Vampyr

Vampyr é um jogo de ação e rpg desenvolvido pela Dontnod Entertainment e publicado pela Focus Home Interactive. Ele estaria disponível para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 2017, mas foi adiado para 2018. Uma versão também para o Nintendo Switch será lançada em 2019.

O enredo gira em torno do médico vampiro Jonathan Reid, que quer chegar a termos com sua condição de morto-vivo. Ele deve lidar com o fato de estar dividido entre o seu Juramento de Hipócrates e a sua sede de sangue. O jogador não é obrigado a matar para terminar o jogo. Opções de diálogo podem ser utilizadas para a caça de suas presas e para se alimentar, o que repõe a força e aumentar o nível, do personagem principal.

Vampyr se passa em Londres durante a pandemia da gripe espanhola em 1918. A ambientação foi pesquisada ao viajar para Londres e os visuais foram feitos com pontos de referências reais e imaginários em mente.

Jogabilidade

Vampyr é um jogo de rpg de ação jogado a partir de uma câmera em terceira pessoa. O jogador controla o protagonista do jogo, Jonathan E. Reid, um médico vampiro, cuja sede de sangue o obriga a matar pessoas inocentes. Para fazer isso com sucesso, ele deve reunir informações sobre seus alvos, estudar e mudar seus hábitos, coletar pistas e manter certos relacionamentos ao comunicar-se com os habitantes de Londres, o que serve como um mundo ficcional semi-aberto construído em torno de centros de bairros que se ligam a outras áreas. Igual no conto de vampiros, Reid só pode entrar em uma casa com um convite. Se alguém assim escolher, qualquer um no jogo poderia ser um alvo, o que traz consequências que afetam a história. Cada Morador tem um tipo diferente de história, relacionamentos e rotinas diárias. Se eles morrerem, eles vão dar para Reid seu último pensamento. Alimentar-se de sangue humano vai desbloquear novos poderes vampíricos, além de fornecer nutrição. A habilidade “Hipnotizar” pode determinar o comportamento de alvos fracos, como coagir-los a revelar informações importantes ou guiar eles para áreas menos visíveis, de modo a possibilitar que Reid se alimente sem ter que recorrer ao combate. pode-se curar as vítimas feridas e doentes a fim de ganhar mais no processo. a taxa de aflição de cada um pode ser visualizada quando Reid utiliza-se de seus sentidos de vampiro. Cada distrito terá uma pontuação com base na média da saúde de seus cidadãos. é possível terminar o jogo sem tirar uma vida, que melhor preserva o disfarce de Reid como médico, mas deixa-o incapaz de subir de nível.

Reid pode utilizar armas de corpo a corpo improvisadas, como uma serra, bem como armas de longo alcance, nas lutas contra outros vampiros mutantes conhecidos como “caveiras”, e matadores de vampiros que podem facilmente detectar a raça de Reid. As melhorias de armas são possíveis através da fabricação e ao saquear itens dos corpos das vítimas. Enquanto estiver usando os poderes de vampiro em combate, a vida e energia do personagem é drenada. Isso o força a se alimentar, a fim de repor imediatamente a sua força. Ele também pode utilizar a sua habilidade “Primavera” para alcançar locais que de outra forma estariam fora do alcance e avançar mais rapidamente através das fendas, que uma vez melhorada, pode causar danos no impacto e invencibilidade temporária.

Grande foco na narrativa

Um elemento trazido de Life is Strange para o novo game são os diferentes caminhos para a narrativa. Além de cuidar do estado físico dos moradores de Londres, o vampiro também pode buscar pistas sobre cada pessoa da cidade.

Segundo a Dontnod, o jogador estará livre para matar ou poupar quantos e quaisquer personagens que desejar. Isso fará com que os poderes de Reid evoluam, porém, cada morte pode afetar a narrativa do game.

Além de trazer diálogos com diferentes escolhas de fala, o game contará com um sistema que “conecta cada cidadão como parte de uma rede social”. Com isso, a morte de um NPC afetará a vida de outros personagens e, consequentemente, a narrativa da cidade.

“Em Vampyr, não é sobre “eu mato”, mas “quem eu mato?”. Encontros mortais atormentam a jornada do médico, e cada cidadão oferece uma fonte tentadora de poder … mas haverá consequências”, afirma a desenvolvedora na Steam.

De acordo com a Dontnod, os quatro distritos principais do game contam com “status de vida” indicando a saúde e número de personagens mortos. Com as mortes aumentando e afetando outras pessoas, consequências como aumento nos preços e doenças começam a aparecer.

A desenvolvedora promete diversas possibilidades na narrativa que envolve a cidade. Com isso, mesmo que todos os quatro distritos sejam dizimados, com habitantes mortos permanentemente, ainda será possível  completar o game. “Sua imprudência o recompensará com o final que merece”, alerta a Dontnod.

Trabalhando como médico

Se você ignorar seu trabalho como médico, as doenças podem se espalhar pelos distritos, o que causa instabilidade aos locais. Então é preciso curar desde dores de cabeça até pneumonia para deixar tudo em ordem. Vale lembrar que todos os soros e medicamentos só podem ser feitos dentro de um esconderijo, como a sala do Dr. Reid no Hospital de Pembroke.

Antes de habilitar um novo tratamento, primeiro é preciso pesquisar os ingredientes associados ao remédio em questão. Felizmente, as primeiras três receitas para fadiga, anemia e sepse já estão destrancadas assim que você começa a jogar Vampyr. Para conseguir o segundo nível de receitas, fale com a enfermeira Crane no Hospital Pembroke, e então complete a missão do porão do necrotério para pegar os suprimentos. Depois da luta com o chefe, procure no canto de trás da sala pela fórmula. Analise a Fórmula Enigmática na mesa de trabalho para destrancar as receitas da cura para resfriado, bronquite e pneumonia.

Para conseguir as últimas três receitas, é preciso completar a missão paralela de Whitechapel, no capítulo 2. Fale com o Padre Tobias Whitaker perto das escadas da igreja, e ele o mandará visitar o cemitério de Stonebridge. Procure por um cadáver à direita e o reviste para encontrar o componente que você precisa analisar. Depois disso você poderá curar dor de cabeça, enxaqueca e neuralgia.

Agora que você já tem todas as receitas em mão, já pode curar a população: quando encontrar alguém doente, use seus Sentidos Vampíricos para destacar as pessoas à sua volta. Basta apertar o analógico esquerdo nos consoles, ou apertar V no teclado do computador. Então aproxime-se de alguém doente, converse, faça as perguntas para diagnosticá-lo, e então volte à mesa de trabalho para criar uma cura.

Lembre-se que é preciso ter os ingredientes necessários em seu inventário para poder fazer as receitas. Depois de prepará-la, converse novamente com o seu paciente. Leva alguns dias para que ele se cure totalmente, então vá dormir no esconderijo para passar o tempo. Fique sempre de olho na saúde da população e a sua vida ficará muito mais fácil no jogo!

Humano ou vampiro?

Em Vampyr, o jogador tem a opção de ignorar (ou não) a sua nova compulsão por sangue. O jogo oferece duas maneiras distintas de se jogar e que afetam diretamente os NPCs e distritos. No final, a escolha é sua, mas lembre-se que para cada ação há uma consequência.

Ao focar em suas responsabilidades como médico, sem matar ninguém, Dr. Reid receberá menos experiência. Mas, manterá os personagens vivos para novas investigações e terá menos inimigos para lutar no mapa.

Se Reid ceder ao desejo por sangue, receberá o triplo de experiência como recompensa por assassinar pessoas inocentes. Obviamente, o jogo ficará um pouco mais fácil, já que com mais pontos será possível comprar habilidades com facilidade. Só que com a morte dos NPCs, a saúde do distrito declinará a cada noite, e inimigos vão apareçam naquele local.

Os residentes tem casos e dicas

A população está repleta de fofocas para contar e segredos para esconder. Converse com eles e explore todas as opções de diálogo – desde que não sejam decisivas. Não fale uma única vez. Sempre que tiver informações novas, retorne e fale novamente com os mesmos NPCs. Você desbloqueará novas informações e missões secundárias.

Desenvolva autofagia e coagulação

A autofagia permite que Reid drene seu próprio sangue para curar dano durante o combate. Continue aprimorando essa habilidade para não depender exclusivamente de soros para recuperar a vida. Em paralelo, desenvolva a coagulação, que paralisa os inimigos. São apenas alguns segundos, mas permitem que você ataque para absorver sangue.

Aprimore armas com absorção de sangue

Os equipamentos têm level e diversos tipos de nivelamento, com aprimoramentos para o combate. A absorção de sangue é uma das mais úteis, pois drena sangue dos inimigos a cada golpe. Ou seja, você não precisa nocautear e morder cada adversário para usar golpes especiais. Basta atacar normalmente e sua barra se encherá com ao longo da luta.

Aumente o vigor

Os golpes são limitados pela energia do personagem. O problema é que, caso ela esgotar durante a luta, Reid ficará impossibilitado de esquivar ou contra-atacar. São poucos segundos, mas fazem toda a diferença em uma luta. Por isso, na hora de usar seus pontos de experiência para comprar habilidades, não esqueça de guardar um pouco para melhorar o vigor.

Vasculhe lixeiras, armários e caixas

Reid precisa de material para atualizar armas e preparar remédios. A melhor maneira de obtê-los é em lixeiras, armários e caixas espalhados pelos quatro distritos. Os itens reaparecem depois de um tempo, então você pode repetir a coleta periodicamente. Os inimigos também têm loots úteis, por isso, não fuja de uma luta se sentir que pode vencer.

Outra opção são os NPCs que vendam materiais e produtos específicos.

Suas ações afetam a saúde dos distritos

Como todo bom jogo de escolhas, há consequências para seus atos. Em Vampyr, o ato de curar, ignorar ou matar pode decidir o destino dos moradores de Londres. A saúde dos distritos, por exemplo, está diretamente ligada a quantidade de doenças no local, e áreas em situação grave tendem a ter mais skals. Por isso, faça remédios, investigue e questione os personagens e o pilar de cada distrito. Algumas dicas e informações podem ser perdidas dependendo da sua escolha de diálogo.

Os pacientes precisam de medicamento

Manter os moradores saudáveis é sempre uma vantagem. Além de melhorar a qualidade de vida nos distritos, também aumenta a quantidade de experiência recebida por Reid, caso ele beba o sangue do paciente. Para fazer medicamentos, colete as receitas e materiais necessários e, em seguida, crie a fórmula na mesa de fabricação.

Não saia matando todo mundo

A sede do doutor Reid é insaciável, seu desejo por sangue um problema constante. Na Londres pós guerra, ele terá de interagir com diversos NPCs para conseguir alcançar novos objetivos e encontrar a sua própria cura. O problema é que o jeito mais fácil de ganhar experiência será chupando todos os pescoços pelo caminho. No curto prazo pode parecer uma decisão inteligente, mas você verá várias missões se perderem e muito da experiência na verdade perdida, uma vez que quanto mais coisas você descobre e faz pelas pessoas, mais experiência elas darão quando mordidas.

Portanto, segure essa vontade insana de ser um conde Drácula e poupe o máximo de pessoas possíveis no início, ganhando a sua experiência através de quests e conversas.

Colete tudo pelo caminho

Diferente de outros rpgs, em “Vampyr” você não tem itens inúteis, todos eles podem ser usados tanto para craft  quanto para desmonte. Latas de lixo, baús, restos de mortos, tudo tem seu valor. Não deixe nada passar enquanto anda por vielas e becos.

Leia os documentos

O sistema mais interessante do jogo é o de interação entre os moradores de cada região. Você pode descobrir pistas sobre cada um deles, levando a informações pessoais que geram novos diálogos e até mesmo a novas quests. Muitas dessas pistas são descobertas em bilhetes e documentos que você achará pelo caminho, portanto sempre abra o menu e leia-os. Lembre-se sempre que quanto mais você descobre sobre um NPC, mais experiência ele te dará quando receber o abraço da morte.

Cure as pessoas

Na aba de craft você pode criar diversos tipos de poções e soros. Enquanto algumas delas servem para te curar ou garantir alguns efeitos na batalha, outras servem para curar as pessoas da cidade. Os NPCs podem estar fadigados, com pneumonia, anemia e outras doenças mais. As pessoas que estiverem doentes têm menor qualidade sanguínea e portanto, darão menos experiência ao serem mordidas. Outro ponto positivo de curar os NPCs é o pequeno bônus de experiência pela boa ação.

Evite dormir

Para passar de level e conseguir novas habilidades, será preciso descansar com o doutor Reid em um dos esconderijos, se livrando do sol do dia. O problema é que todas as consequências dos seus atos na noite anterior aparecem logo que você acorda. Portanto, antes de dormir, faça o máximo de ações possíveis, acumulando uma boa quantidade de experiência e aproveitando todas as quests que podem sumir quando você acordar e o mundo estiver diferente.

Fique atento a resistência dos inimigos

Existem quatro tipos de ataques no jogo (sangue, sombras, físico e a distância) e cada inimigo possui resistências a um ou mais deles. Você pode checar isso utilizando o sentido de vampiro, apertando o analógico esquerdo, ou ficando atento aos símbolos ao lado da barra de vida do inimigo, que indicam qual a resistência e a sua intensidade. Levando isso sempre em conta, as batalhas ficaram fáceis e triviais.

Ratos fornecem sangue

Você precisará de sangue para executar todas as suas principais técnicas e a falta dele será constante. Vez ou outra você verá ratos passando pelas ruas de Londres, não se acanhe, pegue um deles e aproveite seu delicioso néctar escarlate. Esses roedores fornecem o tão desejado sangue de forma fácil e te deixam prontos para mais uma batalha, muito embora o doutor Reid pareça não gostar muito do sabor.

Final 1

Para conseguir o melhor fim de Vampyr, não mate ou beba o sangue de nenhum dos moradores, sejam eles culpados ou inocentes. Poupe a vida dos personagens e não transforme-os em vampiros, mesmo que isso signifique prejudicar a saúde geral do distrito. Contudo, não há problema em eliminar os NPCs que virem chefes ou Skals ao longo da história.

Em paralelo, cure a população com medicamentos para que os distritos fiquem saudáveis. Tente manter todos vivos e livres da epidemia.

Final 2

O segundo epílogo é uma variante do anterior, que também segue uma rota pacifica, só que não tão rigorosa quanto a primeira. Para fazer este final, mate um ou dois moradores, no máximo. Não arrisque mais que esse número. Além disso, não deixe que os distritos entrem em colapso.

Final 3

Para chegar a um dos desfechos trágicos de Vampyr, se alimente do sangue dos personagens, mate alguns cidadãos – não todos – e permita que pelo menos um dos distritos fique em estado crítico. Embora este seja um final ruim, procure manter um equilibrio entre boas e más ações.

Final 4

No último e fatídico final, Dr. Reid deve se tornar um monstruoso assassino em série. Aproveite toda e qualquer oportunidade para tomar escolhas terríveis – mate todos que estiverem ao seu alcance, ignore os pacientes, deixe que os distritos pereçam em estado crítico, transforme personagens “pilares” em vampiros e sugue o sangue dos inocentes.

Referências:

Pixel Nerd, Play replay, Uol, wikipedia, techtudo.

Black Desert

Black Desert Online ( coreano : 검은 사막) é um jogo de RPG on-line de fantasia e multiplayer (MMORPG),orientado para sandbox, desenvolvido pelo desenvolvedor coreano de videogames Pearl Abyss e publicado originalmente para o Microsoft Windows em 2015. Uma versão móvel intitulada Black Desert Mobile foi lançado inicialmente na Ásia no início de 2019 e mundialmente em dezembro de 2019. As versões Xbox One e PlayStation 4 , conhecidas simplesmente como Black Desert , foram lançadas em 2019. O jogo é gratuito para jogar em algumas partes do mundo, mas segue um modelo de negócios buy-to-play em outras edições, incluindo as edições em inglês.

Em 2018, o Pearl Abyss começou a trabalhar em um prequel da linha do tempo do Deserto Negro, intitulado Deserto Carmesim , mas durante o desenvolvimento tornou-se um IP independente e independente, com uma história diferente e novos personagens.

Escolha uma classe e vá com tudo

O pontapé inicial de qualquer MMORPG é a criação do seu personagem. Uma dica de ouro em Black Desert é estudar bastante as classes para saber exatamente o que você quer. O jogo tem como base uma infinidade de mecânicas paralelas que aumentam seu roleplay e tornam tudo mais complexo. Claro que muitas coisas são compartilhadas por toda a conta, como sua rede de contatos entre NPC, áreas exploradas e conteúdo de pérola. Mas profissões e alguns outros elementos cruciais não são.

Dessa forma, não é uma boa sair jogando com quatro personagens ao mesmo tempo, trocando de um para outro como se faz em outros jogos como World of Warcraft (PC). Pelo menos inicialmente, enquanto você estabelece suas bases e começa a entender como funciona tudo do jogo, o melhor a fazer é se decidir por uma classe e seguir em frente. Somente assim seu personagem terá capacidade o suficiente para ter acesso às mecânicas e níveis mais avançados, o que não seria possível jogando com vários personagens intercalados.

Monstros ou missões?

As duas primeiras coisas que você vai começar a fazer no jogo (após aprender a andar e a interagir com o mapa) serão matar monstros e completar missões. Por isso, é bom saber a diferenças entre as duas e o que cada uma lhe dá exatamente. Existem diversos tipos de missões: as do Espírito Negro, as de contribuição, as que lhe dão aumento de inventário, as que podem ser repetidas e tantas outras. Mas é importante ressaltar que somente as missões do Espírito Negro que lhe dão algum tipo de experiência de combate.

As demais missões estão longe de ser inúteis, mas é importante deixar claro que não são elas que vão fazer seu personagem passar de nível. Assim como em Tibia (PC), Ragnarok (PC) e Tree of Savior (PC), os personagens passam de nível principalmente através da mecânica chamada de grind, que não é nada além de matar monstros para adquirir experiência.

Dessa forma, mantenha-se concentrado em alcançar o nível 30 inicialmente (o que é bem rápido em Black Desert), para depois começar a intercalar momentos de grind e momentos de missões de contribuição e outras. Use sempre as missões do Espírito Negro como “termômetro” para saber quando parar e aumentar alguns níveis antes de seguir em frente, será bem proveitoso para você.

Converse com todo mundo

Os NPC de Black Desert fazem parte da imersão do jogo e literalmente povoam cidades, vilas e fazendas de forma bastante orgânica. Entretanto, eles não estão ali somente para enriquecer o cenário. A maior parte dos NPC servem para que você adquira conhecimentos específicos e estabeleça uma rede de contato; por isso, converse com todos que você encontrar pelo caminho, a fim de liberar missões, lojas e até ter acesso a elementos que não são possíveis sem estabelecer um vínculo com um ou outro NPC.

Em alguns lugares isso dará bem mais trabalho do que parece, como é o caso de Calpheon, uma das maiores cidades do jogo até então. Se concentre em conversar principalmente com aqueles personagens que possuem ícones diferenciados em cima deles, como os das missões diárias ou lojas. Entretanto, é sempre bom dar uma olhadinha naqueles NPC em volta os comerciantes, pois sempre pode ter algum segredo por ali.

Seja amigo dos NPC

Seguindo a lógica da dica anterior, mas indo um pouco mais além, temos a mecânica de amizade com os NPC. Em Black Desert a amizade funciona quase como uma moeda de troca, na qual determinados itens, missões e informações só são disponibilizadas quando você tem um determinado número de amizade com aquele personagem específico. Com isso, sempre vale a pena gastar uns pontinhos a mais para manter pontos de amizade com os NPC que você utiliza mais.

Por exemplo, eu investi na amizade com o responsável pelos estábulos de Calpheon, para que eu pudesse comprar todas as partes dos equipamentos do meu cavalo com ele. Isso me permitiu montar toda a vestimenta do meu cavalo sem utilizar o leilão ou depender de outros jogadores. Faça amizade sempre com aqueles NPC que serão mais úteis para você. Na dúvida, a internet está recheada de guias e vídeos para auxiliar nas escolhas.

Equipamentos ideais

Uma diferença gritante entre Black Desert e outros MMORPG atuais é a pouquíssima quantidade de equipamentos diferentes para se usar, pelo menos por enquanto. Com isso, espadas, cajados, machados e, principalmente, armaduras, não possuem tanta variedade assim. E mais: nada no jogo possui uma restrição de nível para ser usado. Um personagem de nível 1 pode muito bem ter a armadura “mais forte” do jogo e equipá-la sem nenhum problema. Mas já vou explicar para vocês as aspas ali em cima.

O lance é que, em Black Desert, não é uma única armadura ou set que será “o melhor” para qualquer classe. Com isso, é bom prestar atenção nos bônus e combinações para entender o que seria melhor para a sua classe utilizar. Um set, por exemplo, que aumenta a recuperação de mana não será o ideal para um Guerreiro, que não usa pontos de mana para atacar. Parece óbvio, mas muita gente pode passar despercebida por isso.

O jeito mais rápido e relativamente fácil de conseguir os sets ideais para a sua classe é através do mercado global, em que todos os jogadores anunciam itens para venda. Com o set certo para a sua classe é chegada a hora da próxima dica.

Guarde suas Pedras Negras

Existem basicamente dois tipos de Pedras Negras no jogo: as para Armaduras e as para Armas. No início, você não entende muito bem o peso dessas pedras, principalmente por ganhar várias delas nas primeiras missões do Espírito Negro. Mas cuidado! Não as saia gastando em qualquer coisa, pois pode ser um desperdício. Isso porque essas Pedras são utilizadas para melhorar seus equipamentos, aumentando seus bônus e seus pontos de base.

Existe a possibilidade de você remover essas pedras de um item com alguns ferreiros, mas nesse processo há chance de você perder algumas delas. Isso além do fato de que após o bônus +5, a chance do encantamento ter sucesso começa a ficar cada vez mais difícil. Por isso, o ideal é que você guarde suas Pedras Negras para usar no set certo para a sua classe, para não desperdiçar esses itens e, assim, ter material o suficiente para elevar tudo até o +15.

Pesque bastante

Um dos pontos altos de Black Desert são as mecânicas que possibilitam o jogador permanecer evoluindo ou treinando alguma habilidade enquanto está AFK (com o personagem online, mas longe do computador). Entre elas a mais popular é, sem dúvidas, a pescaria. Desde o início da aventura, lá na pequena cidade de Vélia, você consegue sua primeira vara de pescar e pode começar a fazer as missões próprias da profissão de pescador. Aconselho a todos, sempre que puderem, deixar seus personagens pescando pela região.

Pode parecer inútil no início, mas ao treinar bastante a habilidade de pesca, você começa a encontrar itens raros realmente caros que podem ser vendidos por uma quantidade enorme de moedas de prata. Além disso, os peixes encontrados podem ser secos (o que aumenta o nível de processamento do personagem) e depois utilizados para cozinhar determinados alimentos. Para quem não sabe, os alimentos servem como os buffs em Black Desert, aumentando atributos como vida, defesa, regeneração, velocidade e outros. Além é claro, de poderem ser vendidos no comércio global.

Cuide bem da sua montaria

Em um mundo imenso onde não existem sistemas de teletransporte, cuidar bem da sua montaria é algo essencial. Mas as explicações não param por aí. Existe todo um sistema próprio para as montarias de Black Desert. Além delas terem um inventário próprio, o que possibilita os jogadores carregarem mais itens em suas caçadas, elas possuem habilidades passíveis de serem treinadas, podem ser equipadas com itens diversos, participar da batalha e servir para procriação, criando assim cavalos mais fortes e rápidos que podem ser usados por você ou comercializados (tudo nesse jogo pode ser comercializado, repararam?).

Com isso, é interessante começar a treinar sua habilidade de Treino bem no início. O fôlego do personagem, o qual aumenta enquanto ele anda a pé, nada e faz outras atividades físicas, pode ser treinado AFK sem problemas, então o ideal é que, enquanto o jogador está jogando, ele utilize de uma montaria (seja um burro ou um cavalo) para que ele melhore na sua prática com as montarias e a própria montaria cresça de nível, se tornando cada vez mais rápida e resistente. No nível 50 não é incomum você precisar atravessar o mapa várias vezes num único dia, por isso, irão agradecer ter um cavalo bem treinado quando chegar lá.

Use bem as premiações

Black Desert possui um sistema de conquistas que são recompensados a cada passo dado. Níveis de habilidades diversas, de combate, de treino e outros mais são recompensados com itens e bônus. Além disso, algumas dessas premiações são diárias, bastando apenas que o jogador fique online com o seu personagem naquele dia. Todos os dias o jogador recebe um bônus de XP que pode ser ativado através do botão “premiações” no canto inferior direito da telas. Usando essa premiação do jeito certo, ela pode ser muito útil para o seu ganho de experiência em combates.

É importante saber que assim que você clica em “receber” a premiação, os bônus serão ativados. Você pode escolher entre ter 200% a mais de experiência de combate por uma hora ou 100% de experiência de combate por duas horas. Este tempo é contado com o personagem online, dessa forma, caso você saia do jogo o tempo será congelado. Entretanto, use-o assim que estiver já próximo da região onde ficará caçando, pois o tempo até você chegar lá pode ser bem grande dependendo da área.

Conseguindo dinheiro caçando

Muitas são as estratégias para conseguir dinheiro em Black Desert. Mas no início do jogo não são tantas as opções, tirando os investimentos a longo prazo como a pescaria e o cozimento de alimentos. Mas uma estratégia que não é tão milionária, mas que pode salvar bastante ao longo dos primeiros 30 níveis é a venda e troca de espólios de suas caçadas. Praticamente todo item que cai das criaturas do jogo pode ser vendido para um NPC, então compensa bastante ser o clássico “lixeiro” que recolhe todos os materiais para vender depois.

Mas fique atento na descrição dos itens! Existem materiais específicos que caem de algumas criaturas que, ao serem acumulados em uma determinada quantidade, podem ser trocados em NPC específicos por uma quantidade de prata mais lucrativa do que a quantidade que você teria apenas vendendo os itens para qualquer um. Esses NPC podem ser encontrados clicando com o botão direito no próprio item, o que torna tudo ainda mais fácil. Em caçadas de uma ou duas horas em um único lugar, um jogador iniciante pode fazer até 2KK dependendo do local, então leia atentamente a descrição dos itens, para não dar pérolas aos porcos.

Apenas o começo

Acredite ou não, todas essas dicas são meramente superficiais e não chegam nem perto de ser um tutorial completo sobre como jogar Black Desert. Talvez isso tudo poderia ser uma introdução, mesmo assim faltariam alguns elementos aqui. Por isso, não deixe de ficar ligado para saber mais sobre o jogo e, caso queira algum tutorial específico, não deixe de pedir nos comentários que daremos prioridade a eles nas próximas semanas. 

Construir barcos, administrar fazendas, estabelecer rotas de comércio, forjar armaduras, contratar trabalhadores, capturar e cruzar cavalos, treinar atributos como força e fôlego são todos pontos que merecem textos próprios devido a extensa complexidade de cada um. Mas claro que tudo ao seu tempo. 

Missões não são tudo…

Outra grande diferença de Black Desert Online em comparação aos MMOs é que você não vai apenas andar por aí seguindo de um NPC com aviso de quest na cabeça para outro. Isso porque cumprir a maioria das missões do game não garante experiência em si para o jogador: no lugar disso, ele recebe um número de pontos de “experiência em contribuição”.

Assim, com exceção das missões oferecidas pelo “Espírito Negro” (um dos principais NPCs encontrados na aventura), sua principal maneira de evoluir é pela boa e velha matança de monstros. O que é uma ótima notícia, convenhamos, em um game que traz um sistema de combate tão diferente do comum em um MMO e com batalhas tão divertidas.

Aproveitando o assunto, vai aqui uma dica: caçar à noite recompensa o jogador com mais pontos de experiência. No entanto, os monstros também se tornam mais fortes, então é bom pensar duas vezes antes de correr para campo aberto quando o Sol se põe.

… Mas ajudam bastante

Isso não quer dizer, é claro, que as missões do game não têm valor na jogatina. Muito pelo contrário: caso saiba utilizá-las corretamente, elas podem fazer toda a diferença para acelerar seu crescimento no game, mesmo que não na forma de níveis.

Em resumo, a maioria das quests de Black Desert Online premia o jogador com “Pontos de Contribuição”. O que você pode fazer com eles? Muita coisa, na verdade. Isso porque esses pontos funcionam de maneira semelhante a uma moeda especial na jogatina, permitindo a aquisição de vantagens únicas: NPCs que servem de funcionários, investimentos em rotas de comércio e redes de produção, compra de casas e até a criação de novas lojas.

Basicamente, opções não faltam para que o jogador melhore sua experiência – seja garantindo um aumento em sua renda, ganhando mais espaço em seu inventário, otimizando suas profissões escolhidas ou simplesmente garantindo um bom lugar para descansar.

Atenção para sua energia

Não pense, no entanto, que você vai poder simplesmente sair por aí fazendo tudo o que deseja e se tornar um mestre em todas as artes. Black Desert traz para cada personagem um sistema de pontos de energia, que limita as mais variadas ações que seu aventureiro pode realizar. Falar com NPCs, criar itens, coletar recursos, pescar e até melhorar seus atributos e habilidades custa energia preciosa, que demora a recarregar.

Novamente, a ideia aqui é priorizar o que mais importa na jogatina. Caso tente evoluir todas as suas habilidades ao mesmo tempo, seu personagem vai demorar consideravelmente para crescer, então o melhor é começar com aquilo que parece mais útil para seu estilo de jogo. Da mesma forma, investir em alimentos e até em um bom descanso para seu avatar pode ajudar a recuperar essa pontuação – se você quiser manter seu personagem sempre apto a fazer mais do que simplesmente entrar em combate.

Pontos de Energia: São obtidos em missões e usados para fazer diversas interações no jogo, como colocar pontos em habilidades fora da cidade, contratar trabalhadores, falar no chat global, aumentar amizade com NPCs e muitas outras coisas que vão consumir sua energia. Essa energia tem 1 ponto recuperado a cada 3 minutos enquanto você estiver online, se você estiver dormindo em uma cama a velocidade aumenta.

Explorar recompensa – e muito

É aí que o game traz uma de suas sacadas mais geniais: explorar não recompensa o jogador apenas com novos inimigos, batalhas épicas, níveis de poder ou mesmo tesouros, mas também com conhecimento.

Não estamos falando no sentido abstrato da palavra, é claro, mas de um sistema que aumenta os limites de energia de seu personagem. A cada nova coleção de conhecimentos que ele completa, como o número de inimigos de um local ou os NPCs espalhados em toda uma cidade, seu avatar é premiado com uma expansão equivalente, fazendo com que ele possa aguentar muito mais tarefas do que antes.

Assim, recomendamos que você saia por aí e não tenha medo de conferir absolutamente todo e qualquer cantinho do mapa que chamar sua atenção. Se algo de interessante surgir no minimapa, ir até lá pode resultar em muito mais do que uma batalha contra monstros.

Pontos de Habilidade

São obtidos enfrentando monstros e lhe darão pontos que podem ser distribuídos nas habilidades disponíveis utilizando a tecla “K”.

Pontos de Contribuição

São obtidos em missões ao ajudar os cidadãos de Black Desert e vão permitir que você compre residências e faça investimentos em nodes. Esses pontos podem ser recuperados ao vender aquilo que se adquiriu, sendo que nessas situações perde-se o nível conquistado caso tenha-se evoluído as aquisições.

Permanecer online vai recuperar seus pontos de energia e, caso precise de contribuição, é possível vender aquilo que foi comprado para obter de volta os pontos gastos (com o sacrifício da perda do investimento), tornando o jogo flexível e a jogatina extensa. Se o cara quiser ficar jogando dias sequenciados, o jogo não vai atrapalhar, nem um pouco.

Sistema de Venda – Mercado do Black Desert

Ficar preocupado com o que guardar e o que vender no começo é normal. Para ajudar, o jogo possui um sistema de mercado diferente.

Dois, na verdade. Um funciona internamente, conectando recursos e cidades, operando como a economia do jogo que, admito, ainda desconheço. O outro é o comum comércio entre jogadores que coloca valores limitados para os itens, estipulando dentro da própria mecânica do jogo os valores dos itens. Então, se você colocar o mouse sobre um item vai ver o quanto ele vale no mercado, já dando uma dica da raridade das coisas.

Essas pedras fazem seu item subir de nível, +1, +2, +3, até + 15, diminuindo a probabilidade de evolução progressivamente e diminuindo a durabilidade do item em caso de falhas, fazendo com que esse tenha que ser reparado utilizando-se um item igual. Isso cria um equilíbrio de Durabilidade x Nível que pode ficar caro para o jogador.

Pergaminhos

Podem cair neles a oportunidade de enfrentar chefões. Guarde-os, mas não muito. Eles tem data limite e caso o período chegue, o pergaminho expira e não é mais possível utilizá-lo. As missões do espírito negro também recompensam com esses pergaminhos, uma vez por dia e uma vez por semana, de acordo com o chefão. Lembre-se de fazê-las.

Na hora de enfrentar os chefões, chame seus amigos e peça para que eles também levem seus pergaminhos. O loot será multiplicado entre os membros do grupo aumentando assim as chances de vir aquele item maneiro.

Itens

Os itens acumulativos, aqueles que você vai pegar um montão, não devem ser vendidos em qualquer NPC. A maioria deles possui um comerciante específico que irá trocar moedas ou recursos pelos itens. Ao clicar com o botão direito sobre o item é exibida uma opção de Local de NPC, o que fará uma marcação surgir no mapa que levará o jogador até seu destino comercial.

Em alguns é possível encontrar opções de localizações e recompensas. Analise aquela que irá oferecer-lhe mais lucro e invista nela. Aliás, vender itens me lembra de um grande problema que você vai encontrar: espaço.

Organização dos espaços e itens: Vai faltar espaço em todos os lugares, sempre. Para lidar com isso, adivinha só? Vai ser necessário se organizar e algumas vezes fazer alguns investimentos. Então, antes de usar o auto-follow para ir até o NPC fazer sua venda, certifique-se de ter espaço e peso, elemento que pode ser contornado, mas com um preço alto.

No meio dessa organização recomendo que você guarde suas pedras e aqueles itens de combinação no armazém. Se você morrer, além de perder 3% de EXP, você pode ter seus itens perdidos.

Como eu não sabia comprar casas no começo, joguei vários itens fora para liberar espaço no inventário. Porém, naquela mendigação, de 1 em 1 perdi vários itens que dropavam. Então não economize pontos para não perder oportunidades, lembre-se que você pode convergi-los de volta mais tarde.

Transportar itens: Cada cidade tem seu armazém, porém é possível transportar itens de uma cidade para a outra. Conectar nodes entre elas fará com que esse serviço seja mais barato.

Se você apertar M vai ver as marcações de cidades e arcos que navegam entre os diferentes pontos existentes. Quando investidos pontos de contribuição nesses chamados nodes, além de aumentar a taxa de drop do local, você poderá colocar trabalhadores naquela região para coletar itens para você.

Ir e vir vai exigir um inventário maior. Fazer quests vai permitir esse aumento e recomendo você adiantar essas missões. Assim, sua vantagem é clara ao longo de todo o jogo. Para ajudá-lo, você pode apertar L e selecionar a opção Missões Principais – Expansão de Inventário.

Faça amigos

A partir do level 50 você poderá ser morto por outros jogadores. Alguns deles vão andar em grupo para proteger o respaw de alguns lugares. Contestá-los sozinho pode ser fatal. Outras vezes, poderá ser você a pessoa a estar no spot e receber visitas indesejadas.

De uma forma ou de outra, mesmo que você não tenha interesse no PVP (e ele vai ter interesse em você), você ainda poderá obter maiores informações sobre o jogo, trocando experiências que vão mantê-lo ainda mais engajado na jogatina.

Melhores lugares para upar

A terceira dica é praticamente um complemento da anterior. Quando você criar o seu primeiro personagem em BDO, é bem provável que você não saiba onde grindar monstros e upar.

Sabendo já de antemão que você não vai upar seu level de combate fazendo missões, a gente tem que ver onde e quais monstros você precisa grindar pra upar melhor e mais rápido.

Isso na verdade é bem fácil de ver pois o próprio jogo indica e aconselha locais e monstros para você upar dependendo do seu level.

Apertando a tecla “M” você abre o seu mapa, e lá poderá ver vários locais com tipos diferentes de monstros e uma recomendação de level pra grindar.

Existe um site chamado “Something Lovely” que mostra muitas informações no mapa de Black Desert, desde dungeons, world bosses, baús de tesouro e também áreas de leveling.

É só marcar a caixa “Leveling Areas” e pronto, você vai ver todas as áreas pra upar divididas por recomendações de level.

Referências:

Death Weaver, Vitamina Nerd, Game Blast, Wikipedia, Voxel.

Roblox

Roblox (anteriormente estilizado como ROBLOX) é um MMORPG e MMOSG baseado em mundo aberto, multiplataforma e simulação do multiverso, que permite jogadores criarem seus próprios mundos virtuais (places) e projetar seus próprios jogos dentro da plataforma digital.

Roblox possui mais de 500.000 criadores de jogos e 100 milhões de jogadores ativos mensais, os quais já registraram mais de 300 milhões de horas de jogo. O grupo de desenvolvimento do jogo, a Roblox Corporation, emprega mais de 200 pessoas em Califórnia.

No entanto, em 2019, o Roblox se tornou o jogo mais popular no mundo.

Jogabilidade

Nos jogos Roblox, os jogadores exploram mundos em 3D. Atividades no mundo do jogo incluem explorar, crafting (produção) de itens, recolha de recursos e combate. Alguns jogos mais famosos são: Work At a Pizza Place (Trabalhe em uma Pizzaria), Jailbreak (Fuga dos Prisioneiros), MeepCity (Cidade Meep), Mad City (Cidade Louca), Adopt Me (Adote Me), Phantom forces(Forças fantasmas), etc..

Os jogadores podem personalizar seus personagens virtuais com vários chapéus, faces customizadas, formas de cabeça, formas de corpo, roupas e artes. Os jogadores podem criar suas próprias vestimentas. No entanto, a venda de itens de roupas e itens de coleção criados por jogadores requerem uma assinatura premium no Builders Club, mas os jogadores que não são premium ainda podem ainda criar t-shirts, que são decalques anexados à frente do tronco de um jogador. Os jogadores podem coletar e trocar itens, especialmente itens de colecionador de edição limitada.

Interação social

Os jogadores podem adicionar outras pessoas que encontram nos jogos à sua lista de amigos. Desde 2011, essa ação somente é possível enquanto joga. Em 04 de fevereiro de 2015, foi introduzida uma nova atualização para substituir o sistema de amigos e melhores amigos, sendo agora denominado de “amigos e seguidores”. Esta atualização permite um máximo de 200 amigos, com seguidores infinitos. Os jogadores também têm a opção de participar de grupos comunitários. Depois de se juntar, os jogadores podem então anunciar o seu grupo, participar em relações de grupo e definir o seu grupo principal.

Aprendendo o básico

Use as ferramentas “Click” (Clicar), “Copy” (Copiar) e “Delete” (Deletar). É com elas que você interage com o mundo. Ao explorar o local, será possível achar objetos, que podem ser clicados, copiados ou deletados. A ferramenta “Click” movimenta o objeto, a “Copy” fará uma réplica dele e a “Delete”, a apagará.

Defina o estilo de câmera. As duas opções disponíveis são o modo “Classic” (Clássico) e “Follow” (Seguir). No primeiro, a câmera não se movimenta, sendo fixada em um ponto ao menos que o jogador ajuste-a manualmente. O ponto de vista é alterado, mas ao segurar o botão direito do mouse e arrastá-lo enquanto no “Follow”, a câmera gira junto ao personagem à medida que se move para a direita e esquerda.

Clique no botão de menu no canto esquerdo superior para mudar o modo de câmera.

”Reinicie” seu personagem teclando “R”. Ao ficar preso em uma parede ou ver que ele perdeu um braço, basta teclar “R” para reaparecer em um ponto de reinício novinho em folha.

Pressione “Esc” e selecione “Leave Game” (deixar jogo) para sair do jogo. Caso queira parar de jogar ou mudar de mundo, basta entrar no menu no canto esquerdo superior da tela e pressionar L. Uma janela aparecerá com a pergunta se você realmente deseja sair.

Pressione a tecla “/” para entrar no chat. Uma janela de chat será aberta, permitindo que o jogador converse com todos que estão no servidor. No entanto, o criador do mundo pode desabilitá-la caso não queira permitir que os outros conversem. Outra maneira é clicando na janela de chat, onde está escrito “Click Here” (Clique Aqui), se a opção não tiver sido desligada.

Entrando no jogo

Antes de começar o game é preciso se conectar ao servidor. Se você ainda não tem um usuário e uma senha, clique em “Cadastrar-se” para criar o seu perfil. No cadastro serão solicitados alguns dados pessoais, como data de nascimento, nome de usuário, gênero do jogador (masculino ou feminino) e uma senha;

Depois de criar o usuário e a senha, você irá para o menu inicial. Nele você terá a opção de editar o seu avatar, conversar com os amigos no chat, ver seu inventário, além de selecionar um mundo para iniciar o jogo.

Escolhendo um cenário

Para encontrar um mundo e jogar é preciso estar no menu principal e selecionar a aba “Jogos”. Nela é possível utilizar o campo de pesquisa ou escolher algum dentre os mais populares ou aqueles com as melhores notas. Depois de selecionar um mundo, basta clicar na seta verde para entrar no servidor. Depois disso aparecerá a opção “Jogar”.

Jogando nos mundos

Cada mundo tem suas regras e objetivos próprios. Um dos mais populares é o “Trabalhe em uma pizzaria”. Nele, você começa na função de entregador. Para completar o tutorial, é preciso pegar as pizzas no balcão, entrar em um carro e entregá-las nas casas indicadas pelas setas amarelas. As outras funções, como fornecedor, caixa e cozinheiro, vão sendo desbloqueadas depois do tutorial ser concluído;

Outro mundo famoso é o “Hide and Seek”, que corresponde a brincadeira de “Esconde-esconde”. Ao entrar no jogo você tem cerca de 30 segundos para se esconder até que o perseguidor comece a procurar. Você precisa aguentar pouco mais de 3 minutos sem ser pego para ganhar a partida e garantir pontos.

Comandos

Independente do mundo escolhido, os comandos para controlar o personagem são os mesmos. Na parte inferior esquerda da tela do seu celular estará o analógico digital para movimentar o personagem. Na parte inferior direita está o botão de pulo. Para movimentar a câmera basta mexer na metade de cima do seu celular.

Ganhe itens e moedas

Cada mundo tem suas próprias missões e objetivos. A conclusão de cada objetivo dá ao jogador a recompensa em “Roblux”, a moeda do jogo. No mundo “Trabalhe em uma pizzaria”, por exemplo, a cada missão concluída é possível ganhar dinheiro e itens para personalizar sua casa.

Personalize seu avatar

Também é possível utilizar os roblux para comprar roupas e acessórios para personalizar seu avatar. Estão disponíveis óculos, gravatas, chapéus, ternos, camisetas e outros itens.

Chame os amigos para jogar

O game permite a criação de grupos de amigos. Com isso, é possível ingressar em um mundo com os colegas para que todos joguem juntos. Os cenários também têm um chat para que os jogadores conversem enquanto tentam concluir os objetivos.

Crie seus mundos

Roblox tem uma ferramenta de criação de cenário onde é possível imaginar toda a concepção dos desafios e a estética do local. Alguns mundos são baseados em personagens famosos da cultura pop, incluindo desenhos animados e super-heróis.

Entenda os itens

Os itens englobam qualquer coisa que um jogador de Roblox criou; cada mundo permite itens diferentes, dependendo do estilo de jogo que o dono do mundo quer enfatizar. Armas de curto alcance e de longo alcance, explosivos, itens para facilitar a navegação, melhoramentos, instrumentos musicais, itens sociais, ferramentas de construção e de transporte são alguns dos tipos.

Entre no menu de itens clicando sobre o ícone representado pela mochila no canto esquerdo superior da tela. Uma janela mostrando o conteúdo da mochila será mostrado dependendo dos objetos acumulados no jogo. Clicar sobre o ícone da mochila permitirá que o jogador organize as coisas no inventário.        

Coloque os equipamentos em teclas de atalho

É possível escolher os equipamentos que aparecerão nas teclas de atalho, localizadas no canto esquerdo superior da tela, com uma série de números representando quais os números que ativam certos equipamentos. É possível modificar livremente as teclas de atalho entrando na mochila novamente e arrastando os itens para um dos espaços disponíveis. 

Ganhe emblemas

Existem vários emblemas que o usuário pode adquirir no jogo para demonstrar como melhorou em algo, como emblemas de combate ou ao visitar uma certa quantidade de mundos de outros jogadores.

Dicas

Não é preciso ter uma conta para jogar Roblox, mas se quiser ter seu próprio mundo, fazer amigos e criar um avatar, é preciso se registrar.

Compre o “Builders Club” (Clube dos Construtores) para receber 10 locais, 15 Robux por dia e mais outros benefícios.

Não tenha receio em ir até a página 15 ou além dos jogos públicos; é assim que o jogador pode encontrar bons mundos.

Não irrite os outros jogadores ou mate-os logo que “nascerem” no mundo. “Nascer” no mundo é o momento em que o personagem entra no mundo e sequer tem tempo de reagir. Isto é algo extremamente mal-educado e ninguém gostará disso.

Muitas pessoas ameaçarão hackeá-lo. Não há como entrarem no sistema de contas do Roblox, mas não as provoque, porque você só se passará por bobo na frente das outras pessoas no servidor.

Caso alguém oferece a compra do “Builders Club” para você, não aceite. Se isso ocorrer via código do jogo, um e-mail será enviado para os administradores do Roblox com o código, obtendo controle sobre sua conta; caso seja por cartão de crédito, dar a sua senha é dar o controle da conta ao vigarista.

Quando os hackers do Roblox obtêm a senha de um jogador, eles saberão como derrotá-lo em batalha e poderão roubar suas informações pessoais.

Além disto, os hackers poderão até bani-lo por terem controle de sua senha. Nunca a dê para ninguém.

Escolha um nome de usuário que você gostará por muito tempo. Isso é importante, já que é necessário pagar 1.000 Robux para mudá-lo.

Lembre-se de ler todas as regras ou você poderá ser banido sem saber.

Comportamentos também podem ser inapropriados

Por ser uma comunidade plural, com pessoas de todas as faixas etárias, é preciso cuidar também com os comportamentos individuais. A desenvolvedora tem um extenso rol de recomendações para seus jogadores. Entre as condutas consideradas como proibidas ou reprováveis estão aquelas envolvendo:

Discursos ou atos discriminatórios

Assédio virtual

Imitação e difamação

Exposição de criança à situação de risco

Ameaças e automutilação

Busca de encontros amorosos ou parceiros para encontros amorosos

Conteúdo sexual

Conteúdo excessivamente violento

Atividades perigosas, antiéticas e ilegais

Cada tipo de violação aos termos de uso tem um efeito diferente, de acordo com a gravidade. Infrações leves podem resultar em advertências ou suspensões temporárias da conta. Já aquelas consideradas como graves podem acarretar suspensão permanente, banimentos, exclusão de conta e do programa DevEx, entre outros.

É importante destacar que o titular da conta é o responsável direto por tudo aquilo que é realizado nela. Por isso pede-se atenção especial para os pais que liberam as contas para que os filhos joguem. É importante estar atento aos conteúdos acessados e às atitudes tomadas neste mundo online.

Cheats?

Muita gente se utiliza de aplicativos modificados e códigos estranhos a Roblox, sob a alegação de que, por ser uma plataforma para criação, isso seria permitido. A realidade é que os desenvolvedores não aprovam nenhuma modificação que não tenha partido da própria empresa. 

Segundo as palavras da própria Roblox Corp, “A exploração ou trapaça é injusta para todos os jogadores do Roblox e cria uma experiência ruim para todos. Essas ações são uma violação dos Termos de Uso da Roblox e levarão à exclusão de uma conta”.

Ou seja: quem for pego trapaceando pode tomar um belo banimento e ter sua conta apagada, sem segunda chance. 

Aos que acreditam que a medida é pesada demais, há uma explicação: pessoas mal intencionadas podem se utilizar da promessa de uma exploração ou vantagem para induzir outras pessoas a baixarem vírus, keyloggers e outras espécies de malwares, podendo inclusive roubar dados pessoais e de contas bancárias. 

Caso você veja alguém tentando aplicar um golpe ou direcionando usuários a links suspeitos, a atitude indicada pela empresa é acionar o botão “Denunciar abuso”, disponível no site e em todos os menus de Roblox. 

TWEETROBLOX – Mascote do Twitter. Item para ombro.

$ILOVETHEBLOXYS$ – Chapéu no formato de balde de pipoca

GAMESTOPPRO2019 – Chapéu de faraó egípcio

*HAPPY2019ROBLOX* – Chapéu promocional de ano novo

KINGOFTHESEAS – Boné do filme “Aquaman”

TARGET2018 – Cartola de metal

EBGAMESBLACKFRIDAY – Gravata em luz neon cor azul

!HAPPY12BIRTHDAYROBLOX! – Bolo de aniversário de 12 anos do Roblox

RASSICWORLD – Óculos do filme “Jurassic World”

FINDTHEKEYS – Capacete do filme “Jogador Nº 1”

ONEMILLIONCLUB! – Chapéu em formato de dinossauro

GOLDENHEADPHONES2017 – Fone de ouvido dourado

ROBLOXROCKS500K – Óculos escuros

SXSW2015 – Chapéu estilo fedora

WEAREROBLOX300! – Visor azul

200kTWITCH – Capuz de inverno

KCASLIME – Asas feitas de meleca

MLGRDC – Fones de ouvido da MLG

HOTELT2 – Manto do filme “Hotel Transilvânia 2”

ROADTO100KAY! – Item para ombro do BLOXikin

Referências:

Geek Ninja, 2am Gaming, wiki how, techtudo, wikipedia.

SOMA

Soma (estilizado como SOMA) é um jogo survival horror de ficção científica desenvolvido pela Frictional Games (mesma empresa de Amnesia: The Dark Descent). O seu lançamento ocorreu em 2015.

A história se passa em uma remota instalação de pesquisa subaquática que possui algumas máquinas com características humanas (como consciência). Simon Jarrett, um protagonista inicialmente desorientado, se vê perdido na instalação sob circunstâncias misteriosas e, imediatamente, inicia uma jornada para tentar entender o que aconteceu e a situação desfavorável em que ele se encontra. Nessa busca, Simon luta para entender seu passado e seu potencial futuro.

A jogabilidade de Soma se baseia nas convenções estabelecidas nos títulos de terror anteriores da Fictional Games, incluindo uma ênfase na evasão furtiva de ameaças, resolução de quebra-cabeças e imersão. No entanto, em uma ruptura com sua tradição, ela suprime aspectos como gerenciamento de inventário em favor de um maior foco na narrativa. Soma recebeu críticas positivas que aplaudiram sua história e dublagem, embora o projeto dos inimigos no jogo tenham recebido algumas críticas.

História

Em SOMA assumimos o controle de Simon Jarret, um jovem canadense que perdeu a namorada em um acidente de trânsito. A batida deixou uma sequela grave que causa hemorragias no cérebro do rapaz, um problema que cedo ou tarde vai acabar com sua vida. Sem muito o que fazer, ele aceita participar da pesquisa de dois cientistas que descobriram uma nova forma de escanear e literalmente gravar a mente das pessoas em computadores a fim de cura-las de suas doenças.

Poderia ser a esperança de Simon, mas num piscar de olhos depois de um exame ele descobre que despertou em uma estranha base submarina chamada Pathos-II, um lugar onde as coisas deram muito, muito errado: há sangue, corpos e um tipo de tumor cibernético que cresce por toda parte, sem falar em uma gosma preta que cai do teto. E todos nós sabemos que gosma caindo do teto NUNCA é um bom sinal…

SOMA nos deixa explorar e fazer parte dessa narrativa bem ao estilo Frictional: manipulando objetos do cenário e avançando em primeira pessoa com a interface mais limpa possível. Os comandos nos permitem não apenas ler diários, conversar com robôs e ouvir gravações, mas também a pegar, arrastar, girar, aproximar, afastar e arremessar quase tudo que encontramos. Como de costume, essa é a mecânica principal do jogo e os comandos estão bem afiados.

Essa interação não serve apenas para resolvermos os quebra-cabeças e desafios do game, mas também para nos sentirmos mais perto de sua história. Começando no apartamento de Simon, podemos descobrir várias coisas sobre ele apenas revirando seus pertences. O mesmo acontece na estação submarina, só que a bagunça lá, obviamente, é bem mais tensa que a de um quarto desarrumado.

Assim, explorando uma base sinistra, fuçando em tudo e resolvendo puzzles, vamos avançando na trama – uma trama com diversas reviravoltas e surpresas que nos mostram que há coisas muito maiores (e mais horripilantes) do que esperávamos rolando naquele mundo.

Jogabilidade

Soma é um jogo em primeira pessoa onde o personagem principal não usará armas, tendo que contar com estratégias para sobreviver. Durante o jogo aparecerão monstros com características diferentes e o jogador deverá se adaptar a cada um deles.

Telas e Menus

Em sua versão para PC, SOMA possui uma game maior de menus em relação ao PlayStation 4. Ao abrir o jogo pela primeira vez, o primeiro passo será configurar o nível de gama de sua tela para melhor experiência em jogo. Após isso, são mostrados os seguintes menus:

Na versão para PC, o jogador pode realizar diversas alterações na configuração do jogo a partir do menu “Opções”, como alterar o idioma do jogo, habilitar ou desabilitar efeitos de distorção, habilitar dicas, modificar gráficos, dentre muitas outras funções.

Controles

A jogabilidade de SOMA é muito simples e intuitiva. Serão necessários apenas alguns minutos para se acostumar com sua mecânica. O título conta com quatro comandos para se movimentar; dois para se inclinar para direita e esquerda; um para saltar, agachar e correr; além de comandos para interagir, cancelar interações, acender lanterna e abrir inventários.

Utilize a fluida mecânica de SOMA para localizar rapidamente esconderijos. Aproveite para encontrar bons lugares seguros ao adentrar em um novo território e colete o máximo de itens e informações que puder.

Primeiros passos em SOMA

SOMA é um jogo com uma história profunda e um excelente design de jogo. Aproveite os vários momentos tranquilos – em especial no começo da campanha – para aprender e coletar todas as informações possíveis sobre Simon e o mundo no qual ele está inserido

Não se acanhe em explorar todos os cômodos de um local, abrir gavetas, revirar lixeiras, remover caixas e olhar fotos: certamente você encontrará muitas informações úteis que lhe fará entender o que está ocorrendo.

Contudo, SOMA não é um passeio no bosque: haverá muitos momentos tensos onde você deverá evitar e fugir de criaturas sombrias que estão espalhadas pelas bases. Há criaturas que carregam consigo uma forte luz através de lanternas, que são atraídas por movimentos bruscos, como se locomover à sua frente; já outras criaturas são atraídas por sons e passos, mas quase todas podem ser despistadas se você ficar parado e não olhar diretamente para elas quando se aproximarem. Não se esqueça deste conselho: ele será crucial para sua sobrevivência.

Atente-se aos detalhes. Muitos dos objetivos essenciais para a continuação do jogo são mostrados algumas vezes de forma bem sutil, como a frequência de uma antena de comunicação ou uma senha anotada em uma folha de papel.

Encontrando o fluído

No início do jogo você tem uma boa chance para conhecer os controles e as interações com o ambiente, sua primeira missão é encontrar um frasco com um fluído, ele na verdade pode estar em lugares diferentes a cada nova jogada, pode ser encontrado em:

No armário do banheiro;

Na gaveta perto do notebook;

No armário localizado logo acima do fogão na cozinha;

Depois de tomar o fluido, pegue a chave ao lado da porta e saia.

Código porta da clínica

Na clínica do Doutor Munshi é necessário um código para abrir uma porta, você encontra essa combinação na primeira gaveta localizada na mesa onde há um notebook. Na minha gameplay o código era: 2501.

Lidando com os monstros

Essas dicas servem para os primeiros e próximos monstros que você encontrará no jogo. Você vai saber quando ele é um inimigo hostil se a música alterar e a sua visão começar a ficar falha, quanto mais perto dele pior fica, então sempre mantenha uma distância e não deixe que eles te vejam.

Para os pequenos robôs no fundo do mar note se a iluminação dele for vermelha, se este for o caso não deixe que eles te percebam e mantenha a distância.

Apesar de não ser recomendado ficar perto deles, isso não significa morte ou ataque se ele não perceber sua presença, os monstros de SOMA não são tão perceptivos assim principalmente quando em lugares escuros, já consegui ficar bem perto deles e eles não me notar, não entre em desespero e NUNCA CORRA quando estiver com um monstro por perto, a não ser que ele já tenha te notado, você terá chances de sobreviver se conseguir despistá-lo e se esconder.

Abrindo a porta da sala de controle

No início do jogo você encontrará uma sala de controle, nela há uns computadores e um robô ligado a esta mesa de controle através de 2 tubos, para restaurar a energia você tem que desconectar primeiros esses tubos. Agora você tem que liberar a porta, acima da porta está escrito “station control”, resolvendo um pequeno puzzle, na tela do monitor está escrito “Manual Boot Sequence“.

É bem simples resolve-lo, primeiro clique no primeiro botão da esquerda para a direita, espere a barra amarela carregar e quando ela ficar verde clique no segundo botão, aguarde a barra amarela de baixo encher até ficar verde e clique no terceiro e último botão para destravar a porta.

Senha do computador – sala do robô falante

Na mesma sala onde você encontra um robô bizarro que fala igual humano, você terá que acessar um computador com senha ou login, você precisa saber qual é esse ID de 4 dígitos para acessar, para conseguir este número explore o mesmo andar e vasculhe o número em uma placa de identificação num corpo caído no corredor e outra dentro de um armário encontrado perto das escadas do final do corredor em frente ao depósito de roupas.

Você pode acessar e atingir seu objetivo de abrir as portas usando qualquer um dos dois números, se quiser bisbilhotar anotações e extras da história entre com os dois para matar a curiosidade.

Os códigos encontrados na minha gameplay foram: 0735 para logar como Amy Azzaro e 0722 para logar como Carl Semken.

LUMAR Link Broken Manual Imput Required

No mesmo andar da sala onde você encontra o robô falante há uma escada que leva a uma porta, ao conseguir abrir ela você terá acesso a um computador que pode se comunicar com outras unidades da Pathos II, para falar com Catherine digite 2203, clique em OK e agora encontre o sinal da transmissão ao deixar o mouse na tela do monitor na coordenada 1.923 : 6.285

Como chamar o zeppelin no fundo do mar?

Quando você estiver no lado de fora das instalações da Pathos II você estará no fundo do mar, você em certo momento precisará chamar um zeppelin para te levar para ir até Theta. Primeiro encontre o seguinte terminal que está fora das instalações marítimas, ver imagem abaixo.

Usando os botões em formato de setas posicione a luz na linha amarela, aparecerá na tela que foi estabelecido um link 049, agora encontre um outro terminal que contém um botão chamado zeppelin, nele você conseguirá chamar o zeppelin do 049 clicando “Request Transport“.

Simulador Brandon WAN

Em uma parte você tem que rodar um simulador de um homem que pode entregar um código importante, mas para isso é necessário que você copie para o chip a sala de escaneamento “Scan Room” e a voz de Alice para enganá-lo, você poderá usar a voz dela indo ao dormitório de Brandon, após isso Catherine vai lhe dizer para voltar no simulador e tentar novamente, escolha a voz de Alice e faça a simulação na sala de scan.

Logo depois você volta para abrir a DUNBAT, na sala tudo parece estar desligado, para seguir em frente você precisa conectar um cabo localizado no chão do lado direito de um terminal de controles dentro da sala, veja na imagem, parece óbvio, mas eu gastei quase meia hora pra entender que tinha de fazer isso.

Simulador da ARK (ARCA)

Após o plano de sair pela DUNBAT ter falhado você acaba encontrando uma sala que contém um simulador da ARK, quando Catherine pedir para você rodar o simulador você terá que usar um terminal localizado no lado esquerdo do Omnitool de Cath, o objetivo é que o simulador tenha todos componentes necessários, mas veja que ele está usando mais espaço do disco do que o suportado.

Veja na imagem abaixo qual dos componentes você deve selecionar para que não passe do tamanho e tenha os componentes corretos.

Depois de clicar em NEXT vai aparecer um menu novo, clique em DUMMY, clique em Start Simulation para iniciar a simulação, a sua tarefa é pausar a simulação no momento em que a palavra DUMMY estiver mostrando na tela logo abaixo de Loaded Module, para facilitar essa tarefa, diminua o número de recursos alocados para que o sistema fique mais lento e portanto mais fácil para você pausar no momento certo, clique no sinal de menos logo abaixo RESOURCE ALLOC., veja imagem abaixo. Depois clique em Run Diagnostics.

Como entrar em Omicron

Tem uma parte do jogo onde você estará no fundo do mar e deverá entrar na Omicron, mas para isso você deve primeiro retirar o estado de quarentena, para fazer isso encontre uma sala ou câmara com acesso por escada, você deve encontrar um local para ligar manualmente a câmara, retire a tampa e ligue todos os botões, não esqueça de fechar a entrada usando uma alavanca que está na mesma câmara, veja imagem abaixo.

Subindo as escadas você terá que desvendar um pequeno puzzle para ligar terminal que pode retirar a quarentena da Omicron.

É um puzzle onde você tem que ligar alguns interruptores para que a energia passe e chegue até o destino, veja na imagem abaixo a sequencia em que você deve ligar cada um dos interruptores.

Agora falta pouco para poder tirar a quarentena, você precisará de uma senha de 4 dígitos para executar o comando de liberação, para achar essa combinação verifique um outro monitor da mesma sala e clique no botão UbVZrmsP, ele irá abrir uma tela com a repetição de 4 dígitos, a senha que você está procurando: 9909.

Tirar travamento da Omicron

Em uma parte da Omicron haverá um terminal mostrando como as salas estão sem acesso, para suspender o travamento delas você tem que resolver um pequeno puzzle.

O princípio para a solução dele é bem simples, você tem que deixar todos os quadradinhos iluminados, para isso você não pode passar em um mesmo quadradinho duas vezes, tudo que você tem que fazer e iniciar do local certo e passar pelos lugares certos, na imagem abaixo eu coloquei um número em cada quadradinho para que você saiba qual clicar na ordem certa.

Cleam Room

Tem uma sala na Omicron onde você tem que passar por um escaneamento corporal antes dentrar, nela você encontra um frasco grande trancado em uma máquina, você vai precisar desse frasco, para pega-lo você que localizar um compartimento no canto inferior direito da máquina e pegar o chip que atualmente está corrompido, leve o chip até a gaveta do meio de uma máquina de laser na mesma sala, na mesma máquina que tem um rato na gaveta.

Após inserir o chip na gaveta do meio, opere a máquina, use a alavanca e leve o laser até a gaveta do centro, depois clique no botão para liberar o laser no chip e o consertar, pegue o chip, coloque-o novamente na máquina onde você havia tirado anteriormente e libere a porta para pegar o frasco.

Liberando o escaneamento para o traje de mergulho

Antes de trocar de corpo, Simon tem que sintonizar o sinal de uma máquina, o objetivo é deixar a onda pontilhada igual a onda normal, basta deixar a frequência no valor 1, o deslocamento no valor 5 e a amplitude no valor 3, veja na imagem como fica.

Destruir ou não o WAU?

Em uma parte do jogo você poderá escolher colocar o seu braço no coração do WAU para envenená-lo ou não fazer isso e ir embora, se você escolher colocar o braço você ficará sem mão até o final do jogo e terá parado o WAU, mas se não colocar o braço você vai continuar com seus braços e irá para o mesmo final, essa decisão é opcional. Colocando o braço você será perseguido pela WAU, se não colocar o braço você será perseguido por um peixe com dentes enormes.

Referências:

Seu Game, Arkade, Wikipedia, techtudo.