Age of Empires 4: Beta aberto começa hoje

A Relic Entertainment informa que o objetivo é realizar o teste de forma ampla e não será necessário convite. Um teste de stress de servidores do Age of Empires 4 está começando hoje dia 17 de setembro, ficando disponível para todos aqueles que quiserem dar uma conferida no game.

Chamado de Technical Stress Test (Teste de Estresse Técnico), este teste tem como objetivo fazer com que os servidores do game cheguem em seu topo, verificando assim se ele suporta um grande número de jogadores simultâneos.

📷 Age of Empires 4: Beta aberto começa hoje | Reprodução

Assim como foi dito, o Open Beta do Age of Empires 4 acontece neste final de semana. A partir de hoje, às às 15h (horário de Brasília), os jogadores já poderão acessar o game, os teste se encerarão no segunda-feira (20), também às 15h. Convidando todos os jogadores a puxar pelo jogo de estratégia até aos seus limites.

O download do jogo poderá ser feito, antes mesmo dos servidores serem abertos, através do Xbox Insider Hub e da Steam (Não precisa ser membro). Só precisa de ter um computador capaz de correr o jogo, que é mais exigente do que aparenta, confira abaixo os requerimentos.

📷 Age of Empires 4: Beta aberto começa hoje | Reprodução

Você também pode jogar contra a inteligência artificial através do lobby multijogador personalizado e tente “Mission Zero” (também conhecido como tutorial do jogo). Haverá quatro civilizações disponíveis, a saber: Inglês, Chinês, Sacro Império Romano e Dinastia Abássida. Também cinco mapas indeterminados.

O teste desta semana oferecerá mais ou menos o mesmo conteúdo do anterior, mas com uma missão tutorial, partidas com a IA e partidas multiplayer completas – embora seja um teste de estresse, o desenvolvedor recomenda fortemente que os jogadores joguem as partidas online contra oponentes reais.

📷 Age of Empires 4: Beta aberto começa hoje | Reprodução

Além disso, também houveram algumas correções de bugs e ajustes de equilíbrio desde o último teste, e agora o jogo permitirá que você dê zoom na câmera muito mais longe da tela do que anteriormente.

Durante o final de semana, será possível jogar uma missão tutorial, partidas contra bot e partidas online contra outros jogadores, que é o principal motivo para realização do beta.

📷 Age of Empires 4: Beta aberto começa hoje | Reprodução

Confira os Requerimentos:

Requerimentos mínimosrequisitos recomendados
sistema operacionalWindows 10-64 bitsWindows 10 de 64 bits
CPUIntel Core i5-6300UAMD Ryzen 5 2400GIntel Core i5 3,6 GHz-6 núcleosAMD Ryzen 5 1600
memoria ram8 GB16 GB
GpuIntel HD 520AMD Radeon RX Vega 11NVIDIA GeForce 970GPU AMD Radeon RX 5704 GB VRAM
DirectXVersão 12Versão 12

memoria ram
8 GB 16 GB
Gpu Intel HD 520AMD Radeon RX Vega 11 NVIDIA GeForce 970GPU AMD Radeon RX 5704 GB VRAM
DirectX Versão 12 Versão 12

Age of Empires 4 está programado para ser lançado no dia 28 de outubro para Steam, na Windows Store e no Xbox Game Pass.

📹 Age of Empires IV – Gameplay Trailer | Xbox

Referências:

Plu7, Arena Esports, Arena Xbox, The Enemy, IGN.

A Konami está desativando os servidores PS3 e Xbox 360 de Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain

A Konami anunciou que os servidores online de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain no PlayStation 3 e Xbox 360 serão encerrados no final de maio de 2022. O processo de desligamento dos servidores começou hoje com o encerramento da compra do jogo sistema.

O jogo também apresenta a terceira iteração do popular componente online da franquia, Metal Gear Online. Qualquer DLC relacionado a este modo multijogador não estará mais disponível para compra a partir de 30 de novembro deste ano. 

📷 A Konami está desativando os servidores PS3 e Xbox 360 de Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain | Reprodução

No próximo ano, todo o jogo será removido das lojas digitais a partir de 1º de março de 2022. Todos os serviços online serão desativados a partir de 31 de maio de 2022. O DLC relacionado ao Metal Gear Online foi retirado da venda desde 30 de novembro.

Este modo se concentra em um sistema de classes onde os jogadores podem escolher diferentes funções com pontos fortes e fracos únicos, como o furtivo Infiltrator, o balanceado Scout e o fortemente equipado Enforcer. Havia também uma variedade de modos de jogo, incluindo o clássico Bounty Hunter no deathmatch, o Comm Control no estilo rei da colina e o Cloak and Dagger inspirado na captura da bandeira.

📷 A Konami está desativando os servidores PS3 e Xbox 360 de Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain | Reprodução

Metal Gear Solid V inclui dois modos multijogador. Um é Metal Gear Online, um modo PvP que suporta até 16 jogadores caçando uns aos outros com a furtividade e a mecânica de espionagem do jogo em três modos de jogo. O outro é uma versão online do recurso de construção de base do jogo, que pode ser usado para obter itens e dinheiro para o jogo principal.

The Phantom Pain foi o último trabalho de Hideo Kojima na KONAMI. O criador da franquia deixou a empresa após o lançamento do game, e abriu um estúdio independente, a Kojima Productions, desenvolvedora de Death Stranding.

📷 A Konami está desativando os servidores PS3 e Xbox 360 de Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain | Reprodução

A empresa não divulgou os motivos para esses desligamentos, mas especula-se que oferecer suporte às plataformas mais antigas seja caro — e esse custo não compensa. O game foi lançado em 2015, e pode ser jogado na nova geração (PS5 e Xbox Series X|S) através de retrocompatibilidade.

A Konami observa que, embora os servidores online sejam desligados, o jogo ainda poderá ser jogado offline. Nenhum reembolso será oferecido para compras de itens no jogo, e o cronograma atual pode mudar sem aviso prévio. Felizmente, parece que os servidores PS4 e Xbox One para Metal Gear Solid V: The Phantom Pain permanecerão funcionais.

📷 A Konami está desativando os servidores PS3 e Xbox 360 de Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain | Reprodução

Quanto aos jogadores que ainda usam seu PlayStation 3 e Xbox 360, eles também perderão GTA Online em 16 de dezembro deste ano, coincidindo com o lançamento de GTA V: Enhanced Edition para PS5 e Xbox Series X / S

📹 METAL GEAR SOLID V: THE PHANTOM PAIN – E3 2015 Trailer | KONAMI

Referências:

Game Spot, Eurogamer, Canal Tech, Market Research Telecast, IGN.

Próximo ‘Assassin’s Creed’ será online


A série ‘Assassin’s Creed’ é conhecida sobretudo pelos seus jogos pensados para apenas um jogador, com histórias envolventes, mundos abertos e missões secundárias numerosas, mas a aposta agora é num ‘Assassin’s Creed’ voltado para o online.

De acordo com relatório do Bloomberg, a Ubisoft decidiu seguir por um caminho bem diferente para a franquia ‘Assassin’s Creed‘. Após apostar na abordagem de RPG singleplayer, o próximo jogo será totalmente online, sendo conhecido nesse momento pelo codinome ‘Assassin’s Creed Infinity‘.

A ideia é criar uma plataforma on-line maciça que evolui ao longo do tempo, com múltiplos cenários, ao invés de escolher apenas um período histórico específico.‎

📷 Próximo ‘Assassin’s Creed’ será online | Reprodução

‎’Assassin’s Creed Infinity’ terá várias configurações com espaço para expandir nos meses e anos seguintes ao seu lançamento, algo que deve acontecer apenas em 2024 ou até um pouco mais tarde.

‎Inspirado em sucessos como ‘Fortnite‘‎ e ‎’Grand Theft Auto V‘‎, essas plataformas online podem manter os jogadores engajados por anos, adicionando frequentemente novos conteúdos ou mudando a experiência de maneiras dramáticas.

Desta forma, Assassin’s Creed pretende tornar-se maior do que é. Assassin’s Creed Infinity é, neste momento, o seu codinome e pretende ser uma plataforma online massiva que evolui ao longo do tempo e oferece uma experiência fiel à saga, mas sujeita a alterações, para se juntar rapidamente às novas tendências.

📷 Próximo ‘Assassin’s Creed’ será online | Reprodução

A Ubisoft junta-se a AC a uma tendência seguida por outras grandes editoras. Com sua primeira edição publicada em 2007, a saga Assassin’s Creed já vendeu mais de 155 milhões de cópias, e até mudou radicalmente seu estilo, passando de um jogo de aventura tradicional para um RPG de ação que esconde centenas de horas de jogo. Agora, eles vão dar um novo passo.

Os jogos como serviço geram grandes receitas ao oferecer conteúdo para gastar dentro do jogo, por meio de transações diretas. A Ubisoft quer ver que esta mudança se traduz num crescimento das suas ações, como acontece por exemplo com a Take-Two, a empresa-mãe do GTA, que cresceu 42% no último ano graças a estes conteúdos ativos.

📷 Próximo ‘Assassin’s Creed’ será online | Reprodução

Veremos o que esta nova tendência da Ubisoft reserva. Por enquanto, eles vão testar seu funcionamento com AC Valhalla, já que a última iteração terá uma segunda temporada pela primeira vez com mais conteúdo adicional e novas missões ou mundos para explorar.

Nos anos anteriores, milhares de funcionários em dezenas de escritórios liderados por aqueles em Montreal e Quebec se alternavam no desenvolvimento. Por exemplo, o lançamento do ano passado, Valhalla, veio de Montreal, enquanto o título anterior, Odyssey, foi capitaneado por Quebec. Agora, os dois estúdios vão colaborar com um diretor de criação nomeado para liderar a produção. No entanto, Quebec agora será o responsável pela franquia como um todo.

📷 Próximo ‘Assassin’s Creed’ será online | Reprodução

A empresa pretende “exceder as expectativas dos fãs que têm pedido uma abordagem mais coesa para a série.” Entretanto, apesar do facto de os acusados ​​de racismo e má conduta sexual continuarem a trabalhar na empresa, o porta-voz disse ainda que a Ubisoft investigou todas as alegações, tomando as medidas cabíveis. Ela disse: “Os funcionários que estiveram sob investigação não permaneceriam na Ubisoft se os resultados das investigações justificassem a rescisão.”

📹 Assassin’s Creed Valhalla: Estreia Mundial do Trailer Cinemático | Ubsoft Brasil

Referências:

Prime Juegos, Notícia ao minuto, O Vicio, Windowns Club.

Demo disponível de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin

Capcom anunciou que a demo de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin está agora disponível na eShop do Nintendo Switch. Nela, você poderá experimentar cenas iniciais do jogo que está por vir.

Para os usuários que adquirirem o game completo no dia 9 de julho, poderão transferir tranquilamente seus dados salvos da demo. Ao fazer isso, você poderá receber um Kinship Talisman em Monster Hunter Rise, o qual consegue ser usado para ativar as habilidades Master Mounter e Wide-Range.

📷 Demo disponível de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin | Reprodução

A demo começa no início do jogo, permitindo que te familiarizes com a jogabilidade e as mecânicas antes de te aventurares pelo mundo. Ademais, seu progresso nesta nova demonstração poderá ser transferido para o game final, caso não queira repetir todo o processo inicial quando o game for lançado oficialmente.

O tamanho da instalação da demonstração gratuita para download do eShop é de aproximadamente 2.8 GB, e como aconteceu com outros títulos no passado, o arquivo salvo deste último pode ser transferido diretamente na versão completa de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin assim que for lançado no Switch e no Microsoft Windows.

📷 Demo disponível de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin | Reprodução

Os modos multijogador online e offline serão desativados na demonstração, enquanto o limite de experiência para esta versão de teste foi fixado em nível 11. 

“Em Monster Hunter Stories 2: Wings of Freedom, a história começa com o desaparecimento de Rathalos pelo mundo e, como descendente de um Rider lendário chamado Red, seu objetivo é investigar o que está acontecendo. Assim, o jogo é um spin-off da série principal e traz mais elementos de RPG de turno com inspirações em Pokémon.”

Nintendo

📷 Demo disponível de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin | Reprodução

Menos de uma semana depois do lançamento, Monster Hunter Stories 2 vai ganhar sua primeira atualização gratuita, em 15 de julho, com um novo Palamute. Mais adições de conteúdos estão previstas para 2021.

Monster Hunter Stories 2, que está agendado tanto para a Switch como para o PC, receberá todo o tipo de suporte pós-lançamento, com a primeira fornada a chegar a 15 de julho, uma semana após o lançamento do jogo.

📷 Demo disponível de Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin | Reprodução

Este suporte incluirá um novo Monstie Palamute e ainda mais atualizações gratuitas que chegarão no futuro.

📹 Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin –  Trailer de anúncio | Nintendo

Referências:

PDVG, Combo Infinito, The Enemy, Eurogamer, Project N.

Mario Party Superstars chega em 29 de outubro

Durante a Nintendo Direct na E3 2021, nesta terça-feira (15), a Nintendo revelou que a série Mario Party chega ao Switch, com lançamento marcado para 29 de outubro. A versão de Mario Party Superstars contará com dezenas de novos mini games.

O jogo traz cinco tabuleiros clássicos dos jogos para Nintendo 64 e 100 minigames que já apareceram nos 11 títulos anteriores da franquia. Além disso, o game terá modos multiplayer online. Diversos mapas icônicos foram apresentados durante o trailer revelação.

📷 Mario Party Superstars chega em 29 de outubro | Reprodução

Segundo o trailer, todos os modos de jogo de Mario Party Superstars contam com opções online para multiplayer. Além disso, os jogadores terão a opção de entrar em partidas com pessoas aleatórias ao redor do mundo em vez de jogar com robôs.

Ainda sem muitos detalhes revelados, Mario Party Superstars é um jogo completo — ou seja, não é um DLC para Super Mario Party, lançado em 2018 para o Nintendo Switch. Segundo a Nintendo, o título é uma “coleção estrelada” dos minijogos da série.

📷 Mario Party Superstars chega em 29 de outubro | Reprodução

Alguns dos tabuleiros da época do Nintendo 64 são Peach’s Birthday Cake, com temática de bolo de aniversário da princesa Peach, e Space Land, com visual de estação espacial. Cada tabuleiro terá eventos e minigames únicos para animar as festas.

Por falar nos minigames, a Nintendo exibiu jogos que envolvem pular plataformas, conectar blocos e até mudar as expressões faciais dos personagens para montar caretas. Todos as atividades suportam controles por botões, permitindo que usuários de Nintendo Switch Lite se divirtam também.

📷 Mario Party Superstars chega em 29 de outubro | Reprodução

Outros destaques da Nintendo Direct foram o trailer e data de Zelda: Breath of the Wild 2, anúncio de Metroid Dread, um novo WarioWare, Life is Strange para o console e Kazuya, de Tekken, em Super Smash Bros. Ultimate.

A apresentação da Nintendo fez parte da E3 2021. O evento deste ano ainda conta com conferências da Devolver Digital, Xbox + Bethesda, Square Enix, Ubisoft Forward e muito mais.

Mario Party Superstars chega ao Nintendo Switch em dia 29 outubro 2021. Na Nintendo eShop o jogo está custando R$ 299,99.

📷 Mario Party Superstars chega em 29 de outubro | Reprodução

Mario Party Superstars terá localização em português

A pré-venda de Mario Party Superstars está disponível a partir de hoje na página do jogo na Nintendo eShop do Switch. No Brasil, o game custa os tradicionais R$ 299. A boa notícia é que o título será localizado em português.

Na Nintendo Direct da E3 2021, a empresa ainda mostrou Metroid Dread, o novo game em 2D da série clássica para Nintendo Switch. O jogo sai em 8 de outubro deste ano. A desenvolvedora ainda disse que continua trabalhando em Metroid Prime 4.

📹 Mario Party Superstars – Trailer de anúncio | Nintendo

Referências:

Meu Gamer, Terra, TecnoBlog, IGN.

Granblue Fantasy Versus

Granblue Fantasy Versus é um jogo de luta 2.5D desenvolvido pela Arc System Works para o PlayStation 4. É baseado no videogame RPG Granblue Fantasy e foi lançado no Japão e na Ásia pela Cygames e pela TSS Ventures (Tencent, Square Enix e Sega) respectivamente em 6 de fevereiro, 2020 e América do Norte pela Marvelous’ X seed Games em 3 de março de 2020. Microsoft Windows o lançamento foi oficialmente anunciado para 13 de março de 2020, para comemorar o 6º aniversário da série.

Gameplay 

Granblue Fantasy Versus é principalmente um jogo de luta onde o objetivo é eliminar o oponente usando uma combinação de ataques para esvaziar a barra de vida de seu personagem o suficiente para vencer a partida. Cada personagem tem habilidades especiais chamadas “Skybound Arts”, que correspondem às habilidades que o personagem é capaz de usar no jogo Granblue Fantasy principal. Na tentativa de tornar o jogo mais acessível aos novos jogadores, cada Artes Skybound pode ser acionado com um toque simples botão, mas o jogador terá que esperar por um curto cooldown período antes que eles possam usá-lo novamente. No entanto, se o jogador usar uma combinação mais avançada de movimento e botões pressionados para lançar o ataque, o tempo de espera da habilidade será reduzido.

O jogo também contém um modo de história chamado Modo RPG. Ao contrário do modo de jogo principal, Modo de RPG é mais de um side-scrolling, beat-’em-up, a ação do jogo role-playing. O modo de história inclui chefes e lacaios exclusivos para a batalha, configuração de grades de armas e um modo cooperativo.

Jogue o tutorial

Não é perfeito, mas o tutorial Granblue Fantasy Versus é a melhor maneira de começar a jogar como um novato no gênero de jogos de luta. Essas lições irão transmitir conhecimentos importantes, desde coisas básicas, como realizar combos simples, até estratégias situacionais mais complexas. Também estão incluídas maneiras de lidar com táticas específicas do personagem. Versus não tem um elenco enorme, mas eles são diferentes o suficiente para que seja importante reconhecer suas habilidades únicas e como neutralizá-las. Sentar para estudar um jogo pode parecer um trabalho árduo quando tudo o que você quer fazer é dar um soco na cara de algumas pessoas, mas a base que o tutorial fornece é inestimável para o sucesso e o prazer no futuro.

As entradas fáceis

O que torna Granblue um jogo tão bom para entrar no gênero de jogos de luta é devido à sua mecânica de entrada “fácil”.

Esta mecânica conecta o movimento especial de um personagem a um botão no D-Pad. Em vez de forçar os jogadores a fazer um movimento de movimento especial, o jogador tem a opção de simplesmente pressionar um botão. Essa mecânica tem um custo, isso se deve aos longos resfriamentos conectados ao movimento depois de usar a entrada fácil. Fornece aos jogadores um forte motivo para usar a mecânica e também para aprender as entradas associadas ao movimento especial. Fazer os movimentos sem entrada fácil permite que os jogadores façam o ataque novamente sem a necessidade de esfriar.

O título também vem com uma variedade de combos ou correntes “automáticos”. Isso é feito pressionando um botão várias vezes para obter uma sequência de ataques. Ao pressionar o ataque leve três vezes, os jogadores receberão uma sequência de três ataques que pode ser seguida por um ataque especial. O mesmo pode ser feito pressionando o ataque pesado três vezes. Isso fornece aos novos jogadores a oportunidade de marcar grandes danos sem a necessidade de longas e difíceis rotas de combinação.

O jogo oferece aos jogadores poderosos movimentos EX. Esses movimentos EX são versões mais fortes dos movimentos especiais que um jogador tem à sua disposição. Esses movimentos tendem a causar mais danos e têm maior versatilidade ao custo de longos tempos de espera. Portanto, seja sábio ao usar esses ataques, pois se abatidos por abandono imprudente, eles não serão mais utilizáveis ​​por um longo período de tempo.

M + H é um overhead dedicado

Isso é uma coisa pequena, mas lembro-me de ter ficado surpreso que o tutorial tocou apenas brevemente em overheads. Cada personagem em Granblue Fantasy Versus pode realizar um ataque aéreo pressionando Médio e Pesado ao mesmo tempo. Os ataques por cima devem ser bloqueados em pé, o que os torna uma parte importante da competição de jogos de luta, pois funcionam como um contra-ataque direto ao bloqueio pelas costas. Esses ataques também têm propriedades aerotransportadas, o que significa que evitam agarramentos. Overheads normalmente não podem ser usados ​​em combos, mas são vitais para quebrar a guarda do oponente, especialmente quando você os tem bloqueados no canto.

Use o botão de bloqueio

O Granblue Fantasy Versus inclui duas maneiras diferentes de bloquear: o botão de bloqueio mais tradicional e um botão de bloqueio dedicado. Embora os jogadores de jogos de luta com um pouco de experiência possam pensar que o primeiro é bom o suficiente, sugiro verificar e usar o último. O botão de bloqueio não é apenas mais intuitivo para iniciantes, mas também evita que você seja cruzado. Isso elimina a necessidade de tomar qualquer decisão durante uma mixagem esquerda-direita, deixando você livre para se concentrar em se deve bloquear alto ou baixo. Não há absolutamente nenhuma desvantagem em usar o botão de bloqueio, então use-o!

Comece com Gran ou Katalina

Há uma razão simples para Gran e Katalina serem os dois primeiros personagens Granblue Fantasy Versus que você desbloqueia no modo RPG: eles são ótimas opções para implementar o básico que você aprendeu no tutorial. Claro, existem opções muito mais legais no jogo, mas a natureza pau-para-toda-obra dos conjuntos de ferramentas de Gran e Katalina permite que os novatos experimentem vários estilos de jogo com apenas um lutador. Experimente um ou ambos os personagens para ter uma ideia melhor de como as partidas Versus se desenrolam sem se atolar nos arsenais mais complicados dos personagens avançados.

Encontre um personagem que você ame

Depois que você termina de brincar com Gran e Katalina, o verdadeiro trabalho de decidir sobre um personagem começa. Você precisa encontrar um lutador Granblue Fantasy Versus com o qual se conectar. Isso pode significar muitas coisas. Você pode gostar da maneira como um certo personagem joga ou de um de seus ataques ser realmente agradável de usar. Você pode apenas apreciar sua atitude ou aparência. É importante que você crie algum tipo de apego ao personagem que usa. Mais do que qualquer outro gênero, os jogos de luta permitem que os jogadores personalizem sua experiência dependendo do personagem que eles levam para a batalha. Torna-se sua identidade, de certa forma. Isso também ajudará você a se conectar com a comunidade em geral e a colaborar com pessoas que usam o mesmo personagem.

Fazendo a escolha

Embora pequena, a lista de Granblue  é preenchida até a borda com personagens únicos e interessantes. Cada um preenchendo um “arquétipo” de jogo de luta com seu estilo de jogo e personalidade únicos.

É importante entender como cada personagem opera e quais os pontos fortes que eles possuem. A lista a seguir detalha os pontos fortes e fracos de cada personagem:

Gran : Gran é todo o elenco. Tendo semelhanças com o mascote do  Street Fighter  , Ryu, Gran é um bom personagem para escolher para iniciantes. Ter um kit de ferramentas bem versado no qual ele é um pau para toda obra e mestre em nada. Este personagem é uma escolha essencial para aprender os meandros de  Granblue

Katalina : Semelhante à Gran, Katalina é outra personagem bem arredondada. Com mais alcance do que o seu homólogo masculino, Katalina é uma excelente escolha para uma jogadora que pretende um estilo de jogo equilibrado.

Charlotta : Um monstro ofensivo, Charlotta não tem fraquezas gritantes. Sendo uma máquina de confundir e possuindo algumas das melhores ferramentas do jogo, Charlotta é um pesadelo para lutar, mas uma arma poderosa nas mãos do jogador certo.

Lancelot : um personagem “rekka”, Lancelot possui movimentos que podem ser acorrentados várias vezes para ofensiva poderosa. Lancelot se encaixa no molde para jogadores que desejam um estilo de jogo poderoso dirigido pela ofensiva.

Ferry : Destacando-se no jogo de “manter distância”, Ferry é um personagem que se destaca em manter seu oponente afastado. Usando um poderoso chicote e uma variedade de movimentos especiais orientados para zoneamento. O ferry é uma escolha sólida para jogadores que desejam manter os inimigos longe deles.

Lowain : Lowain é o homem selvagem do grupo. Um personagem de “grupo” por ter uma variedade de movimentos heterodoxos e supers estranhos, mas eficazes, Lowain é um personagem difícil, mas extremamente poderoso de dominar.

Ladiva : O grappler do elenco, Ladiva é um poderoso lutador corpo a corpo. Seu arsenal de arremessos único e extremamente perigoso a torna um personagem de pesadelo quando no canto e com permissão para se conectar.

Percival : Um poderoso lutador de longo alcance, Percival usa seu alcance superior para manter seus inimigos afastados. Um poderoso monstro de pressão que se destaca em frustrar seus inimigos, levando-os a cometer erros.

Metera : Metera é o zoner dedicado do elenco. Hospedando uma variedade de ataques de arco e flecha, abordar esse personagem pode ser um pesadelo quando jogado corretamente.

Zeta : Zeta é outro personagem do estilo “manter distância”. Hospedando uma variedade de ataques de facada poderosos, sua lança de longo alcance a torna um personagem excelente para manter seus inimigos fora.

Vaseraga : O personagem final do elenco, Vaseraga é o “garotão” do plantel. Possuindo ataques enormes, mas lentos, Vaseraga requer um jogador paciente para utilizar com eficácia.

Use as redes sociais

Pode ser intimidante entrar em uma nova cena. Acredite em mim, eu sei. Mas as coisas estão muito melhores hoje em dia do que antes, quando dependíamos dos fliperamas, devido à prevalência das mídias sociais. Mesmo que você não interaja com outros jogadores do Granblue Fantasy Versus diretamente, é muito fácil pesquisar informações sobre o personagem de sua escolha usando uma série de hashtags do Twitter e um quadro Trello. Há também um wiki disponível no site da comunidade de jogos de luta Dustloop que está sendo atualizado constantemente, mas infelizmente a maioria das estratégias e combos acabam nas redes sociais. Pode ser frustrante tentar acompanhar todos os desenvolvimentos em um jogo, já que há tão poucos locais centrais para dados de jogos de luta, mas este é o melhor que temos por enquanto. Nunca hesite em pedir ajuda!

Não fique online imediatamente

A pior coisa que você pode fazer enquanto aprende Granblue Fantasy Versus é se jogar de boa vontade no moedor de carne que é o jogo online. Embora você eventualmente tenha que sucumbir às perdas repetidas vezes, essa não deve ser uma de suas primeiras experiências com o jogo. Confira o tutorial, jogue no modo RPG e descubra alguns combos básicos e estratégias situacionais para o personagem escolhido antes de levar uma surra. Quando você sentir que está pronto, o jogo o colocará à prova com uma série de partidas, cinco contra a CPU e duas contra oponentes reais, antes de permitir que você procure por partidas online por conta própria. Isso garante que você seja colocado em uma classificação apropriada para fins de combinação contra aqueles que estão no seu nível de habilidade ou próximo a ele.

Além disso, considere investir em um adaptador de LAN se você não conseguir conectar o console ao roteador diretamente. Isso garante que as correspondências sejam o mais estáveis ​​possível ao usar o código de rede baseado em atraso inferior do jogo.

Defesa

Muito parecido com a maioria dos jogos de luta modernos, você na direção oposta do atacante para bloquear. Então você bloqueia alto ou baixo dependendo do que seu oponente faz. O GBVS também tem isso, mas também há a opção do botão de bloqueio. Então, para jogadores acostumados ao estilo de bloqueio de Mortal Kombat, existe essa opção. Deve-se notar, entretanto, que no momento, segurar o botão de bloqueio irá bloquear automaticamente os cross-ups, o que eu acredito não ser pretendido e pode ser removido no patch de março.

Para acompanhar isso, existe o Just Guard. Esta é uma mecânica semelhante à mecânica de bloqueio instantâneo do Guilty Gear. Isso é feito bloqueando um pouco antes do ataque estar prestes a acertar. Isso concede a você vantagens adicionais, como construir um super medidor extra.

Combos precisam ser usados ​​com sabedoria

Uma das partes fascinantes da mecânica de luta em GBF versus são os movimentos especiais. Eles não estão ligados a entradas complexas como em outros jogos. Você pode fazer isso pressionando R1 com algumas combinações de botões diferentes, tornando-os extremamente fáceis e divertidos.

Cada vez que você usa um movimento extraordinário, você aciona um cronômetro de resfriamento. Isso será exibido no topo da tela de luta, então a chave para isso neste jogo é menor sobre o uso de combos mais elaborados. É uma questão de cronometrar o uso deles para ficar de olho no medidor do seu oponente, e se você acionar o combo certo na hora certa, você pode vencer lutas nos momentos mais cruciais.

Se você não fizer isso com cuidado e não tiver tempo para esfriar o sistema para seus movimentos especiais, poderá se ver exposto a um contra-ataque inimigo. 

Dicas do modo RPG

O melhor lugar para dominar as habilidades do iniciante neste jogo e descobrir as diferentes personalidades que estão jogando é o modo RPG. Funciona de uma maneira um pouco diferente do que os lados padrão segurando se tornam um jogo. Trabalhe em vários estágios que começam bem simples e podem rapidamente ensinar você a se tornar um veterano em jogos de luta. Não vou dar a vocês uma análise detalhada completa do modo RPG, pois nunca fiz um por revelar muitos spoilers e tutoriais; no entanto, direi que, ao escolher uma arma, certifique-se de que ela preenche todo o seu HP e aumentos de ataque.

Olhando para o menu do modo PG, existem algumas missões bônus que oferecem a você a oportunidade de realizar algumas tarefas de conquista trabalhando no seu caminho por meio dessas recompensas bem liberadas, que abrirão novos movimentos e armas. Se você quiser, pode pegar um guerreiro de carteira e comprar novas armas na loja, mas essa decisão depende exclusivamente de você.

Complete a prática de habilidades e a prática de combinação para seu personagem

Depois de escolher um personagem como principal, volte ao menu Mission Training. Acima, você encontrará as guias “Prática de Habilidade” e “Prática de Combinação”. Cada recurso contém lições para personagens específicos e, a partir daí, você deve encontrar seu personagem e passar pelo treinamento.

A Prática de Habilidades vai te ensinar os movimentos especiais do personagem. É muito simples e é algo que você pode fazer no Treinamento Gratuito. Mas você tem a satisfação de receber uma nota pelo seu desempenho. É apenas uma boa maneira de aprender os movimentos especiais do personagem sem ter que navegar por uma lista de comandos.

A prática de combinação é um pouco mais útil em termos de realmente aprender como o moveset de seu personagem flui. É uma lista bem curta de combos para cada personagem, mas pode gerar algumas idéias de combinação. Você também pode usá-los como seus combos de pão com manteiga. Independentemente disso, a prática de combinação ajuda a realmente aprender seu personagem.

A partir daqui, acho que entrar no Treinamento Grátis é definitivamente um bom caminho a seguir. Pratique o que você aprendeu e torne-se mais consistente ou pense em alguns de seus próprios combos.

Modo Arcade e Match-Ups

Depois de praticar seus movimentos, é hora de colocar suas habilidades à prova. Embora haja uma variedade de modos que permitem que você faça isso, o Modo Arcade e o Modo Versus são os melhores do grupo. Não há nada de especial neles, mas dá a você a oportunidade de testar tudo o que aprendeu em um ambiente controlável.

O que eu gosto no modo Arcade é a possibilidade de escolher a dificuldade após cada partida. Por exemplo, você pode começar com dificuldade normal. Depois de completar a partida, três opções aparecerão. Cada opção mostrará o próximo oponente e em que dificuldade ele será definido. Nesse caso, as três opções seriam a dificuldade normal, assim como um degrau acima e abaixo da dificuldade selecionada.

Outra opção que o ajudará em situações mais específicas é a guia Match-Ups no Mission Training. Semelhante à prática de combinação, haverá uma lista de objetivos que o desafiarão a punir, defender ou manobrar movimentos específicos do personagem. Isso é sólido se você perceber que está tendo problemas para passar pelos ataques de um determinado personagem.

Fique de olho nos resfriamentos

A outra mecânica única de Granblue Fantasy Versus é que os movimentos especiais não são amarrados com entradas de combinação complexas, em vez disso, eles são executados pressionando R1 com vários botões e entradas direcionais, tornando-o incrivelmente fácil de realizar movimentos chamativos.

Cada movimento especial está vinculado a um cronômetro de resfriamento exibido na parte superior da tela. Isso significa que se trata menos de executar combos elaborados, mas de liberá-los no momento certo, e é por isso que ficar de olho nos medidores é uma dica essencial para saber quais movimentos estão disponíveis para você em momentos cruciais.

Caso contrário, você pode se encontrar totalmente aberto para um ataque inimigo quando estiver tentando utilizar um movimento que ainda não pode ser usado.

É hora de ficar online e jogar contra pessoas reais

Agora que você tem uma noção sólida do que esperar de uma partida, pode ser hora de enfrentar jogadores reais online. Lutar contra um CPU só pode levar você até aí, especialmente quando as lutas de CPU no Granblue Fantasy Versus são muito fáceis, mesmo na maior dificuldade. É aqui que você realmente testará seus conhecimentos e habilidades. Muito provavelmente, você ainda terá muito o que aprender; Eu sei que ainda amo.

Se há um conselho que posso lhe dar aqui, não tenha medo de perder. Sim, pode ser frustrante. Você praticou tudo que podia e ser esmagado é uma sensação terrível. Mas absorva tudo e aprenda com esses erros. Onde estavam seus erros mais cruciais? Em quais armadilhas você estava caindo? Você é realmente consistente com suas contribuições? Todas essas são perguntas que você pode fazer a si mesmo. Você pode realmente olhar os replays para ver exatamente o que fez de errado.

Divirta-se

A única maneira de você melhorar em jogos de luta é se estiver se divertindo. Às vezes, isso exige uma mudança de personalidade ou atitude. Perder sempre será sua culpa, não importa o que você pense sobre como seu oponente jogou. O impulso para o crescimento recai inteiramente sobre seus ombros. Assista a uma repetição de suas partidas para identificar onde você errou. Como estão seus anti-aéreos? Você está indo para combos ideais? Você precisa de mais experiência jogando contra o personagem que o derrotou?

Ao contrário de, digamos, League of Legends ou Counter-Strike , não há ninguém para culpar a não ser você mesmo por cada derrota que leva. Na pior das hipóteses, os jogos de luta são um trabalho frustrante de estudo e repetição, mas, na melhor das hipóteses, são mágicos. O crescimento pessoal é uma coisa realmente linda, mesmo dentro dos limites de um videogame bobo, então mantenha isso em mente.

Referências:

Gacha Zone, Rice Digital, Ginx, Dual Shockers, Kotaku, Screen Rant, Wikipedia.

Sony desativa a PlayStation Store para PS3, PS Vita e PSP

As versões web da PlayStation Store para PlayStation 3 (PS3), PS Vita e PSP foram desativadas pela Sony neste fim de semana, o que impossibilita a compra de games antigos por meio de celular ou PC. Depois disso, os usuários não poderão adquirir materiais digitais para esses sistemas, incluindo jogos e adições. Isso se aplica à versão da Web do PlayStation Store e da loja sobre os próprios consoles.

O fechamento das lojas digitais implicará no fim de diversas atividades essenciais dos consoles antigos: você não poderá comprar jogos ou DLCs (dentro e fora dos jogos), além de temas e ícones de perfil estarem também barrados. Finalmente, o resgate de gift cards para fundos na carteira digital também será impedido – qualquer valor que você tenha resgatado antes do fim permanecerá disponível, mas apenas para o PlayStation 4 (PS4) e PlayStation 5 (PS5).

📷 Sony desativa a PlayStation Store para PS3, PS Vita e PSP | The Enemy

Desligar o PlayStation Store no PlayStation 3 e PlayStation Portable ocorrerá em 2 de julho de 2021 e no PlayStation Vita – 27 de agosto. Depois disso, os usuários não poderão adquirir materiais digitais para esses sistemas, incluindo jogos e adições. Isso se aplica à versão da Web do PlayStation Store e da loja sobre os próprios consoles.

É digno de nota que, no PlayStation Portable Access ao PlayStation Store foi desativado em 2016, mas os jogos para o console poderiam ser comprados em sistemas compatíveis, como PlayStation 3 e PlayStation Vita.

📷 Sony desativa a PlayStation Store para PS3, PS Vita e PSP | Meu Xbox

Algumas funções, porém, permanecerão online mesmo depois das lojas fecharem. Qualquer conteúdo que você já tenha adquirido antes poderá ter seu download refeito.

O resgate de jogos via código, vouchers de assinatura da PlayStation Network e refazer o download de jogos adquiridos gratuitamente (mediante assinatura ativa) do serviço pago também continuarão sendo feitos normalmente.

📷 Sony desativa a PlayStation Store para PS3, PS Vita e PSP | Avalanche Notícias

A página também toca em um ponto interessante e, felizmente, de forma positiva: qualquer título “cross buy”, ou seja, que você tenha adquirido no PS3, mas que possa ser rodado no PS4 ou PS5, poderá ser utilizado nos dois consoles mais recentes. Mesmo que você não tenha nenhum dos dois neste momento, você pode guardar o jogo em sua biblioteca para baixá-los depois.

Se alguém, por um acaso, ainda tiver saldo em suas contas, ele permanecerá disponível para quando o usuário decidir migrar para o PS4 ou PS5.

📷 Sony desativa a PlayStation Store para PS3, PS Vita e PSP | O Povo

Jogos multiplayer, por enquanto, continuarão funcionando normalmente, ao menos os que ainda estão no ar. Estes games costumam ter servidores independentes e cabe a cada produtora decidir o tempo que ainda permanecerão online.

Referências:

Techtudo, Avalache Notícias, Olhar Digital, Tecnoblog.

Crash Bandicoot 4: It’s About Time para PC precisa internet

A versão PC de Crash Bandicoot 4 ficou disponível no na última sexta-feira (26), através do Battle.net, plataforma digital da Activision Blizzard e os jogadores descobriram rapidamente que exige constante ligação à internet.

Os jogadores que desejam experimentar o projeto na plataforma, aprendemos que uma conexão permanente com a rede é necessária – esta é uma prática padrão para tudo o que é executado através do Battle.net. No entanto, ao contrário de outros jogos no serviço, em Crash Bandicoot 4: é hora de elementos on-line.

📷 Crash Bandicoot 4: It’s About Time para PC precisa de conexão à internet | Reprodução

Os jogadores começaram de imediato a relatar problemas na ligação aos servidores, que forçam o jogo a encerrar, algo que também acontece quando a ligação é interrompida.

Além disso, os jogadores começaram já a pensar no que acontecerá ao jogo quando ocorrerem problemas com os servidores da Activision ou até quando a companhia decidir encerrar os servidores do jogo. Na página Battle.Net de Crash Bandicoot 4, a Activision diz mesmo que não garante a disponibilidade das funcionalidades online e poderá mudá-las ou até desativá-las sem aviso prévio.

📷 Crash Bandicoot 4: It’s About Time para PC precisa de conexão à internet | Reprodução

O hack veio apenas dois dias após o lançamento, e na versão pirata não precisa se preocupar em vincular o jogo à rede. Isto poderá significar que quem jogar uma versão pirata terá melhor experiência pois não corre o erro do jogo bloquear a meio devido a problemas com os servidores.

Jogos como Call of Duty: Black Ops Cold War e Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2 para PC também apresentam este requisito, mas Crash Bandicoot 4 é um jogo singleplayer, no qual apenas podes jogar cooperativamente em modo local.

📷 Crash Bandicoot 4: It’s About Time para PC precisa de conexão à internet | Reprodução

O jogo é uma continuação de Crash Bandicoot: Warped. Após sua derrota nas mãos de Crash Bandicoot em Crash Bandicoot: Warped , Uka Uka tenta libertar a si mesmo e aos Doutores Neo Cortex e Nefarious Tropy de sua prisão no passado. Seu último esforço abre um buraco no tecido do espaço e do tempo e o faz desmaiar. Cortex e N. Tropy escapam rapidamente, abandonando Uka Uka, e descobrem que a fenda que eles usam liga seu universo ao resto do multiverso, e decidir utilizá-lo para conquistar todas as dimensões.

Para garantir o sucesso, a dupla cria o Rift Generator, um gerador capaz de abrir outras fendas espaço-tempo e recrutar ajuda dos Doutores N. Gin e Nitrus Brio para fornecer um exército em antecipação à interferência de seus inimigos. Aku Aku , irmão gêmeo de Uka Uka, sente a perturbação no espaço e no tempo e rapidamente corre Crash para o pico principal da Ilha N. Sanity. Ao chegar, ele se depara com Lani-Loli, a quem Aku Aku reconhece como uma das Máscaras Quânticas – quatro antigas máscaras de feiticeiro que têm grande poder sobre o espaço e o tempo, e que só apareceriam se algo abrisse o multiverso. Lani identifica uma fenda e suspeita que há problemas, levando a Crash e sua irmã Coco concordando em segui-lo pelo multiverso e encontrar as outras máscaras quânticas, enquanto combatia o caos que o Cortex está criando.

Além do PC, Crash Bandicoot 4 está disponível para consoles PlayStation, Xbox e Nintendo Switch.

📷 Comunicado | Twitter

Requisitos mínimos:

  • Sistema operacional: Windows 10
  • Processador: Intel Core i3-4340 / AMD FX-6300 ou equivalente
  • Placê de vídeo: Nvidia GTX 660 / AMD Radeon HD 7950 ou equivalente
  • Memória RAM: 8GB
  • Espaço em disco: 30GB

📷 Crash Bandicoot 4: It’s About Time para PC precisa de conexão à internet | Reprodução

Recomendado:

  • Sistema operacional: Windows 10
  • Processador: Intel Core i5-2500k / AMD Ryzen 5 1600X ou equivalente
  • Placa de vídeo: Nvidia GTX 970 / AMD R9 390 ou equivalente
  • Memória RAM: 16GB
  • Espaço em disco: 30GB

📹 Crash Bandicoot™ 4: It’s About Time Trailer | Crash Bandicoot

Referências:

Avalanche Notícias, Eurogamer, Hu3BR, Nerd Jogos, Wikipedia.

Hype: Valheim vem se destacando, veja conquistas do game

Valheim alcançou em poucos dias o que muitos jogos demoram tempo para alcançar ou as vezes nem conseguem. O game de sobrevivência desenvolvido pela Iron Gate, lançado no dia 02 de fevereiro, já soma mais de 3 milhões de cópias vendidas, e mais de 500 mil jogadores online simultâneos.

Um pouco sobre Valheim

📹 Trailer oficial | Divulgação

O jogo é no estilo cooperativo de exploração e sobrevivência, onde o jogador pode se aventurar por um mundo procedural, explorando florestas obscuras, montes nevados, construir sua própria casa e base, grandes navios para navegar, enfrentar animais selvagens e criaturas mitológicas. O grande diferencial do game é a sua temática Viking.

Uma marca incrível

Para um jogo que foi lançado a menos de um mês, Valheim tem atingido números incríveis. No domingo (21), por volta das 21hs, o game atingiu a marca de 502,387 vikings online, deixando o game atrás apenas de Counter-Strike: Global Ofensive. Valheim tem feito tão sucesso em número de jogadores, que deixou para traz games de nome, como Apex Legends e GTA V.

Receita para o sucesso

Valheim jogo pc sobrevivência steam 1hit games

📷 Hype: Valheim vem se destacando, veja conquistas do game | Divulgação

É muito difícil saber o que torna o jogo um sucesso, mas algumas coisas básicas são fundamentais. O que levou Valheim ao sucesso que é hoje? Seu gênero (sobrevivência), já é um estilo muito popular na Steam, jogos como, DayZ, Ark ou Conan:Exiles, são sucessos recentes. Jogos de sobrevivência, são lançados quase que mensalmente na plataforma, contudo a maioria não consegue atingir o sucesso tão rápido, ou até mesmo nem ganham os holofotes.

Pequenos detalhes fazem a diferênça

Valheim jogo pc sobrevivência steam 1hit games

📷 Hype: Valheim vem se destacando, veja conquistas do game | Divulgação

É difícil dizer ao certo o que levou o jogo ao gosto do público, mas o principal motivo deve ter sido a acessibilidade. Valheim simplificou as mecânicas clássicas do gênero para algo bem mais intuitivo, ou seja, mais fácil de jogar. As vezes, coisas simples nos jogos do gênero, acabam se tornando difíceis de se fazer, mas Valheim deixou as experiência, muito mais fácil. Além disso, uma interface simples, temática e o foco na diversão, podem ter sido o segredo do seu sucesso.

Atualização

Valheim jogo pc sobrevivência steam 1hit games

📷 Valheim | Divulgação

Na última atualização 0.145.6, os planos é para deixar o game um pouco mais fácil de jogar. Foi acrescentado melhorias, mudanças e algumas correções de bugs. A grande mudança do jogo é o salvamento automático, que ocorria a cada 30 minutos, com a atualização, o auto-save passou a ser de 20 em 20 minutos. Sendo assim, se o jogador morrer nesse intervalo, não perderá tanto tempo de jogo. Confira todas as mudanças:

  • Remoção da integração com a ferramenta do Google Analytics dentro do jogo
  • Corrigiu bugs em criptas florestais
  • Atualizou os créditos
  • Alterou sistema de salvamento para o anterior
  • Corrigiu sincronização de itens “Pickables” (pedras, cenouras etc.)
  • Corrigiu uso de CPU de servidor dedicado (limitador de taxa de quadros)
  • Consertou a fumaça da lareira
  • Salva ajustes de sistema
  • A função “salvar” do console agora pode ser usada remotamente se o jogador for adicionado à lista de administradores
  • O auto-save é a cada 20 minutos (em vez de 30 minutos)
  • Função IP de junção manual (apenas servidores dedicados)
  • Verificações extras de marcas de exclusão (para evitar que desapareçam)
  • Melhorou a forma como o jogo lida com mundos “crashados” (sai em vez de carregar um mundo vazio)
  • Corrigiu problemas relacionados à tradução

Preço e requisitos

Hype: Valheim vem se destacando, veja conquistas do game

📷 Valheim | Divulgação Steam

Valheim atualmente é vendido por R$ 37,99 e requer uma configuração bem modesta para funcionar em PCs com Windows ou Linux.

Veja requisitos:

  • Processador Dual Core de 2.6Ghz
  • 4GB de memória RAM
  • Placa de vídeo GeForce GTX 500 (ou superior)
  • 1GB de espaço

Você joga Valheim? Conte-nos o que acha do game.

Referências:

Cabana do Leitor, IGN Portugal, Valheim, UOL, Tecnoblog, Voxel.

Steep

Steep é um game de esportes radicais em mundo aberto produzido pela Ubisoft Annecy e publicado pela Ubisoft para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 2 de dezembro de 2016. Um port para o Nintendo Switch também foi confirmado.

O jogo dá grande enfase ao multijogador online, focando-se na competição entre vários jogadores em esportes de inverno (ski, snowboard, wingsuit e parapente) na região dos Alpes e do Alasca. Houve dois periodos beta durante o mês de novembro de 2016.

Planeje com antecedência

Steep permite que você reinicie corridas rapidamente (e por rapidamente queremos dizer que é quase instantâneo), então isso significa que você pode usar sua primeira tentativa de qualquer evento para aprender o caminho e escolher a melhor rota. Você pode ser um apaixonado por velocidade e querer chegar à base da montanha o mais rápido possível, ou talvez você curta umas manobras radicais e precisa fazer os maiores pulos. De qualquer forma, planeje com antecedência e conheça seu caminho.

Não tenha medo de sair no meio do evento

Dito isso sobre o recomeço, não tenha medo de assumir que uma tentativa deu ruim, especialmente quando estiver no snowboard ou nos skis, porque esses esportes estão sujeitos a isso. Se você perder velocidade ou um dos pulos, é improvável que consiga recuperar o tempo perdido para bater seus recordes, então apenas desista dessa tentativa e comece novamente. Não há motivo para desperdiçar segundos preciosos quando você sabe que já perdeu sua melhor marca.

Saiba pular direito

Como qualquer bom jogo que tenha snowboard (ou ski), Steep requer que você se prepare para os pulos para conseguir o melhor resultado possível. Isso significa que você deve prever o pulo com antecedência e segure o gatilho do pulo. Ao contrário de outros games, porém, não é necessário segurar nenhuma direção no analógico para preparar o giro – isso fará você se mover no chão. Solte o gatilho de pulo e aí sim aponte uma direção com o analógico para fazer o giro. É importante que você pare de girar antes de voltar ao chão para não correr o risco de perder pontos valiosos ou pior: cair.

Keep calm e segure a prancha

Segurar a prancha do snowboard é ridiculamente fácil: segure o R1 (PS4) ou RB (Xbox One). É algo simples mas fácil de esquecer. Quando estiver se preparando para um pulo, mantenha a calma para não esquecer das coisas que deve fazer quando estiver no ar. Tanto no giro vertical quanto no horizontal, segure sua prancha para segurar todos os pontos.

Siga as guidelines, ao menos da primeira vez

Quando no ar, o wingsuit é muito divertido de controlar. Voar pelos alpes enquanto o sol brilha no horizonte é um momento muito bonito, mas é fácil se distrair. Nos caminhos mais avançados de wingsuit a margem para erro é minúscula, então siga a linha branca nem que seja apenas para evitar dar de cara nos objeto que você está tentando passar por dentro. Elas estão presentes por um motivo, e você deve usá-las na primeira tentativa para conhecer a rota principal. Mas, para pontuar, chegue perto do chão com o wingsuit.

A prática leva à perfeição

Repita os eventos. Sério. Steep é menos um arcade (como o SSX) e mais um simulador. Jogar os eventos que você curtiu novamente e tentar bater os seus melhores tempos (e os de seus amigos também) é uma boa maneira de aperfeiçoar suas habilidades, e é sempre bom ter do que se gabar, não é mesmo? Os truques de paraglide são difíceis de acertar, então repetir aquele evento super fácil um milhão de vezes para dominar os movimentos vai te ajudar muito quando chegar a hora de encarar um evento mais difícil. Isso também serve de dica para os níveis de wingsuit. Eles podem até exigir precisão, mas para competir nos rankings é necessário aumentar suas habilidades.

Use o fast travel, a menos que esteja explorando

Como já mencionamos, Steep é um jogo mais próximo da simulação do que do arcade, e isso significa que as vezes você estará andando vagarosamente através da neve. Se você descer demais e quiser subir novamente, andar é uma opção, claro, mas isso levaria muito tempo. O jogo te ensina a usar o fast travel, então aproveite. Se você está longe de tudo e nada de novo aparece, use a viagem rápida para voltar a qualquer zona de drop visitada anteriormente.

Experimente

Sabemos que é muito tentador ficar só no snowboard, mas treine os outros esportes também, e fique bom em todos eles. Use a câmera durante replays para espiar lugares distantes, ou crie uma rota e faça o upload só para se divertir. Lembre-se que o ponto principal é a diversão, e que nem todas as medalhas precisam ser de ouro, e que você será recompensado até mesmo por aqueles tombos ridículos e horrendos, mas também será recompensado por se arriscar e sair ileso. Agora vista seu casaco e voe para os alpes!

Como desbloquear zonas de queda

A exploração é o elemento chave no Steep, então, se você quiser explorar o máximo possível deste mundo aberto, você deve desbloquear as zonas de queda. Ao desbloquear as zonas de queda, você pode gerar livremente entre elas, em vez de cobrir distâncias enormes novamente.

Primeiro, abra seu mapa e procure por áreas com listras brancas nelas – elas indicarão a localização geral da Zona de Queda.

Em seguida, aproxime-se da área e, depois que o prompt “ Nova zona de queda detectada ” aparecer, use Mountain View para localizar o local exato.

Finalmente, a fim de desbloquear uma zona de queda, você precisa usar seus binóculos .

Como usar binóculos

Os binóculos são uma das suas ferramentas mais importantes no Steep. Eles podem ser usados ​​para muitas outras coisas além de desbloquear zonas de queda.

Aqui está o que você pode fazer com eles:

Olhe através dos binóculos para detectar todos os eventos que estão ativos no Ponto de Interesse no mapa.

Binóculos podem ser usados ​​para detectar novos desafios.

Se você vencê-los, poderá desafiar seus amigos online e subir na classificação.

Quando seus amigos concordam com o desafio, você pode observá-los através dos binóculos.

Por último, mas não menos importante, você pode usar binóculos para definir a rota que irá ajudá-lo a vencer um desafio.

Como usar Mountain View

Mountain View é um modo excepcionalmente útil em Steep. Além de permitir que você desova no topo das montanhas, pode melhorar muito suas habilidades, se você souber como usá-lo corretamente.

Se você está tendo problemas para decidir como passar por certas áreas complicadas, a Mountain View pode lhe dar uma visão ampla de cima.

Você pode colocar bandeiras / marcadores nos locais que considera mais eficientes para o seu passeio.

Mountain View também pode ser usado para registrar e reproduzir sua corrida com a capacidade de fazer capturas de tela e publicá-las online.

Você pode criar seus próprios desafios com a ajuda de Mountain View e depois oferecer aos seus amigos para se juntarem a você.

Como fazer parapente em íngreme

Parapente é provavelmente o tipo de esporte mais difícil representado em Steep . No entanto, é absolutamente essencial para explorar e descobrir novos Pontos de Interesse.

O impulso é o que impulsiona o parapente em Steep .

Se você começar a apertar botões, isso arruinará seu ímpeto e você perderá sua velocidade.

O vento é seu melhor amigo aqui.

Se o vento estiver muito forte (geralmente em áreas abertas), você perderá rapidamente o caminho.

Tente voar de parapente ao lado das montanhas e penhascos – aqui é onde a velocidade do vento é mais ideal.

Tente pegar as oscilações para cima para obter os pontos de interesse mais altos.

Normalmente, estes são realmente difíceis de subir a pé ou simplesmente impossíveis, portanto, neste caso, o parapente seria a sua única opção.

Como funciona o sistema de truques em Steep

Trick System foi introduzido no primeiro jogo de snowboard da Ubisoft – SSX. Como você pode ver, foi tão bem-sucedido que também teve que ser implementado em Steep. O Trick System permite aos jogadores ganhar pontos e medalhas por excelentes desempenhos.

Todo truque exige que você salte de uma forma ou de outra, então seu principal curso aqui é preparar o salto com o gatilho direito e deixá-lo ir exatamente antes do salto.

Quando no ar você pode realizar todos os tipos de rotações – neste caso você precisa usar o eixo dos Sticks em seu controlador (para cima, para baixo, esquerda, direita ou diagonal).

Agora, se quiser pegar sua prancha no ar, você precisa usar o gatilho esquerdo para a mão esquerda e o gatilho direito para a direita.

Além disso, enquanto segura o tabuleiro, você pode girar o botão direito e adicionar ainda mais estilo aos seus truques.

Como agrupar em íngreme

Se você encontrar alguém durante o jogo com quem gostaria de se agrupar, pressione X / Square / G para enviar uma mensagem amigável. Assim que o outro jogador fizer o mesmo, você será listado como membros do mesmo grupo.

Você pode escolher desovar bem perto do seu amigo no mapa mundial, o que é muito conveniente quando se trata de desafios rápidos.

O chat de voz e o sistema de emoção também estão disponíveis no Menu Social.

Por fim, você pode compartilhar sua Mountain View, registrar os desafios ou assistir uns aos outros.

Isso deve servir para o início. Mais tarde, você descobrirá vários estilos de jogo e truques avançados que podem lhe render medalhas de ouro. Mas, por enquanto, você deve aprender o básico e aproveitar o passeio.

Construa seu multiplicador de truques

Ao praticar snowboard ou esqui, fazer grandes manobras é arriscado, como na vida real. Faz sentido, então, torná-los realmente valiosos, aumentando seu multiplicador de pontuação antes de fazê-los. Use as retas claras sempre que puder para fazer pequenos flips e giros antes de chegar aos grandes saltos; em muitos eventos, isso pode fazer toda a diferença entre um prêmio de bronze e ouro.

Gerenciar sua força G

Isso nunca é realmente explicado no Steep, mas como esquiador ou snowboarder, a força-g é seu maior inimigo. Sempre esteja atento a isso ao viajar em terreno acidentado e lombadas, e ao executar manobras e saltos, tente pousar em áreas claras inclinadas para longe de você. Se você começar a acumular alguma força-g, indicada por um metro no lado esquerdo do seu personagem, tente normalizá-la tornando as coisas mais estáveis ​​por um curto período.

Escolha o melhor esporte para o trabalho

Embora o parapente e o wingsuit tenham seus próprios eventos específicos, os eventos terrestres geralmente podem ser concluídos com esqui ou snowboard. Escolha o esporte que for melhor para a tarefa em questão, pois cada um tem suas próprias nuances. Ou apenas use aquele de que você mais gosta.

Coloque sinalizadores para auxiliar a navegação

Caso ainda não tenha notado, pressionando o manípulo direito você pode colocar faróis de luz, que o jogo chama de bandeiras, tanto na tela de vista da montanha quanto durante o jogo. Use-os para destacar áreas de interesse no mundo aberto para o qual deseja navegar, como pontos de entrega bloqueados. Apenas lembre-se de se livrar deles depois de terem servido ao seu propósito, caso contrário, eles acabarão confundindo você.

Use os Descartes de Helicóptero

Se nenhum dos pontos de desembarque predefinidos estiver flutuando em seu barco, lembre-se de que você pode descer em qualquer lugar que quiser com o helicóptero. Embora custe ingressos que devem ser comprados com créditos, você pode obter 10 gratuitamente através do Ubisoft Club. Ah, e quando você atingir o nível 25, você desbloqueará o uso ilimitado do helicóptero, permitindo que você seja deixado onde quiser o tempo todo gratuitamente.

Ponha-se no ritmo

Nas corridas, nem sempre é benéfico ir para o inferno pelo couro: você precisa controlar a velocidade e procurar as linhas mais eficientes. É mais rápido fazer uma corrida limpa do que ir com força total e correr o risco de esbarrar em obstáculos ou perder o controle.

Estilo de jogo

Freestyler Se você tem incríveis habilidades aéreas e uma técnica cuidadosamente suave, então este Playstyle é o mais adequado para você. Como Freestyler, você se esforça para realizar os truques mais legais com estilo. Ganhe reputação sendo grande, criativo e vencendo os desafios do estilo livre. Desbloqueie novas competições e equipamentos exóticos enquanto avança para se tornar o Freestyler definitivo. Ao longo do jogo, sua pontuação é avaliada com base nos riscos que você assume e na forma de atravessar o mundo. Snowboard e esquiadicione um terceiro elemento de pontuação: estilo. Para ganhar pontos de estilo amarelo, você precisa virar, girar, girar e se agarrar no ar. Encontre o terreno que lhe dá mais tempo no ar e trave uma linha que o atire para o céu. Apenas certifique-se de manter o controle ou você corre o risco de cancelar sua pontuação de estilo.

O estilo Pro Rider, por sua vez, se concentra puramente na corrida, recompensando aqueles que abraçam a velocidade e consistentemente alcançam a frente do pelotão. Ganhar as melhores pontuações em desafios cronometrados e competitivos aumenta sua pontuação Pro Rider, identificando-o gradualmente para os outros jogadores como um corredor formidável. Um Pro Rider de sucesso também não está focado apenas na velocidade. Com tantas árvores, pedras, edifícios e outras características ambientais pontuando os Alpes, ser capaz de tecer com precisão através dos obstáculos é a chave para terminar primeiro. Os desafios que você enfrentará refletem isso, já que as corridas táticas o desafiam a encontrar a melhor rota do início ao fim, e as corridas de checkpoint o empurram para seguir uma linha exata o mais próximo possível.

Desde a invenção da física da boneca de pano, o “fracasso” de um jogador costuma ser a diversão de outro, muitas vezes aqueles que batem de cara nas pedras e acertam todas as manobras de cabeça para baixo também serão recompensados ​​por seus esforços. E se você gosta mais de ver seu avatar despencando de um penhasco do que de fazer uma manobra bem-sucedida, então Bone Collector foi criado pensando em você. Nesse caso, isso significa ações imprudentes e movidas a adrenalina, como descer vertiginosamente montanha abaixo, cair grandes distâncias, ser esmagado de maneiras criativas e quase acertar em alta velocidade sem apagar. The Bone Collector é mais do que apenas descidas corajosas montanha abaixo, e se você está decidido a seguir o estilo, você vai querer procurar os desafios de etiqueta preta espalhados pelas montanhas. Elas vão além das atividades de alto risco, envolvendo tarefas como tecer através de aberturas estreitas em torres de transmissão usando um wingsuit, ou cair em declive. Este é um estilo para jogadores motivados pela curiosidade e acrobacias improvisadas, que jogam jogos para testar os limites, e que não apenas zombam do risco, mas se divertem com isso. E se for o seu estilo principal, ‘

Para alguns pilotos, a verdadeira emoção dos esportes de inverno está na pura adrenalina do perigo, em correr riscos e escapar do perigo no último segundo possível. O Extreme Rider Play Style foi projetado com tal em mente, os jogadores deslizando ao longo de uma montanha borda antes de virar para a segurança. Aqueles que exercem controle rígido em condições perigosas para sair não apenas inteiros, mas por cima. Cavar voando em encostas íngremes e rochosas e serpenteando através de obstáculos compactados? Você provavelmente é um dos Extreme Riders. Terreno perigoso é apenas parte da equação, embora como esse estilo também recompensa aqueles que usam táticas arriscadas, realizar movimentos extremos exige tempo e precisão cuidadosos. Se você tem o que é preciso para dominar o terreno mais perigoso que as montanhas têm a oferecer, para continuamente reivindicar a vitória contra riscos aparentemente impossíveis, então sua distinção como Extreme Rider irá marcar você para outros jogadores como um verdadeiro especialista em pistas.

Se você deseja alcançar os locais de montanha mais remotos e esculpir uma linha única e inesquecível, então o Explorer Play Style é para você. Se você gostaria de dar um passo para trás do terreno perigoso e do louco kick flips, e relaxar observando a paisagem, então você provavelmente é um dos Exploradores. Talvez você seja um viciado em conquistas e queira desbloquear todos os pontos quentes nas montanhas , então os binóculos são a maneira mais fácil de começar sua exploração. Identifique novas zonas de queda e outros pontos de interesse ou tente encontrar locais difíceis de alcançar e ousados ​​para iniciar uma linha inusitada que você possa desafiar. Se os binóculos não forem suficientes, você terá que se aproximar. Caminhar é uma parte fundamental da exploração e levará você a um novo território. Ainda assim, com elevações chegando a mais de 15.000 pés acima do nível do mar, caminhar não será sua única maneira de explorar os Alpes.

Por último, o Freerider, um estilo de jogo focado em esculpir o caminho perfeito através da face da montanha. Em contraste com o Freestyler focado em acrobacias ou estilos Pro Rider de corrida, um Freerider se concentra na elegância direta. Trata-se de descidas suaves que fluem naturalmente através de cumes e outras características ambientais, e de permanecer em pé na prancha ou esquis durante corridas longas. Se você quer parecer um profissional de downhill coreografado e não suporta a ideia de uma corrida desleixada, prepare-se para acumular pontos Freerider.

Depende de você encontrar sua linha ideal nas imensas cordilheiras de Steep – ou sair dos trilhos e ganhar recompensas em qualquer um dos seis estilos de jogo. Com enormes extensões de território montanhoso para explorar e deixar sua marca, sua corrida perfeita está por aí em algum lugar.

Referências:

Games Pew, Steep Gamepedia, Game Skinny, Red Bull, wikipedia.

Comente abaixo sobre Steep!

MechWarrior 5: Mercenaries

MechWarrior 5: Mercenaries é um jogo BattleTech mecha desenvolvido pela Piranha Games e lançado em 10 de dezembro de 2019 no Windows. É o primeiro jogo MechWarrior para um jogador desde 2002. Está disponível como um título exclusivo da Epic Games Store , que, como outros jogos com ofertas de exclusividade da Epic Games Store, foi recebido com críticas, embora também seja atualmente (junho de 2020) disponível através do Xbox Game Pass para PC. Possui traçado de raio com tecnologia Nvidia RTX e também DLSS. O primeiro DLC para o jogo será lançado no segundo semestre de 2020.

Como jogar

MechWarrior 5: Mercenaries é um jogo de tiro futurista onde o objetivo é completar missões destruindo Mechs, tanques e aeronaves inimigos. Isso é feito pilotando Mechs totalmente personalizáveis ​​com diferentes armas e carregamentos. Embora seja muito mais complexo, MechWarrior 5 é semelhante ao Titanfall no sentido de que você usa robôs gigantes em batalhas.

Inicialmente, você jogará no modo de campanha de história para um jogador, mas também terá a opção de jogar a campanha posteriormente no modo cooperativo. Isso permite que você se junte a três outros jogadores online para completar missões.

Você também pode jogar no modo cooperativo através do modo  Instant Action. Isso permitirá que você selecione determinados cenários a serem concluídos ou personalize o seu próprio a partir de uma lista de opções.

Há uma campanha com missões de história, mas você também assumirá contratos de mercenários para melhorar a reputação do seu grupo com as facções por toda a galáxia. Essas missões não relacionadas à história são divididas em cinco tipos:

Assassínio – Destrói um Mech inimigo específico que está protegido por outros Mechs.

Defesa – Defenda um ponto dos inimigos por um certo tempo.

Demolição – Destrua uma instalação alvo.

Raid – Destrua alvos principais e escape enquanto é constantemente atacado.

Warzone – combates em escala maior com muitas ondas de Mechs inimigos.

Completar missões na campanha irá recompensá-lo com pontos de reputação com a facção que enviou o contrato, bem como C-Bills e salvamento. C-Bills são moedas que podem ser usadas para comprar e vender peças de armas e Mechs, pagar seus pilotos recrutados e viajar pela galáxia. Vale a pena resgatar peças, pois você sempre pode vender peças excedentes para gastar em outras coisas, e o número de Pontos de Resgate que você ganha aumenta à medida que melhora sua reputação com aquela facção.

Movimento

Este próximo lote de dicas é para se acostumar a como o movimento funciona. MechWarrior 5: Mercenaries tem alguns movimentos bastante complexos que são cobertos no tutorial, mas há algumas coisas que nem mesmo o tutorial informa que podem ser úteis.

Durante o tutorial, vale a pena se acostumar a como o movimento funciona antes de fazer qualquer outra coisa. Lembre-se de que as teclas W e S são para aceleração e reversão, respectivamente. Você não vai desacelerar soltando qualquer um dos botões com as configurações padrão, mas pode alterar isso para que seu Mech desacelere, soltando qualquer um dos botões, ativando “Habilitar Decadência do Acelerador” nas configurações de jogo.

Enquanto se move, use a tecla F para realinhar as pernas e o torso do seu Mech. Isso fará com que as pernas fiquem voltadas para a direção para a qual seu torso está indo, o que pode tornar as manobras no campo de batalha um pouco mais fáceis. Isso pode ser ativado automaticamente se você ativar “ Ativar bloqueio de braço ” nas configurações de jogo.

Use uma mistura de câmeras de primeira e terceira pessoa pressionando a tecla V. A primeira pessoa ajuda com precisão, enquanto a terceira pessoa garante que seja mais difícil para os inimigos se aproximarem furtivamente de você.

Sempre mire no inimigo contra o qual você está lutando. Pressionar a tecla R enquanto mira em um alvo fornecerá informações sobre o inimigo. Isso aparecerá no canto superior direito da tela e mostrará as armas ativas no alvo, bem como quanta saúde elas ainda têm em cada parte do chassi. Quando estiver um pouco mais familiarizado com os tipos de armas, você também pode usar isso para descobrir se deve atacar o alvo de perto ou de longe.

Aprenda qual retículo alvo é qual olhando para a mesa de armas. Você verá um símbolo à esquerda das armas equipadas, que corresponde ao retículo de seu próprio alvo no HUD. Você pode ver o tempo de espera dessas armas na retícula se ativar “Habilitar Crosshair Cooldown Pips” nas configurações de jogo.

Combate

Como o MechWarrior 5: Mercenaries é basicamente um jogo de combate, algumas das dicas do MechWarrior 5 que você verá aqui são sobre como lutar de forma eficaz contra os Mechs inimigos, enquanto ao mesmo tempo se mantém o mais seguro possível.

Preste atenção a qual Grupo de Armas você atribui suas armas equipadas em seu Mech. Você tem até seis slots de Grupo de Arma, todos disparados a partir das teclas numéricas, então você vai querer saber qual botão dispara qual arma o tempo todo. Aqueles que possuem um mouse para jogos com muitos botões sobressalentes podem aproveitar a vantagem de religar cada tecla numerada ao seu próprio botão do mouse.

Mantenha o módulo de mira em um inimigo para travá-lo, pois isso garantirá que as armas de mísseis possam atingir seu alvo.

Nunca, jamais, deixe o Mech superaquecer. Isso o deixará vulnerável ao poder de fogo inimigo e pode resultar na perda de algumas das armas do Mech. Todas as armas geram um pouco de calor, então fique de olho no medidor de temperatura o tempo todo. Você pode equipar Sincronizadores de Calor com seu Mech para reduzir o calor ganho, mas não confie neles para evitar o superaquecimento.

Tanques são suscetíveis a lasers ou danos de canhão automático, enquanto mísseis são melhores para lidar com aeronaves. Tente tirá-los de longe, se puder, pois eles podem ser um pouco incômodos se os Mechs inimigos também se juntarem ao tiroteio.

Preste atenção ao alcance de suas armas e quão longe você está do seu alvo. Todas as armas têm um limite de alcance mínimo e máximo. Você pode ver quais armas não serão eficazes contra seu alvo na tabela de armas na parte inferior direita da tela, pois elas serão destacadas em laranja.

Destruir partes específicas de Mechs inimigos dará a você diferentes vantagens. Tirar seus braços significa destruir uma arma que eles equiparam, enquanto destruir as pernas impede seus movimentos. Para Heavy Mechs com armadura mais espessa, vise destruir membros, enquanto para Mechs frágeis leves, tente matar rapidamente explodindo sua cabine ou torso.

Carregamentos

O menu load-out não é exclusivamente para os Mechs que você pilota. Como líder de um grupo de mercenários, você estará comandando um esquadrão, ou “Lança” de Mechs, que assumirá cada contrato de missão. Essas dicas do MechWarrior 5 são para garantir que você não seja pego de surpresa ao pular para uma missão. Para obter mais detalhes sobre as classes de peso do Mech.

Certifique-se de ter algumas armas de curto e médio alcance em seu carregamento finalizado. A última coisa que você deseja é que um Mech particularmente rápido ultrapasse o ponto em que você pode atacá-lo, então é bom ter um backup caso isso aconteça.

Tenha o suficiente do tipo correto de munição equipado em seu Mech, juntamente com suas armas equipadas. Eles devem ser do mesmo tipo de munição da arma equipada. Quanto mais munição você tiver, mais tiros poderá disparar nessa missão. As armas laser não requerem munição, mas geram calor, portanto são um bom último recurso.

Você também pode alterar quais armas disparam com qual botão, clicando em Grupos de armas no carregamento de cada Mech. É melhor ter cada arma anexada a um membro específico para ter seu próprio Grupo de Armas. Você também pode alterar os grupos de armas pressionando as teclas de seta durante a missão ou pressionando a tecla Backspace para percorrer as armas em sequência.

Quando estiver fazendo a manutenção de seus Mechs, certifique-se de clicar em “Aguardar” após clicar em “Iniciar Trabalho” para suas solicitações de reparo e modificação. Isso avançará o tempo, executando seus pedidos de reparo e troca de equipamentos. Também é mais barato e leva menos tempo se você reparar Mechs fora das zonas de conflito. Se você estiver dentro de uma zona de conflito, use o Starmap para mover seu QG para uma área mais segura.

Use as alternâncias no menu Load-Out para o mech para ajustar a armadura frontal e a armadura traseira. Isso afetará o peso geral do seu Mech, portanto, é importante obter o equilíbrio certo entre a armadura e o peso. O peso é determinado pelo seu tipo de MechGerenciando mercenários

Gerenciando mercenários

Finalmente, temos algumas dicas do MechWarrior 5 que se concentram em gerenciar seu grupo de mercenários. Isso inclui recrutar novos pilotos para unir suas forças, aceitar contratos de facções e construir sua reputação.

Você pode comprar novos pilotos para seus Mechs em Centros Industriais. Você poderá aprender quais sistemas estelares são Centros Industriais quando viajar até eles. Assim que você conseguir membros da tripulação, certifique-se de que os Mechs que eles pilotam tenham equipamentos atualizados. Se seus aliados tiverem pouco poder, você poderá encontrar toda a sua Lança oprimida pelas forças inimigas.

Ao aceitar um contrato, não se esqueça de ajustar os Pontos de Negociação. Você pode alterar a C-Bill base (ou créditos) que obtém ao completar a missão, quanto resgate você pode reivindicar ao terminar a missão e a cobertura de danos que seu empregador cobrirá quando você completar a missão. Eu recomendo fortemente primeiro focar em aumentar a recompensa C-Bill, então conseguir um resgate extra.

Tente avaliar qual tipo de Mech seria mais adequado para a missão em questão. Mechs mais pesados ​​com mais armadura, como o Atlas, podem ser mais adequados para missões de Defesa. Mechs menores, como a Aranha, podem ser úteis para completar missões de Demolição rapidamente.

É melhor melhorar sua reputação com um punhado de facções, ao invés de agradar a todos, já que cada missão contratada concluída também reduzirá sua reputação com outra facção. No entanto, não deixe que isso o impeça de aceitar contratos lucrativos de “facções hostis”.

Ande em círculos

Em MechWarrior 5, você vai levar um tiro. Muito. O tempo todo. Você não pode atirar em um mech, então você vai querer se mover em um círculo ao enfrentar inimigos. Isso deve ser o suficiente para tornar mais difícil bater em você. Assim como em outros jogos da série, partes individuais podem ser destruídas e a última coisa que você quer é perder uma de suas armas principais permanentemente. Além disso, ter uma perna ou duas destruídas o deixará muito mais lento, tornando sua evacuação ainda mais complicada.

Faça o seu melhor para sair do caminho do perigo para impedir que coisas como essa aconteçam e você deve ser bom.

Não subestime os pequeninos

Eu entendi, você está em um mech, então que mal os tanques, helicópteros e armas de sentinela podem fazer? Eles podem não causar muitos danos, é verdade, mas normalmente há muitos deles. Pode ser tentador tentar ignorá-los e apenas se concentrar em seus objetivos, mas fazer isso pode enfraquecer você e seu time. Também pode causar mais peças quebradas.

A maneira mais fácil de lidar com eles é certificar-se de sempre trazer um mecanismo capaz de mísseis com você. Usando estes, você pode freqüentemente localizar posições inimigas antes de vê-los diretamente. Basta travar e deixar os mísseis voarem. Você encontrará seus inimigos destruídos rapidamente.

Use armas balísticas em edifícios

Uma boa parte dos mechs do MechWarrior 5 não tem capacidade para armas balísticas, mas se você estiver em uma missão de demolição, eles são muito melhores para destruir o lixo do que armas de energia ou mísseis. Lasers, por exemplo, fazem muito pouco em um grande edifício. Enquanto isso, atirar em um com um canhão pode derrubar uma seção inteira. Se quiser, você também pode caminhar direto por vários edifícios, o que é divertido e útil por si só.

Verifique seus componentes

É fácil reparar um mech e não perceber que alguns de seus componentes foram destruídos. Haverá um pequeno ícone que informa isso, mas se você não souber que ele está lá, talvez nem o veja. Você não quer entrar em uma missão e perder dez minutos antes de perceber que um de seus mechs está levando uma surra porque está faltando armas. Vale a pena ter certeza de que cada mech recebeu o verde antes de enviá-los para a batalha.

Leve o salvamento mais caro se você não precisar de nada

Há muitos resgates valiosos que você pode reunir no MechWarrior 5, como lançadores de mísseis. Certos componentes simplesmente valem muito mais do que outros – e mesmo que você não precise deles, você ainda pode vendê-los. Você pode vender seu estoque em qualquer mercado que encontrar, então não sinta que precisa acumular coisas. Ter dinheiro disponível para peças e mechas de alta qualidade é sempre uma coisa boa.

Escolha uma facção e fique com ela por um tempo

MechWarrior 5 fará com que você cumpra missões de diferentes facções, e quanto mais a facção gostar de você, melhor será recompensado. Portanto, é melhor priorizar uma facção em detrimento de outra. Dois estarão sempre em conflito um com o outro e não há sentido em receber pagamentos medíocres de ambos apenas para que você possa fazer as duas missões sem se preocupar. De qualquer maneira, há muitas missões para fazer, então vá em frente e escolha e escolha.

Apontar para o cockpit

Como você provavelmente sabe, cada mech tem uma cabine onde o piloto reside. Você pode explodir qualquer parte de um mech inimigo que quiser, mas destruir uma perna ou braço não o deixará fora de serviço. Se você puder destruir o cockpit, entretanto, aquele mecanismo inimigo irá parar de funcionar completamente. Isso o torna o melhor lugar para concentrar seus danos.

Contrate pilotos com melhor potencial de crescimento

Todos os pilotos que você pode contratar em centros industriais têm classificações de habilidade variáveis. Você realmente não quer desperdiçar uma experiência valiosa em um piloto que não pode ficar melhor. Por exemplo, se sua habilidade de arma de energia for 1/1, eles nunca ficarão melhores com armas de energia, não importa quanto tempo você os mantenha por perto. E ter um piloto assim só aumentará as chances de sua morte.

Repare em centros industriais quando puder

Consertar seus mechs custa mais e leva mais tempo quando você o faz em zonas de conflito. Ainda assim, dependendo do custo dos seus reparos, isso pode ser preferível a gastar 100.000 C-B ou mais para viajar para um hub de uma zona de conflito e voltar novamente. Portanto, planeje adequadamente, mas não sinta que precisa necessariamente sair do seu caminho para fazer isso.

Saia do caminho

Dependendo de como você desativa um mecanismo inimigo, ele pode explodir. Se você estiver ao lado dele quando ele fizer isso, você vai se machucar. Você será avisado antes que isso aconteça, então, quando ouvir esse aviso, saia de lá antes que seja pego pela explosão.

Evacue o mais rápido possível se você precisar

Muitas das missões do MechWarrior 5 farão com que a nave de evacuação apareça assim que você completar seu objetivo principal. Além das missões da zona de guerra, não há razão para ficar por aqui e correr o risco de sofrer mais danos quando você pode ir direto para o ponto de evacuação e voltar à base inteiro.

Saiba quando NÃO Strafe

Existe uma grande exceção às táticas de metralhamento. No MechWarrior 5 , a IA fica facilmente travada no mesmo padrão exato – fazendo com que vocês dois andem em círculos em volta um do outro e lutem em uma batalha de atrito. Isso é bom para o time adversário. O computador não precisa se preocupar com custos de danos; Você faz. Fechar-se neste círculo vicioso provavelmente fará com que você perca um ou três componentes, tornando as lutas futuras mais difíceis e exigindo que você pague grandes somas em custos de reparo. Em vez disso, você deve usar o terreno a seu favor. Você pode atirar em inimigos nas colinas com LRMs, acertar e correr entre edifícios ou pular um jato para longe.

Jatos de salto têm danos de queda

Apenas certifique-se de deixar um pouco de combustível de salto para cada queda! Saltar muito alto sem amortecer a queda no final pode e resultará em danos às pernas. Esse é um problema potencialmente enorme. Perder uma perna pode destruir completamente sua mobilidade. Perder os dois é uma morte instantânea. Não cause danos desnecessários a si mesmo! As forças opostas farão isso com você muito bem.

‘F’ é geralmente melhor do que ‘C’

O tutorial do MechWarrior 5 explica duas maneiras de centralizar seu torso e suas pernas. Em um teclado, com as combinações de teclas básicas, são C e F. O primeiro move seu torso para se alinhar com as pernas. É ótimo para quando você está andando em linha reta, mas deseja olhar ou atirar em outra direção (por exemplo, quando estiver fugindo). A segunda opção é aquela com a qual você mais precisa se preocupar.

Centralizar regularmente as pernas no tronco permite que você jogue como um jogo de tiro em primeira pessoa mais tradicional. Ou seja, você anda por onde olha. Você pode tornar isso a norma por padrão no menu de opções, mas eu não recomendo. A configuração padrão permite que você obtenha o melhor dos dois mundos. Você pode se mover em uma direção enquanto atira em outra – permitindo que você bombardeie mais facilmente – e então se realinhe manualmente quando for conveniente. Leva algum tempo para se acostumar, mas é um dos principais recursos que diferencia o MechWarrior dos jogos FPS “tradicionais”.

Use seu visual grátis

Por falar em olhar ao redor, há outra ferramenta em sua caixa de ferramentas que torna a vida muito mais fácil. Estou falando de janelas. Acontece que eles são mais úteis do que você pensa! Por padrão, você nem notaria quantos tem em um determinado mecanismo. Sua visão da cabine é basicamente bloqueada para o para-brisa frontal. No entanto, a maioria dos mechs tem janelas extras nas laterais, fora de sua visão periférica. Manter pressionada a tecla CTRL em um teclado permitirá que seu piloto observe essas belezas de vidro sem girar seu mecanismo. Em seguida, soltar o botão fará com que sua visão volte ao normal. Verificar seus lados desta forma é uma opção muito rápida para procurar inimigos sem expor os lados diferentes de seu mecanismo ou esperar a torção do torso!

Proteja seu primeiro amigo

Depois de sua primeira meia dúzia de missões, MechWarrior 5 deixa você sem direção. Você deve encontrar novos pilotos, equipamentos e dinheiro. No entanto, aqui está um primeiro objetivo informal: proteger seus funcionários. Especificamente, você deseja defender o primeiro parceiro de IA que o jogo oferece como parte da história. Ele pode não parecer muito, mas mantê-lo vivo pode render grandes dividendos mais tarde, mesmo que não seja fácil.

A AI amigável no MechWarrior 5 é … um pouco imprudente. Seus aliados entram de cabeça na batalha e pisam em edifícios que você deve salvar. Eles ficam melhores com o tempo, no entanto, conforme você os leva para o combate. Cada piloto (incluindo o seu) possui habilidades que ganham XP entre as missões. A maioria dos seus amigos tem estatísticas máximas muito baixas no início do jogo. Esse não é o caso do seu amigo grátis! Ele tem um potencial super alto.

Leve-o em algumas missões muito fáceis para começar. Talvez até considere dar a ele seu primeiro mech médio, se você tiver apenas um. Você estará muito, muito mais seguro em um mech leve do que ele. 

Repare antes de viajar

Você viaja bastante no MechWarrior 5. Chegar a novas missões, comprar itens e contratar pilotos sempre exige que você voe de um lado para o outro. Mas voar leva tempo, assim como os reparos no jogo. Você deve sempre tentar matar dois coelhos com uma cajadada só (mesmo que custe mais), definindo seus pedidos de conserto e reequipamento antes de viajar para um novo destino. No mínimo, certifique-se de fazer isso sempre que estiver voando para uma zona de conflito. Isso garantirá que você tenha mechs prontos para usar quando chegar lá, economizando tempo e dinheiro em salários.

Cuidado onde pisa

MechWarrior 5 se divide em vários tipos de missão. Um muito comum é defender bases aliadas de ataques inimigos. A base terá uma barra de saúde que diminui sempre que uma estrutura dentro dela sofre danos. O fogo amigo é um fator importante nesses casos, mas também a pisada amigável. Andar sobre ou através de edifícios aliados reduzirá absolutamente a saúde geral da base. O mesmo vale para seus aliados de IA, que têm uma tendência de pisar sem pensar em complexos de apartamentos enquanto perseguem um Jenner aleatório.

Existem algumas maneiras de atenuar isso. Um é o uso de LRMs. Essas armas se estendem sobre o terreno e as estruturas para atingir os inimigos de cima. Você também pode ordenar que os inimigos ataquem alvos específicos. Se você alinhar corretamente, dizendo a eles para perseguir os inimigos que não estão usando a base como cobertura, eles devem correr para assediá-los sem pisar em algo importante.

Existem outras razões para observar por onde anda – boas e más. A primeira é que algumas estruturas explodirão sob seus pés, mesmo que não sejam amigáveis, e causarão danos massivos ao seu mech. Pelo lado bom, você também pode pisar em veículos inimigos para destruí-los instantaneamente! Muitos mechs são muito mais rápidos e mais fáceis de manobrar do que os tanques, então não é muito difícil.

Não há danos de queda na sua base

Esta é uma das minhas dicas menores e reconhecidamente mais idiotas do MechWarrior 5, mas pode ser útil. Receber dano de queda em seu mech é uma grande dor no traseiro. No entanto, de volta ao seu módulo de transporte, as regras da gravidade não se aplicam mais. Você pode pular direto da passarela em sua base sem nenhuma repercussão. Esta é uma maneira muito rápida de descer as escadas e falar com seu engenheiro, ou admirar seus mechs de perto, sem ter que usar a escada em espiral. Também é divertido e parece ridículo!

Referências:

Rock Paper Shotgun, PC Invasion, Fanbyte, wikipedia.

Wargroove

Wargroove é um jogo eletrônico de estratégia por turnos desenvolvido e publicado pela Chucklefish Games. Ele foi lançado para Microsoft Windows, Nintendo Switch e Xbox One em 1 de fevereiro de 2019, com uma versão para PlayStation 4 previsto para ser lançado em uma data posterior.

Jogabilidade

Wargroove é um jogo eletrônico de estratégia por turnos no qual os jogadores exploram mapas e inimigos de batalha. Os jogadores podem escolher assumir o controle de um dos doze comandantes, cada um com sua própria campanha, motivações e personalidade.

O jogo suporta multijogador local e online, incluindo jogador contra jogador e modo cooperativo. O jogo apresenta ferramentas de edição de campanha que permitem aos jogadores criar seus próprios mapas. Há também um editor do mundo superior para conectar diferentes missões; Isso permite que o jogador crie caminhos de ramificação e defina missões para desbloquear sob certas condições.

Foco em obter acessos críticos

Cada unidade em Wargroove tem a capacidade de atingir um acerto crítico, que causa um dano massivo. Se você usar essa habilidade, a maioria das unidades poderá derrotar certos inimigos em um único golpe. Porém, nem todas as unidades são iguais. Cada um tem requisitos diferentes para executar um ataque crítico.

Por exemplo, espadachins só podem fazer um ataque crítico se o comandante estiver diretamente ao lado deles. O trebuchet de longo alcance tem um pré-requisito mais difícil: ele precisa atacar um alvo no alcance máximo para atingir o mais forte.

Nosso melhor conselho para aprender todas essas condições é entrar no códice do jogo e ler sobre cada unidade. Cada membro do seu exército tem várias páginas de informações que explicam seus papéis-chave na batalha, estatísticas sobre o desempenho em relação a outras unidades e, mais importante, uma representação visual e escrita sobre como executar o ataque crítico.

Ataques críticos são essenciais para fazer um trabalho rápido de seus inimigos.

Unidades de escolha

Embora ataques críticos sejam a maneira mais forte de causar dano, você pode executar abates com um único golpe se atacar o tipo certo de inimigo.

Cada unidade do jogo é forte e fraca contra uma variedade de outros tipos de inimigos. A chave para manter seu exército vivo e derrotar seu inimigo rapidamente é combater as unidades de picking. Escolher soldados que tenham vantagens naturais contra qualquer coisa que seu inimigo tenha é essencial para sobreviver em Wargroove .

É fácil descobrir quais unidades escolher a qualquer momento. Ao acessar o painel de informações de uma unidade no campo de batalha, você verá um gráfico completo de informações. Na parte inferior de cada painel, há uma lista de suas vantagens e desvantagens em relação a todas as unidades possíveis. Embora essas informações não estejam especificadas em texto simples, você pode confiar nos recursos visuais para fazer suas escolhas.

Em cada lista, você verá um pequeno ícone que representa unidades diferentes. A lista “eficaz” mostra unidades fracas em relação à unidade que você está vendo, enquanto a lista “vulnerável” mostra unidades que têm uma vantagem em relação a essa unidade. Infelizmente, esta lista conta com pequenos ícones para exibir todas essas informações úteis. Uma atualização futura que facilite a compreensão deste gráfico pode estar chegando em breve, de acordo com o desenvolvedor do jogo .

Use essas informações para escolher quais soldados levar para a batalha. Sempre que seu inimigo convocar novas unidades, verifique imediatamente a tabela de vantagens e desvantagens para que você possa convocar as melhores unidades no próximo turno.

Isso é muito mais fácil no modo história, onde o comandante inimigo sempre escolhe uma certa seleção de unidades. Nos modos arcade e competitivo, isso será mais desafiador, mas, desde que você empilhe as probabilidades a seu favor pela contra-escolha, suas unidades terão uma chance de lutar. Se você fizer as escolhas certas e usar bem seus ataques críticos, poderá derrotar unidades em um ataque.

Use seus comandantes adequadamente

Em todas as batalhas que você joga em Wargroove , você controla um dos mais de 12 comandantes do jogo. Cada um atinge mais do que sua unidade média e tem mais saúde. Mas é o seu talento especial – ou Groove – que torna cada um único.

Depois de participar do combate por um tempo, cada comandante pode liberar sua habilidade especial. Alguns comandantes têm a capacidade de dizimar seus inimigos, enquanto outros podem curar suas unidades ou controlar o campo de batalha. Compreender como cada habilidade pode inclinar a balança é fundamental para dominar o estilo de jogo de cada comandante.

Mércia, a personagem principal do jogo, tem uma capacidade de cura que cobre uma vasta área. Se você a cercar com espadachins que ganham a capacidade de realizar ataques críticos se estiverem ao lado dela, ela pode curar alguns deles em um único turno quando sua habilidade especial estiver pronta. Seu talento a ajuda a permanecer no meio da batalha com suas unidades, tornando-a tão essencial para as tropas da linha de frente quanto o resto de seu exército. Por outro lado, comandantes como Greenfinger podem derrubar várias vinhas no campo de batalha, tornando-o um especialista em manter o inimigo à distância e usar unidades de longo alcance.

Pular para o códice fornecerá estratégias curtas para cada comandante. Nas várias páginas que detalham seus estilos de histórico e de batalha, você terá uma ideia de como usar cada uma de suas habilidades especiais com visualizações animadas delas em ação. Lembre-se disso quando escolher comandantes para os modos arcade e competitivo. Embora cada comandante tenha acesso às mesmas unidades, embora com designs diferentes, seus talentos especiais fazem com que se sintam únicos.

Controlando aldeas

Wargroove é tanto sobre combate quanto sobre gerenciamento de recursos. Em cada campo de batalha, espalhados entre as estradas, rios e montanhas, existem várias aldeias.

Capturar uma vila tem dois benefícios: As unidades podem curar em suas aldeias controladas e, a cada turno, cada vila que você controla oferece 100 de ouro.

Você precisará de ouro para convocar unidades, e controlar aldeias é a única maneira de conquistá-lo. Lembre-se de que quanto mais você controla, mais dinheiro ganha por turno. Você pode usar esse dinheiro para convocar mais unidades rapidamente ou obter acesso a unidades mais caras mais cedo do que faria normalmente.

Um dos seus principais objetivos para capturar essas aldeias rapidamente, mas você também deve estar ciente de que pode assumir o controle de qualquer aldeia que seu inimigo controle.

As aldeias capturadas agem como unidades, na medida em que podem contra-atacar quando uma unidade as atinge. No entanto, uma vez que uma vila é derrotada, ela se torna neutra e você pode capturá-la. Essa nova vila não apenas oferece mais 100 ouro por turno, mas seu inimigo não ganhará mais recursos dessa vila. Sugar todos os recursos do seu inimigo os colocará em séria desvantagem. Em breve, você poderá ter mais unidades no campo de batalha do que elas podem pagar.

Um dos aspectos mais interessantes de Wargroove é que não há vantagens ou desvantagens claras no início de cada luta. Cabe aos jogadores balançar a balança a seu favor usando uma mistura de ataques críticos, desvantagens de unidade e gerenciamento de recursos. Implementar todas essas estratégias em conjunto – enquanto tira proveito da habilidade especial de cada comandante – é importante para ter sucesso no Wargroove . Se você estiver se sentindo preso em uma missão de campanha ou lutando em uma batalha de arcade, volte para o básico. Depois de dominá-los, não deve haver uma batalha muito difícil de vencer.

Tem dinheiro? Gaste

Não faz sentido acumular dinheiro na Wargroove. Este é um jogo em que você precisa produzir unidades constantemente, pois se concentra em aumentar os números e as probabilidades para estar a seu favor. Mesmo que sejam meros grunhidos, você precisa dessa presença de tropas no campo de batalha, por uma boa razão …

Forragem de canhão

Sim, não se apegue a esses caras. Embora Wargroove tenha uma seleção justa de unidades exóticas, elas são caras e podem ficar impressionadas se forem esquecidas. Lembre-se, suas tropas terrestres estão lá para absorver danos e desviar o caminho da oposição. Eles são o posto que existe para ser seu escudo contra o inimigo, enquanto você posiciona unidades mais valiosas e poderosas atrás deles e prepara um contra-ataque. É estranho quando você pensa que a ideia de Zapp Brannigan de superar a munição inimiga realmente tem algum mérito em Wargroove.

Não faça em vão seus sacrifícios.

Misture!

Lembre-se, nenhuma unidade é a chave da vitória em Wargroove. O spam de um único tipo de infantaria ou artilharia abre seu exército a um ataque de unidades especializadas em interromper suas habilidades. Assim como qualquer outro jogo de estratégia que se preze, os melhores exércitos têm uma mistura de unidades. Soldados para manter a linha de frente, cavaleiros para reforçar e guardas florestais para aproveitar o bloqueio para ajudar a reduzir o lado oposto para baixo enquanto você move seus soldados para a matança.

Você também vai querer manter alguns xamãs à mão, não apenas por seu ataque antiaéreo, mas também por uma habilidade de cura útil que pode ser o fator decisivo entre vitória e derrota. Cada unidade tem um papel a desempenhar, com a soma de suas partes criando uma força assustadora.

Às vezes, a defesa é melhor que o ataque

Existe uma configuração de contrapartida para Wargroove: quando você ataca com um esquadrão, corre o risco de diminuir a capacidade de combate dessa tropa. Quando você coloca um esquadrão de força total contra outro, pode facilmente perder de 30 a 40% do poder da sua unidade nessa carga inicial. Entre os confrontos mais altos e mais baixos, esse risco pode ser maior ou menor.

Então, o que você faz com uma unidade que está doendo e pode ser nocauteada em um único ataque? Acredite ou não, eles ainda são incrivelmente úteis, como barreiras únicas entre você e o inimigo. Um sacrifício que pode ser movido pelo mapa, a última posição que uma unidade danificada pode oferecer tem o potencial de criar uma lacuna que o ajudará a longo prazo.

Em frente

Se você acha que Wargroove é o tipo de jogo em que você pode sentar e bombear algumas unidades antes de enviar uma grande força para a batalha, então você está tristemente enganado. Wargroove favorece os arrojados, pois todo o núcleo do jogo gira em torno de um cabo de guerra em qualquer mapa. Quanto mais território você controlar, mais oportunidades terá para estabelecer sua cabeça de praia e mantê-la constantemente reforçada, pegando o bloco de mapa por bloco sangrento à medida que avança para demolir uma fortaleza inimiga.

Vê um prédio? Pegue!

Ligando-se ao ponto acima, um dos seus principais pontos de foco no Wargroove deve estar na aquisição de edifícios. Você não apenas recebe um aumento extra de recursos, mas também um bastião temporário que pode combater os invasores. Os edifícios, uma vez capturados, são essencialmente unidades imóveis que exigem algum sacrifício de unidade para assumir o controle.

Mais do que isso, você não pode estacionar uma unidade em cima deles para interromper sua produção de receita, enquanto que, na verdade, ter alguns desses edifícios significa que você pode reforçar suas unidades em direção a limites mais altos de saúde, se tiver dinheiro. Isso também vale para os edifícios de produção de tropas, pois sua captura é essencial para criar linhas de suprimentos que podem fazer ou quebrar um mapa para você.

Não tenha medo de usar seus heróis

Embora não sejam indestrutíveis, os heróis de Wargroove ainda são mais do que capazes de causar um tremendo dano à oposição. Enquanto uma carga imprudente da brigada da luz pode matar um jogo, você deve dizer que a queda dos heróis, quando usados ​​corretamente, esses líderes do campo de batalha são forças a serem consideradas. Eles podem ser o fator decisivo para quebrar um impasse, um aríete que pode absorver punições e aumentar suas tropas com seus Wargrooves.

Usar cada um desses Wargrooves corretamente em uníssono com seu exército é a chave para a vitória. A festança de escudos de Ragna pode dizimar a saúde das tropas inimigas, Mércia pode dar um segundo tiro no seu exército e Valder é capaz de enviar spam para o campo de batalha com lacaios que podem bloquear rotas. Encontrar o herói, estratégia e caminho certos depende de você.

Verifique o alcance de ataque do seu inimigo antes de se mudar

Uma das estratégias mais básicas do Wargroove e uma informação incrivelmente importante. Selecione uma unidade inimiga e você verá seu alcance de movimento / ataque. Em Wargroove , quase nunca é uma boa ideia rebater ataques, a menos que você tenha forragem e apoio para canhão. Você deve sempre querer atacar primeiro e sacrificar apenas bucha de canhão para proteger suas melhores unidades. Sempre verifique o alcance do movimento do inimigo e deixe-o chegar até você.

Capture tudo o mais rápido possível para obter o máximo de ouro

Capturar aldeias é a única maneira de ganhar ouro, e o ouro é o que financia seu exército. Você precisará de um suprimento constante, portanto o primeiro objetivo de qualquer missão é capturar o maior número possível de aldeias. Vale a pena construir soldados forradores de canhão (100 Gold) e enviá-los para agarrar aldeias distantes, mesmo enquanto você estiver ocupado engajando uma grande força em outro lugar.

Melhor ainda, o inimigo adora atacar aldeias. Eles serão distraídos pelas aldeias e frequentemente os atacarão em vez de suas unidades. Aldeias ganham 10% de vida a cada turno, e aldeias podem ser usadas para reforçar suas tropas – curando-as se sofrerem perdas em troca de moedas / HP da aldeia.

Vagões são incrivelmente úteis | Transporte e bloqueio

Os vagões são uma das unidades mais úteis do jogo. Faz sentido construir um vagão muito cedo na maioria das batalhas – eles não apenas podem transportar tropas da sua base inicial para as linhas de frente rapidamente, mas também podem servir como uma unidade de bloqueio útil. Os vagões são muito rápidos e, se sofrerem danos, não perderão a funcionalidade como outras unidades. Até um vagão danificado pode se mover rapidamente e transportar tropas.

Os vagões podem transformar um exército lento em uma força de captura louca e rápida. Envie seu comandante direto para os quartéis distantes para uma captura rápida para ganhar terreno imediatamente em um oponente. Você pode até enviar uma força de ataque furtivo de lanceiros diretamente para uma fortaleza inimiga para um poderoso ataque crítico.

Cada unidade tem uma força, fraqueza e crítica

Eu continuo falando sobre ataques críticos – deixe-me explicar. Ataques críticos são ataques especiais com danos aprimorados que cada unidade pode realizar. Cada unidade deve atender a requisitos específicos para desencadear seus ataques atualizados. Por exemplo, a Cavalaria deve atacar unidades a 6 espaços de distância. A infantaria precisa estar adjacente a um comandante. Os lanceiros precisam estar adjacentes a outra unidade dos lanceiros. Trebuchets precisam atacar a partir do alcance máximo. Cada unidade tem um ataque crítico mortal, e cabe a você aprendê-las.

Florestas e montanhas são boas para defesa, mas o bônus diminui

Mover-se para certas peças aumentará ou diminuirá sua defesa. A água diminuirá sua defesa em -2 (-20%), enquanto as montanhas aumentam a defesa em +4 (+ 40%). As montanhas são difíceis de percorrer, mas oferecem excelente defesa para suas unidades. O problema é que, quanto mais fracas forem suas unidades, menos bônus defensivo você terá. Se a sua unidade estiver com 40% ou menos de sua saúde, eles registrarão um benefício muito menor com a defesa na floresta ou nas montanhas.

Ataques são apenas um pouco aleatórios | Deslocamento de 5%

Aqui está algo que o jogo realmente não explica. Todos os ataques são um pouco aleatórios . Antes de atacar uma unidade inimiga, você verá quanto dano é projetado para causar ao inimigo. Esse número é bastante preciso, mas é um pouco aleatório; o número pode mudar para cima ou para baixo.

Por exemplo, se você causar 65% de dano a um alvo – o dano real que você causar pode ser tão baixo quanto 60% ou tão alto quanto 70%. É uma pequena diferença que pode mudar tudo na batalha.

Os cães são escuteiros úteis – eles podem ver através das árvores!

Os cães não são apenas fofos, são batedores úteis. Em uma missão inicial, você é instruído a usar batedores para enxergar através do nevoeiro. Isso não é exatamente preciso. Cães e outros personagens têm linhas de visão muito semelhantes – mas os cães têm uma vantagem sobre qualquer outra unidade nos mapas nebulosos. Os cães podem “ver” através das árvores, localizando inimigos escondidos na floresta.

Os cães também são bastante úteis contra inimigos inimigos nos pés. Soldados, lanceiros, arqueiros e muito mais são bastante vulneráveis ​​à mordida de um cachorro. E os cães funcionam melhor quando têm inimigos cercados por mais cães.

Proteja suas unidades principais | Cavalaria, Magos, Trebuchets e mais

Algumas unidades são completamente dispensáveis. Você aprenderá rapidamente que lanceiros, infantaria e tropas mais baratas e fáceis de produzir não vão vencer nenhuma batalha. Não, você precisa de unidades que lhe proporcionem uma vantagem tática em combate. Estas são as suas unidades “centrais”, as unidades mais úteis que o ajudarão a vencer uma luta. O truque é usar essas unidades com sabedoria, preparar seus ataques críticos e dar o golpe final. Use unidades de forragem de canhão para proteger essas unidades!

As unidades principais incluem: Comandante, Arqueiros, Cavalaria, Magos, Trebuchets, Balista e Aeronautas.

As unidades principais são as unidades mais importantes do seu exército. Inevitavelmente, essas unidades serão derrotadas, mas elas são realmente verdadeiras quando se trata de vitória.

Referências:

Game Ranx, Critical Hit, Polygon, Wikipedia.

Dreams

Dreams é um sistema de criação de jogos desenvolvido pela Media Molecule e publicado pela Sony Interactive Entertainment. Ele foi lançado mundialmente em 14 de fevereiro de 2020 exclusivamente para PlayStation 4. Dreams tem como foco “jogar, criar e compartilhar” e permite aos jogadores criarem conteúdos gerados pelo usuário na forma de jogos eletrônicos completos, lógica e mecânica de jogos, objetos tridimensionais, músicas, artes e muito mais. Esse conteúdo pode ser compartilhado ou remixado para ser usado nas criações de outras pessoas. No dia 1 de maio de 2020, a Media Molecula anunciou que Dreams tem um trial que os jogadores podem usar para experimentar o jogo.

Jogabilidade

Dreams apresenta um modo campanha desenvolvido pela Media Molecule, conhecido como Art’s Dream, e um ambiente em que os usuários podem criar seus próprios jogos para que outros possam jogar, ou jogar uma lista crescente de jogos criados por outros.

Em Dreams, os jogadores controlam um “imp”, que é usado para interagir com o mundo do jogo (como um cursor do mouse), criar novos itens e personagens e manipular objetos, agarrando-os e puxando-os. Os jogadores movem o imp usando os controladores DualShock 4 ou o PlayStation Move. O imp é personalizável e pode possuir personagens apresentados em um sonho, permitindo que os jogadores assumam o controle direto desses personagens.

Os níveis de Dreams são separados por diferentes segmentos conhecidos como “sonhos”, e esses sonhos são conectados por diferentes portais, como portas. Os jogadores encontram quebra-cabeças diferentes no jogo, que devem ser resolvidos usando as habilidades do imp e dos personagens possuídos, bem como os objetos que os jogadores recuperaram em um sonho. Os itens coletados pelos jogadores podem ser usados ​​para alterar e modificar o estado do mundo do jogo.

Os jogadores podem criar seus níveis no jogo usando objetos personalizados ou pré-criados. Os jogadores podem compartilhar seus sonhos realizados online. O modo multiplayer cooperativo é apresentado no jogo, permitindo que os jogadores criem e manipulem seus sonhos personalizados juntos.

O essencial: Seu menu principal

Dreams não é apenas uma nova ferramenta de criação de jogos, é uma maneira de liberar sua imaginação, compartilhá-la com outras pessoas e deixá-las compartilhar a sua com você. Estes são os principais modos de jogo:

DreamSurfing

Este é o seu portal para os sonhos dos outros – uma enorme lista de reprodução que mostra criações únicas de todo o mundo nas quais você pode entrar, tocar pelo tempo que quiser e classificá-las quando terminar. Os sonhos que você cria também podem ser compartilhados aqui.

DreamShaping

Este é o seu workshop, onde você pode dar vida aos seus próprios sonhos, criando personagens e ambientes, criando scripts, escrevendo músicas e testando o que criou. Tudo o que você precisa para criar um jogo completo está aqui.

O sonho da arte

Esta é uma aventura baseada em histórias, criada por Media Molecule inteiramente no Dreams, usando as mesmas ferramentas que você usará para criar a sua. Abrangendo vários gêneros, estilos e tipos de jogos, é uma ótima maneira de ver exatamente o que é possível.

Apresentações: Conheça o seu time dos sonhos

Seu imp

Não é apenas um cursor colorido, seu imp está no centro de tudo o que você faz no Dreams, ajudando você no DreamShaping e DreamSurfing e até imbuindo suas criações no jogo com vida (não, realmente!).

O diabrete, no entanto, se move como um cursor do mouse. Você não o controlará usando um polegar como muitos personagens do jogo, mas inclinando o controle para guiá-lo pela tela.

A Rainha dos Sonhos

A Rainha dos Sonhos preside o Dreamiverse, ajudando você a começar no seu Espaço em Casa e a introduzir as várias áreas do jogo. Você seguirá automaticamente a conta do Dream Queen quando iniciar o Dreams e a usará para encontrar coleções de conteúdo e criações da comunidade da equipe do Media Molecule.

Arquiteto e Designer

O arquiteto e o designer são os veneráveis ​​especialistas do Dreamiverse e estão lá para ajudá-lo a começar a criar no Dreams. Você os encontrará ao embarcar nos tutoriais incorporados do Dreams, oferecendo orientação e assistência à medida que você se familiariza com cada recurso.

Por onde começar?

Obtenha uma introdução adequada

Naturalmente, não existem regras rígidas – você pode começar honestamente onde quiser – mas sugerimos começar com o Art’s Dream.

É uma experiência relativamente curta e independente que fornece uma idéia do que o Dreams tem a oferecer. Também é uma ótima maneira de obter alguma inspiração para os tipos de jogos que você gostaria de fazer.

Navegue um pouco

A partir daí, por que não entrar no DreamSurfing e ver o que outros criadores já criaram?

Isso dará uma idéia de como transformar idéias básicas em jogos funcionais e, novamente, poderá fornecer algumas idéias do que você deseja criar.

Começar a trabalhar

Depois de sentir a atitude e a filosofia da Dreams, é hora de enfrentar o DreamShaping.

Agora, divulgação completa, há muito o que fazer aqui e você pode perder horas brincando com a variedade de ferramentas de criação. Sugerimos começar de forma simples, trabalhando nos tutoriais e não tentando fazer muito rápido demais.

Dica rápida: Como navegar pelo conteúdo enquanto o DreamSurfing

Você encontrará muito o que explorar no DreamSurfing – uma maneira fácil de começar é navegar por Mm Picks, onde você encontrará uma série de conteúdos com curadoria da equipe de desenvolvimento da Dreams. Você também pode ver o conteúdo mais recente criado. 

Moldando: começando a criar

Criar seus próprios jogos pode levar um pouco de tempo e comprometimento, mas não deixe que isso o desencoraje. Conhecer as ferramentas do Dreams é um pouco como aprender um instrumento musical – a curva pode ser íngreme, mas a recompensa é extremamente gratificante.

Deixe os especialistas serem seu guia

A equipe da Media Molecule criou cuidadosamente todos os recursos do Dreams para ser o mais intuitivo possível.

Para garantir que ninguém seja deixado para trás, o estúdio reuniu dezenas de tutoriais para ajudá-lo a dominar todos os recursos do seu conjunto de ferramentas DreamShaping.

Esses vídeos são organizados em uma ordem lógica, então comece com eles e deixe seu diabrete guiar você pelo básico.

Enfrente uma coisa de cada vez

Os jogos são coisas multifacetadas: ambientes, animação, música, lógica de jogo e muito mais, todos juntos para criar a experiência final.

O Dreams fornece as ferramentas para você fazer tudo, desde a escultura do seu primeiro bloco colorido até a composição de um tema de chefe arrepiante, mas tentar resolver tudo de uma só vez pode ser um pouco … bem,  esmagador .

Escolha um ponto de partida e concentre-se nisso. O ethos central dos sonhos é universal; portanto, ao fazer uma coisa, você naturalmente desenvolverá uma intuição sobre como os outros funcionam, para que cada coisa nova que você lide seja um pouco menos assustadora.

Envolva-se com a comunidade

O Dreams é uma comunidade – e é uma comunidade dedicada ao compartilhamento -, portanto, não se preocupe se achar que não está tão confiante em uma área quanto em outra.

Você pode colaborar com outros criadores do Dreamiverse, remixar as criações de outras pessoas ou emprestar itens ou ambientes que eles já criaram.

Talvez você acabe sendo um escultor assassino ou um compositor talentoso, então brinque e não desanime se você não é natural em todos os campos – a comunidade está pronta para participar.

Dica rápida: Movendo-se no espaço 3D

Conheça a grabcam. É a maneira mais precisa e eficiente de se mover e olhar ao redor no espaço 3D, por isso é uma boa idéia se familiarizar com ele. Use seu imp para agarrar em qualquer lugar com R1 e, enquanto segura R1, use o manípulo esquerdo para se mover em direção a esse ponto, e o manípulo direito para se mover em torno dele.

Apresentações: Conheça o seu time dos sonhos

Se você está procurando inspiração, consulte a seção Atolamento da comunidade. A cada duas semanas, há um novo assunto para trabalhar, como “piratas” ou “ficção científica”. Você pode inserir sua criação favorita, participar como juiz ou navegar no Hall of Fame para ver as entradas mais populares.

Início de corrida: cinco dicas para iniciantes da Media Molecule

Comece pequeno! Você pode criar um RPG épico, mas achará mais fácil se criar algumas coisas básicas primeiro. Que tal uma árvore? Uma pedra musgosa? Ou use criações da comunidade para colar a taverna medieval dos seus sonhos.

Pesquise o Dreamiverse! Há uma boa chance de alguém ter feito algo no Dreams que possa ajudá-lo. Você pode remixar a criação de outra pessoa para se ajustar à sua visão ou descobrir como eles criaram algo!

Participe da comunidade! A comunidade Dreams é ativa, colaborativa e muito útil. Do Reddit ao Discord, do Twitter ao YouTube, os jogadores do Dreams têm muitos tutoriais e conselhos úteis. Não sabe para onde ir primeiro? Participe das transmissões semanais da Media Molecule às terças e quintas-feiras às 17:00 GMT para obter orientação direta do desenvolvedor. 

Cumpri-lo. Pode parecer clichê, mas todos os criadores do Dreamiverse começaram do zero! Não deixe que a curva de aprendizado o abaixe e não tenha medo de experimentar. Muitas vezes existem muitas maneiras de fazer algo no Dreams.

Decore o seu espaço em casa! O Homespace é ótimo para entender como colocar coisas no espaço 3D. Possui guias úteis, como o snap à superfície, para facilitar o início da colagem.

Onde você deve começar com sonhos?

Quando você acaba de colocar as mãos no Dreams pela primeira vez, o que deve fazer primeiro? No jogo do Media Molecule, você pode criar seus próprios níveis a partir do zero ou pegar os níveis existentes da comunidade Dreams e remixá-los, dividindo-os em partes individuais e vendo como eles funcionam.

Diantha Crystal: Para a maioria das pessoas, eu recomendaria definitivamente remixar algumas coisas, principalmente para que você possa separar algo e ver como funciona.

Quinn Barnett: Entrar em cenas existentes e tentar dar uma boa olhada ao redor é uma maneira divertida de se familiarizar com os controles 3D e também de alguma inspiração.

Desarmado: A primeira coisa que você deve fazer é olhar em volta e reproduzir as maravilhosas criações que outros fizeram, elas ajudarão a inspirá-lo com certeza.

Joshua Carttar: Jogue algumas coisas! Você terá uma ótima idéia de que tipo de coisas é possível e verá como a comunidade é incrível!

Existem mundos esperando para serem construídos nos Sonhos. | Molécula de mídia / Sony

É melhor usar o DualShock ou mover o controlador com sonhos?

Os sonhos podem ser controlados de duas maneiras: com as entradas padrão do controlador DualShock 4 ou através de um par de controladores PS Move. Com os criadores do Dreams que procuramos, não houve muita competição entre as duas opções de controle.

Joshua Carttar: Tenho certeza de que os controladores do Move são ótimos, mas achei o DualShock realmente intuitivo, por isso fiquei preso nisso.

Desarmado: tenho certeza de que os controladores Move têm um esquema mais refinado para criar em termos de controles, mas eu realmente adorei usar o DualShock 4.

Quinn Barnett: Eu quase exclusivamente usei o DualShock. É confortável, mas requer um pouco mais de deliberação do que os Moves, que são muito mais rápidos e fornecem entrada 3D muito direta, comparável aos controles de VR.

Quanto tempo leva para fazer um nível nos sonhos?

Para muitos jogadores em potencial do Dreams, essa pode ser uma questão de fazer ou quebrar. Qual é o tipo de tempo que você está procurando para criar um nível jogável e totalmente funcional no Dreams?

Quinn Barnett: A cena do Dead Space que refiz me levou mais de uma semana, mas eu ainda estava aprendendo a usar as ferramentas, então as coisas foram feitas a uma taxa exponencial. Eu construí o interior da Kellion (o pequeno ônibus espacial no qual o jogo começa) em vários dias (foi o que vazou durante o período NDA do beta) e, em seguida, decidi reconstruir tudo novamente com a minha capacidade aprimorada, bem como o hangar do Ishimura fora dele, e eu fiz isso em uma fração do tempo.

Joshua Carttar: Eu diria cerca de duas a três semanas, mas isso nunca havia tocado o Dreams antes, então demorou um pouco para me acostumar com as ferramentas. Fazer o mesmo novamente provavelmente levaria dois ou três dias.

Desarmado: Eu já tinha algum tempo antes da versão beta do Dreams para planejar algumas idéias que queria ver o que era possível com o mecanismo, e escusado será dizer que elas saíram muito melhor do que eu esperava anteriormente do jogo.

Diantha Crystal:: Vindo do ponto de vista de um personagem (é nisso que me especializo), demorou cerca de 15 minutos para conceituar um personagem, com 15 minutos a 3 horas para esculpir e até 12 horas para programar todos os tipos de gadgets exclusivos. Criaturas simples podem ser criadas em uma hora, enquanto criaturas complexas exigem mais dedicação.

Sonhos vs. Pequeno grande planeta

Então, como o Dreams se compara às ferramentas de criação do LittleBigPlanet? A Media Molecule não é estranha para armar os jogadores com todas as ferramentas necessárias para níveis divertidos e imaginativos, mas parece que o Dreams leva o processo criativo e as ferramentas um passo adiante.

Quinn Barnett: Acho que é bem diferente. Eu avisaria aos veteranos da LBP que essas coisas parecem muito diferentes. Só não entre em pânico. O Dreams é muito refinado para a criação em 3D, e qualquer coisa que você possa fazer no LBP também é possível no Dreams. Eu diria, abordá-lo com a mente aberta. É muito mais poderoso e libertador.

Joshua Carttar: Eu joguei LBP religiosamente naquela época. Até conseguiu fazer um FPS ou dois, mas era um desafio constante trabalhar contra certas limitações. No Dreams, finalmente sou capaz de fazer os jogos que imaginei tão rápido, se não mais rápido, do que no LBP.

Desarmado: Eles são definitivamente cortados do mesmo tecido, mas muito diferentes do LBP, muito mais pode ser feito com a lógica apresentada no Dreams.

Diantha Crystal: As ferramentas do Dreams são notavelmente semelhantes às do LittleBigPlanet, embora com alguns ajustes aleatórios nos controles e mais opções nos menus de ajustes. Se você se sentir confortável com a criação no LittleBigPlanet, não demorará muito para se adaptar ao Dreams.

Dicas para novos criadores de sonhos

Por fim, pedimos aos criadores do Dreams algumas dicas específicas que eles dariam a todos os recém-chegados ao Dreams que desejam começar a criar pela primeira vez.

Quinn Barnett: Preste atenção aos tutoriais e instruções no editor. Acho o Dreams perfeitamente natural de usar, mas no começo eu achava difícil imaginar que pudesse fazer algo decente nele. Em pouco tempo, houve um clique e as coisas fizeram sentido. E experimente. O Dreams é tão indulgente, rápido e bem-feito que você pode realmente ficar louco e se esquivar.

Diantha Crystal: Não espere perfeição e aceite a estranheza. Se você pretende fazer o novo jogo de ficção científica premiado e acabar com um pinguim amarelo com uma banana olímpica, não seja muito duro consigo mesmo. Aceite que talvez fazer um jogo inteiro sozinho não seja sua xícara de chá. Junte o lixo, encerre o dia e você ficará melhor como criador.

Joshua Carttar: Planeje o plano. A melhor maneira de otimizar a produção de um jogo é detalhando quais mecânicas você deseja, a configuração, se houver uma história, os componentes da interface do usuário, etc. Comunique-se com outros criadores. Não seja tímido e tente entrar em contato com qualquer pessoa para a qual tenha perguntas.

Desarmado: não se julgue muito severamente ao criar. Tente entrar em contato com qualquer pessoa para a qual você tenha perguntas. Mantenha-se conectado nas plataformas de mídia social e compartilhe seu processo criativo com outras pessoas.

US Gamer, Playstation, wikipedia.

Minecraft Dungeons

Minecraft Dungeons é um jogo eletrônico dungeon crawler desenvolvido pela Mojang Studios e Double Eleven e publicado pela Xbox Game Studios. É baseado em Minecraft e foi lançado em 26 de maio de 2020 para Microsoft Windows, Nintendo Switch, PlayStation 4 e Xbox One. O jogo recebeu críticas mistas; muitos consideraram-o divertido e charmoso, com elogios gerais direcionados ao seu visual e música. No entanto, sua jogabilidade simples e o uso de geração procedural receberam uma recepção mais mista, com a sua história e falta de profundidade sendo também alvo de críticas.

Administre bem seus equipamentos

Minecraft Dungeons é um game onde seus equipamentos contam e muito. Uma espada melhor que a outra, uma armadura cheia de encantamentos. É preciso saber administrar bem os equipamentos e o que usar em cada fase.

O ideal, porém, é saber focar. Tente não trocar a todo o momento e foque na evolução de um equipamento específico. A cada nível avançado pelo personagem, um novo ponto de melhoria fica disponível para incrementar sua armadura ou armas, por exemplo. Use-os com sabedoria.

Refaça as fases

Acabou uma fase que estava bem difícil, mas quer continuar subindo de nível? Volte nela e faça tudo de novo. Sim, Minecraft Dungeons te deixa repetir fases, promovendo o chamado “grind”, que é um termo em inglês usado para RPGs que fazem com que o jogador se foque no aumento de nível.

Refaça fases e lute contra inimigos para ganhar mais experiência e ficar mais forte. Quanto mais fases refizer, mais fácil as próximas serão, graças a seu nível cada vez mais alto.

Não tenha pena de gastar

Ao longo da aventura em Minecraft Dungeons você lida com esmeraldas, que é o dinheiro de mentira usado dentro do jogo. Não tenha pena nenhuma de gastá-las, já que as lojas aqui funcionam de maneira aleatória.

É que os vendedores sempre te vendem um item aleatório e não dá para escolher. A melhor opção, neste caso, é comprar sempre que possível e, se não for algo satisfatório, desfazer. O que nos leva à próxima dica…

Seja ágil!

Minecraft Dungeons é, acima de tudo, um jogo sobre combate. E os combates são focados na ação. Não deixe de sempre estar em movimento para se livrar de inimigos ou de ataques de projéteis, como flechas e magias.

Minecraft Dungeons tem, até mesmo, inimigos que te prendem no cenário ou que explodem ao contato, como Creepers e pilares explosivos. Se movimentar é realmente o ideal e sempre necessário.

Porém, além de se movimentar, é necessário ser ágil. Quando se joga sozinho, principalmente. Você precisa treinar bem os comandos e estar ciente do que cada botão faz para poder saber quando atacar, correr, se defender ou usar algum item que vai te salvar no momento de aperto.

Felizmente, dentro do acampamento do jogador, um local seguro, é possível treinar ataques, defesas e esquivas nos espantalhos que estão próximos das lojas. Não tenha receio de perder algum tempo durante este treino e aprimore sua agilidade dentro do game.

Exercite o desapego

Como seria de se esperar de um dungeon crawler, Minecraft Dungeons tem uma lista extensa de espadas, adagas, arcos, bestas e outros equipamentos que podem ser encontrados ao longo da aventura. É normal também que o jogador acabe se afeiçoando por uma ou outra arma específica, seja por conta dos seus atributos ou porque combina mais com seu estilo de jogo.

É importante, no entanto, incorporar o espírito de Marie Kondo e não se prender a um item específico só porque ele é seu favorito. Armas, armaduras e artefatos novos são encontrados o tempo todo dentro do jogo, e adotá-los é essencial para manter seu arsenal capaz de enfrentar o desafio crescente conforme a aventura avança.

Não importa se sua arma é rara, estilosa ou se tem os encantamentos que você gosta: o importante é saber reconhecer a hora de deixá-la para trás de ser eficiente, e adotar um item novo e mais poderoso.

Busque sinergias

Minecraft Dungeons, vale ressaltar, não tem nenhum sistema nativo de sinergia entre equipamentos, mas algumas habilidades especiais de itens se complementam bem e rendem combinações particularmente poderosas no campo de batalha – tudo depende da experimentação.

Um dos exemplos é combinar uma Besta de Dispersão com o encantamento Disparos Bônus e o artefato Aljava Flamejante, o que rende ataques que atingem múltiplos adversários de uma só vez e ainda incendeiam todos no caminho.

Não seja pão duro

Além de armas e equipamentos novos, cada incursão por uma das masmorras de Minecraft Dungeons renderá algumas centenas de Esmeraldas ao jogador.

Essas moedas virtuais podem ser usadas em apenas dois vendedores de itens, Ferreiro e o Comerciante Nômade, ambos localizados dentro do Acampamento. Sempre que o jogador quiser dar uma renovada em seus equipamentos e artefatos, são eles que trazem opções aleatórias por um preço módico.

Como Minecraft Dungeons não oferece nenhum outro vendedor ou local para investir suas Esmeraldas acumuladas, não há porque mantê-las no bolso ao longo da aventura: sempre que quiser dar uma renovada no arsenal, compre alguns itens e veja se encontra algo interessante.

Procure áreas secretas

Como não poderia ser diferente em um spin off de Minecraft, Minecraft Dungeons recompensa jogadores que exploram os arredores – principalmente através de segredos escondidos no mapa.

Por conta disso, vale a pena ficar de olho no mapa constantemente para ver áreas que já foram e áreas que ainda não foram exploradas – antes de encerrar uma missão, tenha certeza que conferiu cada canto do mapa em busca de baús de tesouro e possíveis áreas secretas.

Jogue em dificuldades mais alta

Minecraft Dungeons usa um sistema dinâmico de dificuldade que permite ao jogador escolher o nível de desafio que quer enfrentar sempre que vai entrar em uma nova fase.

Mas enquanto alguns podem optar pelo caminho seguro de embarcar apenas em aventuras compatíveis com o Poder do seu personagem, nossa experiência mostrou que Minecraft Dungeons é ainda mais divertido nas dificuldades superiores.

Além de obrigar o jogador a pensar estrategicamente, usando todos os equipamentos e ferramentas que tem a disposição de forma criativa para vencer as hordas de inimigos do jogo, fases com Força Recomendada mais altas sempre terão loots mais poderosos – que, aliás, podem ser equipados pelo jogador independentemente do nível do seu personagem.

Priorize os inimigos certos

Entre seus diversos inimigos, Minecraft Dungeons traz alguns rostos conhecidos por jogadores da série Minecraft, como zumbis, esqueletos, aranhas e creepers. No entanto, no meio da confusão do combate, é normal ficar meio perdido e sair golpeando a primeira coisa que aparece na sua frente.

Isso, no entanto, não é o ideal. Algumas unidades, como os encantadores, podem utilizar uma série de habilidades mágicas que deixam outros inimigos mais fortes ou que dificultam seu deslocamento pelo mapa. Tente priorizá-los para não acabar em uma posição de desvantagem e cercado por outras unidades.

O mesmo vale para unidades forte demais: Golens de Redstone, por exemplo, são extremamente poderosos, mas muito mais fáceis de se enfrentar se estiverem sozinhos. Ignore esses grandalhões, faça a rapa em todas as unidades mais fracas que estão ao redor, e só depois volte para lidar com o monstro de pedra.

Minecraft Dungeons multiplayer – O que muda no jogo?

O multiplayer de Minecraft Dungeons permite que até quatro heróis se aventurem juntos tanto nas missões da história quanto nas missões secretas que dão loots melhores. Ao jogar em multiplayer, algumas coisas passam a ser diferentes no game. Uma das principais delas é o nível de dificuldade, que se ajusta de acordo com o número de pessoas jogando. Veja a seguir o que se altera:

As dungeons ficam mais difíceis com mais heróis explorando.

É possível usar comandos simples para se comunicar com os outros jogadores, caso não esteja conectado ao chat de voz.

Uma forma fácil de se reunir com outros jogadores é usando uma Ender Pearl. O processo de teletransporte é rápido depois que você escolhe até qual jogador deseja ir.

Os níveis terão cubos que fazem aparecer monstros. Bata neles até que eles parem de gerar monstros.

Se um amigo cair em combate, você tem 30 segundos para reviver ele. Caso não faça isso, ambos perderão uma vida. Para reviver um amigo, clique sobre ele e aguarde alguns segundos.

Quando um aliado cair, começará a anoitecer. Monstros aparecerão aleatoriamente por perto da área, incluindo perto do jogador caído.

Quando um aliado for revivido, ele irá voltar com pouca vida. Será preciso usar um poção para recuperar a sua vida.

O loot e as esmeraldas coletados não serão compartilhados. As armas e consumíveis serão.

Você poderá ajustar o nível de dificuldade no menu de missão quando for selecionar um nível. Para acessar as opções de dificuldade mais desafiadoras de Minecraft Dungeons, será necessário terminar o jogo nas dificuldades mais baixas.

A Roda de Chat

Para os jogadores que não podem se comunicar por microfone, o jogo disponibiliza uma roda de chat muito prática. Ela tem seis mensagens diferentes:

“Suprimentos aqui!”; “Venha aqui!”; “Obrigado”; “Ok!”; “Preciso de flechas”; “Espere”; “Preciso de vida”; “Não”.

Para usar os comandos, basta pressionar o botão da roda de chat e selecionar o comando desejado. Se você não souber qual botão faz isso na plataforma, abra o Menu e vá até a parte de Ver Controles.

Como jogar Minecraft Dungeons com amigos localmente

Para jogar no multiplayer local, será necessário ter controles extra, até mesmo na versão de PC. Isso porque o PC não dá suporte a mais de um jogador no teclado e mouse na mesma máquina. Para criar uma partida local, vá em “Jogo Offline” no menu principal. Até três pessoas poderão se juntar ao jogo. Cada jogador poderá escolher as suas skins antes de entrar na partida.

No co-op local, a tela não será dividida. Ela irá apenas se afastar ou aproximar de acordo com a distância entre os jogadores. Aqueles que se afastarem muito, serão teleportados de volta para o lado do líder do grupo.

Jogando no multiplayer online

É possível jogar também Minecraft Dungeons no multiplayer online. Fazendo dessa forma, cada jogador irá acompanhar o seu próprio herói na tela, sem uma limitação do quanto poderá se afastar dos outros. Os jogadores terão liberdade para explorar o quando quiserem, mas é importante se lembrar que os inimigos e desafios estarão todos ajustados para serem feitos em grupos, por isso p melhor será sempre ficar junto dos outros.

Para entrar na sua partida, o outro jogador deve ser seu amigo, então sempre adicione quem for jogar com você à lista de amigos da plataforma antes de entrar no jogo.

Com todos os amigos adicionados, selecione “Jogo Online” no menu principal. Aparecerá uma lista com os seus amigos, indicando quem está online e quem está offline. Vá em “Iniciar Jogo Online” para começar a partida e, a partir do acampamento, abra a janela de amigos para convidar os participantes.

Se você tem uma conta compartilhada de família com algum amigo linkado no Xbox, é possível jogar em dispositivos separados online. Para saber mais sobre as contas compartilhadas.

Crossplay de Minecraft Dungeons

Atualmente o jogo está disponível para várias plataformas e, futuramente, será possível jogar com amigos em qualquer dispositivo. Atualmente, o crossplay ainda não está disponível em Minecraft Dungeons, mas posteriormente a funcionalidade será adicionada ao game. Ainda esse ano, o jogo receberá um update grátis que irá habilitar o crossplay entre XBOX e PC. A Mojang ainda não se pronunciou se as outras plataformas também terão e funcionalidade no futuro.

Dicas

Existem dois tipos de andares: andares de história que possuem designs de andar fixos na maior parte e andares secretos que podem ser desbloqueados nos andares de história. Estes podem ter uma mistura de designs aleatórios e fixos.

Os andares também têm níveis de dificuldade. Você pode mudar a dificuldade deles na tela do mapa. Andares mais difíceis podem fornecer equipamentos mais fortes e valiosos.

Fique de olho nos itens que caírem e os artefatos na tela do mapa sobreposto do seu andar. Se algum item estiver marcado com um ponto de interrogação é um tipo de artefato ou item não descoberto. Você provavelmente precisará repetir os andares para revelar todos.

Verifique frequentemente o mapa por áreas secretas. Você pode ativar e desativar o mapa pressionando a tecla Tab no seu teclado. O mapa pode mostrar partes da caverna que você pode ter passado despercebido, e neles você pode encontrar baús secretos.

Você também pode verificar a tela do mapa (M no teclado) para ver quantos baús você abriu e segredos que encontrou.

Entre em todas as casas ou cavernas que você encontrar. Você pode desbloquear cavernas ou baús e vasos para abrir.

Siga o emblema de ouro na tela principal se você se perder, pois ele aponta para o seu objetivo.

Não vá a uma caverna que a dificuldade seja maior do que você pode aguentar. Os picos de dificuldade entre os níveis são imensos.

Se você estiver tendo dificuldades com uma caverna, considere diminuir a dificuldade se estiver tentando concluí-lo pela primeira vez.

Pode parecer cruel, mas matar animais como vacas, porcos e ovelhas ocasionalmente fornecerá itens de cura que podem ser úteis.

Você pode carregar o arco pressionando o botão direito do mouse ou o gatilho direito em um controle e soltando quando quiser disparar um tiro.

Ao combater Creepers, é muito mais seguro atacá-los de longe ou usar uma arma com repulsão. Eles levam alguns segundos para explodir quando se aproximam.

Sempre tente matar os feiticeiros primeiro (os inimigos de roupão roxo). Eles podem dar magias de melhoria a outros inimigos enquanto o feiticeiro permanecer vivo.

Se você encontrar TNT, pegue-o e jogue-o em um grupo de inimigos com o botão de ataque à distância. O círculo branco que aparece indicará o alcance da explosão. Essa explosão também machuca jogadores e animais amigáveis.

Você pode transportar a TNT indefinidamente quando a pegar pela primeira vez. Vale a pena salvar o TNT até encontrar o próximo grande grupo de inimigos.

É possível transportar várias caixas de TNT; elas empilham em cima da sua cabeça. Você jogará todos de uma só vez quando jogá-las.

Não se esqueça de que saltar de alturas elevadas causará dano de queda. Não causa muito dano se você não estiver muito alto, mas pode ser fatal em alturas mais elevadas.

Evite atacar grupos de inimigos, em vez disso, tente disparar algumas flechas contra eles para diminuir a vida dos inimigos.

Dicas de equipamentos

Preste atenção aos encantamentos que estão em cada item. Digamos que você tenha uma espada de nível 16 com um espaço para encantamento e uma espada de nível 14 com dois espaços para encantamentos. Pode valer a pena investir na espada com dois encantamentos, principalmente se as habilidades de encantamento escolhidas tiverem uma boa sinergia.

Seu nível de poder é determinado pelo nível médio de todos os seus itens equipados.

Ao obter novos equipamentos do Vendedor e do Ferreiro no acampamento, o equipamento que você recebe nunca estará acima do seu nível de poder atual.

Depois de completar um mapa, você poderá abrir um baú que contém qualquer coisa, desde novas armas e armaduras até artefatos para o seu personagem equipar.

Não gostou do equipamento que você adquiriu em um nível ou dos dois comerciantes no acampamento? Troque o equipamento que você não deseja mais por esmeraldas.

O ferreiro pode ocasionalmente criar um item único, por isso vale a pena gastar as esmeraldas nele.

Com qualquer item de artefato e equipamento, quanto maior o nível de potência desse item, melhores as estatísticas. Assim, as Botas da Rapidez nível 16 fornecerão 1,7 segundos de velocidade de movimento aumentada, enquanto as Botas da Rapidez com nível mais alto oferecerão velocidade de movimento maior que as anteriores.

Tente tirar proveito de certos encantamentos e características únicas de armas, equipando artefatos que funcionam bem com eles. Por exemplo, um artefato Flecha de Fogo de Artifício, quando lançado a partir de uma Besta de Dispersão, pode lançar várias Flechas de Fogo de Artifício.

Os efeitos de encantamento se acumulam; portanto, se você tiver duas cópias do encantamento ‘Correntes’ para sua arma branca, você aumentará a chance de os inimigos serem algemados.

Referências:

Pyree, Clube do Video Game, TecnoBlog, The Enemy, wikipedia.

Streets of Rage 4

Streets of Rage 4, conhecido no Japão e na Ásia como Bare Knuckle IV (ベア・ナックルIV?), é um jogo eletrônico no estilo briga de rua (beat ’em up) desenvolvido por Lizardcube e Guard Crush Games, como a quarta edição da série Streets of Rage, publicado pela DotEmu em associação com a empresa Sega Games, e a sequência de Streets of Rage 3 (1994), do videogame MegaDrive. Foi anunciado em agosto de 2018 e lançado em 30 de abril de 2020 para Microsoft Windows, Nintendo SwitchPlayStation 4 e Xbox One. O título está traduzido para o português.

Jogabilidade

Continuando com o estilo da jogabilidade de lançamentos anteriores, Streets of Rage 4 é um beat ’em-up de rolagem lateral no qual os jogadores lutam contra ondas de inimigos usando uma série de ataques e movimentos especiais. A novidade da fórmula de jogo é a capacidade de recuperar a saúde gasta usando um ataque especial, executando sucessivos ataques de acompanhamento. Os jogadores também são capazes de manipular os adversários uns contra os outros e paredes para combos estendidos. É possível coletar estrelas, permitindo que os jogadores realizem super movimentos poderosos. Os recursos desbloqueáveis ​​incluem personagens de jogos anteriores, apresentados em estilo de 16 bits, e faixas de música retrô de Streets of Rage e Streets of Rage 2.

O jogo também conta com multiplayer online para dois jogadores e multiplayer local para até quatro jogadores, pela primeira vez na série, além de um Modo de Batalha competitivo.

Use as paredes para construir combos

Streets of Rage recompensa mais pontos por combos mais altos, embora possam ser difíceis de manter quando você se depara com inimigos de várias direções. 

A chave para manter os combos altos é manobrar (ou usar arremessos) para que os inimigos estejam de um lado, antes de bater contra os lados da tela, o que permitirá que você acione mais acertos do ricochete. 

Isso também é especialmente útil em alguns encontros com chefes onde os acertos de aterrissagem são especialmente difíceis – então você deve sempre procurar esmagar inimigos nos parâmetros da tela sempre que possível. 

Pular irá salvá-lo de arranhões

Pode parecer óbvio, mas pular é a tática mais rápida e confiável para evitar golpes dos inimigos – especialmente quando você está cercado por todos os lados. 

Um dropkick de abertura nas lutas é um ótimo método para limpar o campo, embora esteja atento aos inimigos que podem prejudicar seus avanços se o tempo estiver fora do normal. 

Dependendo do personagem escolhido, a combinação de salto com os super movimentos de Cherry ou Adam Hunter também serve como excelente varredura para limpar grupos de inimigos. 

Lembre-se de que alguns movimentos não podem ser bloqueados

É importante lembrar que alguns movimentos não podem ser bloqueados ou interrompidos por inimigos, como o especial defensivo, jogadas de agarrar ou ataques especiais no ar.

Esses movimentos são especialmente úteis como manobras evasivas para combater ataques fortes em batalhas de chefes, com um rápido disparo de um especial defensivo durante ataques caseiros ou de varredura na tela, fornecendo um cobertor de segurança, caso você não consiga sair do caminho. 

O uso de armas como facas ou bastões também é uma maneira eficaz de bloquear e combater ataques, bem como repelir os inimigos.

Sempre verifique se há objetos destrutíveis

Em Streets of Rage 4, objetos destrutíveis costumam estar espalhados pela tela – embora nem sempre seja claro exatamente o que pode ou não ser aberto. 

É sempre melhor checar duas vezes, pois as caixas podem ser escondidas fora da vista, oferecendo a você saúde vital ou dinheiro que contribui para ganhar vidas extras. 

Mesmo que você não precise de itens de saúde também, eles contribuem para a sua pontuação – por isso, sempre vale a pena varrer os níveis para qualquer coisa que você possa encontrar, pois não poderá retornar mais tarde. 

Gravar movimentos especiais nem sempre é a melhor opção

Quando sua pontuação final é calculada, você recebe bônus adicionais por terminar níveis com grande quantidade de pontos de vida e por estrelas que você não usou em movimentos especiais. 

Em níveis posteriores, é tentador esconder seus movimentos especiais de estrelas para acabar com o chefe de nível e desencadear fúria – embora reter e simplesmente não usá-los irá render um grande impulso em pontos que afetam sua nota geral. 

Não é exatamente a maneira divertida de jogar Streets of Rage, mas oferece direitos extras de gabar-se nas tabelas de classificação. 

Encontre um personagem que combine com seu estilo de jogo

Há quatro personagens disponíveis quando você inicia o Streets of Rage 4, todos com habilidades e pontos fortes variados, projetados para diferentes estilos de jogo. 

Axel Stone é versátil, embora seus super combos longos e habilidades fracas de salto possam torná-lo complicado para escapadas rápidas. Blaze Fielding e Cherry Hunter são melhores opções de velocidade e versatilidade, embora este último tenha ataques especialmente fracos. 

Floyd Iraia é sem dúvida o mais difícil de usar devido à sua baixa velocidade e ataques de alta potência, embora ele possa ser mortal em um cenário de cooperação. 

Também existem outros personagens que você desbloqueia em Streets of Rage 4, por isso é importante descobrir quem combina melhor com seu estilo.

Trabalhe na sua estratégia

Dito isto, deixar um peru na tela pelo tempo certo é uma maneira muito boa de ganhar uma vida extra, sem acumular pontos importantes. Minha dica seria destruir todos os locais de recebimento (caixas, tambores, estátuas) o mais rápido possível por tela. Se houver um peru, é provável que você esteja prestes a ser atacado por alguns inimigos difíceis ou já o fez. Se você se mover dentro de um raio bastante curto do peru enquanto luta, poderá pegá-lo logo antes da morte para obter um grande impulso durante uma briga difícil.

Os fundos podem enganar

Os cenários desenhados à mão neste jogo são lindos, mas causam um pequeno problema de tempos em tempos: eles podem obscurecer o que é interativo e o que não é. Na maioria das vezes, é bastante claro quando um objeto pode ser atingido por dinheiro ou recuperação da saúde, mas não custa apenas se basear em outras coisas também. No primeiro nível, por exemplo, o carro que colide com um grupo de inimigos pode ser destruído no estilo Street Fighter 2 para jogadas especiais extras.

Você pode levar armas com você

Uma grande partida dos jogos anteriores de  Streets of Rage é o fato de que agora você pode levar armas com você entre as telas. As armas são bastante úteis, seja você balançando as cercas com um cano ou jogando um cutelo direto através de uma linha de tolos. Se houver uma nova arma lançada antes da tela mudar, basta pegar essa coisa e seguir em frente. Você pode até levar armas para brigas de chefes para obter uma boa vantagem logo de cara. Mais como bem  no bastão, amirite. Como você batendo em um cara com um bastão. Você sabe? Onde você vai?

Catch!

Você pode arremessar armas com B (em um controle do Xbox One), mas certas armas não desaparecerão depois que você se conectar com um arremesso, como canos, morcegos e espadas. Você pode pegá-los no rebote, criando algumas seqüências de ação cinética realmente incríveis, se você acertar o tempo. Na melhor das hipóteses, isso me lembra as lutas de Breath of the Wild com um bumerangue. Você pode realmente acumular dano rapidamente em uma tela cheia de inimigos com arremessos e capturas e pode criar alguma distância entre você e os grupos rapidamente dessa maneira!

Combos

Você recebe combos padrão que podem ser executados o tempo todo, mas uma das alegrias de  Streets of Rage é usar o tempo para maximizar o dano do combo. Bata dois golpes rápidos, depois faça uma pausa por um segundo, faça outros golpes rápidos, faça uma pausa, agarre-se, agarre duas vezes e atire. Esse é um exemplo de uma boa combinação improvisada que você pode dominar com muita facilidade, mas  Streets of Rage 4  pode levar esses combos off-the-book para o próximo nível …

Aprenda a fazer malabarismos

Malabarismo não é novidade para os fãs de jogos de luta, mas é relativamente novo para a  série Streets of Rage . Atingir inimigos no ar para obter dano extra antes que eles obtenham alguns quadros de invencibilidade enquanto se recuperam é a chave para dominar algumas lutas contra chefes e grupos de inimigos mais difíceis (especialmente em dificuldades mais difíceis). Embora os desenvolvedores tenham corrigido algumas combinações infinitas encontradas durante o período de revisão, você ainda pode causar danos muito significativos em um curto espaço de tempo (mesmo em chefes) se puder encurralá-los.

Piscando significa recuar

Alguns inimigos, mas principalmente chefes, piscarão antes de desencadear um ataque poderoso e ininterrupto. Mais vezes do que não, isso significa que você deve recuar. Salte logo antes do ataque para fornecer alguns quadros de segurança extra ao se retirar. Se um inimigo pisca em vermelho, significa que ele está prestes a tentar agarrá-lo agressivamente. Geralmente, o alcance das garras fica a apenas uma pessoa de distância; portanto, enquanto você mantiver alguma distância, deve estar seguro. Quando eles se aproximam para agarrar, é bom colocar alguns golpes para interrompê-los e cancelar a pegada. Observe que ataques intermitentes regulares normalmente não podem ser interrompidos e é melhor fugir e se aproximar novamente quando o ataque terminar.

Priorizar inimigos

Streets of Rage 4 tem muitos punks para punir, com alguns sendo muito mais perigosos que outros. 

Barras de vida inimigas revelam o nível de ameaça de um bandido. Se alguém tem uma barra de vida laranja, você pode diminuir rapidamente a saúde do criminoso. Os inimigos com barras de vida multicoloridas levam mais tempo para nocautear. Considerando o número de bandidos que preenchem a tela, você precisará eliminar os genéricos antes de se concentrar nas ameaças maiores.

Com isso dito, alguns inimigos básicos são extremamente irritantes, mesmo que não tenham muita saúde. Você deve priorizar qualquer pessoa com uma arma, como inimigos que atravessam a tela com uma faca estendida. Os inimigos sem camisa, com as mãos nos bolsos, gostam de tirar fotos baratas, então lide com eles rapidamente também.

Você terá que misturar sua estratégia durante as batalhas de chefe. Sua inclinação natural pode ser focar apenas no chefe. Em alguns casos, como o chefe do estágio 3, isso não é uma má idéia. Em outros casos, como o chefe do Estágio 2, você desejará dividir seu tempo entre o chefe e seus subordinados, pois esses peixinhos adoram cancelar seus ataques.

Alavancar riscos ambientais

Você pode virar a mesa contra os inimigos usando o ambiente para sua vantagem. Barris explosivos, fios elétricos soltos, resíduos radioativos e poços sem fundo estão disponíveis para você explorar. 

Quando se trata de barris explodindo, convém envolver o maior número possível de inimigos em sua posição. Depois de fazer, soco um barril e pular fora do caminho. Se feito corretamente, a força concussiva do cano matará ou ferirá gravemente qualquer pessoa por perto. De maneira semelhante, você pode persuadir os bandidos a pisar em fios elétricos e poças de lodo radioativas. Poços sem fundo são talvez o melhor risco ambiental, já que você pode pular e chutar a maioria dos inimigos neles.

Existem outros perigos no jogo, mas vamos deixá-lo sozinho. Lembre-se de que os perigos ambientais podem prejudicá-lo tanto quanto os bandidos; portanto, tenha cuidado.

Mantenha-se saudável

Assim como nas parcelas da série anterior, Streets of Rage 4 permite que você encontre maçãs e galinhas assadas que recuperam a saúde escondidas dentro de objetos quebráveis, como latas de lixo, cabines telefônicas e refrigeradores de água. As maçãs restauram uma quantidade moderada de saúde, enquanto as galinhas reabastecem uma quantidade maior. É importante lembrar que esses itens não desaparecem com o tempo. Se você encontrar uma maçã ou uma galinha e estiver com a saúde completa, é melhor acabar com os bandidos na tela e consumir os alimentos apenas quando necessário. Fazer isso prolongará significativamente a vida do seu personagem.

Executar um ataque especial exclusivo de um personagem torna uma parte da sua barra de vida verde. A seção verde representa uma potencial perda de saúde. No entanto, você pode recuperar a saúde aterrando combos. Se você for habilidoso o suficiente, poderá efetivamente fazer quantas promoções quiser, desde que não receba dano adicional dos inimigos. Se um inimigo ataca com sucesso enquanto você está no verde, essa parte da barra de vida desaparece.

Outro ótimo método para permanecer na luta é executar grandes combos. Quanto maior a sua contagem de combinações, mais pontos você ganhará. Depois de obter um certo número de pontos (como indicado por um alerta no jogo), você receberá uma vida extra. Os benefícios disso devem ser claros. Este é um excelente exemplo de como uma boa ofensa se traduz em boa defesa.

Pegue um Homie

Embora você possa ter um ótimo tempo jogando sozinho, Streets of Rage 4 é mais bem aproveitado com um amigo ou amigos. Você pode unir forças com alguém da sua lista de amigos ou com uma pessoa aleatória on-line para a ação de dois jogadores. A cooperativa de sofá (uma grande característica dos jogos originais da Sega Genesis / Mega Drive) é outra opção se você tiver amigos visitando. Este modo suporta até quatro jogadores. 

Brincar com alguém oferece benefícios óbvios. O principal é que os inimigos devem dividir sua atenção entre dois ou mais jogadores. Você também pode acumular combos enormes quando você e um amigo atacam simultaneamente inimigos de lados opostos. Se um jogador cai, os outros podem continuar a luta. Se você completar o nível, os jogadores abatidos poderão entrar novamente na briga.

Lembre-se de que você pode ativar ou desativar o fogo amigo. Desativar isso garante que você não derrote acidentalmente seus amigos durante brigas intensas. É uma maneira inteligente de jogar, mas se você busca mais desafios (além de aumentar a dificuldade), considere permitir um tiro amigável. Espaçar e sincronizar seus ataques de repente é muito mais importante, pois você precisará atacar os inimigos sem atingir um aliado. Além disso, e sejamos honestos aqui, às vezes é divertido lamentar os amigos apenas para mexer com eles.

Desbloquear vibrações retrô

Esta não é uma dica de combate, mas é uma  dica divertida , especialmente se você é fã das três primeiras parcelas de Streets of Rage.

Você pode dar imediatamente ao Streets of Rage 4 uma estética sonora de 16 bits mergulhando na configuração Áudio e selecionando Retro Soundtrack. Isso substitui as composições do jogo por faixas de títulos anteriores de Streets of Rage. E entrando na opção Post Effect na configuração Video, você pode fazer o jogo inteiro rodar com gráficos pixelados. Para torná-lo ainda mais retrô, você pode aplicar um filtro CRT.

Depois de atingir certas metas de pontos vitalícios, como 200.000 ou 500.000 pontos, você desbloqueia os personagens dos jogos originais. Embora os guerreiros treinem suas aparências clássicas em pixels de 16 bits, eles se encaixam muito bem com os cenários modernos. Eles até usam fio dental seus combos e especiais antigos. De fato, o movimento Star dos personagens de Streets of Rage 1 é o carro de polícia clássico que dispara um lançador de foguetes contra os inimigos.

Você encontrará armários de fliperama escondidos em alguns níveis também. Atacar alguém com um taser na mão desbloqueia uma parte do nível clássico dos jogos mais antigos. Por exemplo, o gabinete de arcade do Estágio 2 (localizado na delegacia) leva você a Streets of Rage 2, onde você luta contra o primeiro mini-chefe do jogo. Seu personagem fica pixelizado durante essas sequências, o que é uma explosão de se ver. Se você quer essa bondade retrô, então vai querer caçar esses armários de arcade.

Referências:

Fan byte, Ginx TV, PC Mag, wikipedia.

Teamfight Tactics

Desenvolvido e publicado pela Riot Games. O Teamfight Tactics se passa no universo do League of Legends, é um jogo PvP de combate automático baseado no Dota Auto Chess, onde os jogadores competem online contra outros sete adversários, construindo uma equipe para ser a última a sobreviver. Lançado em Junho de 2019 para Microsoft Windows e macOS e recentemente em Março de 2020 sua versão mobile para Android e IOS.

O Jogo

Oito jogadores se enfrentam, sendo em rápidas partidas 1×1 em uma arena.
Além das partidas contra outro jogadores, você também luta contra a IA (inteligência artificial) no começo e entre algumas batalhas, para ir montando o time e coletando itens.

O Objetivo do jogo é simplesmente montar o melhor time e ser o último jogador sobrevivente. Bem dinâmico e fácil de entender o TFT (como é apelidado) já conquistou milhões de jogadores.

Os Campeões

Os campeões são divididos em 5 categorias, os da primeira categoria custam 1 de ouro, os da segunda custam 2 de ouro e assim sucessivamente. O nível máximo que você pode coloca-lo é 3.

Para aumentar o level de cada um, você precisa ter vários campeões de mesmo nome comprando-os com moedas, conseguir na sorte batalhando contra a máquina na preparação ou através do “Rascunho Compartilhado” (vamos falar disso mais para frente), vamos ao exemplo:

  • 3 Zoe level 1, faz uma Zoe level 2
  • 3 Zoe level 2, fazem uma Zoe level 3

Ou seja, você precisa ter 9 para leva-las ao level máximo. Parece simples, mas alguns detalhes impedem você de conseguir isso de forma rápida.

Na partida, são distribuídas uma quantidade específica de cada campeão, isto é, se todos quiserem utilizar a Zoe, será difícil você upa-la no máximo porquê todos também estão juntando, só será possível você conseguir, se por sorte todas as 9 aparecerem para você rapidamente.

Outro fator que dificulta, é que cada campeão aparece num tempo do jogo.
Os de categoria 1 aparecem mais no começo, já os de categoria 5 aparecem mais no final, ou seja, você que upar seu campeão de categoria 1, aproveite no começo do jogo, pois depois começa a ficar mais difícil para encontra-lo.

Cada campeão, além de uma habilidade exclusiva, tem sua origem e sua classe, são elas que vão fazer com que o campeão obtenha bônus de sinergia, quando completado um número específico necessário para ativar.

Por exemplo:

Os da classe Feiticeiro, tem como característica ganhar o dobro de mana por ataque. Quando ativado o bônus de sinergia, eles concedem a todos os aliados uma porcentagem a mais de dano mágico.

Veja a baixo:

  • 2 feiticeiros (diferentes) em campo: +40% de dano mágico.
  • 4 feiticeiros (diferentes) em campo: +120% de dano mágico.
  • 6 feiticeiros (diferentes) em campo: +200% de dano mágico.

Arena

A Arena é formada pelos seguintes ambientes, o meio que consiste em vários hexágonos, onde os jogadores podem colocar estrategicamente os campeões antes da batalha começar, a parte da reserva de campeões que não estão em uso, demonstrada por vários quadradinhos, no lado esquerdo, ficam sua reserva de itens, o mascote (chamado de pequena lenda) que representa você e sua reserva de dezenas de ouro.

Itens

Os itens são muito importantes no jogo, cada um tem seu efeito e sua versatilidade, podendo combina-los entre si, fazendo um novo efeito. Um são melhores e mais raros do que os outros, mas todos tem sua utilidade.

É preciso saber qual combinar para ter o melhor resultado e acima de tudo em qual campeão usar para tirar o melhor aproveito de cada um.

Ouro

Todos os jogadores ganham cinco de ouro por turno no game e esta quantia pode ser aumentada de três maneiras:

  • Com uma Característica da classe Pirata, que pode dar quatro de ouro adicional ao final do combate;
  • Com juros, você ganha bônus de 1 de ouro para cada dezena armazenada, podendo ser até 5 dezenas. Se tiver 2 de ouro receberá 2 a mais e assim em diante. Se tiver por exemplo, entre 20 e 29, receberá 2 também.
  • Sequências de vitórias ou derrotas, a quantidade de ouro recebido aumenta de acordo com a quantidade de vitórias ou derrotas seguidas, até o máximo de três, com oito derrotas ou vitórias consecutivas, (antes disso o bônus é de um, para sequência de 2 a 4, e dois, para sequências de 5 a 7).

Economize

Ouro será gasto para comprar campeões que aparecerem na loja, atualizar (pelo custo de duas unidades) a seleção de campeões disponíveis e comprar pontos de experiência.

Economize, não saia comprando qualquer herói aleatório, ou gastando para subir de nível, tudo tem sua hora. É preciso agir com sabedoria para se dar bem.

Vamos jogar

No começo do jogo, os 8 jogadores aparecem em um círculo, o chamado “Rascunho Compartilhado” , onde no meio circulam diferentes campeões com diferentes itens, ele será seu primeiro, então escolha com carinho e comece seu time, lembre-se, outros jogadores podem querer o mesmo campeão que você, então seja esperto e fique próximo dele.

Vale saber que, em alguns momentos do jogo essa “roda” novamente vai aparecer, mas nesse caso, será liberado um jogador de cada vez para pegar o o campeão escolhido, a vez de cada um varia de acordo com seus pontos de vida, o que tem menos vida vai ter prioridade e ser liberado para pegar primeiro, já o que tem mais vida será o último.

Campeão escolhido, agora é só montar o time.

Preparação

Na preparação, o jogador enfrentará a máquina em 3 partidas, nela que você terá tempo de montar seu time inicial. A preparação te da itens, campeões e aparece a lojinha para você comprar campeões que aparecem aleatoriamente.

Entenda

O seu nível, que pode ser no máximo 9, representa o tanto de campeão que você pode colocar para batalhar. Nível 1, pode colocar 1, nível 2 pode colocar 2 e assim em diante. Você poderá colocar campeão a mais do que seu nível se fizer a combinação de 2 itens necessários.

No Final da preparação, naturalmente você estará no nível 3, ou se você optar, poderá gastar poucas moedas e ir ao 4.

Faça o possível para escolher pelo menos 2 campeões de mesma classe ou origem logo no começo, isso te dará vantagem, pois já estará com o bônus de sinergia ativado.

Hora da batalha

Você batalhará contra os outros 7 jogadores, sempre 1×1, as batalhas são aleatórias, não sendo você quem escolhe contra quem vai jogar.
Você terá um tempo para posicionar seus Campeões de forma estratégica, depois que a batalha começar, não será mais possível controla-los. Um exemplo simples de formação é os com mais vida a frente (os chamados tanks), o que possuem menos vida e atacam de longe atrás.

A partida acaba, quando todos os campeões de um dos jogadores morrem. Os campeões do jogador vitorioso que ficaram vivos, juntamente com seu mascote, vai dar um dano final no mascote do jogador que perdeu, esse dano que vai contabilizar na vida do jogador. Quanto mais campeões sobrar e mais forte ele tiver, mais dano o jogador perdedor vai levar.

Conforme jogadores vão sendo eliminados, se o número de jogadores for ímpar, você poderá lutar contra bots, um time igual o de algum jogador aleatório que será controlado pela máquina.

Dica:

Conheça o jogo, leia bastante sobre combinações de itens, classes e origens. Alguns trabalham em equipe, uma classe ou origem ajuda a outra, fazendo com que seu time fique forte. Estude boas formações, economize ouro, pense e aja com sabedoria.

Seguindo esses passos você alcançará a vitória.

Comente aqui embaixo o que você acha deste game!

Referências:

Techtudo, Wikipedia, Liga dos Games, Versus.

Project CARS

Project CARS (Community Assisted Racing Simulator) é um jogo do gênero simulador de corrida desenvolvido pela companhia Slightly Mad Studios. Foi lançado para PlayStation 4, Xbox One e Microsoft Windows em 7 de maio de 2015, e para Wii U e SteamOS mais tarde em 2015. Project CARS seria originalmente desenvolvido para Microsoft Windows, Wii U, PlayStation 3 e Xbox 360, mas em 6 de Novembro de 2013, a Slightly Mad Studios anunciou que as versões para PlayStation 3 e Xbox 360 seriam canceladas. O jogo passou também por uma série de atrasos, e passou o seu lançamento de novembro de 2014 para maio de 2015.

O projeto foi financiado pela comunidade e pelos próprios desenvolvedores, sem o tradicional incentivo de um distribuidor. Através da compra de “pacotes”, jogadores puderam contribuir para o desenvolvimento em diferentes partes do projeto. Os membros têm alguns benefícios de acordo com o pacote que adquiriram, recebendo uma parte do lucro das vendas, gerados nos primeiros 2 anos após o lançamento, como recompensa pelo seu esforço, a ser pago trimestralmente. Os membros têm também acesso ao fórum privado da Slightly Mad Studios, o World of Mass Development.

A versão para Wii U foi oficialmente cancelada em 21 de julho de 2015.

Jogabilidade

Características: A Slightly Mad Studios tem como alvo um simulador realístico. Para diferenciar o jogo de líderes estabelecidos como Gran Turismo ou Forza Motorsport, o jogo tem à partida todos os carros desbloqueados e todas as provas da carreira desbloqueadas.

Física: O jogo utiliza o Madness Engine, que foi usado nos jogos Need for Speed Shift também e que foi modificado durante o desenvolvimento. O maior poder de processamento dos computadores atuais possibilitou a introdução de um modelo dinâmico de pneus, designado “SETA”, para ser usado no Project CARS, ao invés do modelo fixo baseado nas tabelas como foi usado em simuladores de gerações anteriores.

Alem da contribuição da comunidade, Slightly Mad Studios contratou os serviços do piloto Ben Collins, que também participou do programa Top Gear como “Stig”, Nicolas Hamilton, piloto no Campeonato Britânico de Carros de Turismo (BTCC) e irmão mais novo da estrela da Fórmula 1 Lewis Hamilton, Oli Webb, atualmente piloto na ELMS, René Rast, piloto no WEC, Christie Doran e William Tregurtha.

Conteúdo: Há mais de 70 carros licenciados e atualmente estão confirmadas mais de 110 pistas para estar no lançamento ou em pacotes DLC. Para além das pistas reais, como Spa-Francorchamps, por exemplo, e pistas de kart fictícias, há também duas pistas “ponto a ponto”, inspiradas em locais reais como Côte d’Azur, Costa Pacífica da Califórnia.

Realidade Virtual: A 26 de Agosto de 2012, o suporte para os óculos de realidade virtual Oculus Rift foi anunciado nos fóruns. O anúncio expôs que pelo menos um Kit de Desenvolvimento do Oculus Rift seria trazido. Membros do projeto podem seguir detalhes do desenvolvimento através de um link no fórum.

O jogo também tem suporte para os óculos de realidade virtual da Sony, o Project Morpheus.

O modo carreira

Na tela inicial do modo carreira, você deve incluir os seus dados, como nome e sobrenome, nacionalidade, número do carro e um apelido a ser usado em uma espécie de Twitter dentro do game.

Aqui, é possível notar que existem alguns objetivos que você pode querer completar no modo carreira. Três deles são relacionados a corredores reais, que começaram em divisões de base ou que iniciaram seu trabalho correndo com carros de elite.

Esse é talvez o passo mais importante do início da sua carreira em Project CARS. Aqui, você pode escolher em qual divisão irá começar a correr. Se quiser, pode iniciar com carros fórmula ou de turismo.

Se preferir, pode iniciar a sua carreira correndo com Karts e, conforme ganha campeonatos, pode evoluir e ser contratado por equipes de divisões superiores.

A sugestão que damos é que você tome esse rumo caso seja a sua primeira carreira no game.

Dessa forma, você poderá aproveitar melhor a evolução do seu corredor, além de poder conhecer todas as divisões de corrida do jogo. Isso também ajuda na hora de se adaptar a cada novo carro, em vez de simplesmente pegar uma máquina e não saber como controlá-la direito.

Na tela principal da sua carreira, você pode acompanhar as mensagens dos fãs em uma espécie de rede social, além de receber mensagens de seus chefes e engenheiros.

Também é possível configurar o seu carro do jeito que você deseja, buscando encontrar um equilíbrio para trazer mais desempenho para a corrida.

Na tela de calendário de corridas, você pode escolher os eventos em quais participará. Algumas divisões contam com várias corridas no mesmo dia, então, você deve selecionar as mais importantes ou que mais agradam para competir.

Feito isso, basta iniciar a preparação para a volta de qualificação e tentar o pódio da corrida. A cada competição, você acumula pontos para a temporada.

Ao fim de cada ano, caso você tenha mostrado um bom desempenho, receberá convites para novas equipes, divisões ou a opção para continuar onde está e continuar com o bom trabalho.

O game apresenta três opções

Uma mais fácil, em que o carro não recebe nenhum dano, e você tem vários controladores automáticos de freio e aceleração; um médio, em que o carro pode ser danificado, mas o resultado é puramente visual e o câmbio automático; e um mais difícil, em que todo e qualquer assistente do carro é desligado.

A tela inicial de Project CARS é assim:

Em Carreira, você cria um piloto e deve correr por equipes ao longo de temporadas. Aqui, você pode escolher começar correndo com carros mais potentes ou, se preferir uma evolução natural, iniciar a campanha atrás do volante de um kart, passando por todas as categorias disponíveis.

Em Solo, você participa de uma corrida comum. É possível escolher a pista e o tipo de carro que você deseja utilizar.

Em Treino livre, você pode aproveitar uma pista vazia para conhecer melhor o circuito, além de poder testar melhor os carros sem a pressão de chegar em primeiro lugar.

Em Online, você pode entrar em grupos de jogadores ao redor do mundo e participar de corridas criadas por outras pessoas. Caso deseje criar sua competição, existe a opção Criar no menu principal, assim como “Aleatório rápido”, em que o jogo te coloca em qualquer corrida disponível na rede.

Em Rede de Pilotos, você pode entrar em eventos semanais. Você pode competir com outros corredores para saber quem faz o melhor tempo.

Use o Engenheiro de Corrida

Os menus de afinação de Project CARS 2 fornecem uma opção de Engenheiro de Corridas que é bem útil, onde o jogo toma decisões baseadas na forma com que você quer ajustar o carro, utilizando suas decisões em respostas relacionadas à sua forma de dirigir e sua percepção do carro que está usando.

Em relação à frenagem, por exemplo, você pode constatar para o Engenheiro que o problema número um é que o carro não está parando a tempo para uma curva, ou que você está deslizando todas as vezes que freia. Para taxa de mudança de câmbio, é possível responder que o carro está muito lento no aceleramento ou que é impossível alcançar a velocidade máxima de uma pista em questão.

Se prestar atenção na forma com que o game está alterando as configurações de seu veículo, baseado na suas respostas, então você estará ganhando uma vasta quantidade de conhecimento que será possível utilizar quando você estiver confiante o suficiente para fazer os ajustes você mesmo. Apenas lembre-se se só fazer os ajustes depois de dirigir o carro que você está usando, para dar as respostas mais precisas possíveis.

Sempre escolha seus pneus manualmente

A forma mais direta e imediatamente óbvia de conseguir mais perfomance do seu veículo é escolher o pneu certo. As opções de pneus para pistas em Project CARS 2 incluem pneus lisos e molhados, enquanto os conjuntos alternativos para todo tipo de terreno e neve existem para superficies mais complicadas.

Em termos simples, você vai querer usar pneus lisos em pista seca e pneus molhados na chuva e/ou quando houver indicativo de chuva iminente. O próximo nível de escolhas envolve a dureza do pneus e ter a certeza de quando escolher pneus moles ou duros.

Os moles dão uma maior aderência e, com isso, podem levar a tempos melhores. De contrapartida, eles se desgastam mais rapidamente e em corridas mais longas você terá que ir com maior frequência para os boxes. Durante corridas mais longas é melhor equilibrar o uso de pneus duros e moles, trocando quando for aos boxes, dependendo da sua posição e número de voltas restantes.

Pra que ter um carrão se você não dá pra ajustar?

A taxa padrão de mudança de câmbio não funciona para todas as pistas

A taxa de mudança de câmbio dita quão rapidamente seu carro quer mudar entre marchas. Taxas mais rápidas providenciam uma arma para uma melhor aceleração, enquanto as longas mantêm você em uma marcha específica por mais tempo e entregam uma melhor velocidade máxima.

Essa configuração entrega diferentes resultados a depender do desenho da pista em que você está competindo. Se a pista tem muitas curvas apertadas, trocas mais rápidas são uma boa opção. Adicionalmente, muitas curvas significam muita frenagem e isso faz com que seja improvável que seu carro atinga a velocidade máxima. Para uma pista com retas longas e pouca frenagem, você deve escolher taxas maiores.

Essa regra básica muda a depender da configuração exata do seu veículo e onde você acha que suas habilidades ao volante estão precisando de mais ajuda, então certifique-se de testar antes de definir as taxas finais.

Como se aproximar do rallycross

A disciplina rallycross é bem diferente dos outros tipos de corrida de Project CARS 2, e ela requer um tipo diferente de configuração para tirar o melhor proveito do carro e de suas habilidades atrás do volante.

Você deve trazer o centro de gravidade do carro o mais para baixo possível, reduzindo o peso de sua suspensão. Quanto mais baixo o centro de gravidade, mais responsivo ele será nas curvas. No rallycross, você vai querer que as curvas sejam as mais responsivas possíveis, dada a frequência em que as curvas aparecem para você e o quão rápido você precisa emendar uma na outra – normalmente, entrando lateralmente.

Para isso, vá ao menu de ajuste de suspensão e configure o peso para diminuir a escala. Configure os pneus traseiros levemente mais altos que os dianteiros para exagerar na down force nos pneus dianteiros quando for virar em uma curva. São os dianteiros que entram primeiro, então eles precisam serem capazes de reagir instantaneamente aos comandos do volante.

O lado negativo de um carro com baixo peso é que ele está mais apto a bater sua parte traseira na pista. Para combater isso, vá aos ajustes de amortecedor e aperte a configuração de parada de colisão na dianteira e traseira. Um amortecedor mais firme reduz a quantidade máxima de compressão da suspensão e diminui o risco de pancadas. Na vida real, isso é bem desconfortável para quem dirige, mas aqui não temos que nos preocupar com isso.

Acelere o passo

Talvez você esteja tentado a sair rasgando na pista com o carro mais veloz da sua garagem, mas é mais importante aprender as linhas de corrida no começo. Está sentindo que não consegue pegar o ritmo de uma pista? A melhor solução é pegar um carro mais lerdinho. Ou dar uma segurada nas configurações do seu carrão. Obviamente, praticar leva à perfeição, mas outra dica seria tentar correr contra o fantasma de um jogador mais experiente, só para ver como ele dirige naquele circuito. Dessa forma, você aprende a melhor forma de dirigir em pouco tempo.

Pés no chão

Se você sentir que o seu carro está deslizando muito, tenha certeza que a temperatura dos seus pneus está no verde. Talvez eles estejam no azul, o que significa que estão frios demais, e você não vai ter uma boa tração para ter uma boa performance. Se eles estiverem no vermelho, significa que estão sobreaquecidos e também vão estragar a sua corrida, podendo até estourar. Você não quer dar essa passada extra no pitstop.

Encontre o melhor carro para você

Tem 74 carros em Project CARS e apesar dos carros de alta-performance serem tentadores, é mais importante encontrar um carro que se adeque ao seu estilo. Todo carro reage diferentemente: não tenha pressa para experimentar muitos carros e você vai ver como acabará encontrando o certo. O jogo tem uma mistura de motores com transmissões variadas, e performances muito diferentes. Tem carros velhos e novos também. Aprenda como esses carros se comportam nas curvas: enquanto um carro mais baixo segura com as rodas traseiras, alguns carros de tração dianteira boluda talvez precisem dar uma aliviada no acelerador e usar direito o breque.

As dicas Top Gear

Ouçam muito bem ao seu engenheiro de corrida, que é dublado por Ben Collins, do Top Gear. Ele não está lá só pra fazer barulho no fundo. Preste atenção quando ele te encoraja a pisar mais fundo numa volta, te informa sobre as diferenças no tempo dos corredores atrás de você e na sua frente e, talvez, ainda mais importantemente, te diz a situação do clima. Isso lhe ajudará a decidir se vale a pena trocar os pneus antes que seja tarde demais, e saber administrar paradas é essencial para ganhar vantagem na pista.

Não tenha pressa

Nenhuma corrida é ganha na primeira curva, nenhuma corrida é ganha na primeira volta. O máximo que você pode fazer é arruinar uma corrida inteira na primeira volta – só isso. Poupe os seus pneus na corrida para chegar pesado lá na frente. É fácil se precipitar e queimar os pneus rápido demais. Tenha mais paciência que os seus oponentes e tenha certeza que sairá com o troféu na mão.

Referências:

Red Bull, techtudo, wikipedia.

Vainglory

Vainglory é um jogo eletrônico do gênero multiplayer online battle arena desenvolvido pela Super Evil Megacorp e publicado pela Rogue Games para dispositivos Android, iOS, Windows e MacOS.

O jogo é uma versão simplificada do seu gênero onde duas equipes adversárias de três ou cinco jogadores lutam para destruir a base inimiga, controlando os caminhos entre as bases, que é alinhado por torres e protegido por criaturas inimigas controladas por IA. Fora do caminho, os jogadores lutam por pontos de controle que fornecem recursos extras. O jogo foi lançado para iOS em novembro de 2014, e após um ano e meio, a versão para Android foi lançada em julho de 2015, em 2019 foram lançadas as versões para Windows e MacOS.

O desenvolvimento do jogo começou em 2012 com a formação da Super Evil Megacorp. O jogo foi revelado no evento de anúncio do iPhone 6 da Apple, em setembro de 2014, para demonstrar a interface de programação de aplicações de gráficos da plataforma. O intuito da Super Evil Megacorp era fazer um jogo que iria entreter os jogadores por horas e incentivar as pessoas para experiências em multiplayer semelhantes a uma partida de LAN.

Vainglory recebeu críticas geralmente favoráveis. Os críticos elogiaram os gráficos, personagens e o seu level design, mas também criticaram sua falta de ferramentas de comunicação entre as equipes. Demais avaliações também discordaram sobre o grau de acessibilidade do jogo para novatos, atualmente existem vídeos explicativos e tutoriais dentro do jogo, para o melhor entendimento do mesmo, sendo parte da razão pelo qual recebeu críticas mistas.

Porém em 2018, Super Evil Megacorp lançou sua mais nova versão, um modo de batalha 5v5. O novo modo 5v5 já vinha tendo muita repercussão dentro da comunidade do jogo para uma possível aproximação dos MOBA concorrentes, com o novo mapa, novos heróis e novas mecânicas, Vainglory salta novamente para o topo das melhores especulações dentro da gaveta de jogos móveis, já que possui um dos melhores motores gráficos, o jogo agora roda em até 120 FPS, com qualidade intensa além de trazer o tão amado recurso “névoa de guerra”, sendo um dos primeiros MOBA mobile a atingir tal perfeição.

Em 2019 a Super Evil Megacorp anunciou que recebeu mais de 10 milhões de dólares em investimentos para produzir seu novo jogo chamado Project Spellfire que será lançado em 2020. Em 2019 a SEMC também anunciou que não ficará mais responsável pela publicação do Vainglory e que a partir de agora a responsável pela publicação do jogo será a Rogue Games.

Jogabilidade

Vainglory é um jogo do gênero multiplayer online battle arena que segue o mesmo estilo de MOBAs populares como League of Legends e Dota 2, mas que foi projetado para smartphones e tablets. Como padrão do gênero, duas equipes opostas lutam para alcançar e destruir a base adversária ao mesmo tempo em que defendem a sua própria em um cabo de guerra para o controle dos 3 caminhos conhecido como “lanes”, que ligam as bases. Além disso, existem duas “selvas” entre as lanes que contém criaturas que podem ser mortas ou capturadas para obter vantagens sobre a equipe adversária.

Em Vainglory, cada equipe é composta por cinco jogadores que controlam um avatar, conhecido como “herói”, de seu próprio dispositivo. Os personagens mais fracos são controlados por computador, chamados de “minions”, que são originados nas bases e seguem as lanes para a base da equipe oposta, lutando contra inimigos e torres nas rotas. As torres repelem o fluxo de minions e heróis inimigos. O objetivo do jogador é destruir as torres inimigas e o “Vain Crystal” na base da equipe inimiga.

Existem dois modos de jogador contra jogador em Vainglory, em que todo o mapa está disponível, e o Battle Royale, onde a progressão é mais rápida e a batalha é limitada apenas às lanes. Os jogadores podem jogar o modo Standard classificados para aumentar o seu ranking no jogo, ou os modos casuais, onde a sua classificação não é afetada. A duração de uma partida classificada no jogo é listada como de 25 minutos, enquanto a de modos casuais é de 20 minutos.

Em setembro de 2016, já existiam 27 opções de heróis. Os desenvolvedores do jogo adicionaram continuamente novos heróis, cada um com habilidades diferentes e balanceados para o fairy play. Por exemplo, um heróis pode ter um dano alto, mas a mobilidade lenta, ou fortes habilidades corpo a corpo, mas nenhum ataque à distância. Os jogadores escolhem entre três habilidades que atualizam através de uma árvore tecnológica comum. Há um número definido de heróis que são livres para serem utilizados no jogo, uma vez que esta lista de heróis disponíveis é atualizada a cada semana. Existem dois tipos de moeda entro do jogo para compras no aplicativo: a Glory, que pode ser obtida por meio de batalhas, e outra que pode ser comprada com dinheiro chamada Immensely Concentrated Evil (literalmente, “Mal Imensamente Concentrado”) e abreviada como ICE. Os jogadores também podem optar por desbloquear permanentemente qualquer personagem do jogo por uma determinada quantidade de Glory. A partir da atualização 1.18.0, os jogadores são capazes de obter ICE em cestas.

Vainglory oferece dois modos principais de comunicação no jogo: emoticons da equipe e pings estratégicos nos mapas.

Princípios básicos

Como em qualquer MOBA, Vainglory tem objetivos que devem ser concluídos em conjunto com seus aliados. Não há motivo para jogar um game do gênero se não for para cooperar em equipe. Por isso, tenha em mente que o “fair play” é sempre algo muito relevante não só em MOBAs, mas em títulos online em geral.

Por conta disso, já avisamos que Vainglory é jogado em equipes de três jogadores para cada lado. O objetivo é destruir a base inimiga, enquanto lida com tropas e torres pelo caminho.

Movimentação

A movimentação em Vainglory é feita com simples toques na tela, na direção desejada. Não há um “direcional digital” como em jogos mobile mais tradicionais. Basta tocar onde quer o personagem e ele irá até lá.

Caso tenhamos algum obstáculo pelo caminho, é claro que isso vai impedir o movimento. Se um inimigo passar pelo personagem, ele também será atacado livremente e pode ser abatido sem aviso.

Ataque

Para atacar inimigos, tropas ou torres, seguimos o mesmo conceito da movimentação: toque no alvo e o personagem fará o resto. O ataque é automático e ele sempre vai mirar outro alvo que esteja mais próximo, caso o atual seja eliminado.

Também é possível usar as habilidades dos personagens nos ataques, basta tocar em qual deseja ativar para lançá-la contra o inimigo ou, caso seja uma habilidade de suporte, ajude aliados que estão em batalha.

Loja

A loja de dentro das partidas oferece itens que vão fortalecer o personagem em combate. Eles estão divididos em categorias e podem ser comprados com o ouro obtido ao derrotar inimigos ou tropas adversárias.

A loja sugere os itens mais propícios ao seu personagem e ao tipo de atacante ou defensor que ele é. Porém, o jogador é livre para explorar as possibilidades e, navegando pelos botões laterais, comprar o que for necessário.

Comprar personagens

Assim como em outros MOBAs, Vainglory permite comprar personagens, gastando o “dinheiro gratuito”, obtido nas partidas, Glory, ou o que é comprado com dinheiro real, o Ice. Ambos servem, mas com custos diferentes.

Para comprar, basta ir na loja do game e selecionar o personagem desejado. O custo é sempre exibido na parte inferior da tela, e o preço não é reembolsável. Portanto, estude bem o personagem que deseja adquirir.

Perfil

Seu perfil é muito importante no jogo, pois ele mostra o resumo geral de tudo que é feito na sua conta: pontos obtidos, dinheiro somado, nível de experiência, apelido, temporada em que participa, entre outros.

Vainglory também tem um interessante sistema de cartas, que pode ser conferido nos seus detalhes. As cartas obtidas somam não apenas dinheiro, mas ainda “pedaços” de skins de personagens, que podem ser unidos para desbloqueio posterior.

Amigos

A lista de amigos e parte social de Vainglory é extremamente importante. É nela que você acompanha amigos adicionados – para marcar jogos posteriores em grupo – ou as guildas, que são basicamente os “clãs” do jogo.

Isso facilita o processo de encontrar partidas, já que é bem mais fácil combinar com alguém que você conhece do que depender de aliados desconhecidos e anônimos. O mesmo vale para embates competitivos.

Battle Royale