Cities: Skylines

Cities: Skylines é um jogo de construção de cidade singleplayer produzido pela Colossal Order e publicado pela Paradox Interactive, lançado em 10 de março de 2015 exclusivamente para PC (Microsoft Windows, macOS, Linux). Os jogadores se engajam no planejamento urbano, controlando o zoneamento, a construção de estradas, a tributação, os serviços públicos e o transporte público da cidade. Os jogadores gerenciam ainda seu orçamento, população, saúde, felicidade, emprego, poluição (da terra, água e ruído), fluxo de tráfego e outros fatores. Há também em um modo sandbox com dois mods que vêm pré-instalados no jogo e que desbloqueiam a construção de certos prédios e fornecem dinheiro ilimitado ao jogador.

Organização das zonas da cidade

Ao iniciar um novo jogo, uma vez que você tenha um bom número de casas estabelecidas, a demanda por empregos aumentará, o que pode ser resolvido pelo zoneamento de novos distritos comerciais e industriais.

Residencial – onde moram seus “Cims” ou residentes.

Comercial – Lojas e empresas que trabalham com fábricas próximas para vender mercadorias aos moradores. Se eles não puderem vender bens ou trabalhadores suficientes, as propriedades acabarão fechando.

Industrial – Estas são as suas fábricas, utilizando materiais brutos ou renováveis ​​para produzir bens. Eles fornecem empregos e exigem zonas comerciais para comprar seus produtos. Se eles não conseguirem localizar uma loja adequada para fazer parceria, a indústria tentará exportar mercadorias para além da sua cidade.

Conforme você vai distribuindo o zoneamento de sua cidade, vale a pena observar algumas coisas no planejamento:

Zonas comerciais: criam poluição sonora que pode ter efeitos negativos nas casas próximas, mas é importante que os moradores desfrutem de acesso rápido às lojas.

Zonas industriais: devem estar localizadas a alguma distância das ruas residenciais para evitar problemas como cobrir as casas com poluição.

O objetivo é manter um equilíbrio saudável entre os 3 tipos de zonas.

Extra: É divertido planejar um novo bairro e observar as pessoas se mudando.

Procure também planejar as rotas de sua cidade desde o início de forma que o trânsito entre as zonas não se torne uma bagunça e os Cims possam se locomover com facilidade. E já que falamos em trânsito, vamos seguir com ele em nosso próximo tópico nas dicas de Cities Skylines.

Trânsito

Evitar engarrafamentos é um dos maiores desafios em Cities: Skylines, e a solução nem sempre é tão simples. Se você não se planejou muito bem no início, conforme sua cidade cresce você vai precisar desenvolver novas rotas e também meios de transportes que possam dar vazão a necessidade de seus habitantes.

Em uma cidade pequena, o transporte público não é vital, mas à medida que a cidade cresce e você começa a zonear por edifícios de alta densidade, um bom sistema para o transporte público é fundamental.

Você também deve considerar a proibição de veículos pesados nas áreas centrais, forçando os caminhões de carga a tomar outras rotas para chegar às fábricas. Seus cidadãos vão agradecer por isso.

O tráfego é determinante para o sucesso de sua cidade, porque, uma vez que o tráfego se torne um problema, você começará a ver os resultados na queda de suas receitas. Uma vez que suas receitas entram no vermelho, é hora de se preocupar.

Há muitas dicas de Cities: Skylines para mencionar quando se trata de tráfego. A primeira é gerenciar bem a principal malha de rodovias. Aquela que liga a sua cidade a outras.

Geralmente é nela onde a maioria de seus engarrafamentos começam. Portanto faça as devidas ligações às áreas de interesses principais e a partir destas ligações faça estradas menores que levarão ao subúrbio de sua cidade.

Pense como uma árvore que tem um grande tronco e dele vão saindo galhos menores. Outras dicas a serem observadas neste sentido são:

As estradas de sentido único ajudam muito no fluxo; cruzamentos são pontos de problemas e sempre que puder evite-os; os semáforos tendem a segurar o trânsito e deixar tudo mais lento.

Hoje com as novas atualizações você pode retirar os semáforos dos cruzamentos que você escolher e inclusive incluir placas de PARE onde achar necessário.

Tratamento da água

Os rios sempre se movem em uma direção. Portanto, você deve certificar-se de que suas bombas de água estão localizadas em direção contrária ao sistema de esgoto de sua cidade. E, claro, a uma distância segura.

Se você não fizer isso, suas bombas irão bombear água poluída à seus cidadãos que ficarão doentes e morrerão.

Lixo

Todo cuidado é pouco com o lixo em sua cidade. Você precisa de um plano efetivo de gerenciamento de lixo e você só tem duas saídas para se livrar dele – aterros sanitários, que se enchem rapidamente e incineradores. Ambos criam poluição.

Você precisa encontrar um bom lugar para colocar seus aterros sanitários e incineradores, de forma que eles não poluam sua água ou as regiões de seu interesse.

A localização precisa ser estratégica, considerando também que seus caminhões precisam atender todas as regiões de sua cidade. Não se esqueça de pensar no tráfego que eles irão encontrar pelo caminho.

Fique atento para a necessidade de alargar alguma rua

Quando for colocar um edifício importante como um hospital, um corpo de bombeiros ou uma delegacia de polícia ao lado de uma pequena rua de mão e contra mão, lembre-se que no futuro é capaz que você queira alargar essa rua.

Contudo, você não poderá fazer o melhoramento na rua se uma dessas construções estiver presente. A solução é mover um edifício inteiro pagando uma taxa. Com isso em mente, deixe sempre espaço ao lado, ou ao menos perto, para que possa movê-lo mais tarde. Assim poderá aumentar a rua que estava ao lado do edifício e trazer o prédio de volta futuramente. Mover um edifício irá custar a mesma quantidade, independente da distância que no mapa.

Densidade de zonas

Zoneamento é bastante simples. Selecione o tipo que você quer e pinte os quadrados ao lado da rua. Depois no jogo, é possível alterar as zonas para alguma de maior densidade, mas você terá que remover a seleção anterior, antes de colocar alguma zona de maior densidade.

Não é possível apenas inserir uma zona de maior densidade por cima. Remova primeiro para poder trocar depois. Quando você remover o zoneamento anterior, todos os edifícios que estiverem por lá serão removidos. Eles serão recolocados quando você inserir o novo zoneamento.

Água e eletricidade

Preste atenção ao seu sistema de distribuição de água. Para suprir sua cidade com água da forma mais barata possível, reduza custo de colocação de tubulação verificando sempre sua esfera de influência. Coloque os tubos em paralelo com as ruas e assuma sempre que você irá colocar mais ruas adjacentes. Logo, procure colocar os tubos paralelamente entre as duas pistas para cobrir o máximo de área.

As torres de energia (Pylons) são usadas apenas para transferir eletricidade por longas distâncias ou onde os edifícios não estão próximos um do outro. Você não precisa colocar as torres para ligar cada edifício. Desde que um edifício seja alimentado, os prédios ao lado também receberão eletricidade.

Represas hidrelétricas são caras para construir e também para operar. Caso construa uma, fique de olho aberto em quanto de dinheiro está sendo gasto. Você sempre poderá desligá-las, caso tenha energia suficiente vindo de outra fonte. Já os parques eólicos são ótimas fontes de energia limpa, mas apenas se certifique-se de colocá-los onde há vento.

Poluição

Quando colocar uma estação de tratamento de esgotos, certifique-se que a saída seja colocada distante do seu suprimento de água. Verifique as setas na água para saber para onde ela está fluindo. Não envenene as pessoas.

A poluição sonora afetará as zonas residenciais, então mantenha-as longe das zonas industriais. Reduza a poluição do som colocando árvores e parques, ou estradas com árvores ou barreiras de som.

Tenha em mente que os parques eólicos também causam poluição sonora, irritando os moradores. Além disso, poluição tóxica não viaja pelo ar no game, apenas pelo solo, para as áreas mais próximas.

Evite construir cruzamentos e priorize rotatórias

Conforme sua cidade cresce, é inevitável que o número de ruas aumente e o tráfego fique mais denso. Com o tempo você notará que ter muitos cruzamentos é prejudicial para o fluxo da sua cidade, já que os veículos precisam parar e esperar com muita frequência.

Para evitar esse problema mais na frente, tente priorizar a construção de rotatórias no lugar de grandes cruzamentos. Elas são a melhor forma de manter o bom fluxo no trânsito, já que os veículos não precisam parar e esperar.

Tenha em mente que o objetivo não é acabar com todos os cruzamentos. Eles ainda existirão em maior número que as rotatórias, mas tente visualizar as localizações mais propícias para cada uma. Entre as principais situações estão:

Na ligação entre ruas e estradas;

No acesso às zonas comerciais ou industriais onde veículos domésticos dividem a pista com veículos de carga;

Qualquer lugar onde as pistas se espalham para três ou mais direções.

Afaste seus cruzamentos uns dos outros

Para complementar a dica, evite construir cruzamentos muito próximos uns dos outros. Isso fará que com que o trânsito precise parar com muita frequência. Lembre-se que congestionamentos causam poluição sonora, desvalorizando a área e aumentando a insatisfação dos moradores, que podem decidir deixar a cidade.

Construa mais passarelas e menos faixas de pedestres

Essa dica é bem simples mas muito útil para iniciantes que tendem a construir o que é mais barato, sem pensar muito no futuro. Sempre que o dinheiro permitir, construa passarelas em vez de faixas de pedestres. Isso desafogará o trânsito, principalmente em ruas arteriais e centros comerciais, já que os carros não precisarão parar para os pedestres atravessarem.

Outra localização propícia para as passarelas é próximo de paradas de transportes públicos, onde sempre há um bom fluxo de pedestres.

O trânsito é um dos aspectos de Cities: Skylines que mais se modificam conforme sua cidade expande. É importante que você planeje com antecedência as ruas, cruzamentos, rotatórias, passarelas e tudo que se relacione com o tráfego. Dessa forma você evita o desperdício de dinheiro efetuando muitas modificações.

Reloque construções em vez de destruí-las

Em Cities: Skylines você pode simplesmente relocar construções. Essa é uma opção bem mais barata do que destruir a primeira e construir uma segunda em outro lugar. A função é extremamente útil para remodelar sua cidade, principalmente quando você precisar fazer upgrades em pistas, deixando-as mais largas (algo que acontecerá com muita frequência).

Identifique as estruturas criadoras de tráfego

Existem vários fatores que contribuem para a formação de congestionamentos em Cities: Skylines, e quanto mais rápido você identificá-los, melhor. Nesse sentido, saiba que o jogo é tão fiel à realidade que você não precisa ficar memorizando uma lista, mas apenas pensar logicamente.

Hospitais, escolas, construções, aeroportos, estações de trem, portos e paradas de transportes público são as principais estruturas que você precisa ter atenção. Se você parar pra pensar, cada uma delas tem seus próprios motivos para afogar o trânsito, seja o embarque e desembarque de passageiros, carga ou descarga de materiais, etc.

Para as estruturas mais centrais como escolas e hospitais, certifique-se de construí-las em ruas arteriais, o mais largas possíveis. Já aquelas responsáveis por trazer pessoas para a cidade como aeroportos e portos, a melhor opção é construí-los em locais mais isolados e se assegurar de conectá-lo ao centro com transporte público. Dessa forma as pessoas que saírem ou chegarem na cidade não precisarão usar carros.

Utilize a pausa com moderação

Se você é iniciante em Cities: Skylines, provavelmente vai passar muito tempo com o jogo pausado enquanto você edita sua cidade. Isso é normal. No entanto, é importante você se acostumar o mais rápido possível a administrar sua cidade sem pausar a partida. Isso porque, sempre que você pausa, você para de gerar recursos e deixa de ganhar dinheiro.

Sempre que editar sem pausa, tenha cuidado apenas na hora de modificar ruas e estradas ou o fornecimento de luz, água e esgoto. Se as alterações não forem feitas corretamente, ou se demorarem, podem causar sérias complicações na sua cidade.

Aproveite o jogo ao máximo: instale mods

Cities: Skylines está vinculado com a Oficina da Steam, onde você pode encontrar inúmeras opções de mods (modificações) para o jogo. Para quem não sabe, mods são pequenos arquivos que, quando inseridos na pasta do jogo, alteram a experiência de diversas formas.

Existem mods para todos os gostos em Cities: Skylines. São tantos (TANTOS) que é até difícil citar somente alguns. A título de exemplo, tem mod para ajudar no gerenciamento de trânsito, para instalar construções do mundo real (como IKEA), para adicionar novas opções de ruas, para sincronizar o tempo do jogo com a hora real, etc. Cheque a Oficia da Steam e personalize seu o jogo. 

Transporte público efetivo é a chave para o sucesso

A Colossal Order que é a produtora de Cities: Skylines também é a responsável por criar o Cities In Motion, portanto o sistema de transporte público do game é mega eficiente. Você tem a possibilidade de construir diversos meios de transporte e é você quem irá fazer as linhas e escolher os locais por onde o transporte irá passar. Para se ter um transporte público de qualidade é necessário colocar as paradas em locais distintos, ter um linha objetiva e rápida priorizando passar por avenidas, ter uma linha que saia da área residencial para a área industrial e jamais faça um linha que passe em centros de bairros de classe alta, pois os ricos não curtem muito o transporte público. Para cada linha inserida o gasto aumenta portanto verifique a sua renda antes de construir diversas linhas de transporte. Outro ponto importante é ter uma parada em frente a prédios público como escolas, hospitais e cemitérios. Com um transporte público eficiente o trânsito irá diminuir e sua cidade receberá bons pontos de felicidade.

Praças, construções especiais e atrações turísticas

Cada residência, comércio ou industria depende de valorização para evoluir e para conseguir essa valorização é necessário que você construa praças, ao contrário do SimCity 2013 as praças do Cities: Skylines são muito mais baratas e fáceis de se manter portanto abuse delas, outra importância é colocá-las nas zonas industriais para proporcionar lazer ao empregados já que todos no jogo possuem horário para o almoço (esse ideia também foi muito bem vinda), as construções especiais são desbloqueadas de acordo que você completa os objetivos necessários para desbloqueá-las. As construções especiais são primordiais para sua cidade, pois elas não geram gastos e trazem bons benefícios para as áreas onde elas são colocadas, entre esses benefícios estão melhor qualidade de vida, valorização de terreno, menor probabilidade de doença entre outras. As atrações turísticas são uma excelente forma de se ganhar dinheiro porém possui uma série de requisitos para que elas não deem prejuízo, para instalar um atração turística é necessário colocá-la em ruas que suportam grandes densidades, não colocá-las em áreas residencias, pois ela ocasionam muito barulho, ter um sistema de transporte público efetivo, ter uma boa renda e ter serviços de corpo de bombeiros, delegacia e hospitais. A partir do momento que você instalar essas estruturas no começo elas darão um prejuízo mais rapidamente começaram a gerar grandes lucros para sua cidade.

Analise os mapas de dados e o twitter do game

Cities: Skylines traz um riquíssimo conteúdo de informações para você, acessando a tela de mapas  você terá a possibilidade de ver qualquer informação da sua cidade, através dele poderá ver as áreas que estão mais poluídas, as ruas que estão com fluxo pesado de trânsito, os locais que estão necessitando de algum recurso, seja água, luz, segurança, educação, saúde ou lazer, o valor de cada terreno, o fluxo de turistas além de transporte público e outras informações. Analisando esses mapas corretamente você pode melhorar certas áreas, cortar gastos desnecessários e ter um panorama para as próximas construções. Outra ferramenta interessante é o twitter dentro do game, fica de olho nele e ler tudo o que seus habitantes estão postando pode ser de grande ajuda, pois podem indicar condições ruins de alguma área que pode estar passando despercebida por você.

Faça tudo para alcançar a metrópole

Chegando a parte final do nosso guia, tudo que você faz pela sua cidade é em busca da felicidade e nível, cada novo habitante funciona como um ponto de experiência que ao atingir um limite permite ao jogador evoluir sua cidade e desbloquear novas construções além de novas leis. Quanto mais habitantes você tiver maior será sua cidade, ao subir de nível também é permitido comprar novo lotes de terreno permitindo assim construir uma mega cidade. Outro ponto em que você deve focar é na felicidade de sua população, pois é ela que determina o sucesso da sua cidade e não se preocupe você irá iniciar mais de uma cidade até aprender todos os recursos do jogo.

Dicas rápidas que podem te ajudar

Não exagere no começo, especialmente com estradas, porque seu orçamento será rapidamente consumido.

As rotatórias permitem um fluxo de tráfego mais livre.

Por uma taxa, você é capaz de realocar edifícios de serviços públicos.

Embora seja possível aumentar os orçamentos de seus serviços públicos em até 150%, geralmente é mais eficiente colocar outro prédio de serviços.

Não tenha medo de destruir estradas e experimentar novas formas de gerenciar o tráfego, para adaptar sua cidade às demandas atuais.

A poluição do solo e do ar não se espalha muito, mas ainda vale a pena ficar de olho.

Reiniciar do zero não é um sinal de derrota, mas sim um desejo de tentar algo novo.

Uma represa é uma ótima fonte de eletricidade para a cidade, mas atente para possíveis inundações, pois ela cria um corpo de água atrás dela.

Economize dinheiro e passe de aterros sanitários para incineradores para evitar um enorme volume de acúmulo de lixo.

Utilize diferentes tipos de estrada. Estradas maiores podem exigir mais tráfego, mas você não deve colocar rodovias em todos os lugares.

Referências:

Alvanista, MKT Esportes, Ligados Games, Wikipedia, techtudo.

State of Decay 2

State of Decay 2 é um videogame de sobrevivência de zumbis “indie” e mundo aberto, desenvolvido pela Undead Labs e publicado pela Microsoft Studios. É uma sequência do videogame de 2013 State of Decay. O jogo foi lançado em 22 de maio de 2018 para Windows e Xbox One. O objetivo do jogo é construir uma comunidade, gerenciar recursos e sobreviver contra a horda de zumbis.

Gameplay 

State of Decay 2 é um jogo de sobrevivência zumbi , com ênfase na busca de itens, nos quais a experiência de jogo é vista na terceira pessoa. O jogo se passa em um ambiente de mundo aberto e apresenta jogabilidade cooperativa com até três outros jogadores.

Objetivo do jogo

Diferente de muitos outros jogos do mesmo gênero, o State of Decay 2 tem um início, meio e fim para cada uma de suas comunidades. Após a conclusão do jogo, a comunidade em questão fica inacessível, todos seus recursos e itens serão excluídos e será necessário começar outra comunidade, que poderá ter os mesmos habitantes da anterior (caso você desejar).

Nós vamos falar sobre todos eles neste tutorial, mas como forma de apresentação geral, os objetivos são sempre esses: (1) Estabelecer sua primeira base; (2) Definir um líder; (3) Destruir todos os núcleos pestilentos de sua cidade; (4) Definir o seu legado.

A Morte é permanente

Como é de se supor, se você perder um personagem, não terá mais acesso a ele durante a campanha. Então, para se evitar perder desnecessariamente um personagem, deixo algumas dicas:

Diferente do primeiro jogo, aqui você não gasta influência para ter um seguidor, então ande acompanhado. O personagem controlado pelo jogo não é dos mais inteligentes e não usará nenhum consumível por conta própria, então fique atento a sinais de lesões ou doença.

Sempre leve em sua mochila itens para cura (bandagens ou analgésicos), acredite, por mais habilidoso que você seja, eventualmente precisará usá-los.

Assim que possível, ande com uma arma equipada e leve um cartucho reserva na mochila. Use as armas de longo alcance apenas quando necessário, do contrário opte por armas de corpo-a-corpo.

Você tem vigor limitado. Não adianta ir correndo como um louco para cima dos inimigos, porque você vai se cansar antes de perceber. Pondere sobre os golpes e alterne-os com tiros para permitir que o vigor se recupere, outra dica é levar lanches para recuperar imediatamente o vigor durante lutas mais longas.

Reconhecer um terreno antes de explorar

Esta técnica já foi apresentada no primeiro jogo da franquia, mas neste segundo jogo ela tem uma importância bem mais relevante. No seu mapa, desde o começo do jogo vão aparecer ícones de binóculos indicando diversos ponto de reconhecimento, podendo ser torres de celular, outdoors de publicidade, entre outros.

Jogadores iniciantes e experientes vão se beneficiar de reconhecer primeiro o terreno para direcionar melhor seus esforços na medida que os explorar, afinal, na maioria das vezes a nossa exploração não será mero fruto do acaso e estaremos buscando um recurso específico.

Recursos

A sua base é constituída por alguns recursos básicos, a saber: alimentos, remédios, munição, materiais para construção e combustíveis.

Todos os recursos são importantes para a sua base, alguns são mais em algum momento do jogo, outros menos. Eu considero os alimentos como o recurso mais importante, porque você precisa desde o começo do jogo e irá precisar até o jogo concluir, considerando o padrão de 1 unidade consumida por pessoa em um dia. Outro recurso vital são os materiais para construção, não apenas para expansão da sua base no começo do jogo, mas também para mantê-la durante todo o decorrer da campanha.

A sua base também conta com mão de obra disponível (para obras, reparos ou construções), além de camas para que todos tenham onde dormir. A disponibilidade destes recursos aparecem pouco abaixo dos recursos disponíveis na base.

O Sistema de loot é bem lógico

Pode não parecer, mas o sistema de loot do jogo é extremamente bem feito. Desde exemplos simples até coisas mais complexas, como por exemplo: Precisando de remédios? Visite uma farmácia ou o banheiro de uma residência. Necessitando de materiais de construção? Visite uma casa que estava em construção ou uma garagem. Precisando de adubos para melhorar a produção de seu jardim? Visite um celeiro ou uma loja de materiais para plantação. Depois de ter identificado no mapa os pontos de interesse da região, o próprio jogo mostra para você qual o possível recurso que você encontrará em certa construção.

Como é possível ver acima, o sistema é extremamente intuitivo e lógico, então tome proveito disso após identificar os pontos de interesse em uma região.

Habilidades

Neste jogo, todo o personagem tem quatro habilidades básicas: Cardio, Inteligência, Luta e Tiro. Assim como no TES V: Skyrim, aqui você melhora as habilidades usando-as (este efeito é potencializado quanto mais alta a moral de sua base). Todas as habilidades tem sete pontos, e assim que você chegar no sétimo ponto, você pode escolher uma especialização no menu de habilidades (por padrão a tecla U do teclado). Esta especialização então poderá ser nivelada novamente por mais sete pontos, melhorando ainda mais o seu efeito. Cada habilidade básica tem quatro especializações possíveis. As habilidades de especialização aparecem conforme a utilização, ou seja, se você usa muito armas brancas com lâminas, é extremamente provável que uma das opções de melhoria de luta deste personagem será esgrima, que é justamente a especialização de luta em armas brancas com lâminas.

Além das quatro habilidades básicas, todos os personagens podem ter uma quinta habilidade, chamada de habilidade da comunidade. Elas podem já vir com o personagem ou serem aprendidas através de livros disponíveis no jogo. São 8 habilidades de comunidade disponíveis: Computadores, Construção, Cozinhar, Jardinagem, Mecânica, Química, Medicina e Serviços Públicos. Todas as habilidades tem sete pontos, e assim que você chegar no sétimo ponto, você pode escolher uma especialização no menu de habilidades (por padrão a tecla U do teclado). Esta especialização então poderá ser melhorada novamente por mais sete pontos, habilitando opções únicas de construção e melhorias. Cada habilidade básica tem duas especializações possíveis, sendo que as especializações sempre vão aparecer ao alcançar o último ponto. As habilidades de comunidade também são niveladas por uso, ou seja, você precisará usar para nivelar, só que a utilização neste caso será por utilização em sua base (por padrão a tecla B no teclado), e não em tempo real no jogo.

Observações Importantes:

Alguns traços podem limitar o número de pontos disponíveis e não permitir a especialização. Para tal, verifique os traços dos personagens que aparecem logo acima das habilidades.

Algumas habilidades de comunidade possuem apenas um ponto, como música, costura, entre outras. Não é possível nivelar essas habilidades.

Note que com o lançamento da DLC Daybreak, é possível recrutar soldados de elite da Garra Vermelha. Todos eles contém uma habilidade de comunidade com apenas um ponto, só que elas representam habilidades totalmente niveladas já com especialização, não sendo possível alterá-las.

O Líder da Comunidade

Quando alguém é recrutado na sua base, ele é considerado um desconhecido, após ganhar um pouco de influência fazendo ações que ajudam a comunidade, ele será promovido a cidadão (note que os três primeiros membros do enclave já são considerados cidadãos), e ganhando uma quantidade considerável de influência ele será promovido a herói, liberando uma habilidade única e a possibilidade de ser promovido a líder. Existe uma barra de progresso que aparece na tela de habilidades do personagem (por padrão, é a tecla U do teclado).

Existem quatro tipos de heróis possíveis: xerife, líder militar, comerciante e construtor. Cada um deles tem vantagens exclusivas, tanto para o jogo que você está jogando (através de construções únicas), quanto para uma próxima comunidade, após o jogo ser concluído (chamado vantagens de legado). Lembrando que você pode ter até duas vantagens de legado em uma nova comunidade, após ter concluído com sucesso o jogo com estes líderes.

Xerife

Construções: Hospital de campanha (lote grande) – torna a enfermaria obsoleta e ganha a habilidade de curar infecções ou machucados de toda a comunidade de uma só vez; Salão (nível 3 – lote grande) – Melhora a velocidade com que os seus sobreviventes melhoram suas habilidades; Campo de Tiro (nível 2 – lote pequeno) – Libera a habilidade de melhorar a habilidade de tiro de todas as pessoas da comunidade.

Legado: Recebe uma pilhagem diária de velhos amigos, uma vez por dia.

Meus comentários: Durante o gameplay, o xerife é o líder que eu particularmente mais gosto, especialmente por causa do salão (nível 3), que permite o treinamento que melhora todas as habilidades de todo mundo, necessitando apenas de energia e mão de obra para realizá-lo. Falando do legado, eu particularmente não gosto muito, mas não é o que considero pior.

Líder Militar

Construções: Arsenal (lote grande) – permite a fabricação de qualquer tipo de munição, além de anexos de alta qualidade para as armas; Quartel Espartano (lote grande) – permite colocar oito camas no quartel, todavia com uma penalidade de moral; Academia de luta (nível 2 – lote pequeno) – Libera a habilidade de melhorar a habilidade de luta de todas as pessoas da comunidade.

Legado: Recebe uma pilhagem gigante de armas, munição e granadas quando você começar a sua primeira base.

Meus comentários: Durante o gameplay, eu considero o arsenal a construção mais apelona de todo o jogo, basicamente se você souber onde olhar, tem munição para as armas sem nenhum tipo de dor de cabeça, todavia as demais construções não me agradam. Falando do legado, considero o pior de todos, pois sabendo onde olhar, não demora muito para encontrar armas e munições.

Comerciante

Construções: Armazém (lote grande) – Gera influência todos os dias e permite chamar mercadores específicos que você pode comprar e vender itens com a sua influência. Fazenda (nível 3 – lote grande) – Aumenta a produção de alimentos ou remédios em 4 unidades por dia, comparando com o nível anterior. Alambique (nível 2 – lote pequeno) – Permite a fabricar bebidas de luxo, que podem ser vendidas por influência para outros mercadores.

Legado: Receba a visita de um comerciante amigo e 4.000 pontos de influência quando começar a sua primeira base.

Meus comentários: Durante o gameplay, é uma pena que a função do armazém é extremamente reduzida, já a fazenda é uma boa opção, apesar de eu substituí-la com frequência por duas hidroponias em meus jogos. Falando do legado, eu normalmente opto por esta opção, pois permite um crescimento mais rápido da comunidade (tomando postos avançados, indo para bases maiores mais rápido, entre outros).

Construtor

Construções: Torre do sniper (lote grande) – Funciona como uma torre de vigia e libera a habilidade de cobertura do sniper no rádio. Quartel de luxo (lote grande) – permite colocar cinco camas no quartel, só que um bônus significativo de moral. Gerador (nível 3 – lote pequeno) – Gera energia para a base usando 1 de combustível por dia, sem fazer barulho.

Legado: Água e energia para toda a base, sem custos e sem fazer barulho.

Meus comentários: Durante o gameplay, eu particularmente gosto do bônus de moral do quartel de luxo, e acho a torre um tanto quanto desnecessária, lembrando que lotes grandes são restritos e podem ser melhor aproveitados para outras funções. Falando do legado, é simplesmente o melhor de todos e ponto final, é um “must” em qualquer comunidade nova que eu faça.

Observação Importante: As construções únicas exigem a presença do líder no momento da construção, e apenas nesse momento, isso quer dizer que você pode promover alguém a líder, fazer tudo o que quiser daquele líder, exilar esta pessoa, promover outra e repetir o processo. Eu mesmo não faço isso, mas não deixa de ser uma opção interessante (principalmente com o líder militar).

Traças

Em cima das habilidades do personagem (por padrão pressionando U no teclado), você verá a seção de traços. Todos os personagens do jogo vão possuir em algum momento quatro traços distintos, sendo um traço associado a habilidade de comunidade e os outros três associados a personalidade da pessoa propriamente dita. Cada um dos quatro traços podem ter três características diferentes: Positivas (texto adicional em cor verde), negativas (texto adicional em cor vermelha) e neutras (sem texto adicional).

Conforme vamos discutir adiante, a sua comunidade tem um número limitado de habitantes, então não é interessante manter pessoas que estejam levando você para o buraco. Mantenha as pessoas apenas enquanto elas forem úteis, após isso, exile-as e continue procurando pessoas com características que realmente sejam úteis para o seu estilo de jogo.

Observação Importante: Antes de recrutar um novo sobrevivente não será possível ver os seus traços, mas será possível ver suas habilidades para que você escolha alguém adequado para o que você quer fazer em sua base. Se um personagem possuir no total um número inferior a 100 pontos de vida ou vigor, tenha certeza que é um personagem com traço negativo e muito provavelmente você não irá o querer em sua base. Outra informação relevante é que alguns sobreviventes, como os soldados da Garra Vermelha, possuem um traço que reduz as recompensas de prestigio. Apesar de ser um traço negativo, ele não dos piores, a única coisa ruim é que ele vai demorar mais para virar um herói da comunidade.

Limite de população

Apesar de não estar explícito em lugar algum, a sua base tem um limite máximo de habitantes, mesmo que você tenha camas e recursos disponíveis. Este número varia entre 9 à 12 habitantes.

Explicando: Quando você chegar a 8 ou 9 habitantes (dependendo de um código gerado pelo jogo, mas considere 8 como via de regra), ainda será possível recrutar membros para a sua comunidade através das missões locais, como por exemplo a missão “Sobrevivente em apuros”. Os recrutamentos normalmente limitam-se a 1 novo sobrevivente, mas raramente podem ser de 2 ou mesmo 3. No momento em que você possuir o número do gatilho inicial (8 ou 9) acrescido de pelo menos um, automaticamente nenhum outro sobrevivente se vai se voluntariar para entrar na sua base, mesmo os recrutas da Garra Vermelha na DLC Daybreak.

Por esta razão eu comentei que você não precisa ficar com pena de expulsar membros com traços ruins de sua base, pois no momento em que você ficar no número do gatilho ou inferior, será possível fazer o recrutamento novamente. Note que não é em toda missão que é possível recrutar, mesmo com o número abaixo do gatilho, por vezes você tem que fazer várias missões desse tipo para que o jogo permite o recrutamento novamente.

Destruindo núcleos pestilentos

Uma das principais missões do jogo é destruir os núcleos pestilentos de sua cidade, que normalmente são 12 gerados aleatoriamente no início do jogo (com exclusão do primeiro, que tem ponto fixo).

Para localizar os núcleos você pode localizá-los através dos pontos de observação, além de identificá-los visualmente por nuvem vermelha que paira sobre a construção, sendo sempre cercados por uma ou duas hordas de zumbis infectados.

Algumas dicas para os destruir:

Limpe a área em volta do núcleo, além da construção em que o núcleo está, destruindo as hordas e os inimigos especiais.

Evite armas corpo-a-corpo no núcleo pestilento, elas dão pouquíssimo dano e você ainda sofrerá um dano em área que irá o lesionar quando o núcleo estiver morrendo;

Explosivos e armas pirotécnicas são armas excepcionais contra eles. Apenas um explosivo C4 militar é suficiente para derrotar o núcleo (você pode fabricar bons explosivos com um químico com especialização em munições, tendo disponível uma oficina de nível 3 ou construção semelhante);

Leve com você um rifle ou escopeta automática, com dois pentes extras de munição e se possível coloque um freio ou redutor no bocal da arma. Evite armas lentas. Agora se não tiver jeito e você estiver apenas com aquela arma fraca e lenta, certifique-se que ela tem pelo menos dois pentes extras de munição, que ela está em perfeito estado de conservação, com um personagem com boa habilidade de tiro (preferencialmente com especialização em manuseio de armas), se possível coloque um freio ou redutor no bocal da arma, além de levar pelo menos 2 fogos de artifício ou outro mecanismo de distração.

Use e abuse de suas DLCS

Muitos jogos não oferecem vantagens significativas através de suas DLCs, não sei se por sorte ou azar, este não é o caso do State of Decay 2. As DLCs aqui realmente facilitam muito a sua vida, principalmente no começo do jogo.

A minha dica aqui é simples: Assim que você começar o jogo, peça todas as armas de DLC que você puder, assim como os pacotes de suprimentos e guarde-os em sua base. Não tenha medo de usá-los, pois você pode fazer isso em cada uma das comunidades que fizer. Em relação aos carros eu sou um pouquinho mais conservador, porque as bases iniciais tem apenas duas vagas, neste caso eu recomendo a pegar apenas um carro, particularmente eu gosto da caminhonete (Incinerador – DLC do dia da independência), pois tem 6 assentos, 6 lugares no porta-malas e é um carro bem rápido.

Informação Importante: Se você pedir um conteúdo de DLC e o perder, como um carro, por exemplo, terá que pagar 1.000 pontos de influência para pedir novamente, depois de um certo período de tempo. Isso aplica apenas para o mesmo gameplay, pois se você fizer outro, poderá pedir novamente sem custos.

Escolha os personagens certos

State of Decay conta com quatro duplas de personagens, que podem ser escolhidos ao início de cada campanha. Além do visual e carisma diferente, os sobreviventes também contam com habilidades específicas. Quando for iniciar sua primeira campanha, não deixe de observar qual das duplas tem habilidades que se encaixam com o seu estilo de jogo. Esses atributos poderão ser melhorados e tornarão sua vida mais fácil.

Seja silencioso

Correr atirando e derrubando itens sem se preocupar com os inimigos não é uma opção em State of Decay 2. No game, é importante fazer o mínimo barulho possível, para evitar encontros e duelos desnecessários contra zumbis. Tenha cuidado ao disparar ou até mesmo ao fazer buscas rápidas em caixas de itens, ou você pode terminar cercado.

Cuidado ao tomar decisões

Durante a história, é necessário tomar algumas decisões difíceis, que mudam completamente o rumo dos personagens. Preste atenção aos diálogos com seu parceiro e outros sobreviventes e tente absorver informações antes de fazer sua decisão, já que você não poderá voltar atrás depois disso.

Finalize zumbis no chão

Zumbis podem se arrastar no chão até você depois de serem derrubados, ou mesmo serem encontrados nesse estado durante a sua exploração. Nesse caso, aproveite e finalize-os rapidamente segurando RT e pressionando o botão de golpe. Essa é a forma mais eficiente de acabar com a ameaça sem chamar muita atenção.

Economize suas balas

Munição é um recurso escasso em State of Decay 2, e deve ser usada com extrema parcimônia. Guarde os seus disparos para momentos críticos, onde você deve enfrentar inimigos muito fortes, ou a longa distância. Atirando menos, você também atrairá menos atenção indesejada dos zumbis.

Gerencie bem o seu espaço para itens

As bolsas dos personagens de State of Decay 2 têm espaço bastante limitado para guardar itens, que deve ser usado com inteligência. Carregue somente o que você precisará nas suas aventuras, como armas e remédios, e deixe itens mais pesados guardados nos baús da sua base. Assim você sempre terá espaço para coletar itens sem ter que descartar nada.

Use carros

Principalmente no início do jogo, o seu espaço para guardar suprimentos, armas e o que mais encontrar enquanto explora é bastante limitado pelo tamanho da sua mochila. Outro problema é que você só pode carregar um saco de suprimentos por vez, o que além de ser pouco produtivo, gera um sobrepeso no seu personagem. Para resolver esse problema, use carros para transportar tudo no porta-malas. O espaço disponível neles é bem maior e caso você os estacione nas vagas da base, poderá transportar tudo para o seu armário automaticamente.

Gaste bem a sua influência

Não existe dinheiro como conhecemos em “SoD 2”. O que pode ser usado para comprar novos postos avançados e mercadorias de outros grupos é a sua influência, que é adquirida ao completar certas ações no jogo. No princípio do jogo você terá mais dificuldade de acumular influência, portanto gaste sabiamente. Ao invés de trocar por itens que você pode adquirir facilmente mais tarde, guarde para dominar os 2 postos avançados que você pode fazer logo de cara, garantindo assim algum tipo de recurso constante para a sua base.

Escolha bem o que construir

A sua base tem espaços limitados a princípio, enquanto que você terá várias opções de construções, que podem trazer água, energia, comida, medicamentos ou mesmo camas para os seus protegidos. Para maximizar o volume de coisas que você pode ter, tente primeiramente abrir postos avançados que garantam água e energia, economizando assim espaços para construir outras coisas para a sua base.

Ajude sobreviventes

Existem grupos de sobreviventes dentro do jogo que podem te ajudar. Alguns deles irão se mudar para a sua base, enquanto outros, que já t~em a deles, vão garantir trocas de itens por influência. Diversas vezes você receberá pedidos de ajuda desses grupos, requisitando algum tipo de suprimento. Tente sempre ajudá-los, utilizando os suprimentos que você tem na base (é possível empacotá-los de novo e carregá-los) para ajudar essas pessoas. No futuro eles te ajudarão de volta e será bom para você e sua base.

Satisfaça seus companheiros

Os membros da sua base têm vontades específicas e podem estar descontentes com a falta de alguma coisa. Fique sempre atento ao que eles desejam, através do menu da base e tente satisfaze-los. Isso trará bônus relevantes em diversas áreas necessárias para a aventura.

Leve companheiros para explorar

É sempre bom sair pra explorar o mundo pós-apocalíptico na companhia de algum membro da sua base. Além de obviamente ajudar no combate, caso seu companheiro pertença a algum grupo, eles poderão fazer trocas com você durante a exploração, garantindo que você venda seus itens desnecessários. Caso a quantidade de influência desse companheiro venha a acabar, basta chamar um novo de outro grupo. Só fique atento para o cansaço deles, caso eles se esgotem em campo, vão voltar para a base sem te avisar.

É possível pausar o jogo!

O jogo só não te deixa pausar por conta da opção de multiplayer ligada. Caso você estiver jogando em coop, realmente não existe como pausar. Mas se você estiver no modo para um jogador, basta desligar o multiplayer nas configurações do jogo e o pause voltará a congelar o tempo.

Estoque temporário no porta-malas

Aumentar o armazenamento da base não é um trabalho simples, além de custar muitos materiais para nivelar um armazém, também precisamos fabricar outros itens de armazenamento como frigobares, estantes, entre outros, em uma oficina nível 3 (ou equivalente), e isso normalmente demanda tempo. Colocar os itens no inventário para estragar ou ficar abrindo as bags pela interface do inventário também não ajudam muito em nosso objetivo, o que fazer então? Armazene as sacolas em lugares que você sabe que jamais vão estragar. Não estou falando de um armazém refrigerado ou coisas do tipo, estou falando de um lugar resistente a explosão onde o item jamais vão estragar, e este lugar é o porta-malas do seu carro… é sério, eu não estou brincando. Você pode explodir o carro que as bags ficam intactas. Então você já sabe, quando a sua base estiver com recursos excedentes, ache um furgão ou outro carro grande, coloque ele na sua base e use como armazenamento. Com 8 espaços no porta-malas e uma média de 5 unidades de itens por sacola, você tem o equivalente a 40 unidades de recursos guardados sem nenhum custo!

Referências:

Bruno Kit Sune, Uol, wikipedia, techtudo.

Death Stranding

Death Stranding (デス・ストランディング Desu Sutorandingu?) é um jogo eletrônico de ação desenvolvido pela Kojima Productions e publicado pela Sony Interactive Entertainment. Foi lançado no dia 8 de novembro de 2019 para PlayStation 4 e será lançado em 2020 para Microsoft Windows. É o primeiro jogo da companhia e seu diretor Hideo Kojima após a dissolução da empresa como subsidiária da Konami, em 2015. O seu elenco conta com os atores Norman Reedus, Troy Baker, Mads Mikkelsen, Léa Seydoux e Lindsay Wagner. O diretor Guillermo del Toro também participará do jogo, mas sua voz e movimentos serão capturados por outra pessoa. O título refere-se ao fenômeno do arrojamento, em que animais marinhos encalham em praias.

Death Stranding foi anunciado oficialmente durante a conferência de imprensa da Sony na Electronic Entertainment Expo de 2016. Seu desenvolvimento completo começou em 2017 utilizando o motor de jogo Decima, criado originalmente pela Guerrilla Games e aprimorado por esta e pela Kojima Productions. Um dos principais aspectos do jogo é a conexão entre vida e morte, com Kojima inspirando-se em um conto do escritor Kōbō Abe (The Man Who Turned Into A Stick (棒になった男 – Bō ni natta otoko) para o desenvolvimento dos temas e jogabilidade do título.

Death Stranding recebeu críticas geralmente favoráveis ​​através da crítica especializada, que o viram como uma experiência única e elogiaram sua dublagem, trilha sonora e gráficos, embora muitos tenham sido polarizados por sua jogabilidade e história.

Entregas

Faça várias entregas por viagem. Cumprir diferentes pedidos destrava ferramentas e uma conexão quiral aprimorada. Quanto maior o nível, mais estruturas estarão disponíveis para a construção, como pontes e torres. Esses recursos serão bastante úteis para poupar tempo de andança.

Entregando itens requisitados ou recuperando a carga perdida vai aumentar a reputação de Sam Bridges como entregador. Quanto mais popular, mais a capacidade de carga é melhorada.

O jogador não está sozinho no universo de Death Stranding. Conforme as criações são colocadas no mundo, os outros jogadores poderão curtir as obras, melhorando os próprios atributos. Claro que é uma via de mão dupla: aproveite as ferramentas deixadas pelos amigos para conseguir caminhos rápidos e melhores.

As caixas postais espalhadas no mundo funcionam como um cofre que permitem guardar itens temporariamente para o protagonista conseguir carregar ainda mais peso.

Carregamento

O gerenciamento é importante. Os pedidos vão exigir itens leves ou uma quantidade grande de cargas pesadas. É importante avaliar a distância e como serão transportados os itens. No início, saiba realocar os produtos no corpo de Bridges e, depois, use veículos, bolsas e tudo o que tiver direito.

O jogador precisa ter uma noção não somente do próprio corpo, mas também do terreno a ser enfrentado. Mesmo que a carga esteja montada no protagonista, os lugares íngremes ou os rios podem dificultar a vida.

Fique atento aos comandos do R2 e L2 que vão auxiliar na hora de manter o equilíbrio. Os MULEs vão tentar desequilibrar e o próprio ambiente parece agir contra o Sam.

A luta contra os EPs

Os BTs são os seres assustadores de Death Stranding. Nestas horas, furtividade é a principal aliada neste momento. O Odradrek, equipamento funcionado pelo BB, vai apontar a localização dos monstros, por isso, evite ficar próximo. Segure o fôlego para conseguir escapar despercebido.

Há a opção de derrotar os EPs e coletar Cristais Quirais. Com as armas corretas, é uma boa forma de obter recursos especiais para a construção de ferramentas.

Mesmo com o aparecimento dos monstros, continue na missão de entregar os pedidos. É possível que novos equipamentos surjam e facilitem a vida contra as criaturas.

Construa as estradas assim que possível

Assim que Sam alcançar Lake Knot City na região central do país, os jogadores podem construir estradas pelo mapa que interligam os terminais, dando fácil acesso aos principais pontos de interesse.

Para isso, é preciso doar boas quantias de cristais quirais, metais e cerâmicas para a autopavimentadora que vai criar as rodovias a partir de carbono.

Essas estruturas ainda são coletivas, ou seja, as estradas que outros jogadores criarem também podem aparecer para você. Por isso é uma boa se conectar diretamente com quem estiver empenhado nas construções, assim vocês podem se ajudar e todos saem ganhando.

Fique de olho nas construções de outros jogadores

Um dos pontos fortes do multiplayer de Death Stranding é a conexão entre os mundos dos jogadores, que faz com que as construções de outra pessoa apareçam aleatoriamente em seu mapa.

Algumas entregas vão fazer Sam carregar mais de 100 quilos, então será bem complicado levar as cargas e os itens de escalada que são cruciais em áreas íngremes e montanhosas.

O jeito mais fácil é fuçar o mapa para encontrar cordas, escadas, pontes ou qualquer construção útil que outros jogadores deixaram por aí e traçar uma rota personalizada por eles — assim você carrega menos carga e ainda consegue fazer um caminho até o objetivo.

Sempre carregue um CQP

O CQP (que significa “construtor quiral portátil”) é o seu mais novo melhor amigo. Ele é uma tecnologia capaz de construir diversas estruturas, como geradores de energia, quartos privados, abrigos contra a chuva temporal e outras coisas úteis.

Em trajetos muito longos que envolvem montanhas, Sam pode ficar cansado ou a energia de sua moto pode acabar, deixando o jogador em uma bela enrascada.

Por isso, é sempre bom ter um CQP acoplado no porta-ferramentas da mochila, assim não sobrecarrega o peso das cargas nas costas e ainda tem um belíssimo “plano B” se as coisas derem errado.

Use e abuse da previsão do clima

Ao decorrer do jogo, Sam acaba adquirindo dois recursos importantes para manter as rotas ainda mais seguras: a previsão do tempo e a criação de abrigos contra a chuva temporal.

Prever o tempo faz com que o jogador fique ciente de quando e onde a “chuva temporal”, causada pela presença de BTs (os monstros do “outro lado”), vai acontecer para poder traçar uma rota que evite os inimigos.

Já para criar um abrigo é preciso de um CQP (já citado aqui antes). Ao interagir com a estrutura, o jogador pode acelerar o tempo até a “chuva temporal” parar e a área já estiver livre dos BTs. Ela ainda restaura o dano de suas cargas, sendo também um belo lugar para Sam descansar.

Preste atenção nas placas espalhadas pelo mapa

Os jogadores podem se ajudar indiretamente colocando placas que avisam de pontos de interesse ou perigos em determinadas áreas. Algumas avisam onde tem BTs ou MULEs (inimigos humanos), outras já apontam fontes termais que restauram a estamina de Sam.

Por mostrarem tanto o que é negativo quanto positivo para o jogador, é sempre bom ficar de olho nelas quando o mapa for aberto. Elas podem dar uma dica valiosa para que a sua viagem não seja interrompida por fatores desagradáveis.

Algumas placas ainda são interativas e podem restauram a energia do protagonista, acelerar sua velocidade, acalmar o BB, entre outras coisas. Então não deixe de passar por elas!

Use bem o espaço e equipamento

Muito do desafio de Death Stranding diz respeito ao gerenciamento de inventário e bom uso do sistema de física do game. Para melhorar os movimentos do protagonista Sam, é uma boa ideia equipar as suas escadas e equipamento de escalada nos seus braços e pernas, distribuindo bem o peso de tudo para que o personagem não tropece sem necessidade. Deixe para guardar na caixa de ferramentas os itens de médio e grande porte.

Corra com cuidado

Sempre que Sam estiver correndo pelo mapa, aumentam as chances de que o personagem caia acidentalmente. Quando o terreno é inóspito, repleto de rampas ou pedras, a corrida é ainda mais arriscada, então prefira andar devagar por essas áreas. Lembre que Sam possui uma espécie de pulo duplo: quando for saltar, aperte o botão de pulo novamente para que o personagem faça um salto longo, ideal para atravessar pequenos buracos e abismos.

Não esqueça de descansar

Sam é uma pessoa comum e não aguenta correr por muito tempo sem parar para descansar. Quando o personagem estiver fadigado, aumentam as chances de tropeçar e perder sua valiosa carga, então pare um pouco de tempos em tempos. Lembre que você pode segurar os botões L2 e R2 nos terrenos mais íngremes para descer com cautela extra.

Equilibre bem as encomendas

Quando as encomendas nas costas de Sam forem muito pesadas, você perceberá que o personagem e as caixas balançam para os lados enquanto ele anda. Tente caminhar de forma a regular sozinho o peso, novamente apertando os botões L2 ou R2 enquanto se vira para garantir que nada caia no chão. A tentação de largar itens pode ser grande, mas eles somem e são considerados perdidos de vez caso você fique a mais de mil metros de distância deles. Sendo assim, guarde os itens que não for transportar ou utilizar.

Ganhe muitos likes

A conexão da sociedade em Death Stranding passa por profundos elementos online. No geral, contribuir para fazer um mundo melhor é a chave para receber curtidas de outros jogadores: melhore as estruturas deixadas para trás por outras pessoas, entregue itens pedidos por outros jogadores e construa atalhos úteis na exploração. Cada curtida recebida gera uma notificação e um pequeno aumento de fôlego. Se a obra de outro jogador estiver atrapalhando seu progresso, segure o botão Options para destruí-la. Quanto mais likes você der, mais curtidas receberá de volta, então não tenha vergonha de enviar muitos joinhas.

Ajudas durante a viagem

Algumas rotas de entrega de Death Stranding consomem muito tempo de viagem. Felizmente, há alguns itens e elementos que tornam o caminho mais tranquilo. Passe por cima de um sinal BB para deixar o feto feliz e aliviar o seu estresse. Passe por cima de uma seta para ganhar mais velocidade em seu veículo. Se estiver com dificuldades para encontrar bons transportes, vasculhe as garagens em busca das motos de outros jogadores. Se você criar mais de quatro veículos, suas sobras serão desmontadas e enviadas online para ajudar outros jogadores também.

Dicas de combate

Mules são os inimigos mais recorrentes de Death Stranding, e a melhor forma de lutar é segurar o botão L2 para preparar seu Strand, e então pressionar R2 para dar parry enquanto o tempo desacelera. Se o inimigo soltar um item, vale a pena pegá-lo rápido para atacar as demais ameaças mais próximas. Quando o inimigo cair, olhe os símbolos acima dele; se aparecerem dois círculos, eles logo levantarão para seguir lutando. Ataque até aparecerem estrelas, o que indica que eles continuarão caídos, sem representar uma ameaça para Sam.

Crie checkpoints pelo caminho

A distância entre dois abrigos pode ser muito grande, então é uma boa ideia deixar caixas de correio no meio do caminho entre seus dois postos de descanso. Nas caixas você pode deixar parte das suas encomendas guardadas, e então viajar mais leve. Outra boa ideia é construir geradores do lado de fora dos bunkers dos Preppers, os personagens holográficos que aguardam suas entregas. Essa é uma ótima forma de ganhar mais likes de outros jogadores. Para o caminho de volta, também vale a pena asfaltar e criar estradas, o que economiza bastante tempo e bateria, pois os veículos rodam mais leves no meio de estradas.

Gerencie bem o seu sangue

Algumas armas disponíveis em Death Stranding funcionam movidas à sangue. Ao utilizá-las, as armas podem sugar o sangue do próprio Sam caso você não tenha uma bolsa de sangue devidamente equipada. Quando for utilizar uma arma de sangue, aperte o botão esquerdo do D-Pad para equipar uma bolsinha de sangue e evitar que o Sam perca energia de forma desnecessária.

Escadas e âncoras são as ferramentas essenciais de Death Stranding, e são úteis até o fim do jogo.

Sempre que encontrar algum obstáculo significativo, é provável que a solução mais simples envolva um destes itens, seja para subir ou descer de algum lugar.

Especialmente ao explorar regiões que ainda não foram conectadas à rede quiral, recomendo levar ao menos duas âncoras e escadas, já que nunca se sabe quando vai se encontrar uma parede ou penhasco.

Preste atenção nas suas botas

Assim como o próprio Sam, as botas que ele utiliza se desgastam com o tempo, ao ponto de ficarem completamente inutilizadas se o jogador não trocá-las.

Por que isso é ruim? Bom, andar descalço pelos terrenos repletos de pedregulhos do mundo de Death Stranding significa que Sam pode começar a sangrar profundamente pelos pés, se não resolvido com o tempo, pode até causar sua morte.

Por isso, carregue pares extras — Sam tem um gancho especial capaz de segurá-las em seu uniforme — e sempre que notar que o desgaste já está significativo (geralmente ao atingir a cor amarela na faixa de durabilidade no canto inferior esquerdo da tela), e fabrique novas botas em lugares conectados à UCA sempre que possível.

Sempre confie na bondade dos estranhos

Pegue coisas de outras pessoas e fabrique os seus próprios equipamentos usando materiais preciosos. Procure itens e veículos em locais compartilhados.

Usar os equipamentos de outro jogador é uma boa estratégia, mas não esqueça de também deixar equipamentos seus para o próximo.

Cuidado com a quantidade de peso que você carrega

Esta é uma das dicas mais importantes para quem está começando a jogar Death Stranding. No começo do jogo, Sam é bastante atrapalhado e vai tropeçar bastante. Para evitar que isso aconteça, abra o menu do jogo, vá na carga e aperte triângulo para que o jogo organize-a da melhor maneira possível.

Dessa forma, Sam se desequilibra menos e você consegue chegar mais facilmente perto do limite de peso que ele consegue carregar. Ele ainda vai tropeçar, mas bem menos do que antes.

Construa (ou evolua) estruturas

Um dos aspectos mais especiais de Death Stranding é ver o mundo ganhar mais forma ao juntar as diferentes partes da região à rede quiral, e a forma mais clara disso são com a construção de novas estruturas.

Por meio de itens como o CQP, o jogador pode construir pontes, torres de vigia, os já mencionados abrigos contra a chuva, caixas postais, entre tantos outras.

Não só isso, as estruturas que outros construíram estarão no seu mundo, e você poderá ajudá-los (e a si mesmo) ao evoluí-los, doando materiais para atingir níveis melhores e resistirem melhor às chuvas temporais.

O melhor exemplo disso é a autoestrada da região central, que requer uma enorme quantidade de recursos em diferentes regiões do mapa, e por isso precisa de um trabalho comunitário (ainda que indireto) para ser completada.

Não se apegue aos veículos

Em certo ponto, é possível desbloquear (e, posteriormente, fabricar) veículos como motocicletas e caminhonetes para atravessar o mundo mais facilmente.

Ao conectar as regiões à rede quiral, também será possível encontrar veículos de outros jogadores espalhados pelo mundo.

Por isso, se você encontrar um terreno em que for essencialmente impossível seguir com o veículo, não há problema em abandoná-lo. No outro ponto, é provável que haja uma caminhonete e moto semelhantes, criadas por outras pessoas, que também ficaram por lá

(Isso se complica um pouco, claro, caso você esteja carregando uma grande quantidade de itens para entrega)

Aproveite e compartilhe com o mundo

Relacionado aos pontos acima, Death Stranding reforça que seus jogadores estão, em maior ou menor escala, conectados e unidos uns com ou outros, e suas ações podem refletir de certa forma no game dos outros.

Cargas perdidas por jogadores conectados podem ser entregues para eles, da mesma forma que qualquer coisa que você perder irá para o jogo de outros. É possível doar materiais e itens que você não precisa, do mesmo modo em que é possível resgatar o equipamento dos outros.

Death Stranding é uma experiência compartilhada, ainda que de forma não-convencional, e por isso é melhor aproveitado se você cooperar com os outros de pequenas formas.

Recicle!

Isso é uma dica para a vida real também, mas reciclagem é uma ação essencial em Death Stranding, especialmente por ser um mundo em que recursos são tão escassos que o ideal é reaproveitá-los de outras formas.

Itens como botas, escadas, âncoras e granadas desgastadas com a chuva temporal podem ser recicladas e seus materiais usados para criar outros equipamentos.

Maletas e barris de materiais também devem ser reciclados para que centros de distribuição e abrigos para que abastecê-los e permitir ao jogador a construir mais coisas, então é aconselhável parte destes materiais espalhados pelo mundo – desde que não tenha coisas demais para cuidar, claro.

Um entregador prevenido vale por dois

Já que o assunto é se preparar, agora é hora de definir o melhor caminho. O mapa no menu do Death Stranding é extremamente detalhado, com uma definição muito clara da topologia e todos os elementos naturais que você irá enfrentar pelo caminho, como rios, montanhas e erosões. Evitar o máximo de percalços é possível fazendo uma boa marcação de caminho no mapa.

Ao pressionar quadrado, é possível marcar um ponto. Segure o botão e arraste até o próximo local desejado e solte. Isso criará uma linha estilo GPS dentro do jogo, bastando então segui-la para chegar aonde você quer. Lembre-se que não basta traçar dois pontos até o local da entrega, vá traçando diversos desvios para evitar os terrenos mais acidentados, buscando o caminho mais rápido e também seguro. Uma linha reta que passe por uma montanha enorme vai exigir mais que os desvios.

Além disso, por conta do Stranding System, você poderá ver placas deixadas por outros jogadores, que geralmente sinalizam que naquela local existem EPs, MULAS e outros inimigos que podem te atrapalhar. Enfrentá-los ou desviar é escolha sua, o importante é estar preparado.

Se ficar meio perdidão, pressione L1 para ativar o módulo bússola, que te joga em uma espécie de tela em primeira pessoa. Nessa tela é possível utilizar o D-Pad para virar para a direção dos pontos importantes e marcados no mapa sem precisar ficar se localizando pelo menu.

Use seu Scan para saber por onde andar

O Scan é imprescindível para navegar pelo mundo de “Death Stranding”. Ele coloca pequenas marcações e ícones por longas distâncias, mostrando por onde é melhor navegar e quais locais devem ser evitados.

Antes de atravessar um rio, por exemplo, sempre utilize o seu Scan. Os locais que forem marcados com bolinhas azuis podem ser atravessados com facilidade. Já os amarelos vão cobrir o Sam até o peito, deixando o bebê estressado. Os pontos vermelhos significam que o local é muito fundo, o que te fará ser arrastado pela correnteza, e soltará boa parte das suas cargas das costas. O mesmo vale para locais íngremes.

Além de ajudar na navegação, o Scan ainda indica recursos, como cristais quirais e criptobiontes, que podem ser coletados pelo caminho. Também indica caixas deixadas por outros entregadores e até mesmo a posição de inimigos. Faça bom uso dessa ferramenta.

Evite a chuva

A Chuva Temporal é um dos principais danos que o Death Stranding trouxe para a América criada por Hideo Kojima. Quando em contato com essa chuva, materiais e células vivas têm o seu tempo acelerado, o que envelhece os seres vivos e estraga as suas cargas.

Sam tem um traje feito para evitar essa chuva, mas ele não protege as cargas. Se você for até o seu menu de cargas, notará que existe uma barra de vida para as caixas, e outra para a carga em si. A Chuva Temporal corrói esse recipiente e depois estraga a sua carga em poucos minutos.

O ideal é evitar pegar chuva, mas nem sempre é possível. Para garantir que a sua carga chegue inteira e você receba mais curtidas pela boa entrega, tente sempre manter o recipiente intacto. Para isso, leve sempre o Spray de Recuperação de cargas. Esse item recupera os recipientes, tirando toda a ferrugem causada pela chuva. Ele inclusive recupera alguns dos seus equipamentos. Você pode direcioná-los direto para as costas, ou para frente se suas cargas estiverem empilhadas em um trator flutuante.

Em certo ponto, o Stranding System terá uma construção específica para isso: uma proteção para chuva que já atira o spray nas caixas. Mas ele chegará bem mais para frente no jogo, então não conte com ele no início. Outro recurso que chega mais tarde e protege da chuva é a caminhonete, que é coberta. Mas sem estradas pode ser um martírio ir para alguns lugares com ela.

Bastões revelam sua posição para os MULAs

Diferente dos jogos anteriores do Kojima, em “Death Stranding” o foco em combate e furtividade é bem superficial. Os inimigos são menos inteligentes e não contam com tantos estados de alerta como nos jogos anteriores. Para compensar, eles possuem um truque que vai revelar a sua posição caso falte atenção.

As MULAs são os inimigos humanos, que ficam de olho nos entregadores para roubar a carga e guardar em seus armários protegidos em um acampamento. Para detectar os entregadores, eles colocam bastões no chão que leem as etiquetas das suas cargas. Se você notar o bastão amarelo fincado no chão, desvie, caso contrário ele vai revelar a sua posição.

Se você caiu no truque dos caras, procure logo um local para esconder, como matos altos. Caso você esteja confiante, apenas encare de frente, um por um. O combate não é muito desafiador, então também é uma boa opção. Se eles roubarem a sua carga, vá até o acampamento mais próximo e procure no armário, sua carga provavelmente vai estar lá.

Leia os e-mails

Durante a sua jornada, Sam vai se conectar com diversas pessoas, compartilhar experiências e também acompanhar os resultados das mudanças do mundo na vida destas pessoas. Eventualmente elas irão enviar emails para contar as novidades e conversar um pouco.

Somente por abrir esses emails você ganhará algumas curtidas dessas pessoas, o que, somado às informações extras sobre o mundo e mecânicas, já valeria a pena. Mas o interessante mesmo é que alguns desses emails contém informações para missões secundárias e colecionáveis. Fique atento para descrições de pontos brilhantes, águas termais e muito mais.

Leia as entrevistas

A história de “Death Stranding” não é tão complicada como parecia, mas existem dezenas de detalhes que ficam escondidos e vão fazer os jogadores que encontrarem se aprofundar mais na narrativa proposta para o jogo. A maior parte delas será encontrada nas chamadas entrevistas, documentos que ficam no seu menu de informações.

A cada nova etapa alcançada em um relacionamento com um dos personagens, você poderá ganhar uma nova entrevista, que conta diversos detalhes do mundo antes, durante e depois do Death Stranding. Se você quer dominar todos os segredos do jogo, faça sempre uma visitinha para esse menu.

Troféus fáceis

Se você curte ir atrás de troféus, existem alguns muito simples de serem obtidos logo nas primeiras horas de jogo. Gritar, dormir, fazer xixi e trocar suas botas pela primeira vez, por exemplo, lhe darão troféus. Basicamente, você ganha um troféu sempre que utiliza uma mecânica do jogo pela primeira vez.

Cuide do BB

O famoso bebê de “Death Stranding” passará quase que o tempo todo ao seu lado. Acalmá-lo para que seu nível de stress não fique elevado pode ser a diferença entre a vida e a morte quando você estiver cercado por BTs. Se ele começar a chorar, aperte L1, depois d-pad para baixo e quadrado para escolher a opção de acalmar o BB. Descansar no quarto e em fontes termais também ajudam nesse processo.

Faça bastante xixi

É uma das mecânicas mais engraçadas do jogo e tem três utilidades. A primeira é que o xixi faz crescer cogumelos que podem ser vistos por outros jogadores. A segunda, e mais importante, é que xixi serve para criar Granadas EX No.1, que podem ser utilizadas contra os BTs.

Dicas finais

É possível escapar dos EPs mesmo depois de ser pego. Não deixe eles te derrubarem e saia da zona de alcatrão. Assim que sair, se abaixe, você estará seguro e escondido de novo.

Se for derrubado, você também pode escapar do EP gigante. Corra para fora da zona do alcatrão e ele irá desaparecer para o outro mundo junto com todos os inimigos da área.

Ajude a construir estradas, elas aceleram a travessia pelo mundo.

Faça entregas secundárias para conseguir equipamentos melhores ao ganhar mais estrelas de afinidade com o local.

Use os esqueletos corretos para cada terreno, focando na velocidade e na integridade da carga.

Referências:

Jovem Nerd, Critical Hits, Meu PS4, The Enemy, Uol, Techtudo, Wikipedia.