Total War Saga: Thrones of Britannia

Total War Saga: Thrones of Britannia é um jogo eletrônico de estratégia por turnos e táticas em tempo real desenvolvido pela Creative Assembly e publicado pela Sega. É o décimo segundo título da série Total War e foi lançado para Microsoft Windows e macOS em maio de 2018 e para Linux no mês seguinte. A história se passa nas Ilhas Britânicas e Irlanda no ano de 878, mostrando as disputas dos diversos reinos e facções saxônicas pela dominação regional.

Jogabilidade

Total War Saga: Thrones of Britannia possui uma jogabilidade similar em relação aos outros títulos da série Total War. É um jogo eletrônico de estratégia por turnos e táticas em tempo real que se passa nas Ilhas Britânicas e Irlanda no ano de 878, depois do rei Alfredo de Wessex ter derrotado invasores vikings. O jogador pode assumir o controle de diversas facções, como vikings, anglo-saxões, tribos galesas e clãs gaélicos, que competem entre si para assumirem o controle da região. É possível controlar diferentes unidades militares pelo mapa e comandá-las durante batalhas. O jogador também pode financiar pesquisas para novos projetos, recrutar e gerenciar novos personagens por sua casa e realizar relações diplomáticas com outras facções.

Escolhendo uma facção

Existem algumas facções iniciais boas. Total War Saga: Thrones of Britannia irá sugerir que você escolha o reino de Wessex. Tem algumas províncias e reinos que estão sob sua autoridade. A desvantagem desta facção são os ataques frequentes de Viking que vêm de fora do mapa. O reino de Mide, localizado na Irlanda, é uma boa escolha se você está procurando um reino pequeno que oferece muitas maneiras de desenvolvimento. A ilha fica longe dos países maiores do leste e não é invadida por vikings com a frequência de outras nações. Escolha Northumbria se você planeja jogar como Vikings. Eles têm muitas províncias e unidades poderosas. Eles não são vulneráveis ​​a ataques regulares de Viking e têm vizinhos bastante fracos.

Aumente seu lucro e alimentos

Fortaleça suas províncias antes de começar a expandir seus territórios. Aumentar seu lucro é a base absoluta – graças a isso, você terá dinheiro para recrutar e manter um exército maior. A comida também é importante porque permite que você use seu exército e reabasteça seus soldados. A baixa quantidade de comida pode deixar seu povo infeliz e suas unidades precisarão de mais tempo para se tornarem totalmente operacionais novamente. Atualize seus edifícios já existentes e crie edifícios nas capitais das províncias que funcionarão em conjunto com as aldeias.

Descubra o que está acontecendo no mapa

Você pode tornar sua vida mais fácil prestando atenção ao que seus vizinhos estão fazendo. Fazer uma aliança com um reino que luta com seu vizinho é uma boa ideia. Graças a isso, você facilitará o processo de obtenção de novas terras. Você também pode decidir ser um diplomata astuto. Por exemplo, faça uma aliança com seu vizinho e declare guerra ao reino que é uma ameaça maior para seu aliado do que para você. Deixe o inimigo conquistar as terras de seu aliado e depois capture-as para você.

O jogo o ajuda a distinguir amigos de inimigos usando cores diferentes no mapa principal. Contornos coloridos em torno de ícones que representam assentamentos, cidades, frotas e exércitos permitem que você avalie rapidamente o status diplomático de outros reinos em relação ao seu. Essas cores são:

Amarelo – suas unidades e províncias

Branco – países neutros

Azul – aliados e nações subordinadas (vassalos)

Vermelho – reinos com os quais você está em guerra. As forças Viking também são marcadas nesta cor.

Estas cores estão sempre visíveis no mapa estratégico, mas você também pode ativar o modo de estratégia (pressione a tecla TAB ou clique no botão localizado no canto superior direito da tela) e altere uma das opções apresentadas no topo para “status diplomático ” Graças a isso, você pode ver imediatamente, por exemplo, regiões e exércitos contra os quais está lutando. Você também pode escolher outro reino e verificar seu status diplomático com outras nações.

É mais fácil governar uma província inteira do que parte dela

As províncias geralmente consistem em algumas propriedades: assentamentos (1-4 pequenas aldeias – isso depende de uma propriedade) e uma capital (uma cidade cercada por muralhas). Os assentamentos geralmente têm estruturas que fornecem dinheiro e / ou alimentos, por exemplo, campos, pomares, minas. Você só pode atualizar edifícios já existentes nesses assentamentos.

As cidades, após atualizar o edifício principal, podem aumentar seu número máximo de estruturas adicionais. Esses edifícios geralmente oferecem bônus a certos campos, por exemplo, ordem pública, taxa de reposição de tropas, taxa de desenvolvimento de tecnologias ou podem oferecer lucros e bônus a um determinado ramo da economia.

Ter apenas uma parte de uma província significa que você provavelmente desperdiçará seu potencial. Possuir apenas uma cidade é a melhor solução do ponto de vista militar (é mais difícil capturar um assentamento como este). Ter apenas liquidações regulares pode fornecer a você um lucro melhor, mas também é mais problemático quando se trata de manter a ordem. Em uma capital de assentamento você pode colocar edifícios que aumentam a ordem pública ou que aceleram o processo de desenvolvimento de tecnologia. Algumas estruturas, por exemplo, minas, têm um impacto negativo na ordem nessa área, o que significa que esses edifícios podem ser facilmente perdidos para os rebeldes. Prepare-se para a constante falta de ordem se tiver apenas uma propriedade com mina.

Ordem pública e rebeldes

A ordem pública decide sobre a segurança de uma província. Certos edifícios e eventos recentes (por exemplo, uma conquista recente, falta de alimentos ou uma invasão) têm impacto negativo na ordem pública. Quanto mais baixo for o valor (pontos de pedido negativos), mais provável será o aparecimento de rebeldes nessa província.

Os rebeldes podem começar a invadir essa área ou conquistar os assentamentos mais próximos, o que torna seu território mais vulnerável. Os assentamentos controlados por rebeldes não pertencem a ninguém. Cada nação pode lutar com esses rebeldes e conquistar essa província para si sem quaisquer penalidades às relações com o antigo proprietário daquela área.

Você pode aumentar a ordem pública construindo igrejas ou tabernas, designando um governador ou designando um general com pelo menos um ponto em Zelo. Caso contrário, você deve manter um exército perto desse local para reagir rapidamente e eliminar todas as ameaças. É mais fácil manter uma província em vez de propriedades isoladas, portanto, cuide da integridade de suas terras conquistadas.

Recrutando exércitos e unidades

Se você deseja criar um novo exército, deve selecionar um povoado ou uma cidade e clicar no botão localizado no painel de informações inferior (Criar exército). Isso permitirá que você faça um novo general. Agora, selecione um dos candidatos potenciais. Preste atenção às estatísticas de Comando e Zelo (elas serão úteis para manter a ordem em uma província).

Em seguida, vá para qualquer um dos distritos e abra a janela de recrutamento. Você pode recrutar qualquer número que desejar das unidades disponíveis em seu pool geral. Ao contrário dos outros jogos da série Total War, aqui, você não precisa ter edifícios especiais para recrutar certas unidades, por exemplo, arqueiros ou cavalaria.

Lembre-se de que, inicialmente, suas unidades consistem em um pequeno número de tropas. Você tem que esperar algumas voltas para tê-los totalmente prontos. A melhor maneira de reabastecer as tropas é fazer isso em assentamentos em uma província amiga ou quando você fortifica seu exército (uma ordem especial no mapa estratégico), embora o número de tropas reabastecidas ainda seja pequeno.

Crie outro exército sempre que possível, especialmente durante a paz. Esta edição não apresenta uma opção para recrutar mercenários. Durante a guerra, colocar um exército eficiente em campo pode levar alguns turnos que podem ter impacto no seu sucesso ou fracasso. Por isso, é melhor estar preparado antes de uma nova guerra estourar.

Personagens e estatísticas

Os personagens em seu reino são divididos em alguns “tipos”. Homens, filhos, irmãos, etc. adultos e estadistas podem ser designados como generais de seu exército ou governadores de províncias. As mulheres em sua família podem se casar para aumentar ou diminuir certas estatísticas de seus personagens. Eles também podem se casar com alguém de outro reino para fortalecer os laços entre essas nações (um aumento nas relações).

Cada membro do sexo masculino do seu tribunal tem várias estatísticas:

Comando (quão bem eles se saem no campo de batalha e quão bons eles são no comando de um exército).

Governança (reduz a corrupção e aumenta os lucros de uma província governada por eles).

Zelo (tem impacto na ordem pública, no moral e no alcance da aura de um general durante as batalhas).

Além disso, cada personagem tem características (por exemplo, sua bravura no campo de batalha) que têm impacto não apenas nas estatísticas, mas também em outras mecânicas, por exemplo, ordem pública, moral do exército, chance de ter filhos, etc.

Todo personagem masculino pode ter uma esposa que oferece alguns bônus e permite a opção de criar uma família.

Eles ganham experiência (para participar de batalhas, cumprir seu papel como governador ou como um bônus de eventos ou estruturas) que pode ser alterada para um nível de habilidade (seguidor), por exemplo, Scribe oferece um bônus para impostos das províncias e pontos extras de governança.

Alguns dos personagens podem receber títulos especiais, por exemplo, Chamberlain, que aumentam certas estatísticas.

Qualquer um dos personagens em seu reino pode se tornar seu herdeiro (no entanto, pessoas fora de sua família devem ser adotadas por você primeiro). A mudança de herdeiro geralmente causa reações negativas de outros membros da corte. No entanto, você pode pensar em fazer um movimento como este se um personagem tiver estatísticas muito boas (por exemplo, muitos pontos em Comando). A tela da facção apresenta um pequeno painel chamado “Intriga”, que permite que você tenha impacto na vida de todos os personagens em seu reino até certo ponto. Essas opções incluem uma forma de aumentar a lealdade de alguém para com você, uma chance de encontrar uma esposa ou você pode diminuir a influência de alguém. No final das contas, você também pode usar uma opção para assassinar qualquer um dos personagens, mas você deve estar preparado para enfrentar consequências negativas se a tentativa falhar.

Cuidado com a lealdade e influência de seus personagens

Cada personagem em seu reino possui várias estatísticas, mas Lealdade e Influência são especialmente importantes. A primeira estatística informa sobre a devoção de um personagem ao líder atual de sua facção. Lealdade inferior a 3 pode fazer com que o personagem tente prejudicar sua posição ou, em casos extremos, desafiar sua vontade. O exército deles aparece em uma de suas províncias, o que causa uma guerra civil. Ao contrário dos rebeldes, só você pode lutar com este exército, embora possa pedir o apoio de outros reinos.

A influência decide sobre a autoridade e o poder político de alguém em seu reino. Quanto mais influência um líder tiver, mais fácil será para os outros personagens subordiná-lo. Além disso, a influência serve como uma espécie de moeda durante vários eventos, por exemplo, quando você está subornando seus subordinados. Muitas vezes, você pode decidir se deseja perder pontos de influência e ganhar a lealdade de um determinado personagem. Um líder com menos pontos de Influência do que outros personagens daquele reino pode ter que lidar com suas demandas ou até chantagens. A janela “Intriga” permite que você influencie certos personagens e reduza seu nível de influência.

Prepare um herdeiro

Uma das primeiras coisas que qualquer rei precisa fazer é se preparar para sua morte inevitável. Total War Saga: Thrones of Britannia vê o retorno dos líderes de facções mortais e, embora possam se tornar generais e governadores extremamente poderosos, eles ainda são carnudos e vulneráveis. Se a velhice não os atinge, então a doença, o assassinato ou a decapitação podem. Você terá que acabar jogando como herdeiro, então, se seu filho mais velho for um bêbado estúpido, talvez seja hora de mudar.

Porém, traços desejáveis ​​não são a única coisa que você precisa observar. Se o seu herdeiro for impopular, os nobres podem decidir se revoltar no momento em que o herdeiro assumir. Se você não consegue encontrar ninguém competente em sua própria família, você sempre pode adotar um nobre. Mas lembre-se de que adotar um general grande e barbudo é para toda a vida, não apenas para o Natal. Você poderia fazer muito pior do que adicionar um líder experiente à sua árvore genealógica, mas isso não significa que você deva sair e conseguir novos filhos por capricho.

Distribuir propriedades

Há uma coisa em particular que certamente fará de você mais do que alguns inimigos em seu próprio reino: propriedades. Quando você engole um monte de território, você notará nobres que já foram leais cuspindo em você na rua, não atendendo suas ligações e convenientemente se esquecendo de falar sobre atividades em grupo. Não é imediatamente aparente o porquê, até que você acesse a tela de propriedades.

Quando você adiciona uma área que contém uma propriedade ao seu reino, ela é imediatamente adicionada à sua coleção pessoal de propriedades e os nobres começam a ficar com ciúmes. Você quer começar a distribuí-los para seus melhores amigos – ou aqueles que correm o maior risco de rescindir seu convite para a festa de aniversário deles – no momento em que os receber. Tente guardar alguns para você, no entanto, porque eles também podem ser dados como presentes a nobres que estão chateados com você por um motivo totalmente diferente.

Traços do líder de controle

Em Total War Saga: Thrones of Britannia, você pode controlar diretamente o desenvolvimento de um líder escolhendo quais seguidores eles receberão sempre que subirem de nível. Eles também desenvolvem características distintas ao longo do tempo, com ou sem sua contribuição. Você pode influenciar quais características eles obtêm, no entanto, tanto direta quanto indiretamente. Os generais podem ganhar algumas características imediatamente quando você completa objetivos específicos – como sobreviver a um cerco ou lutar quando tiver mais de 50 anos de idade. Você pode encorajar outras características gradualmente ao longo do tempo.

Se você tem um governador que gostaria que fosse um pouco mais esperto, por exemplo, você pode querer construir uma biblioteca na província que ele administra. Você também pode encontrar uma esposa para eles, cujas características afetam o líder. Isso é mais arriscado, no entanto. Custa dinheiro encontrar uma esposa na Grã-Bretanha medieval, ao que parece, seja para o líder da facção ou para um nobre aleatório. Além disso, cuidado: nem todas as características são positivas.

Faça das fazendas uma prioridade

Marcha para cima e para baixo na Grã-Bretanha com pausas ocasionais para batalhas sangrentas e exaustivas queima muitas calorias, por isso os exércitos precisam ser bem alimentados. No início, você estará limitado a um único exército graças à pouca comida, mas você terá dinheiro suficiente para construir e atualizar algumas fazendas, permitindo que você expanda suas forças em alguns turnos. 

Edifícios de recursos, como fazendas e minas, não são mais construídos dentro de assentamentos e, em vez disso, são representados por pequenas aldeias que não têm guarnições. Isso os torna muito mais vulneráveis ​​a ataques e também significa que você não precisa sitiar um assentamento se quiser apenas mais terras agrícolas. Depois de atualizar suas próprias fazendas, você começa a procurar outras para beliscar.

Você nunca pode ter muitos escudos

Os escudos ainda são incrivelmente importantes em Total War Saga: Thrones of Britannia. Esta é a era da parede de escudos na Grã-Bretanha, onde guerreiros se aninham juntos atrás de uma parede de madeira e metal, esperando que cavalos e homens gritando se chocassem contra eles. Cada unidade tem uma função, mas é a infantaria com escudos que está no centro das atenções desta vez.

A abundância de escudos significa que você pode cavar e fazer uma mini-fortaleza de homens; um que pode lidar com cargas de cavalaria até terríveis. Embora a maioria das unidades de infantaria tenha escudos, o tamanho e as armas que os acompanham são importantes. Lanceiros podem fazer quadrados, dando-lhes mais defesa contra a cavalaria, enquanto espadachins de elite podem fazer castelos de escudos para desviar ainda mais flechas.

Pular batalhas navais

Depois de uma pausa deles em Warhammer, as batalhas navais manuais estão de volta aos Tronos da Britannia e é melhor evitá-las. No entanto, isso é complicado, porque os vikings gostam muito de atacar em alto mar.

A maioria dos guerreiros não é marinheiros experientes, então, sempre que estão na água, ficam enjoados, o que os transforma em lixo. Os vikings têm estômagos mais fortes, o que lhes dá uma vantagem distinta no mar. Eles adoram caçar barcos e participar de ataques, então você inevitavelmente será lançado em uma batalha naval. Eles são pesados ​​e confusos, então meu conselho é apenas resolvê-los automaticamente. Se você estiver jogando como uma facção menos náutica, isso significa que você pode ter que engolir perdas extras, mas é um pequeno preço a pagar para permanecer seco.

Desbloqueie tecnologias cívicas e militares

As tecnologias desempenham um papel importante em Thrones of Brittania . Existem dois tipos de árvores de tecnologia no jogo: Cívica e Militar. A árvore Civic melhora e desbloqueia novos tipos de edifícios e dá vários bônus, enquanto a árvore Militar atualiza suas unidades, recrutamento, reabastecimento, etc.

Você precisa desenvolver essas duas árvores para sustentar a ordem pública e um exército forte. Aqui estão os pré-requisitos necessários para desbloquear as tecnologias em Thrones of Brittania.

Como lidar com a lealdade

Você precisa verificar regularmente o índice de lealdade de seus governadores e generais. Se você notar que o contador de fidelidade está se aproximando de zero, você precisa tomar medidas imediatamente. A melhor forma é usar a ação Secure Loyalty, que custa algum dinheiro. Se você não tem o suficiente, você precisa se livrar desse personagem.

Se você fizer isso, o general / governador rebelde irá gerar um pequeno exército, que você pode facilmente subjugar. Isso aumentará automaticamente a lealdade de seus outros governadores e generais. Se você quiser evitar que isso aconteça, você pode simplesmente assassinar o personagem rebelde.

Além disso, não subestime a influência da esposa sobre seus pequenos governantes. Eles podem diminuir os níveis de lealdade tanto quanto aumentá-los. Nesse caso, você pode pagar em dinheiro e forçá-los a se divorciar.

Como transferir propriedades

Mais uma coisa que você pode fazer para aumentar a lealdade é dar propriedades aos seus vassalos. Isso não só aumentará o nível de lealdade deles para com você, mas também os deixará com mais ciúmes. Portanto, se você designou novas propriedades, não as retire.

Siga estas etapas se você deseja transferir uma propriedade para um de seus vassalos:

Vá para a guia Faction.

No canto superior direito, vá para Governadores e Generais.

À esquerda, escolha a guia Estates.

Clique nele para abrir um mapa de suas propriedades atuais.

Algumas das propriedades têm um ícone de coroa dourada acima delas. Essas coroas indicam propriedades que você pode doar.

Arraste a coroa dourada para um dos retratos de seu governador ou general.

Confirme a transferência.

Como ganhar com a ajuda da fama

Se você gosta de trabalhar com Diplomacia e ganhar uma quantidade significativa de influência, você pode ganhar o jogo por meio da fama. A fama pode ser aumentada ao longo do jogo, construindo edifícios e desbloqueando tecnologias (veja acima).

Quanto mais alto o nível de seus edifícios e quanto mais tecnologias você desbloquear, maior será sua chance de ganhar através da Fama. No entanto, escolher a facção certa é especialmente importante.

Por exemplo, as facções galesas são especialmente adequadas para tirar vantagem da condição de vitória da Fama. Eles possuem uma mecânica de facção especial – Heroísmo, que pode fornecer bônus à influência do líder da facção.

Abaixo você encontrará a lista de edifícios que podem aumentar significativamente sua fama:

Rede de construção Bard (Gwined e Strat Clut)

Rede de construção Hogback (Guvan)

Rede St Dewi e outros Santos (Menevia)

Quanto às tecnologias, as mais importantes neste caso são as tecnologias Civic, por isso concentre-se nelas.

Referências:

PC Gamer, Game Skinny, Game Pressure, wikipedia.

E aí, o que você achou deste game? Comente aqui abaixo sobre Total War Saga: Thrones of Britannia!

Point Blank

Point Blank é um jogo eletrônico free-to-play de tiro em primeira pessoa on-line, para PC, no formato Massively Multiplayer Online Game. Sua produtora é a Zepetto, uma desenvolvedora de jogos coreana. No Brasil, a editora responsável pelo jogo é a Ongame.

História

Point Blank é um jogo que foi criado no ano de 2008. Grupo de pessoas insatisfeitas com o governo começaram a fazer passeatas e manifestações pacíficas. Com o tempo o grupo, denominado Rebeldes, ganhou proporção e uma mentalidade radical, tornando-se fortemente armado e com comportamento terrorista. Eles se reúnem em uma sala para começar o combate e quem tiver mais mortes ou rounds vencerá a partida.

Disposto a se defender, o governo montou uma equipe formada por policiais e exército, chamada Operações Táticas de Proteção (OTP). 

Interface e jogabilidade

Esse jogo de FPS é um dos poucos que conta com “skins” femininas que só podem ser adquiridas por meio de “gold” ou de “cash”(comprado em real).

A cada partida o jogador recebe uma pequena quantidade de gold, a moeda comum do jogo, que é razoavelmente influenciada pelos resultados da partida. Há uma grande diferença de valores entre os jogadores vencedores e perdedores, e uma boa porcentagem de assassinatos por mortes melhora levemente a quantia. Então já que boa parte da moeda comum do jogo é obtida igualmente por todos os jogadores, a performance do jogador nas partidas em pouco influenciará para que futuramente ele tenha um equipamento superior ou inferior ao da média dos outros jogadores.

Além do gold, a moeda comum, existe no jogo o cash, Atualmente o jogo é completamente pay to win. E, é super mal otimizado. No caso do Brasil, a responsável é a Ongame e o cash pode ser comprado pela Internet no site oficial ou então por cartões pré-pagos vendidos em lan-houses, lotéricas ou pagamentos em caixa eletrônico através de transferência de dinheiro.

A loja, as armas, os itens e o inventário

Com a exceção do kit inicial que todo novo jogador recebe e de eventos especiais que possam ocorrer, a loja é o único meio de se obter novos equipamentos e itens. Dentro dela são praticadas duas modalidades de venda. Os equipamentos para gold são vendidos em unidades de 100 e 500. As quantidades maiores oferecem melhores preços por unidade, no entanto o jogador pode não possuir todo o dinheiro necessário ou então não querer correr o risco de investir uma grande quantia de dinheiro em uma arma que talvez não jogue bem ou que não use. E na compra por cash o usuário faz uma espécie de assinatura da arma, podendo utilizá-la por um período de alguns poucos dias ou até por algumas semanas. Vale lembrar que cada arma é exclusiva a uma das modalidades, armas de gold só podem ser compradas com gold e as armas de cash, as mais desejadas, apenas com cash.

Point Blank possui um arsenal típico de jogos de tiro de primeira pessoa e jogos de guerra, podendo o jogador adquirir várias modalidades de rifles de precisão, rifles de assalto, submetralhadoras, escopetas, pistolas, facas e granadas de fragmentação, fumaça, gás e incapacitação (flashbang). E para os que possuem cash também é possível comprar equipamentos de proteção ou até trocar de personagem alugando um personagem mercenário, com habilidades especiais, para atuar no lugar do seu personagem padrão.

Há um limite de espaço no inventário, porém é muito difícil de ser alcançado, e caso ocorra é necessário entrar em contato com a Ongame. O jogador pode portar, ao mesmo tempo, uma arma primária, uma pistola, duas granadas e uma faca. Mesmo com a partida em andamento, apertando a tecla “T”, o jogador tem acesso a seu inventário e pode alterar seu equipamento. Lembrando que, ao trocar de arma ou item, uma unidade da mesma será normalmente consumida se utilizada na partida, e que só se recebe o novo equipamento no início de um novo round ou em um renascimento.

Patentes, sistema de missões e títulos

Ao ganhar partidas o jogador adquire experiência (EXP) e, com um número específico de experiência, o jogador é promovido a uma patente superior à atual, podendo adquirir permissões para comprar novas armas.

Ao sair da partida o jogador perde uma pequena quantidade de experiência e gold, a moeda do jogo.

Além da experiência adquirida pelo jogador ao ganhar partidas, o Point Blank oferece um sistema de missões que são apresentadas ao jogador para que sejam cumpridas dentro das partidas. Cada missão tem um objetivo diferente. Completando as missões, o jogador ganhará medalhas e, quando acumulado um número especifico, é possível comprar títulos que dão um benefício e um malefício ao jogador (de acordo com o título escolhido). A maior patente (nível/level) é o Herói de Guerra, que necessita em média 12.000.000 XP. Uma vez adquirida a XP necessária para ser Herói de Guerra também será necessário o usuário ser o TOP Rank do jogo, ou seja, só poderá haver um Herói de Guerra no jogo.

Patentes do jogo

Aspirante: vulgo caveirinha

Recruta: Está é a patente inicial do jogo, o iniciante recebe um pacote com itens iniciais e uma pequena quantidade de gold. (Recebe recompensas)

Soldado: É a segunda patente do jogo. (Recebe recompensas)

Cabo: A terceira patente do jogo. (Recebe recompensas)

Sargento: A quarta patente do jogo, patente de transição para a cor cimento para a barro. (Recebe recompensas)

Terceiro Sargento (Níveis 1, 2 e 3): Quinta patente do jogo e primeira patente “barro”, possui três níveis. (Recebe recompensas)

Segundo Sargento (Níveis 1,2,3 e 4): Sexta patente do jogo, possui quatro níveis. (Recebe recompensas)

Primeiro Sargento (Níveis 1,2,3,4 e 5): Sétima patente do jogo e é a patente de transição dentre o nível barro e o nível azul diamante, possui cinco níveis. (Recebe recompensas)

Segundo Tenente (Níveis 1,2,3 e 4): Oitava patente do jogo e primeira patente de nível azul diamante possui quatro níveis. (Recebe recompensas)

Primeiro Tenente (Níveis 1,2,3,4 e 5): Nona patente do jogo e segunda patente de nível azul diamante, possui cinco níveis. (Recebe recompensas)

Capitão (Níveis 1,2,3,4 e 5): Décima patente do jogo e é a patente de transição dentre o nível azul diamante e o verde esmeralda, possui cinco níveis. (Recebe recompensas)

Major (Níveis 1,2,3,4 e 5): Décima primeira patente do jogo, essa patente é uma das mais prestigiadas dentre os players, pois é nessa patente que se desbloqueia os níveis finais dos títulos de habilidade do jogador e se desbloqueia as boinas vermelhas, possui cinco níveis. (Recebe recompensas)

Tenente-Coronel (Níveis 1,2,3,4 e 5): Décima segunda patente do jogo, possui cinco níveis. (Recebe recompensas)

Coronel (Níveis 1,2,3,4 e 5): Décima terceira patente do jogo, possui cinco níveis, e é a patente de transição para as estrelas vermelhas. (Não recebe recompensas)

General de Brigada: Décima quarta patente do jogo, é a primeira patente de cor vermelha é extremamente prestigiada por muitos players. (Não recebe recompensas)

General de Divisão: Décima quinta patente do jogo, a partir dessa patente se recebe a boina verde. (Não recebe recompensas).

General de Exército: Décima sexta patente do jogo. (Não recebe recompensas)

Marechal: Penúltima patente do jogo. (Não recebe recompensas).

Herói de guerra: A última e mais prestigiada patente do jogo, só podem existir 5 (cinco) heróis de guerra dentro do jogo. O jogador HeroiSidi foi o primeiro brasileiro a conseguir a patente após alcançar 100 milhões de EXP no Rank do Point Blank Brasil. Atualmente todas as 5 posições no Rank da patente Herói de Guerra estão preenchidas.

Sistema de clã brasileiro

O sistema de clã foi criado para facilitar a comunicação entre seus membros e também para os combates entre clãs rivais, com uma ferramenta automática para criar batalhas entre grupos de níveis parecidos.

Modos de jogo

Modo Death Match: é bastante conhecido na comunidade FPS. Neste modo em equipe (Rebeldes vs. OTP) o principal objetivo é obter o maior número de kills antes de acabar o tempo.

Modo Destruição: como Death Match, é um conhecido pelas comunidades FPS. Neste modo, cada time possui um objetivo principal: plantar a bomba em locais específicos, enquanto o outro deve proteger ou desarmá-la.

Modo Sabotagem: diferente do modo Destruição, o objetivo é causar danos a base inimiga. Para causar danos em uma base inimiga basta atirar em sua direção. O time que derrotar a base adversária primeiro, ou causar mais danos na mesma até o fim da rodada, será o vencedor.

Modo Supressão: similar ao modo Destruição, este modo apresenta basicamente as mesmas características, entretanto, este modo não possui o objetivo de plantar a bomba. O objetivo aqui, é obter o maior número de rounds para ganhar a partida.

Modo Defesa: o Modo Defesa é similar ao Modo Destruição, a diferença é que o principal objetivo não é plantar uma bomba ou desarmá-la, o objetivo do time vermelho é destruir os tanques A e B enquanto o time azul tem de defendê-los. Esta guerra se passa no mapa “Black Panther”.

Modo Dino/Cross Counter.: no Modo Dinossauro os jogadores assumem novamente os papéis de humanos e dinossauros, mas desta vez só uma espécie vai reinar nos campos de batalha. O objetivo é matar os dinossauros ou os humanos. Os humanos podem passar sobre flechas para baixo que, porém, você tem que passar pelos dinossauros e por último o dino, que é o maior dinossauro, ele só pode ficar na base para que os humanos não passem pela flecha para baixo.

Modo Caos: no Modo Caos assim como nome sugere é induzido um caos na mente do jogador, pois é retirada a função de mira e apenas um tiro/facada é necessário para derrotar o Player e informações como munição e funções de mira (laser) estão indisponíveis.

Modo Gravidade: o modo conta com plataformas de impulsão que fazem os jogadores saltar de forma sobre-humana, existem power-ups responsáveis por trazer armas, itens e outras coisas que ajudam dentro do jogo.

Modo Zombie: A história se passa quando um grupo de rebeldes tenta roubar uma arma química da CT-Forces só que o que eles menos esperavam é que a arma química era um vírus zumbi, e então começa uma guerra pela sobrevivência, o modo é idêntico ao Death Match porém os jogadores só podem jogar contra Bot’s do jogo, e só é possível jogar do lado dos Rebeldes, o que deixa o modo bem vazio.

Modo Headhunter: O modo “Caçador de cabeças” é idêntico ao Death Match, o objetivo é acertar a cabeça dos inimigos como o nome sugere, tiros em áreas do corpo que não sejam na cabeça tiram apenas um de dano, quase que inofensivos.

Comandos

Os comandos de movimentação do Point Blank são extremamente fáceis e praticamente iguais ao Counter Strike:

W- Movimenta o personagem para a frente

S- Movimenta o personagem para trás

A- Movimenta o personagem para a esquerda

D-  Movimenta o personagem para a direita

O movimento do mouse permite controlar a mira e a cadência de tiro pode ser disparada pelo botão esquerdo do mouse.

Experimente diversas armas

Experimente todas as armas e escolha qual é ou quais são mais adequadas para o seu estilo de jogo. É bom conhecer diferentes armas, pois você sempre precisa de um plano B (supondo, por exemplo, que munição de sua melhor arma acabe). Por outro lado, também é essencial saber qual arma fornece o melhor resultado para você em situações críticas. Além disso, quanto mais você domina as armas, mais XP recebe.

Ajuste suas habilidades

Dependendo do tipo de arma que você usa (e do seu papel na equipe, no caso de campanhas multiplayer), também será preciso fazer ajustes nas suas habilidades. Armas de curto alcance, por exemplo, exigem que você tenha rapidez para perseguições. Já armas de longo alcance exigem estabilidade. Molde o seu char cuidadosamente, de acordo com o que você espera que ele faça no game.

Aproveite os itens

Você dificilmente vai fazer das granadas sua arma principal, mas elas são ótimas em certas situações – por exemplo, para liberar o caminho ou conseguir um número maior de kills de uma vez. Outros tipos de itens podem atordoar o inimigo momentaneamente, facilitando uma saída. Enfim, existem vários itens que podem ajudar a realizar tarefas específicas. Não se esqueça deles.

Ajuste a sensibilidade dos controles

Esse tipo de ajuste faz com que seu char responda mais rapidamente aos comandos do teclado ou mouse. Os segundos de diferença na reação podem fazer uma grande diferença. Este tipo de ajuste pode ser feito, em alguns casos, dentro do game – mas também no seu próprio computador.

Use o corpo

Uma técnica bem simples de FPS para reduzir os danos ao seu char durante uma disputa em que não há onde se esconder é deitar-se no chão. Atirando dessa posição, a defesa dos seus oponentes fica mais fraca, ao mesmo tempo que a sua fica mais forte. Essa pequena “gambiarra” funciona melhor em confrontos de média a longa distância. Além disso, mantenha-se em movimento e procure não virar de costas para locais onde outros players podem se esconder ou passar. Essa “consciência corporal” ajuda a manter você vivo por bem mais tempo!

Dicas essenciais:

Fique sempre atento: Nunca ande com a mira abaixada, qualquer movimento errado ou demorado pode ser mortal. Portanto, mantenha a mira sempre na altura da cabeça de seus inimigos.

Não seja alvo fácil: Movimente-se sempre e pule quando necessário, isso dificultará que você seja alvejado pelos inimigos.

Não perca tempo com recargas: Ao utilizar a Sniper ou ShotGun, após o tiro, utilize a técnica “Quick Scope” apertando 2 vezes a tecla Q. Com isso, não será necessário ficar recarregando todo tempo.

Evolua antes de encarar os desafios: Compre cartas de missão e jogue bastante o modo dino. Com essas dicas, você ganhará muitos pontos de experiência e ganhará patentes cada vez mais altas no jogo.

Reconheça o terreno: Jogue todos os mapas, deste modo, você conhecerá cada detalhe. Assim, ficará mais fácil encontrar seus inimigos e não ficar perdido pelos cenários.

Brasil no topo do mundo

Não é por acaso que o Brasil é considerado uma potência nos FPSs. Em 2016, na primeira edição da Point Blank World Challenge, a brasileira 2Kill Gaming viajou até Seul, na Coreia do Sul, e conseguiu derrubar os favoritos russos e tailandeses para conquistar o mundial da categoria e levar a premiação de US$ 30 mil (cerca de R$ 110 mil).

E as conquistas não pararam por aí. A mesma 2Kill Gaming voltou a representar o Brasil em 2018 no mesmo Point Blank World Challenge. Com o famoso jogador Caio “400kg” Lazzaro na line up, a 2Kill venceu mais uma equipe tailandesa na grande final para conquistar o bicampeonato e a mesma premiação de cerca de R$ 110 mil. Esta edição do PBWC ocorreu no Brasil, e a comemoração aconteceu na frente da torcida verde e amarela na MAX Arena, em São Paulo.

Estes são os hightlights do nosso gamer GIGA! Veja também os vídeos dos nossos outros gamers: Cica, GuiDeeds e Alvaro em nosso canal do YouTube e se inscreva!

Referências:

Zigg, Wikipedia, Techtudo.