, um para cada letra do alfabeto e você definitivamente verá pelo menos finais [A] até [E]. Lembre-se que o final do primeiro (ou mesmo segundo) jogo não é realmente o fim do jogo.

Dica Bônus

Remova o chip do sistema operacional.

Referências:

Nos Nerds, Game Hall, GameMe techtudo, wikipedia.

Star Wars Jedi: Fallen Order

Star Wars Jedi: Fallen Order é um jogo eletrônico de ação-aventura desenvolvido pela Respawn Entertainment e publicado pela Electronic Arts, sendo ambientado no universo Star Wars logo após Episódio III – A Vingança dos Sith. Foi anunciado durante a E3 2018 e uma revelação mais detalhada aconteceu na Star Wars Celebration em abril de 2019. O jogo foi lançado em 15 de novembro de 2019 para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One.

Conheça seus inimigos

Esta dica pode ser aplicada em diversos títulos de aventura no qual o combate é tão decisivo para avançar na história, e em Star Wars Jedi: Fallen Order não poderia ser diferente. Quanto mais você entender como o seu inimigo se movimenta e ataca durante o conflito, melhor. Como alguns deles possuem muito mais tamanho e vida que Cal, é sempre uma boa treinar contra inimigos que causam dores de cabeça ao jogador, principalmente para utilizar a próxima dica.

Use ao máximo sua espada para defletir ataques

Seu sabre de luz pode defletir ataques inimigos e, ao fazer isso, você não só causa um bom dano ao inimigo que estiver enfrentando, como não perde nada da sua barra de bloqueio. Lembre-se: é possível defletir não só ataques de garras de monstros gigantes, como blasters vindo em sua direção. Alguns inimigos se paralisam ao serem defletidos, mas outros não – ou seja, eles podem contra-atacar imediatamente. Quanto mais entender seus ataques, melhor será para o jogo.

Mire primeiro em atiradores

Ao enfrentar mais de um inimigo durante uma luta, sempre enfrente primeiro aqueles que possuem armas à distância. Eles geralmente contam com uma defesa mais baixa e não possuem recursos contra corpo-a-corpo, por isso avance em qualquer um que dispare blasters, lança-chamas ou metralhadoras.

Utilize o cenário a seu favor

No Star Wars Jedi: Fallen Order, o cenário sempre é um fator ao seu favor se você sabe utilizá-lo. Por exemplo: o uso da força de Cal pode ser empurrada para jogar inimigos para fora de um penhasco ou plataforma – o que evita maior desgaste em um combate com dois inimigos ou mais.

Use a rolagem para salvar-se de apuros

Ao rolar, o jogador não perde vida nem pontos de força, e pode sempre usar o movimento para sair de situações complicadas. Para exemplificar, imagine que você está em uma batalha acirrada e o seu bloqueio está quebrado. Nesta caso, não é necessário se desesperar: basta rolar em direção oposta ao inimigo, respirar, e iniciar a luta novamente.

Use a morte como aliada

Ao morrer durante uma luta, temos que derrotar o detrator para recuperar os medidores de vida e força, além dos pontos de experiência. Essa é uma mecânica bem conhecida da comunidade que joga a série Souls. É uma oportunidade não só para enfrentar o inimigo de novo, com mais entendimento de seus movimentos, mas também de derrotá-lo antes de enfrentar chefes do jogo, para poder enfrentá-los com o máximo de stats possível.

Priorize a exploração

Lembre-se: Star Wars Jedi: Fallen Order é um jogo de aventura com diversos planetas a serem explorados. É necessário obter melhorias para ir mais afundo e poder voltar a eles para descobrir seus segredos. No entanto, tenha sempre em mente que a exploração vai oferecer inimigos distintos e muito mais experiência. Por isso, vá, volte e certifique-se de verificar cada canto.

Invista em Força e Sobrevivência, inicialmente

Dependendo da dificuldade que você escolher, o jogo poderá apresentar um desafio considerável, principalmente durante o início, em que você ainda estará dominando as mecânicas. A árvore de habilidade divide-se em 3 status: Sabre de Luz, Força e Sobrevivência. Ataques especiais com o sabre de luz requerem Força, por isso, aumentá-la cedo irá te dar mais vantagem em combate e sobrevivência fará com que sua vida máxima aumente, permitindo que você sobreviva por mais tempo.

Você pode trocar a dificuldade quando quiser

Por mais que Star Wars Jedi: Fallen Order inspire-se em Sekiro em alguns pontos, o jogo não é tão desafiador quanto parece, dependendo da dificuldade escolhida. Ao contrário de muitos jogos, a dificuldade em Fallen Order apenas influencia na velocidade que você terá para defender-se e no nível de agressividade dos inimigos. Além do mais, o jogo não conta com nenhum tipo de conquista/troféu atrelado à dificuldade, então, até mesmo aqueles que gostam de fazer 100% nos jogos não precisam jogá-lo no último nível de dificuldade.

Explore tudo e continue revisitando mapas explorados

Star Wars Jedi: Fallen Order conta com diversos mapas para serem explorados e dependendo do local que você estiver, irá reparar que há caminhos bloqueados que você não poderá passar.

Por beber da fonte Metroidvania, isso significa que você deverá avançar na história para pegar habilidades novas que irão permitir que esses bloqueios sejam ultrapassados. Então, caso esteja fora da sua rota de história e acabe deparando-se com um caminho que você não consegue passar, não esquente sua cabeça: vá jogar a história até ganhar aquilo que você precisa. Nunca siga pelo caminho óbvio também, já que alguns desvios irão te recompensar com itens úteis ou até mesmo experiência bônus. Tenha calma e aprecie cada locação.

Star Wars Fashion Week

O jogo conta com opções cosméticas para Cal e seus itens, mudando seu visual e até de sua nave. Não perca seu tempo tentando entender qual a melhor roupa para ele ou qual pintura mais adequada para a nave, já que elas apenas irão mudar a aparência das coisas, sem influenciar em nada os status de suas habilidades. Até o sabre de luz de Cal pode ser customizado, mas essas opções também não darão nenhum tipo de bônus ao seu ataque. Então, a regra aqui é usar o que você achar mais legal e continuar sua aventura.

Medite sempre

Durante o jogo, você encontrará locais que irão servir para Cal meditar, funcionando de forma semelhante às fogueiras em Dark Souls. Ao interagir com elas, você irá descansar, recuperar seus status, upar sua árvore de habilidades e mais importante: salvar seu jogo e fazer o checkpoint. Então, sempre que ver um ponto de meditação, interaja com ele imediatamente, já que você voltará para lá assim que morrer.

A vingança nunca é plena…

Em Star Wars Jedi: Fallen Order, morrer não será difícil e a mecânica atrelada e quem jogou os jogos da série Souls estará muito familiar com a mecênica: você perderá toda a sua experiência e os inimigos mortos irão renascer, com você voltando ao último ponto salvo.

O inimigo que te matar ficará dourado, significando que você pode matá-lo e recuperar sua experiência perdida, mas um detalhe novo fará toda a diferença: matar aquele inimigo não dará somente a sua experiência de volta, mas também irá recuperar toda a sua vida e seu medidor de Força.

Em batalhas com chefe e inimigos juntos, é uma boa estratégia deixar um inimigo dourado que te matou na área para quando precisar, já que quando a situação apertar, você poderá se dar ao luxo de ter um recurso de emergência para salvar a sua pele. Então, segure um pouco a sua sede de vingança para matá-lo primeiro e analise o melhor momento para usar a mecânica ao seu favor.

Não lute feito um troglodita

Uma das principais armas de um Jedi é seu sabre de luz e todo cavaleiro que souber utilizá-lo adequadamente, representará uma verdadeira ameaça aos seus oponentes. Jedi: Fallen Order aproxima-se de Sekiro, em suas mecânicas de combate. Isso significa que usar o botão de ataque indiscriminadamente, irá te render um contra-ataque de seu oponente e quanto mais erros você cometer, mais rápido você irá morrer. Ao deparar-se com um inimigo, fique em guarda e analise os movimentos dele, pense antes de fazer qualquer coisa. Esperar o momento certo para desferir seus ataques é a melhor escolha e saber quando recuar também irá te recompensar. Apenas jogando e experienciando os diferentes tipos de inimigos, você irá aprender como movimentar-se em batalha.

BD-1 é seu melhor amigo

O robô que acompanha Cal em sua aventura irá te ajudar de diversas formas, desde abrir portas até dando dicas para eventuais quebra-cabeças ao longo das fases, mostrando itens importantes. Sempre fique atento a tudo que ele te mostrar e interaja com ele constantemente. Uma dica valiosa para situação de aperto: antes de pedir para que ele te cure, segure o botão de defesa para que ele te proteja de eventuais ataques. A cura será interrompida, mas você poderá pedir de novo, sem que Cal fique aberto a um ataque mortal.

Inimigo em vermelho? Desvie ou Ataque!

Caso você se depare com um inimigo brilhando em vermelho, significa que ele irá lançar um ataque pesado que NÃO pode ser bloqueado. A melhor forma de lidar com este tipo de ameaça é DESVIAR, mas devido a necessidade do ataque ser carregado, o oponente ficará aberto a levar um golpe rápido que você poderá tirar vantagem, até desferindo mais de um golpe e cancelar o ataque dele. Caso você queira jogar de forma mais segura, poderá usar a Força também para interromper seu ataque. O segredo é sempre manter a cabeça no lugar e jogar de forma inteligente.

Use a Força

A Força é um elemento primordial a todos os Jedi – e como não poderia ser diferente, ela também faz uma grande diferença nesse jogo. Por ela estar atrelada à uma barra, você poderá ficar com medo de usá-la e acabar ficando sem na hora que precisar, certo? Esqueça isso e não economize! Durante o combate, ela fará total diferença e acertar alguns poucos golpes em seus oponentes já será o suficiente para que ela encha constantemente. Use e abuse deste recurso para triunfar nas batalhas.

Retarde inimigos para recuperar a vida

Seu androide BD-1 conta com vários estimulantes de vida para trazer Cal de volta à ativa, mas pode ser complicado usá-lo em um combate acirrado. Por isso, use a Força ao seu favor e deixe os inimigos mais lentos do que o normal com a habilidade Freio, mantendo espaço para que você recupere sua vida mais facilmente.

Use seus pontos de habilidade com sabedoria

Utilizar seus pontos de habilidade assim que estiverem disponíveis é algo bem óbvio a se dizer. Mas vale a pena construir um personagem mais focado em habilidades de ataque a princípio, deixando embates mais fáceis ao longo do jogo. Dessa forma, as habilidades de resistência e vida podem ser reforçadas mais tarde.

Não se desespere

A regra de ouro para todos os combates de Jedi: Fallen Order. Eu sei, pode ser difícil não ficar com raiva quando você estiver morrendo para um chefe pela décima oitava vez, mas manter a calma e a atenção na hora de observar os ataques do seu inimigo é o melhor conselho para qualquer luta no jogo.

Como qualquer jogo inspirado pelos títulos da FromSoftware, atacar loucamente o inimigo é a pior estratégia possível. Vá com calma, observe seus oponentes e ataque no momento certo, e o caminho da vitória será seu.

O aparo é seu melhor amigo

Quando você aperta o botão de defesa (L1/LB) no momento em que será atacado, Cal apara o ataque do inimigo, desestabilizando sua defesa e abrindo o caminho para um contra-golpe.

Defender é algo obrigatório no jogo, mas aprender a aparar é ainda mais importante, pois pode fazer a diferença na hora de enfrentar inimigos mais resistentes aos poderes jedi, como os Purge Troopers (os soldados de roupa preta) e criaturas selvagens mais difíceis de cada planeta.

Na dificuldade padrão do jogo (Cavaleiro Jedi), a janela de aparo é bastante generosa, o que facilita o aprendizado dessa técnica. Para a dificuldade superior (Mestre Jedi), aparar torna-se fundamental para vencer.

Um bom tipo de inimigo para praticar o aparo são os Stormtroopers com blasters, já que o aparo na hora certa devolve o tiro para o oponente.

Use e abuse da Força

A Força é o seu maior diferencial na hora de combater o Império e criaturas selvagens dos planetas de Jedi: Fallen Order. Não hesite em utilizá-la. Boa parte dos inimigos mais fracos morrem com ao serem puxados com a força para perto de Cal, que desfere um golpe único com o sabre de luz. O poder de paralisar inimigos também é bastante útil para achar brechas nos movimentos de defesa e ataque do oponente.

Apenas tome cuidado com a barra da Força, que é consumida à medida que você utiliza estes poderes. Ela pode ser recarregada ao atacar os inimigos com o sabre de luz ou defender.

Fique de olho nos golpes indefensáveis

Quando um inimigo brilha na cor vermelha, isso significa que ele está perto de desferir um golpe indefensável. A reação natural é desviar ou se afastar, mas essa também pode ser uma oportunidade excelente para desestabilizar o inimigo.

Experimente atacar o oponente um pouco antes de ele desferir o ataque indefensável. A maioria dos inimigos “carrega” o ataque antes de desferí-lo, o que pode ser uma abertura para um ataque. Use o sabre de luz ou, especialmente, a Força para empurrar o inimigo e desestabilizá-lo.

Habilidades obrigatórias

No começo do jogo, Cal não tem muitas habilidades como Jedi – afinal, ele se afastou da Força nos anos posteriores à Ordem 66, que dizimou a Ordem Jedi pela galáxia. Você vai adquirindo novos golpes por meio de habilidades, e aqui escolhemos algumas que você precisa aprender o quanto antes:

Superior Blocking/Bloqueio Superior (1 ponto)

Dash Strike/Ataque de Arremetida (1 ponto)

Agile Deflection/Desvio Ágil (1 ponto)

Grasping Pull/Puxão de Controle (1 ponto)

Leaping Slash/Corte Voador (2 pontos): este golpe dá um hit extra no ataque forte (triângulo/Y), garantindo um ataque devastador.

Revisite cenários já vistos

Como todo bom metroidvania, Star Wars Jedi: Fallen Order tem em suas fases vários caminhos que só podem ser trilhados quando você obtém habilidades mais adiante na história. Normalmente, estes caminhos contém itens extras, então lembre-se de sempre voltar a planetas que já visitou para não perder nenhum colecionável.

Seja estratégico na hora de descansar

Assim como em outros jogos inspirados por Dark Souls, quando você descansa, os inimigos renascem. Portanto, seja estratégico: guarde os descansos apenas para quando você já explorou uma área por completo, e se certificou de que todos os itens daquele local foram obtidos.

Pegue o sabre de luz duplo mais cedo

No começo da história, você pode ir para o planeta Dathomir, terra dos zabrak (que tem em Darth Maul um de seus maiores expoentes). O planeta é bem difícil quando você não tem habilidades, mas há uma bela recompensa: lá, você pode pegar o sabre de luz duplo bem mais cedo. Caso você siga a história, o sabre de luz duplo só vem em Kashyyyk, quase na metade da campanha.

Para ir a Dathomir, você precisa escanear uma pintura em Bogano, na Oficina Abandonada, próximo à câmara onde Eno Cordova guarda sua mensagem escondida. Em Dathomir, o sabre de luz duplo pode ser obtido em uma mesa de aprimoramento que pode ser encontrada após uma rampa entre o Bastião dos Irmãos e a Aproximação Traiçoeira.

Converse com BD-1

Puzzles estão por toda parte em Fallen Order. Embora alguns sejam simples de se resolver, outros demandam um raciocínio lógico. Nem todos estão atrelados à campanha principal, mas para conseguir 100% dos itens coletáveis, quebra-cabeças ficarão no caminho.

Para ajudar em situações difíceis, o BD-1 vem à calhar. Aperte o botão direcional de baixo para chamá-lo. Cal Kestis e o robôzinho começarão a conversar, dando dicas de que habilidade da Força os jogadores devem usar.

Vá para Dathomir o mais cedo possível

Quem assistiu a série “Guerra dos Clones” sabe que Dathomir é um dos planetas mais perigosos no universo de Star Wars. Esta é a terra de Darth Maul, Asajj Ventress e das tribos Zabraks e Nightsisters. Em Fallen Order, Cal pode fazer uma visitinha ao lugar bem cedo no game.

Em Dathomir, os inimigos trabalham juntos para aumentar seus números e assim, cercarem o protagonista. As habilidades de Cal não são boas contra hordas, portanto, o jeito é correr sempre que possível.

Então por que se arriscar no planeta? Lá, pode-se encontrar um upgrade muito interessante para seu sabre de luz. Caso ache-o, o objeto passará a ter duas lâminas, em um design parecido pelo usado por Darth Maul, feito exatamente para lidar com muitos adversários.

Cuidado com as esquinas

A Respawn mostrou que teve um pouco de inspiração em Dark Souls. Não é raro um inimigo te surpreender de pontos invisíveis, principalmente de curvas. Portanto, todo cuidado é pouco ao avançar pelo cenário.

Use a mecânica de perda de XP

Quando o jogador morre em Fallen Order, todos inimigos renascem e sua experiência vai pro ralo. No entanto, o oponente que te matou aparecerá com uma aura dourada e, ao golpeá-lo novamente, todo XP perdido será recuperado.

Acontece que existe uma vantagem aí. Causar dano no seu carrasco também enche suas barras de vida e Força. Em outras palavras, se esse oponente estiver perto de um boss, ele pode servir praticamente como um médico.

Itens importantes no começo

Tem dois recursos bastante importantes escondidos no planeta Bogano (o primeiro que você visita) e que podem ser adquiridos bem cedo. Um deles é o sabre de luz de lâmina dupla e o outro é um baú amarelo (o tipo mais raro), que contém uma melhoria para o BD-1, que permite que ele carregue mais estimulantes, utilizados para recuperar sua vida em batalhas. Para acessá-los, é preciso concluir a primeira parte da história no planeta Zeffo. Evitando os spoilers, ao fazer isso, você irá liberar a habilidade de empurrar coisas utilizando a força – isso serve também para derrubar paredes e abrir passagens.

Após conseguir a habilidade, ainda em Zeffo, você encontrará uma mesa de melhoria derrubando uma parede no Weathered Monument (essa região fica logo depois dos moinhos de vento e das rampas de gelo, para uma melhor localização, veja o vídeo abaixo). Nessa mesa, você poderá consertar o pé do BD-1, permitindo que ele possa hackear fechaduras e conceder acesso a baús e portas antes inacessíveis.

Tendo conseguido a habilidade de empurrar e consertado BD-1, volte a Bogano. Ali, logo à frente de onde a nave Mantis é pousada, há um cômodo subterrâneo com um puzzle (mova a esfera de metal com a força até ela cair sobre o bocal). Isso irá abrir passagem até um baú amarelo, com um upgrade para os estimulantes. Aqui também tem um pet para a sua nave escondido atrás de uma parede, basta derrubá-la e ele irá correr e se abrigar na Mantis (não faz nada, mas é fofo, então tá valendo). O vídeo abaixo mostra onde o animalzinho se esconde, é nesse mesmo cômodo que está o puzzle da bola de metal:

Tendo aumentado o número de estimulantes, agora resta pegar o sabre de luz duplo, ainda em Bogano. Para isso, você precisa ir até a oficina abandonada (veja como chegar lá no vídeo abaixo). Após hackear a entrada com a ajuda do BD-1, você terá acesso a uma mesa de melhoria, que irá liberar essa função em seu sabre de luz. Ela é especialmente útil para lutar contra múltiplos inimigos, mas vale lembrar que causa menos dano do que o sabre convencional, então tenha isso em mente e pondere bem quando usar uma versão ou a outra ao longo do jogo.

Preciso dizer, no entanto, que o método acima é o método “fácil” de conseguir o sabre, mas exige que você avance um pouco mais na história. Mas, se você for impaciente e encarar um bom desafio, dá para conseguir o sabre duplo ainda mais cedo, antes mesmo de explorar Zeffo. Para isso, basta ir direto a Dathomir, passar por alguns inimigos – bem difíceis, devo ressaltar – e chegar até uma mesa de melhoria, que também libera a função do sabre. Cabe a você avaliar qual a melhor opção de acordo com suas habilidades. Abaixo segue mais um vídeo com a localização exata, dessa vez em Dathomir. Preciso dizer, no entanto, que fiz esse percurso específico e, por algum motivo, ao chegar na mesa, meu jogo bugou e não mostrou a animação do Cal fazendo a melhoria, por consequência não liberando o sabre duplo. Só consegui fazendo o método de Bogano, descrito acima (no entanto, acredito que foi apenas azar meu, pois muitos outros jogadores fizeram o método Dathomir e conseguiram sem problemas; e sim, o jogo está com alguns bugs e travamentos em telas de loading desde o lançamento, que a Respawn prometeu corrigir em um patch futuro).

Referências:

Jogazera, Meu PS4, The Enemy, Cromossomo Nerd, wikipedia, techtudo.

Shadow of the Tomb Raider

Tomb Raider é uma série de jogos eletrônicos, histórias em quadrinhos e filmes tendo como protagonista a personagem Lara Croft. Desde o lançamento do primeiro Tomb Raider, em 1996, as séries tiveram um grande lucro e Lara transformou-se num dos principais ícones da indústria de vídeo games. O Guiness Book reconheceu Lara Croft como “a Melhor Aventureira Heroína do Mundo de vídeo game mais bem sucedida” em 2006. Aguarde que já vamos falar sobre Shadow of the Tomb Raider! 😀

Seis jogos da série foram desenvolvidos pela Core Design, e os três últimos pela Crystal Dynamics. Todos os jogos foram publicados pela Eidos Interactive, que mantém os direitos dos personagens e a marca registrada de Tomb Raider. Para o cinema, Lara Croft: Tomb Raider e Lara Croft Tomb Raider: The Cradle of Life foram produzidos, estrelando a atriz americana Angelina Jolie como Lara Croft. Todos os jogos Tomb Raider venderam mais de 89 milhões de unidades, fazendo uma das séries de video games mais vendidas de todos os tempos.

Lara Croft

A personagem central de Tomb Raider é a arqueóloga britânica Lara Croft, uma personagem feminina similar a Indiana Jones. De acordo com a história oficial, o interesse de Lara pelo tomb raiding foi despertado em idade já adiantada, ela como uma anfitriã passou seu grande tempo estudado em Wimbledon, mas seu confinamento na alta sociedade, a que seus pais pertenciam, a impediu de optar ativamente por essa carreira. Tudo isso muda após uma viagem ao Himalaia: o avião em que Lara viajava sofre um acidente, do qual ela é a única sobrevivente. A experiência alterou sua vida completamente, impelindo-a a viajar pelo mundo e aprender sobre as diversas civilizações antigas. Em conseqüência, foi repudiada por seu pai, Lorde Richard (Henshingly) Croft, passando a trabalhar como arqueóloga contratada, adquirindo artefatos e tesouros raros para museus e colecionadores ricos de todo o mundo, além dela mesma.

Lara foi criada pelo designer Toby Guard. Aparece quase sempre em calças castanhas/marrons curtas, um top verde, coldres em ambos os lados dos quadris para o par de pistolas que é sua marca registrada, e uma pequena mochila de couro. No decorrer da série houve ajustes menores na aparência, tais como características faciais mais lisas, variações no tamanho do busto e a movimentação do cabelo.

Shadow of the Tomb Raider

Shadow of the Tomb Raider é um jogo eletrônico de ação-aventura desenvolvido pela Eidos Montréal em conjunto com a Crystal Dynamics e publicado pela Square Enix. É o terceiro título da série de reboot e o décimo segundo da franquia Tomb Raider, depois de Tomb Raider e seguida por Rise of the Tomb Raider. O jogo foi lançado em 14 de setembro de 2018 para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One.

Jogabilidade

Shadow of the Tomb Raider é um jogo de ação e aventura jogado de uma perspectiva de terceira pessoa; os jogadores assumem o papel da protagonista Lara Croft enquanto ela explora ambientes em todo o continente da América do Sul. O centro do jogo está definido para ser o maior da franquia, que também revela a cidade escondida de Paititi. Os jogadores podem participar em missões secundárias e aprender sobre Paititi, que proporciona uma experiência mais rica. Um novo sistema de troca permite aos jogadores trocar recursos, recuperar peças e armas em Paititi. Existem numerosos ajustes feitos no jogo, que é idêntico ao Rise. Os controles para natação foram completamente revisados, já que Lara agora é capaz de segurar a respiração debaixo d’água por um longo período de tempo devido à introdução de bolsas de ar. Ela também ganha a habilidade de descer um penhasco usando uma corda. Furtividade torna-se uma parte importante do jogo, com Lara sendo capaz de se desvencilhar do combate quando ela escapa da linha de visão dos inimigos.

Tal como os seus predecessores, o jogo permite aos jogadores caçar animais selvagens, materiais artesanais usando os recursos recolhidos, resolver quebra-cabeças e explorar túmulos opcionais. O jogo também apresenta mais túmulos do que as parcelas anteriores da série de reinicialização. Os jogadores agora terão a opção de personalizar sua experiência de jogo, já que exploração, quebra-cabeças e combate têm suas próprias configurações de dificuldade. Um novo Modo de Imersão permite que os jogadores ouçam as conversas de fundo dos locais em seus idiomas nativos, quando desligadas, as conversas são feitas na voz escolhida dos jogadores sobre o idioma.

O Jogo

Diferente dos jogos anteriores, em “Shadow of The Tomb Raider” Lara já tem suas principais habilidades e equipamentos como o arpéu e a corda para ser utilizada em conjunto com suas flechas. Isso deu mais liberdade para os desenvolvedores explorarem a aba de habilidades de forma mais experimental, o que é um ponto alto do jogo.

Outro novo fator que influencia bastante no gameplay é a possibilidade da Lara explorar os ambientes que estão debaixo d’água, gerando toda uma nova camada de exploração aos cenários.

Jogue com as opções no Difícil

Principalmente se você já jogou os 2 capítulos anteriores do reboot, indicamos que você coloque todas as 3 opções de dificuldade no difícil. O modo Exploração principalmente. Com isso você removerá aquelas marcações dos lugares que podem ser escalados e muito do mamão com açúcar que é utilizar os instintos de sobrevivência da Lara, tornando a experiência muito mais orgânica.

Prepare-se para mergulhar

Em Shadow of the Tomb Raider você vai precisar muito mergulhar e é muito importante que você de início já adquira habilidades que melhore o nado de Lara.

No começo do jogo priorize pegar a habilidade: “Respiração do Jacaré” ela aumenta o tempo que você pode ficar de baixo d’água.

Cuidado com as piranhas, se você perceber que elas estão por perto, fique bem longe delas, esconda-se embaixo das algas do fundo do mar e espere elas passarem.

Se você está jogando a versão do console ou então no PC com controle, fique atento se o controle se mexer enquanto a Lara estiver nadando, isso indica que o fôlego dela já está acabando.

Qual habilidade escolher?

Lara já começa com 3 habilidades são elas: “Velocidade do Jacaré”, “Passo de Hoatzin” e “Descanso do Puma”.

No jogo você pode melhorar as habilidades de Lara por um mosaico de habilidades, para que você não fique em desvantagem, é importante priorizar o que você vai mais precisar no início.

É melhor guardar pontos para se especializar nas habilidades que têm a ver com o seu estilo de jogo do que simplesmente gastar todos pontos adquirindo todas habilidades.

Por exemplo, a habilidade que deixa você ficar mais tempo na água, ela pode ser melhorada novamente para você ficar mais tempo ainda.

Habilidades como “Visão da águia” são muito úteis, já que elas ajudam você a conseguir mais pontos de habilidades, porém, se você está jogando sem o “Instintos de Sobrevivência”, ela é inútil.