Dishonored 2

Dishonored 2 é um jogo eletrônico de ação-aventura furtiva desenvolvido pela Arkane Studios e publicado pela Bethesda Softworks. É uma sequência de Dishonored de 2012 e foi lançado mundialmente em 11 de novembro de 2016 para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One. A história se passa na cidade costeira de Karnaca quinze anos depois dos eventos do jogo original, seguindo a imperatriz Emily Kaldwin ou seu pai Corvo Attano enquanto tentam reconquistar o trono usurpado pela bruxa Delilah Copperspoon. Tanto Emily quanto Corvo empregam suas próprias habilidades sobrenaturais únicas para poder completar missões e eliminar alvos por meio de furtividade ou violência, navegando através de ambientes abertos.

Ideias para Dishonored 2 foram concebidas durante o desenvolvimento dos conteúdos para download do jogo original, o que levou a decisão de dar voz ao personagem de Corvo depois de ele ter permanecido um personagem silencioso durante toda a história. O avanço na linha temporal ocorreu assim que foi proposto que Emily, que era apenas uma criança em Dishonored, se tornasse uma personagem jogável. O visual do título foi inspirado em obras de arte como pinturas e esculturas. A cidade de Karnaca foi inspirada em países mediterrâneos como Grécia, Itália e Espanha, com os desenvolvedores se influenciando pela arquitetura, moda e tecnologias de 1851. A Arkane também desenvolveu um motor de jogo totalmente novo para uso em Dishonored 2.

O jogo foi muito bem recebido pela crítica ao ser lançado. Elogios foram feitos para as melhorias realizadas em relação ao título original, como a furtividade mais desafiadora, a adaptabilidade dos poderes de Corvo e Emily, a direção de arte, o projeto criativo das missões individuais, a concepção do mundo de jogo, boa inteligência artificial e valor em se jogar de novo. Os principais pontos negativos foram direcionadas para uma narrativa decepcionante, além de alguns erros técnicos e problemas com a versão para Microsoft Windows. Dishonored 2 foi indicado a vários prêmios e teve números de vendas razoáveis. Mídias adicionais foram criadas com o objetivo de aprofundar o mundo da série, incluindo duas histórias em quadrinhos e três romances.

Jogabilidade

Dishonored 2 é um jogo eletrônico de ação-aventura furtiva jogado a partir de uma perspectiva em primeira pessoa. Logo depois do prólogo e tutorial, o jogador pode decidir jogar como a imperatriz Emily Kaldwin ou como seu pai Corvo Attano, o protagonista do jogo original. O objetivo do jogo é eliminar alvos em diferentes fases, com objetivos paralelos desbloqueando métodos alternativos de assassinato, abordagens não-letais e caminhos diferentes para se alcançar os objetivos. O jogador tem a sua disposição diversos itens como espada, pistola, besta, granadas e minas, todas as quais podendo ser aprimoradas. Melhoramentos para os equipamentos podem ser comprados em lojas do mercado encontradas nas fases, com plantas espalhadas pelos níveis podendo desbloquear novos melhoramentos em potencial. Moedas são necessárias para se comprar esses aprimoramentos, que também podem ser adquiridas explorando as fases ou conquistadas a partir de outros colecionáveis, como através de pinturas roubadas. O jogador pode escolher sempre uma abordagem violenta, pacífica, furtiva ou chamativa, sendo possível completar o jogo sem matar ninguém.

A detecção dos inimigos funciona a partir de linha de visão, com o jogador podendo usar coberturas ou áreas elevadas fora dos cones de visão dos inimigos para permanecerem furtivos. A escuridão pode ajudar o jogador a permanecer escondido, porém só funciona a certa distância. Medidores de alerta de inimigos e trechos musicais informam o jogador se foi avistado. Barulhos podem fazer oponentes investigarem certas áreas, incluindo barulhos feitos por garrafas quebradas ou pela espada do protagonista batendo em uma parede; isto também pode ser utilizado para deliberadamente atrair guardas para armadilhas ou para quebrar sua rota de patrulha. O jogador pode olhar através de buracos de fechaduras a fim de observarem um aposento antes de entrarem, podendo também se inclinar a partir de coberturas com o objetivo de observarem os arredores. O jogador em Dishonored 2 pode ser detectado caso fique inclinado de uma cobertura por muito tempo, algo que não estava presente no Dishonored original. Os corpos de inimigos subjugados podem ser carregados e escondidos. Alarmes podem ser desativados ou alterados para que sejam usados a favor do jogador.

O título possui vários golpes não-letais que tem o objetivo de tirar o equilíbrio de inimigos ou deixá-los inconscientes, como gravatas, bloqueios, empurrões, chutes, deslizamentos, dardos soníferos, minas de tonteio e habilidades sobrenaturais. Também presente é o sistema de caos do jogo anterior. O jogador adquire caos ao matar oponentes, representando o protagonista desestabilizando o mundo. Um novo elemento adicionado em Dishonored 2 faz o jogo, no começo de cada missão, designar proceduralmente personagens não-jogáveis com três estados: simpático, culpado e assassino. Matar um personagem “simpático” cria mais caos do que matar um dos outros, enquanto matar um “assassino” concede menos caos. A quantidade de caos gerada afeta os diálogos de Emily ou Corvo, além da quantidade de inimigos presente em cada fase. Insetos chamados de moscas de sangue fazem ninhos em corpos, assim há mais moscas de sangue caso o jogador mate mais pessoas, também encorajando o jogador a esconder corpos longe delas durante as missões. Cada fase tem um tema único, seja em ficção ou em mecânica de jogo. Por exemplo, em uma missão o jogador é confrontado com duas facções cada uma com seus próprios alvos de assassinato, enquanto em outra o jogador viaja no tempo por meio de um artefato mágico.

Usando suas habilidades e amuletos

O grande atrativo do game é o uso das habilidades de Corvo e Emily. Enquanto o herói mantém boa parte do que foi apresentado no primeiro game, a princesa traz um leque inédito de habilidades para encarar os desafios.

Caso queira ser mais furtivo e causar poucas mortes, dedique suas runas a habilidades menos ofensivas, ou com efeitos de distração para seus inimigos.

Emily, em especial, tem diversos poderes neste estilo, incluindo Encanto, que a torna invisível para pessoas afetadas, e Aspecto Sombrio, que a torna em uma criatura capaz de passar despercebida mais facilmente.

Corvo também tem algumas habilidades especiais neste sentido, incluindo Possessão e Distorção Temporal.

Elas podem substituir os ataques corpo a corpo e ajudar em tarefas da campanha. Todas podem ser evoluídas com Runas – itens que ficam espalhados no cenário e que servem como pontos de habilidades. Para isso, basta acessar o menu principal e escolher a melhor forma de usar as runas acumuladas.

Outro ponto fundamental é utilizar o “Amuleto de Ossos” para conceder vantagens no jogo, com mais chances de encontrar itens, melhorias no combate etc. Assim como as runas, eles ficam espalhados pelo cenário, necessitando usar o “Coração” para encontrá-los.

Agindo sorrateiramente

Dishonored 2 não é um game que exige que o jogador seja sorrateiro o tempo inteiro. Porém, boa parte de suas habilidades e perícias proporcionam esse tipo de ação. Dessa forma, é preciso aprender alguns comandos para agir de forma bem discreta.

Com o botão de agachar, você consegue se esconder atrás de plataformas, muros e andar silenciosamente. Esse tipo de movimento é necessário para não chamar a atenção de seus inimigos. Também há diversas habilidades que ajudam, como a “Visão Predatória”, que permite observar seus inimigos através das paredes.

Escalando prédios, plataformas e outras construções

Diferentemente dos jogos convencionais em primeira pessoa, Dishonored 2 permite que o jogador tenha uma liberdade maior para explorar o cenário. Para isso, é preciso escalar e pular todo tipo de construções espalhadas pelas fases.

O procedimento é simples. Basta movimentar o personagem até o destino desejado e efetuar o pulo. É preciso ter uma certa precisão com o movimento, pois, dependendo da queda, pode ser fatal. Para escalar, o procedimento é o mesmo. O personagem automaticamente se estica para alcançar o ponto mais alto.

Você também pode evoluir a habilidade Teletransporte. Com ela, Corvo e Emily conseguem se locomover em distâncias ainda maiores. Tanto para pular em outra plataforma, como atingir um ponto mais alto.

Moldando o seu final

Dishonored 2 é um game em que o jogador molda a personalidade de seu personagem durante o jogo. De acordo com suas atitudes, Corvo ou Emily serão mais temidos e conhecidos, ou pouco populares e sem causar alardes por onde passam.

Essas atitudes fazem com que o jogo tenha diferentes finais. Portanto, é importante manter o foco em uma personalidade forte e, quando for jogar novamente, fazer com que elas sejam completamente diferentes do que foi feito antes.

Aguente se na Primeira Missão

Em Dishonored 2 não começas desde logo com os teus poderes, precisas completar a primeira missão antes disso. Para alguns poderá ser frustrante pois estarás a explorar e a aprender mais sobre como funcionam as coisas, sem ter uma ideia de que como o jogo realmente é, sem ter uma ideia do seu potencial.

Encara a primeira missão como uma amostra, um momento para aprender o básico de Dishonored 2, e não te deixes sentir frustrado. É uma bela forma de te familiarizares com os elementos furtivos e até pode ser que te sintas incentivado a experimentar diferentes abordagens. Em breve irás conhecer todo o potencial do jogo.

Para os mais veteranos, Dishonored 2 será uma espécie de dois jogos em um, graças às diferentes posturas entre as quais os jogadores podem escolher.

Não te preocupes com o Chaos, Ghosting e puro Stealth

Não te preocupes demasiado com a pontuação no final do nível, isso fica para uma segunda sessão com o jogo. Na tua primeira vez em Dishonored 2, desfruta do que o mundo tem para oferecer, dos cenários e estuda os diferentes percursos que cada nível oferece. Encara os ecrãs de missão como uma informação e não uma avaliação.

Se quiseres apostar no combate, segue em frente e recorrer às belas habilidades, mas se estiveres a ter problemas com o stealth, não te deixes incomodar por isso, aprende com cada situação para que mais tarde possas voltar e fazer as coisas como queres fazer. Dishonored 2 permite que o jogador actue como quer, não existe maneira “errada” de jogar.

Dá tempo para a tua mana regenerar

É preciso ter bastante cuidado com a gestão dos teus recursos em Dishonored 2, poderás dar por ti sem mais consumíveis para apanhar e com muitos desafios ainda pela frente. Além de gerir com cautela os itens, precisas ter alguns cuidados com a forma como geres a tua mana e o tempo que esperas antes de utilizar um das habilidades básicas.

Irás notas que após usares Blink ou Far Reach, a barra de mana irá regenerar desde que não utilizes um novo poder durante alguns segundos. É muito importante pois assegura que podes utilizar os poderes um número ilimitado de vezes. Desde que não os utilizes numa cadência desenfreada.

Não te esqueças que ao usar Dark Vision a tua mana também se regenera.

Usa a Dark Vision

Dishonored 2 poderá tornar-se numa espécie de tentativa e erro, especialmente quando ainda não conheces a área. Por mais cuidado que tenhas, existe sempre algo para te surpreender. Logo na segunda missão, terás acesso à Dark Vision, uma habilidade que te confere uma espécie de sensibilidade térmica, permitindo que vejas os guardas pelas paredes e portas. Isto sem esquecer que a poderás melhorar para se tornar ainda mais útil.

A Dark Vision poderá não funcionar em algumas paredes nos exteriores, e terá de entrar numa estrutura para visualizar os inimigos. No entanto, é das habilidades mais importantes no jogo.

Vá para o alto

Esta talvez seja a dica mais básica, mas também mais importante: não fique nas ruas.

Karnaca é patrulhada constantemente por guardas que não demoram muito a reconhecer e atacar Corvo ou Emily. Por isso, é importante ficar fora do seu campo de visão, e o modo mais fácil de fazer isso é seguir pelo alto.

Além disso, é mais fácil saber e estudar as rotas de inimigos e caminhos diferentes a serem acessados de um ponto de vista mais alto

Evite conflitos

Em geral, a melhor forma de não ser visto em “Dishonored 2” é tentar evitar ao máximo contato com os inimigos. Por isso, às vezes vale mais contornar estes problemas.

Se uma sala ou ambiente está sendo patrulhado por dois ou mais soldados, é melhor não confrontá-los – pelo menos no início do jogo, antes de desbloquear versões mais poderosas de suas habilidades

Use o ambiente a seu favor

Nos mapas de “Dishonored 2”, há provavelmente 120 garrafas para cada ser humano presente.

Pode parecer simples demais, mas mesmo arremessar um objeto para fazer barulho pode fazer a diferença entre ser detectado ou não, especialmente nas primeiras horas de jogo

Diminuindo o número de inimigos

É fácil acabar entrando em uma batalha maior do que você espera. Você vê um patrulheiro vagando por aí e pensa: “Ei, vamos matar aquele cara.” É uma ideia perfeitamente justa, mas você pode não saber sobre os dois homens em uma sala lateral que estão dentro de alcance. E então há outro patrulheiro que pode vagar ir a mesma sala, e então você começa a lutar contra esses três. As coisas podem sair do controle sem muito aviso.

Mesmo como um jogador combativo, você precisa pensar um pouco como um furtivo antes de se envolver em uma luta. Fique quieto quando você estiver fora do combate, e olhe ao redor antes de atacar qualquer um. Se você ver inimigos que estão absolutamente isolados, mate-os imediatamente. Se você usar assassinatos furtivos, você pode matar esses inimigos e ainda matar outros alvos antes que as batalhas altas e caóticas comecem. É fácil matar uma ou duas pessoas ao mesmo tempo, portanto, mantenha suas opções abertas envolvendo essas matanças furtivas.

Armas Combinadas

É importante usar mais do que sua espada na batalha. Corvo e Emily têm várias armas à sua disposição, e estas não são destinadas a serem usadas exclusivamente. Você não tem Balas suficiente para abusar tiros de pistola durante todo o dia e noite. Em vez de usar uma arma só, você é melhor se você combinar todas as suas armas.

Aqui está um exemplo. Imagine um quarto com três inimigos próximos. Você não pode matá-los calmamente (ou não quer), então vai ser uma luta. Chegar investindo no grupo permite que você mate automaticamente um inimigo com sua espada porque eles não estão prontos para bloquear. Você mata esse alvo, e os outros dois mostram lâminas. Você atira no primeiro que se aproxima, com sua Pistola. Se você tiver sorte, você consegue uma baixa instantânea, mas mesmo se ele sobreviver, você pode atacar enquanto ele está cambaleado e mate-o. Bloqueie para parar o próximo atacante de feri-lo e, em seguida, salve sua munição, porque um sobrevivente sozinho não tem quase nenhuma esperança contra você no corpo a corpo.

Desta forma, você derruba três inimigos com apenas uma Bala gasta. Mas se você tentou puro corpo a corpo, você teria que segurar dois atacantes ao mesmo tempo, o que é substancialmente mais complicado.

Fique fora do caminho esperado

A maioria dos inimigos patrulham e olham grandes entradas e avenidas pela área. Eles não gastam muito do seu tempo olhando telhados, prédios abandonados e outras rotas não tradicionais. Devido a isso, você pode esgueirar-se facilmente e um pouco rapidamente, ficando acima de seus inimigos ou em torno deles.

Explore para encontrar esses caminhos opcionais. Salve seu jogo e explore sem se preocupar com a letalidade, sendo visto, etc  Basta correr e olhar para qualquer coisa útil. Depois de encontrar algumas possibilidades interessantes, carregue seu jogo novamente e alcance esses pontos quietamente. 

Coletando e Criando Bone Charms

Bone Charms concedem a seu personagem bônus menores. Você se beneficia destes sempre que você equipar um Bone Charm. Esses itens podem incluir até quatro efeitos positivos e um único efeito negativo se tiverem sido corrompidos. Bone Charms corrompidos são encontrados com um traço negativo, ou podem ser acidentalmente criados dessa forma se você usar a Criação de Bone Charms como uma de suas habilidades.

Porque o sistema de Criação de Bone Charms é tão forte, recomendamos que cada personagem veja isso. Você pode sacrificar os Bone Charms que você encontra, aprender suas características para a futura criação, e te dá o Osso de Baleia Cru no processo. Este Osso de Baleia Cru é então usado quando você faz os seus próprios Bone Charms.

Você tem permissão para aumentar o mesmo efeito positivo em até quatro vezes em seu personagem. Assim, por exemplo, um efeito que lhe dá saúde sempre que você faz X pode ser aplicado até quatro vezes (no mesmo item ou espalhados por vários Bone Charms).

É por isso que a Criação é tão útil; Você pode multiplicar todos os seus bônus favoritos e levá-los ao máximo. Por exemplo, em nossas jogadas furtivas, obtemos a máxima velocidade para o nosso movimento agachado (Swift Shadow), temos uma grande chance de recuperar os dardos do sono depois que eles são usados ​​(Lucky Needle), mover mais rápido ao carregar um corpo (Undertaker) e engasgar as pessoas mais rápido (Strong Arms).

Um verdadeiro líder pode ser misericordioso

Para obter a classificação Misericordioso você não pode matar qualquer pessoa durante o jogo. Bloodflies, Peixes, Ratos, Soldados Clockwork, e Bloodbriars ainda podem ser mortos, porque nenhum deles são pessoas. Guarde Balas e Parafusos para esses inimigos, e use habilidades, nocautes não letais e Dardos do Sono para fazer o resto do seu trabalho.

Quando confrontado com um alvo importante, procure sempre uma solução especial. Para cada NPC maior tem uma maneira de derrotá-los sem violência letal. Passe tempo extra usando essas alternativas legais.

Você não tem que ser um jogador puramente furtivo para ser Misericordioso. Se você melhorar seus dardos de sono, você pode usá-los muito eficazmente no combate. Com desvios hábeis, você pode sufocar os alvos sem prejudicá-los. Estas técnicas tornam muito mais fácil obter uma classificação Misericordioso sem ter que evitar cada encontro único no jogo.

Referências:

Clube Do Game Colombo, Eurogamer, Uol, wikipedia, techtudo.

Cuphead

Cuphead é um jogo eletrônico de run and gun e plataforma feito pelos irmãos canadenses Chad e Jared Moldenhauer com o nome de Studio MDHR, desenhado no estilo dos desenhos animados da década de 1930. Como Cuphead, o jogador luta contra uma série de chefes para pagar uma dívida adquirida com o diabo. O jogo foi inspirado em animações década de 1930, como as do Fleischer Studios e procurou manter a obra em qualidades subversivas e surrealistas. Cuphead foi lançado em 29 de setembro de 2017 para Xbox One e Microsoft Windows.

Jogabilidade

Além dos gráficos extremamente detalhistas e fiéis aos velhos cartoons, o jogo chama a atenção pela particularidade, lembrando os jogos de plataforma dos anos 90 em 8 e 16 bit. É possível perceber referências a alguns desses jogos, como Contra, Mega Man X, Gunstar Heroes, Street Fighter III e Thunderforce (quando das fases aéreas). As fases são repletas de inimigos, que atacam das mais diversas formas: saltando em direção ao jogador, caminhando ou atirando projéteis. O jogo também possui fases aéreas, com o personagem pilotando um avião, onde o objetivo é destruir os inimigos atirando projéteis e bombas. Outra referência a jogos vintage está no sistema de navegação entre fases através de um mapa ao estilo Super Mario World e Donkey Kong Country.

Primeiro de tudo: ajuste seus controles

O jogo requer o máximo de precisão, e a configuração inicial dos controles do game simplesmente pode não ser a recomendável para você. Felizmente, “Cuphead” dá liberdade total para ajuste de controles para que o jogador encontre a forma mais confortável de jogar.

Recomendação: o tiro no botão “X” do controle do Xbox dificulta a movimentação rápida do personagem, então é altamente indicado trocar o botão do tiro para um gatilho de sua preferência. As outras alterações ficam por sua conta, mas só essa mudança já altera completamente o jogo.

Ficou preso? Procure atalhos

“Cuphead” é um jogo de chefes difíceis, que testarão sua coordenação motora e sua capacidade de reconhecimento de padrões de ataque. A tendência é que você fique preso em algum momento do jogo em algum chefe.

O game também tem uma mecânica peculiar, em que novos caminhos só são abertos quando você derrota algum chefe. Isso pode ser particularmente preocupante quando você está preso diante de um adversário.

Os desenvolvedores, no entanto, incluíram atalhos nas três ilhas que compõem o jogo, que são caminhos escondidos que dão acesso a áreas  bloqueadas do mapa. Isso vai te dar acesso a novas fases que estariam bloqueadas pelos caminhos normais, dando o tempo para refrescar sua cabeça com outros oponentes antes de voltar a encarar aquele monstro em que você havia ficado preso.

Alterne suas armas

Cada chefe em “Cuphead” tem suas próprias características, o que significa que não existe uma estratégia ideal que funcione contra todos os inimigos. Você precisa moldar sua estratégia para enfrentar cada adversário, e isso passa por escolher sabiamente suas armas.

Se o inimigo não te dá tempo para respirar, uma opção é usar a arma Chaser, que causa pouco dano, mas não depende de mira para acertar o adversário, permitindo que você cause dano constante enquanto se concentra em desviar dos ataques. Enquanto isso, se o adversário permite a aproximação, vale a pena trazer a arma Spread para o combate, que tem um alcance baixo, mas causa bom dano.

A arma Charger causa o maior estrago, mas tem uma cadência de tiro pequena. Ao segurar o botão de tiro, ela não dispara automaticamente, mas sim carrega o disparo para causar mais dano. Um tiro totalmente carregado gera o dano máximo nos inimigos, mas é necessário ter pontaria. Use com sabedoria em chefes que abrem uma janela mínima de ataque.

Faça as fases Run n Gun com atenção

Elas são opcionais, mas são fundamentais para a experiência completa de jogo. Além de divertidas, elas também trazem moedas que podem ser usadas na loja do Porkrind para comprar power-ups e novas armas para seus personagens.

É importante também ficar atento aos seus arredores enquanto faz essas fases. Há moedas escondidas que só vão ser percebidas se você estiver de olho no que acontece em volta do seu personagem.

Fique de olho no mapa também

As fases Run n Gun dão o maior número de moedas do jogo, mas para poder comprar tudo que está disponível na loja do Porkrind, você vai precisar de mais. As moedas estão escondidas pelo mapa, atrás de árvores, pedras e objetos do cenário em geral. Tente caminhar por trás de lugares que parecem inofensivos para ganhar todas as moedas, e fale também com todos os personagens que você encontra pelo cenário.

Compre a habilidade de dash invisível

“Cuphead” tem um quê de “Dark Souls” no sentido em que você está constantemente acuado e seu foco deve ser primeiro a defesa para esperar aberturas para o ataque. Isso fica muito mais fácil com a habilidade Invisible Dash, que torna o seu personagem invulnerável no instante em que você usa o movimento de esquiva. Quando você dominar esse movimento,  fugir de armadilhas sem sofrer dano fica bem mais simples, tornando a batalha menos complicada e permitindo uma pontuação melhor ao fim da fase.

Uma outra habilidade importante é a que dá mais corações. O problema desse recurso é que ele reduz bastante o dano médio da sua arma. Isso significa que você vai resistir a mais pancadas, mas a luta vai durar mais, o que pode anular a vantagem. Pense bem se vale a pena.

Domine o parry o quanto antes

No início do jogo, você dificilmente vai perceber o quão importante é esse recurso, mas as fases finais do jogo vão exigir que você domine esse movimento. Comece a treinar o quanto antes, pressionando o botão de pulo em objetos pintados com a cor rosa no momento correto.

O recurso pode servir simplesmente para desviar de um projétil disparado na sua direção, mas neste caso uma esquiva bem planejada permitiria evitar dano em boa parte dos casos. É a segunda parte do parry que é importante, que proporciona alcançar plataformas que não são alcançáveis com um pulo simples. As fases finais vão te cobrar isso, então domine o mais rápido possível.

Outra função importante do parry é aumentar instantaneamente sua barra de especial, permitindo que você use sua habilidade Super mais rapidamente. Isso também vai ser importante nos chefes mais complicados do fim do jogo.

Conheça seu Super e saiba a hora de usá-lo

Cada arma tem uma habilidade especial, mas o jogo tem três técnicas “Super” que independem da arma que você está usando. Você conquista essas habilidades com as fases de mausoléu; existe uma delas em cada ilha.

Você ganha acesso ao Super quando acumula cinco cartinhas no canto inferior esquerdo da tela. Se você tentar usar a habilidade especial antes de juntar cinco, você irá apenas disparar o especial da sua arma.

Cada habilidade tem uma utilidade especial. O Super I é o mais simples: é um disparo horizontal poderoso que causa altos danos, mas não funciona se o inimigo estiver acima de você; já o Super II torna o personagem invulnerável por alguns segundos.

O Super III permite controlar um fantasma poderoso, mas é o mais complexo de dominar. O fantasma se movimenta de acordo com a movimentação do seu personagem, então você precisa sincronizar o ataque da sua arma com o do espírito para maximizar o dano. A forma mais eficiente de fazer isso é travar a mira do seu personagem, o que permite controlar apenas a movimentação do especial sem precisar correr pelo cenário sem direção e correndo riscos.

Todas as técnicas são poderosas se você souber como usá-las, mas mais importante ainda é saber quando utilizá-las. Cada chefe tem várias etapas; isso significa que você pode ter mais facilidade ou dificuldade em diferentes momentos do mesmo oponente. Guarde seu especial para a etapa que mais lhe trouxer problemas, a menos que você tenha dominado a mecânica do parry, que permite encher o Super mais facilmente e proporciona mais disparos do seu especial. 

Aprenda com os erros

Assim que começar a jogar, você vai perceber que o game é extremamente difícil e que vai acabar morrendo várias e várias vezes. Antes de jogar o controle na parede, se acalme e tente ver o que está causando as suas falhas.

O jogo pode ser desafiante, mas ele é bem justo e tenta te ensinar a ser melhor a cada fase. Por isso, é bom ficar de olho nos padrões dos inimigos e como dominar os controles. Também tenha paciência, shooters de plataformas não foram feitos necessariamente para você sair correndo e atirando sem ver nada.

Colete todas as moedas

Ao longo das diversas fases, você encontrará moedas que pode coletar. Nossa recomendação é que sempre tente pegar todas, já que isso garante dinheiro suficiente para gastar nas lojas com upgrades e melhorias temporárias para seu personagem. Também não tenha medo de gastar as moedas, mas compre só aquilo que realmente for usar nas partidas.

Aprenda todos os comandos

Considerando que nas fases mais avançadas você terá que lidar com inimigos vindo de todos os lugares, é uma ótima ideia saber os comandos com maestria.

Logo no começo, você terá um tutorial sobre os controles. Nossa dica é que preste atenção neles, já que você terá que usar tudo com grande frequência e agilidade em todas as fases.

Não se mova se for desnecessário

Em pouco tempo, você perceberá que Cuphead é extremamente frenético e que é preciso se movimentar o tempo todo em diversas situações. Ainda assim, haverá muitos momentos que ficar parado te ajudará muito mais.

Há inimigos e chefes com posições fixas e que lançam ataques em projéteis, por exemplo. Em vez de ficar andando pela tela como um louco, você pode ficar em uma só posição e só pular ou agachar para desviar dos ataques enquanto também atira no inimigo.

Use seu dinheiro sabiamente

Existem 40 moedas ao todo em Cuphead, sendo que 30 delas você consegue jogando as fases exploráveis e as outras 10 fazendo o tutorial, conversando com outros personagens e até mesmo fuçando locais escondidos nos quatro mapas de Inkwell Isle.

No começo do jogo, você obtém 1 moeda no tutorial e mais 3 falando com o personagem sentado na ponte. Eu recomendo muito que a primeira coisa que você compre na loja de Porkrind seja a Smoke Bomb, pois com ela equipada você fica invencível durante o Dash, algo que te ajudará muito em diversas situações de aperto. Após isso, faça a fase Forest Follies, coletando todas as 5 moedas que estão bastante visíveis, volte até a loja e compre agora a arma Spread, que é uma das mais úteis graças ao seu disparo que alcança várias direções. Outras armas excelentes para você comprar são a Charge Shot, que pode não ter tiro automático, mas causa um tremendo estrago no adversário, e a Chaser, que lhe dá um disparo teleguiado.

Antes de lutar contra qualquer chefe, visite o Mausoléu do Mundo 1

Depois que você passar da fase Forest Follies, uma ponte surgirá. Atravesse-a e siga pelo mapa até chegar no Mausoléu. Lá dentro você precisará derrotar uma certa quantidade de fantasmas rosados para adquirir a Super Art Energy Beam, a mais útil do jogo. Além de ser um ótimo local para você treinar seu Parry, ter essa habilidade poderosa equipada antes de encarar os chefes é uma verdadeira mão na roda.

Lembre-se que você pode transformar seu avião

Os chefes de Cuphead que você enfrenta no avião requerem tremenda agilidade em muitos momentos para desviar de suas investidas. Muita gente esquece, no entanto, que o avião no seu formato normal é lento. O modo miniatura dele, embora seja péssimo para causar dano, tem uma mobilidade excelente. Portanto, caso veja que não está conseguindo se esquivar a tempo com sua aeronave de alguma investida do inimigo, transforme-a para fazer isso e depois volte ao normal para continuar atirando.

Após você se habituar a fazer essa troca, as batalhas aéreas ficarão muito mais fáceis.

Preste atenção nos ataques dos chefes

Embora os chefes tenham vários ataques e formas, a grande maioria segue um padrão. Fique atento aos ataques para entender a melhor maneira de se esquivar. O jogo lhe dá vidas infinitas porque a ideia é que você morra várias vezes mesmo, para aprender com seus erros e não repeti-los mais.

Converse com todos os personagens nos mapas

Os habitantes de Inkwell Isles lhe fornecem pistas sobre coisas que você pode fazer ou descobrir. Às vezes, falar com um deles depois de realizar uma determinada ação, como por exemplo encontrar um caminho escondido dentro do mapa, o fará lhe dar uma recompensa.

O que dá para fazer depois de zerar?

Como assim, terminou o jogo? Então meus parabéns! Depois que você chega ao fim do game existem cinco coisas que você pode fazer para continuar jogando.

Encontrar as moedas que faltaram

Conforme foi dito mais acima, há 40 moedas para você pegar e a chance de você não ter apanhado todas após finalizar o game é considerável. Se você coletou todas as trinta que estão nas seis fases exploráveis, a do tutorial e as três com o personagem na ponte do Mundo 1, faltarão apenas seis. Confira abaixo como consegui-las.

Moeda escondida no Mundo 1: Fale com o personagem com cabeça de machado após derrotar todos os chefes deste mundo, aí conseguirá pegar uma moeda nas árvores ao lado dele.

Moedas escondidas no Mundo 2: Vá até o local da fase Aviary Action e ande pelo caminho por trás dela, pelas montanhas, até chegar do outro lado. Depois disso, volte e converse com a garota com cabeça de pão de gengibre para que ela lhe dê a moeda.

Perto da fase do Dragão, converse com o malabarista depois de executar Parry 4x seguidas sem cair no chão e ele lhe dará uma moeda por seu esforço. Perto da saída para o Mundo 3 há uma carroça verde com outra moeda.

Moeda escondida no Mundo 3: Olhe atrás do estande perto da loja para achar a moeda.

Moeda escondida no Finale: Atrás dos dados vermelhos do lado de fora do casino, no lado esquerdo.

Dificuldade Expert

Vencer cada um dos chefes no novo nível de dificuldade Expert. Se você achava o jogo difícil, prepare-se, pois o Expert sim vai testar suas habilidades, com inimigos muitíssimo mais agressivos.

Dificuldade Expert + Nota S: Realizar o objetivo descrito acima, mas de maneira perfeita, derrotando cada chefe no Expert sem tomar dano, fazendo três parry e usando 6 cartas de ataque especial para ganhar a nota S. Vale ressaltar que você não precisa disso para obter uma Conquista. Faça apenas se gostou muito mesmo do jogo e está interessado neste grande desafio proporcionado por Cuphead.

Atualização: Descobri que o tempo também é um fator determinante para obter o S, embora às vezes você consiga essa nota mesmo demorando mais de 2 minutos para vencer o adversário, ou um tempo maior do que esse no caso do King Dice.

Modo Preto e Branco

Sua quarta opção do que fazer depois de zerar é desbloquear o modo Preto e Branco. Conforme o próprio nome do modo diz, ele permite que você jogue com visual monocromático, podendo também alterar o áudio do jogo para que fique ainda mais de época. Para habilitar isso, é necessário completar todas as seis fases exploráveis sem disparar um tiro sequer, o que também lhe dá uma Conquista. Quando tiver sucesso nisso numa fase, ganhará nela a nota P, de Pacifista.

Utilize Smoke Bomb de modo a desviar dos inimigos com mais facilidade ou então Twin Heart para ter 5 HP e aumentar suas chances de sobreviver sem atirar, lembrando que Parry está liberado, então use e abuse disso. Sua Super Art deverá ser Invincibility, que lhe dará alguns segundos preciosos de invulnerabilidade, os quais você deve usar nos momentos mais complicados. A exceção fica por conta da fase Forest Follies, onde vale mais a pena utilizar a Super Art Giant Ghost, manipulando seu fantasma perto da máquina Acorn Maker para que ele suma ao lado dela e você possa fazer uso do Parry no coração rosa que surge, para pular por cima deste inimigo. Dá também para passar dessa etapa da fase pegando impulso nos disparos rosa efetuados pelos cogumelos.

Terminando as fases sem atirar, fale com a tartaruga do Mundo 3 e pronto, poderá jogar o game em Preto e Branco.

Ferramentas de Evasão

Como na maioria dos jogos desse estilo, a evasão é uma estratégia chave se você quiser ir longe. Cuphead dá aos jogadores várias maneiras de evadir ataques, mas cabe a você saber quando usar essas habilidades. As duas principais habilidades que você deveria usar com freqüência são o dash e o agachar. Dash (Y no layout padrão do controle) pode ser feito no chão ou no ar. Seu personagem irá se mover a uma distância definida, portanto, certifique-se de que você não está se metendo em algo ruim. Depois de um dash, você pode executar outra ação, como um parry se você tiver feito dash no ar, ou simplesmente atacar imediatamente após um dash.

Dash é mais do que apenas uma outra maneira de se mover. Você pode fazer um dash em qualquer ponto durante o seu salto, o que significa que você pode usar o dash para parar seu salto ou para alterar sua trajetória, se você achar que está prestes a pular em um inimigo. O dash é muito rápido e pode tirar você de uma situação ruim quando cronometrado corretamente.

A maioria das pessoas negligencia a capacidade de agachar. Embora esta não seja uma nova habilidade por qualquer meio, seu personagem fica muito baixo no chão. Isso faz com que agachar seja extremamente útil para evadir ataques que você pode ter pensado serem inevitáveis. Você pode até atirar enquanto se agacha, tornando essa habilidade ainda mais útil. 

Batalhas de chefe

A maioria dos níveis do jogo são batalhas de chefe. Concluir essas batalhas épicas contra um ou mais inimigos às vezes desbloqueiam o acesso a novas áreas, por isso é importante não deixar qualquer nível para trás. As batalhas de chefe geralmente são divididas em múltiplas fases, com cada fase oferecendo um padrão de ataque diferente e geralmente ficando cada vez mais difícil com cada nova fase.

Enquanto muitos outros jogos têm batalhas de chefe com várias fases, os chefes em Cuphead são geralmente mais aleatórios do que os de outros jogos. Por exemplo, você pode conhecer o padrão de ataque de um chefe, mas a ordem dos ataques ou a velocidade em que as fases mudam podem mudar a cada vez que você joga. Você não pode apenas aprender um padrão e esperar ganhar em Cuphead.

Quando você derrota um chefe, você recebe uma letra com base no seu tempo de conclusão, pontos de vida restantes, número de vezes que você deu parry com sucesso, quantos ataques EX e Super Movimentos usou e o nível de dificuldade em que você jogou. Para obter um perfeito A + na maioria das batalhas de chefe, você não precisa tomar nenhum dano, da parry pelo menos três vezes, use pelo menos seis ataques EX ou dois Super Movimentos e completar a batalha na configuração de dificuldade Regular. Há também um limite de tempo específico que varia dependendo da batalha do chefe. Passe desse limite e você não ganhará uma nota A +.

Referências:

Olhar digital, Play Replay, Game Hall, Game Detonado, wikipedia.

Dead Cells

Dead Cells é um jogo eletrônico roguelike-metroidvania desenvolvido e publicado pela Motion Twin. Após cerca de um ano de acesso antecipado, Dead Cells foi lançado para Microsoft Windows, macOS, Linux, Nintendo Switch, PlayStation 4 e Xbox One em 7 de agosto de 2018. Portes para versões móveis, iOS e Android, estão previstos para 2019.

No jogo, o jogador assume o papel de uma criatura parecida com um lodo que assume o controle de um cadáver em uma masmorra, através do qual eles devem lutar para sair. O jogador ganha várias armas, tesouros e outras ferramentas através da exploração dos níveis gerados proceduralmente para combater criaturas mortas-vivas dentro dele. Às vezes, o jogador pode ganhar “células”, um tipo de moeda no jogo que pode ser usado para comprar atualizações permanentes ou desbloquear novos itens para o jogador, se eles chegarem ao fornecedor entre cada nível. Dead Cells usa um sistema permadeath, fazendo com que o jogador perca todas as células e outras moedas ou itens em cada instância da morte. A Motion Twin foi inspirada por The Binding of Isaac no desenvolvimento do jogo.

Pergaminhos e escala de itens

Existem 3 tipos de atributos que podem ser pegos durante o nosso progresso em forma de pergaminhos.Brutalidade, tática e sobrevivência-respectivamente, vermelho,roxo e verde. Armas de curto alcance como longo alcance (melee e ranged) também como escudos e habilidades caem em uma ou duas dessas categorías. Quanto mais pontos você tem em um atributo, mais poderoso seu item será. Para aquelas armas que escalam em 2 atributos, escalará somente o seu atributo maior. Então por exemplo,ter 10 de brutalidade e 5 de tática para uma espada amaldiçoada, o dano dela escalará somente com a brutalidade e investir em tática não vai deixa-lá mais forte (A não ser que você tenha 11 de tática).

Todo atributo melhorado em 1 te dá 15% a mais de dano no item com sua respectiva cor. Além disso, você ganha +X de vida para cada atributo gasto. O bônus de vída fica menor conforme você investe em somente um atributo. Mas se você decide começar a investir em um atributo diferente,você vai adicionar muito mais à sua barra de vida. A ideia é que builds onde se investe somente em um atributo são glass cannons (Dano alto,vida baixa), builds em que se investe em dois atributos é balanceado, e builds em que você investe nas 3 você tem muita vida mas pouco dano. Tenha em mente que sobrevivência dá a maior vida, começando com 60%,depois é a brutalidade começando com 50% e por ultimo tática começando com 40%

Agora vamos para o infográfico. Atualmente existem 60 armas e 31 habilidades = 91 itens no total. 48 deles está escalado com brutalidade, 49 com tática e 30 com sobrevivência (Esses números incluem itens que são escalados em 2 atributos). A imagem a seguir mostra exatamente qual item pertence a qual atributo.

Itens

No mapa de progressão você percebe que todo bioma tem um nível do bioma. Esse nível influencia nos itens queocê vai pegar dentro desse bioma. Existem conjuntos de regras que tem um efeito no item. Some o número do nível do bioma de acordo com a condição e entenda como funciona:
0-Para itens encontrados livremente no chão
0-Dropado por um monstro
0-Atrás de uma porta dourada
+1-Comprada de um vendedor
+1-Báu comum
+1-Báu amaldiçoado, junto com a gema e o pergaminho do poder, além disso o item vai ser incolor(Escala com o nível do seu maior atributo independentemente de sua escala original)
+2-De monstros elites
+2-Recompensa por completar uma challenge(desafio) de área secreta

As Runas

As runas são desbloqueios permanentes que dará direito a você acessar partes bloqueadas do mapa-incluindo biomas.Você vai querer conseguir elas o mais rápido possível para não pular nenhum item possível no seu caminho.

A Runa da Videira pode ser pega na Esplanada dos Condenados por lutar com um Arqueiro Morto-Vivo elite(dica:esquive de sua dupla flecha).

A Runa de Teletransporte está nos Esgotos Tóxicos e é desbloqeuada lutando com um Golpeador elite(dica:traga um escudo ou alguma coisa para stunnar ou imobilizar ele).

A Runa de Bode está no Ossuário, e é desbloqueada lutando com um Golpeador elite denovo.

A Runa de Aranha está no Santuário Adormecido e é desbloqueada lutando com um Invocador elite(dica:traga uma arma ranged(longa distância).

Então se você está na pressa pra pegar elas, sua rota seria:
Alojamento dos Prisioneiros>Esplanada dos Condenados
Alojamento dos Prisioneiros>Os Esgotos Tóxicos
Alojamento dos Prisioneiros>Esplanada dos Condenados>Ossuário
Alojamento dos Prisioneiros>Os Esgotos Tóxicos>Esgotos antigos>Cripta Insuportável>Santuário Adormecido

Você não pode pegar todas elas de uma vez.Então quando você pegar uma ou continue ou morra e comece denovo no Alojamento dos Prisioneiros. Tem também a Runa do Desafiador que você desbloqueia as daily runs(Runs diárias)na zona do começo e pode ser encontrado depois de lutar contra o chefe na Ponte Negra, mas essa não é necessária para a progressão e eventualmente você vai pega-lá.

A Forja

A Forja pode ser encontrada depois das lutas dos chefões e somente.Lá você pode permanentemente melhorar suas armas para +,++ e S. em uma run que você tem 0 CDF (Celulas de chefe) você só pode melhorar suas armas para +,em runs com 1-2 CDF você pode melhorar para ++ e em runs com 3 CDF você pode melhora-lás para S. Cada melhoria em armas ou habilidades vai dar dano extra,e afixos melhores e mais fortes (os efeitos tipo +100% de dano em inimigos queimando). Além de que melhorias ++ te garantem +1 pros seus atributos (Brutalidade, Tática ou sobrevivência,o bônus será no atributo que o item pertencer) e as melhorias S darão +2. No caso de itens que pertencem a 2 atributos,o atributo bônus será gerado aleatoriamente entre esses dois atributos-por exemplo,para a [Espada Amaldiçoada S] você pode ter +2 de tática ou +2 de Brutalidade ou +1 de Tática e +1 de Brutalidade.

Celulas de Chefe

As células de chefe (CDF) são desbloqueios permanentes que podem deixar seu jogo mais difícil e mais recompensador. Elas podem ser obtidas matando o atual chefe final.Quando você matar ele,receberá a célula de chefe que permitirá você jogar no próximo nível de dificuldade onde você tem que matar o mesmo chefe de novo para ganhar acesso à próxima dificuldade e por aí vai até você ter 4 CDF. Cada dificuldade vai fazer seus inimigos tirarem mais dano e ter mais PV(Pontos de Vida).Começando da dificuldade de 1 CDF você vai perceber que surgiram inimigos de outros biomas no bioma que você está,e isso acontecerá até a 3ª CDF. Na quarta outros tipos de inimigos serão adicionados em todos os biomas,além disso,nessa imagem,estão as coisas que são afetadas pela CDF.

Pulo “Bem na hora”

Quando o jogador pula um pouquinho atrasado, por exemplo depois de cair da plataforma, o jogo permite que o salto seja executado: Isso impede grandes frustrações, pois sem isso, parece que todo pulo é super difícil, e o jogador fica caindo a cada pulo por conta de um input levemente atrasado.

Aterrissagem “Teleporte”

Parecido com o “boi” que o jogo te dá na hora de pular, ele repete a técnica na aterrissagem. Se o jogador pousar um pouquinho fora da plataforma, o jogo adivinha o que o player queria fazer e o teleporta para cima da plataforma.

Parkour Automático

Quando “Dead Cells” percebeu que queria ser um jogo de ação e combate, e não um de pulos e plataformas, criou uma série de recursos para ajudar o player a jogar melhor e não se frustrar. Escalar  plataformas e pequenos declives no terreno automaticamente adicionaram imensa fluidez ao game.

Giro automático

O game gitra seu personagem automaticamente para o outro lado em determinadas situações. Por exemplo, se o player aterrisou virado para a direita e apertou o botão de ataque, mas o inimigo está à sua esquerda, “Dead Cells” gira o personagem automaticamente, impedindo um ataque no vazio.

Comece, explore, morra, aprenda e repita

O ponto mais importante no Dead Cells é aprender. Conhecer os inimigos que encontraremos pelo caminho, os perigos espalhados por cada estágios e principalmente, as armas e equipamentos a que teremos acesso. Como em qualquer roguelike, a morte estará sempre nos rondando e quando ela inevitavelmente chegar, tenha paciência, tente entender o que você aprendeu naquela partida e se prepare para não cometer os mesmos erros de antes.

Saiba também que ao matar inimigos você poderá encontrar células e será com elas que você poderá adquirir uma grande quantidade de itens. O problema é que elas só poderão ser utilizadas após concluirmos um estágios e as perderemos ao morrer. Sendo assim, muitas vezes é melhor procurar logo a saída de uma fase do que continuar explorando.

Invista com cuidado e pense no futuro

“Mas o que eu deveria comprar com as células”, você pode estar se perguntando. A primeira dica é investir em poções de cura. Funcionando como vidas extras, elas serão de grande ajuda quando estivermos perto de morrer e com isso poderão estender bastante a partida. Também vale a pena ficar de olho em todos os outros upgrades disponíveis, como um que guarda algum ouro após morrermos ou outro em que itens que não nos interessam podem ser transformados em moedas.

Outro bom negócio é pensar a longo prazo. Se existe algum item na loja que exige muitas almas, mas que lhe parece útil, comece a investir nele. Em Dead Cells você não poderá sair do vendedor sem ter gasto tudo o que tem, então, ao invés de sair comprando todo o tipo de porcaria, prefira colocar as almas que sobraram em algo que pode lhe ser mais útil no futuro.

Lembre-se que o objetivo no jogo é tornar o seu personagem o mais forte possível e para isso você terá que sofrer bastante. Com o tempo você perceberá que aquilo que parecia muito difícil antes, agora pode ser vencido com certa tranquilidade e o que adquirimos com almas terá papel fundamental neste processo.

Ainda pensando nas partidas seguintes, os diagramas de armas que podem ser comprados com almas também podem ser bem úteis. Após os desbloquearmos, os respectivos itens poderão ser encontradas aleatoriamente pelas fases em investidas futuras. Portanto, se o vendedor tiver o diagrama daquela espada que você tanto gostou de usar, vale a pena garantir que ela aparecerá na próxima sessão.

Mutações e armadilhas

Além de poder gastar as células que encontramos, a loja entre fases também nos dará o direito de adquirir mutações. Funcionando como perks, elas poderão nos ajudar das mais diferentes maneiras, mas num primeiro momento, a mais recomendada é a Revival. Se as porções poderão servir como um vida extra, o que esta mutação faz é exatamente isso. Ser salvo por esta belezinha quando menos esperamos será muito gratificante e só não podemos esquecer quando o item já tiver sido usado.

Algo que também poderá te ajudar muito são as armadilhas. Disponíveis em variados tipos, elas precisam de um tempo para serem utilizadas novamente, mas algumas mutações poderão diminuí-lo consideravelmente. Dentre elas, a que mais gostei são as turrets. Como o próprio nome sugere, trata-se de uma espécie de metralhadora que atirará em qualquer inimigo que entre o seu raio de ação e acredite, ela poderá te tirar de situações bem ruins.

Além de servirem de alvo para os inimigos, que as atacarão imediatamente, o poder de fogo desse equipamento pode ser bem alto, com a vantagem de que mais de uma pode ser deixada ao mesmo tempo. A única coisa com a qual você deve se preocupar é que para funcionar essas armas precisam de energia, o que significa que precisaremos estar a uma certa distância delas.

As runas e os novos caminhos

Um dos principais elementos do Dead Cells são as runas. São elas que nos garantirão habilidades especiais que nos permitirão alcançar pontos específicos dos cenários e após encontrá-las, nosso progresso poderá se tornar bem mais fácil. Um dos poucos upgrades persistentes do jogo, são as runas que dão um ar de metroidvania ao título e procurá-las o quanto antes deverá ser um dos seus principais objetivos.

Ao todo teremos cinco runas para encontrar e abaixo deixarei uma breve descrição delas e onde encontrá-las:

Vine Rune – permite crescer vinhas em pequenas manchas verdes – localizada em Promenade of the Condemned.

Teleportation Rune – permite o teletransporte em caixões eletrificados – localizada em Toxic Sewers.

Spider Rune – permite escalar paredes e pular de uma para a outra – localizada em Slumbering Sanctuary.

Ram Rune – permite quebrar pisos fracos (marcados com um sinal) – localizada em Ossuary.

Challenger Rune – garante acesso aos Desafios Diários – derrote o chefe Incomplete One.

Não tenha pressa

Embora o Dead Cells conte com portas que se fecham após um determinado tempo, no início não tente alcança-las. Tudo bem, a recompensa encontrada nessas salas é boa, mas correr é um dos erros mais básicos que podemos cometer nesse jogo.

Procure explorar os cenários, conseguir o maior número possível de almas e equipamentos, pois isso será crucial para progredir pelas fases. Depois de algumas partidas e com o seu personagem estando mais fortes, você conseguirá avançar mais rapidamente pelas fases e uma hora acabará chegando nessas portas.

E no fim das contas, nunca esqueça que uma vez morto, você voltará lá para o começo, então pense bem os seus passos e tome todo o cuidado do mundo!

(Re)comece, experimente, aproveite a viagem e repita

Nunca tenha medo de experimentar. Uma coisa muito comum no Dead Cells é cairmos numa zona de conforto, sempre tentando encontrar o mesmo equipamento de antes e tentando repetir os passos da partida anterior. Tente variar suas ações, dê uma chance a uma arma que não lhe parecia muito boa ou ir por um caminho diferente.

Mas acima de tudo, procure curtir a viagem. Este não é um jogo em que você deveria mirar no final e sim aproveitar tudo o que ele tem a lhe oferecer. Eu sei que o percurso será dolorido, sei que muitas vezes sentiremos vontade de jogar o controle na parede, mas acredite, a sensação de superar um inimigo que nos derrotou anteriormente ou conseguir uma arma mais poderosa valerá a pena. Mas quando uma morte acontecer, é simples: repita!

Caminhos alternativos

Conforme progride no jogo, destravará novas habilidades permanentes que darão acesso a novas fases e novos caminhos até o final. Novas armas e itens o aguardam nessas fases alternativas, então não deixe de explorar todas!

Aprenda os padrões de ataque

Cada monstro e chefe tem seu próprio grupo de ataques e timing. Quando aprendê-los, poderá antecipar golpes, de esquivando deles e derrotando seus oponentes com mais facilidade.

Use suas habilidades

Além das suas duas armas, poderá equipar poderes e itens como granadas, torres e armadilhas. TOdas possuem um tempo de recarga, então não se preocupe com munição e aproveite tudo ao máximo durante cada encontro.

Escolha suas batalhas

Está vendo uma sala cheia de inimigos morrendo de vontade de devorá-lo no café da manhã? Sem poções para aguentar todo o dano? Equipamento ruim? Não é necessário matar todos os zumbis e monstros que encontrar pelo caminho. Além disso, nunca se sabe quando uma arma melhor ou baú pode estar esperando virando a esquina.

Dicas e Truques

Dead Cells é feito para ser um jogo incrivelmente difícil. Mas enquanto o combate é difícil de entender, existem algumas dicas gerais que você deve ter em mente ao jogar. Aqui estão algumas dicas e truques para ajudá-lo a sobreviver:

Trate todos os inimigos como se fossem um chefe – até inimigos comuns podem matá-lo facilmente se você não for cuidadoso.

Use as portas como aríetes – Você pode atravessar as portas para bater nos inimigos, atordoando-os no processo.

Rolando – Role para atacar os inimigos depois que eles atacarem, você pode matar rapidamente dessa maneira.

O status de habilidades é ruim – O status de habilidades é de longe o pior no wual gastar pontos.

Esmague seus inimigos – Segure o botão para descer e o de pular enquanto no ar e você cairá pisando nos seus inimigos. Isso pode ser usado para se esquivar ou como um ataque.

Não tenha medo de correr – assim como em Dark Souls, às vezes correr para a próxima área é a melhor opção que você terá.

No começo, concentre-se em Diagramas e Runas – Você não conseguirá chegar tão longe sem boas armas e Runas para ajudá-lo.

Experimente com builds – existem muitos estilos de jogo diferentes que você pode usar em Dead Cells, tenha a mente aberta e experimente.

Nunca pare de se mover – Há portas cronometradas em algumas áreas que irão acionar quando você entrar, então continue em movimento e você estará sempre preparado para alcançá-las. Elas oferecem grandes recompensas, por isso vale a pena se apressar.

O Escudo é seu amigo – faça uso da função de parry do jogo, ela pode anular dano e atordoar inimigos se feita corretamente.

Referências:

Meio Bit, Playstation Blog, Game Detonado, Blog do Paulão, Steam Community, Wikipedia.

Granny

Granny é um jogo de terror Indie desenvolvido e publicado pela DVloper, como parte da série Slenderina. O jogo apresenta um protagonista sem nome preso em uma casa, precisando resolver quebra-cabeças, evitando uma “vovó” para sair de casa em um período de apenas cinco dias. 

O jogo ganhou força após seu lançamento em várias plataformas de mídia, como YouTube , Twitch e outros. A atualização mais recente que o jogo recebeu foi em 18 de abril de 2019. 

O jogo é fortemente baseado no som, o principal antagonista, conhecido apenas como o titular “Granny”, alertado via som. O objetivo geral do jogo é escapar de casa usando pistas e resolvendo quebra-cabeças.

Gameplay 

O jogo se passa em uma casa antiga, onde o personagem principal (o jogador) está preso. O jogador deve explorar a casa para encontrar itens que possam ajudá-lo a escapar da casa em 5 dias (6 se um quebra-cabeça opcional for resolvido). Os itens incluem um martelo para arrancar tábuas de madeira, uma espingarda para atirar em Granny e uma besta para derrubar objetos altos ou derrubar Granny. Atualmente, a casa possui 5 andares, incluindo uma garagem e 2 áreas no sótão. O jogador pode escapar limpando os obstáculos na porta da frente, o que exige que ele encontre um alicate de corte, um martelo, um código de cadeado, uma chave de cadeado e uma chave mestra (esses itens são necessários para destrancar a porta principal , mas a obtenção desses itens pode exigir mais) ou reparando o carro na garagem, o que exige gasolina, uma chave de carro, uma bateria de carro, uma vela de ignição, uma peça de motor e uma chave inglesa.

Granny – o antagonista – procura na casa pelo jogador. A vovó tem um excelente senso de audição e corre em direção a qualquer som alto que ela ouve, seja de um objeto descartado ou de uma tábua rangendo. Vovó corre em direção ao jogador até que ele o perca de vista e coloca armadilhas para ursos pela casa para pegá-lo. A velocidade de corrida da vovó varia de acordo com a dificuldade do jogo (fácil, média, difícil ou extrema). Na dificuldade ‘extrema’, a vovó corre mais rápido que o jogador; na dificuldade “prática”, a vovó não está presente e o jogador pode vagar livremente e descobrir como escapar da casa. Há também uma aranha lanosa no piso do sótão, que ataca o jogador se ele chegar muito perto. O jogador terá que usar um pedaço de carne para distrair a aranha lanosa ou atirar com a besta ou a espingarda. O Modo Pesadelo adiciona mais desafios à dificuldade Extreme, adicionando uma textura mais escura e mais sangrenta na maioria das superfícies, dificultando a visualização das bordas da maioria dos objetos. O modo Pesadelo também torna as armadilhas de urso da vovó muito mais difíceis de evitar.

O jogador pode se esconder embaixo das camas ou nos guarda-roupas, desde que a avó não veja o jogador se escondendo. Se o jogador for pego, a avó vira seu taco de beisebol na cabeça do jogador, que termina o dia atual. O jogador também pode ser nocauteado ao cair do chão instável ou de uma aranha lanosa no sótão. Se o jogador for pego no último dia, uma das 4 cenas de jogo acabado, incluindo ser atacado por vovó no porão, atropelado pelo carro na garagem, com a cabeça cortada pela guilhotina em no quintal e caindo em uma armadilha de urso através do fraco piso do sótão. O jogador pode se defender de Granny atirando nela com a besta, fazendo-a andar sobre uma armadilha de gelo, prendendo-a na sauna (localizada na garagem) por um período de tempo,

O jogador também recebe lesões durante o período em que estiver em casa. No primeiro dia, o jogador não tem lesões. No segundo dia, o jogador anda mancando. No terceiro dia, o mancar se torna mais severo. No quarto dia, a visão do jogador está salpicada de gotas de sangue e a cama em que acorda tem sangue. A partir daqui, o jogador não sofre mais lesões. Durante as cenas de “game over”, a visão do jogador permanecerá a mesma do dia anterior.

Quando o jogador consegue escapar pela porta da frente, Granny fica atrás dele (a não ser na dificuldade Practice, caso em que ela espera do lado de fora da porta aberta) enquanto o jogador corre. Se o jogador não colocar o ursinho de pelúcia no berço do bebê no sótão antes de escapar, a vovó assustará e atacará o jogador quando a tela ficar preta. Se o jogador colocar o ursinho de pelúcia no berço, a vovó se sentará no degrau da frente, segurando o ursinho de pelúcia na mão esquerda antes de se virar para ver o jogador fugir, e se juntará à neta Slenderina enquanto a câmera se afasta.

Primeiros passos

Baixe o jogo no diretório de aplicativos de seu smartphone. Em seguida, selecione a dificuldade na qual deseja jogar o Granny. Quanto mais difícil, maior a velocidade na qual a avó se locomove. Já nos níveis mais fáceis, ela está menos presente.

Já, para jogar o Granny, basta ter em mente que a esfera branca localizada na tela movimenta o seu personagem. Já para mover a câmera e ter uma melhor visão do cenário ao seu redor, basta tocar o display com o outro dedo, em qualquer lugar.

Para fazer com que seu personagem se abaixe a fim de se esconder da Granny, pressione o ícone de uma pessoa em pé, localizado do lado esquerdo da tela.

Para jogar Granny de maneira eficiente, lembre-se sempre de deixar o volume de seu smartphone bem alto ou conectar seus fones de ouvido. É essencial fazer isso para poder ouvir a movimentação da vovó assustadora e fugir dela sempre que possível. Além disso, se você pisar em um local do assoalho sem querer e fizer barulho, vale pensar em se esconder, uma vez que essa ação pode despertar a personagem.

Como jogar

Os controles em Granny são muito simples. A esfera branca que fica na tela movimenta seu personagem. Para mover a câmera, basta tocar na tela com outro dedo, em qualquer lugar, e modificar sua visão para os lados ou para cima e para baixo.

Há ainda um ícone com uma pessoa em pé, que serve para que o personagem se abaixe. Ao tocar, ele fica de joelhos no cenário e serve para se esconder da avó de maneira mais eficaz em alguns momentos.

Objetivo: fugir!

Em Granny, você tem cinco dias para escapar. Caso não consiga fazer isso a tempo, terá perdido o jogo. Além disso, quanto mais o jogador permanecer na casa, pior, uma vez que isso o torna sujeito a fazer barulhos e atrair a personagem, que irá aumentar sua velocidade quanto mais próxima estiver.

A avó patrulha a casa em todos os momentos. Além disso, a vovó aumenta sua velocidade consideravelmente quando encontra o jogador ou ouve seu barulho.

O ideal, além de andar de fininho pela casa, é encontrar ambientes para se esconder ou fugir mais rapidamente. Dependendo da dificuldade, correr não vai adiantar nada, então procure sempre ficar fora do campo de visão da avó.

Isso, claro, sem falar nos quebra-cabeças que você tem de resolver para lidar com a casa, para, enfim, escapar do pesadelo e fugir do lugar.

Importante: aumente o volume!

Granny deve ser jogado com volume alto ou, no mínimo, fones de ouvido conectado no celular. É extremamente importante, caso queira durar mais nas partidas.

Isso tudo por conta dos barulhos dos cenários. Se você ouvir a avó se aproximando ou se pisar em um local em falso e alertar a inimiga, é sempre bom ter um retorno deste tipo de ação. Nunca jogue no mudo.

Do mesmo jeito que os sons podem indicar quando a Granny está se aproximando, eles também podem ser utilizados para distrair a personagem. Quando estiver tentando fugir, jogue objetos no chão para que ela vá atrás de onde você está e corra o mais rápido que puder para outro lugar. Essa dica, no entanto, é somente válida para quando você estiver próximo a uma saída. Por exemplo: quando estiver no segundo andar da casa, jogue algo no chão e corra para o andar inferior.

Use também outros elementos do cenário para confundir a vovózinha. Se esconda embaixo de mesas, dê a volta na escada do porão e passe por qualquer entrada que a deixe perdida por alguns segundos.

Faça silêncio

Desenvolve uma destreza capaz de fazê-lo andar sem emitir sons, ou prepare-se para se deparar com seu maior pesadelo. Lembre-se, além disso, que cada uma de suas atitudes, como abrir uma porta com uma chave ou até mesmo quebrar um pedaço de madeira emitirá sons. Por isso, sempre que decidir fazer algo, é preciso que você já tenha esquematizado em sua cabeça qual será o seu próximo passo e onde vai se esconder.

Feche as portas quando sair

Feche as portas sempre que for atravessar de um cômodo para outro. Essa é uma maneira simples e fácil de ganhar tempo contra Granny. Além de atrasar os passos da vovó durante a perseguição, o ruído da porta abrindo servirá de alerta para saber se ela ainda está atrás de você.

Outra dica é usar as portas como um esconderijo de última hora. Caso você seja encurralado em um dos cômodos, fique atrás da porta e espere a Granny entrar. O personagem será “empurrado” para trás da entrada e permanecerá escondido. Em seguida, quando a vovó estiver de costas para você, aproveite a brecha para sair correndo e escapar.

Saiba para que serve cada item

Saber a função de cada um dos itens em Granny é essencial, caso contrário, de nada adiantará uma chave que você não sabe onde deverá ser usada ou muito menos um dentre três pedaços de uma escopeta velha. Para isso, continue sendo.

Deixe os itens em lugares seguros

Os itens que são derrubados no chão permanecem no mesmo lugar, por isso procure um cômodo seguro e deixe os objetos importantes guardados. Especialmente a espingarda e os tranquilizantes para afastar Granny mais facilmente em momentos de perigo.

Confunda Granny

Uma boa estratégia e constantemente confundir Granny, fazendo com que ela acredite que você está em um cômodo quando, na realidade, está em outro. Uma das melhores formas de fazer isso é através das passagens secretas do porão ou então no quintal, fugindo sempre para a casinha de brinquedo. Isso certamente lhe dará algum tempo para respirar, visto que Granny fará uma busca no cômodo em questão. Certifique-se, entretanto, de, de forma alguma, emitir outro som no local onde você de fato está. Isso colocará todo o plano em risco, e você terá feito um esforço danado para, no fim das contas, ser facilmente encontrado.

Logo no começo do jogo, no quarto onde você aparece, pegue o vaso que está em cima da mesa e atire-o no chão. Fique ao lado da mesa e, quando Granny entrar no quarto, aperte o ícone para se esconder repetidas vezes até que o bug aconteça. A vovó ficará andando no mesmo lugar, sem parar, e você estará livre para ir onde quiser.

Paciência é uma de suas melhores armas

Mesmo que você não sinta medo de verdade em jogar Granny (e caso isso seja verdade, parabéns!), ter paciência é uma de suas maiores virtudes nessa situação. Procure ficar mais escondido do que andando por aí, por mais que apenas esconder-se não vá resolver o seu problema. O ideal é esperar o momento certo para se arriscar e procurar itens ou até mesmo outras possibilidades. Na dúvida, espere um pouquinho mais. O pior que pode acontecer é Granny encontrá-lo.

Não se desespere

Por mais que ser encontrado por Granny seja algo realmente assustador, escapar dela não é assim tão difícil, isso porque o elemento físico ainda está em seu favor. Procure desviar dela com itens como a mesa de jantar e sofás. Ela não terá a mesma destreza que você e não poderá subir neles, precisando fazer a volta, o que pode lhe conceder uma vantagem não tão considerável assim, porém essencial.

Cuidado com as armadilhas!

Como se sua situação já não fosse caótica o bastante, Granny ainda tratou de espalhar alguns obstáculos “leves” como, por exemplo, armadilhas de urso pela casa. Preste muita atenção para não cair nisso! Além de alertá-la sobre sua posição, você perderá um tempo considerável tentando escapar e, quando o conseguir, talvez seja tarde demais.

Estas são as principais dicas para que você tenha sucesso tentando escapar de Granny. Abaixo, separamos mais algumas dicas rápidas que podem vir a ser úteis para melhorar o seu desempenho e garantir mais chances de escapar:

– Caso precise abandonar o item, o deixe em algum lugar seguro, pois ele permanecerá por lá.
– Tudo o que fizer emitirá sons, por isso pense bem.
– Recolha apenas os itens que você for utilizar imediatamente.
– Esconda-se sempre que notar que Granny se aproxima.
– Preste atenção aos sons emitidos por Granny.
– Utilize o tranquilizante e a escopeta para deixar Granny mais devagar.

Guia 

Saindo do quarto

É comum você ter alguma dificuldade, por medo, de sair do quarto inicial. Essa saída fica mais natural quando você consegue explorar o mapa algumas vezes. Mas aqui uma dica para iniciar:

Se você quer explorar um andar da casa em específico, e ainda for iniciante, uma dica é derrubar os objetos que estão dentro do quarto inicial (quadro, vaso, mesinha) e se esconder embaixo da cama. A Granny virá até o quarto, dará uma olhada e depois sairá do quarto.

Agora é a parte que você precisa prestar atenção: se a Granny, depois de sair do quarto virar a esquerda, você está livre (por um tempo) para explorar os andares de baixo, mas se ela continuar reto e descer as escadas, você pode explorar o andar atual e o de cima. Se ela virar a direita e entrar no banheiro, é melhor esperar ela sair dele para decidir onde explorar.

Se a Granny não foi para a direção que você queria, é só derrubar os objetos novamente e se esconder debaixo da cama, e prestar atenção pra onde ela vai.

Desmaiando a Granny

Se você quiser um tempinho livre para explorar o mapa sem ter a velha perambulando por aí e chupando manga, essa dica é maravilhosa.

Você pode desmaiar a Granny para obter alguns minutos ou segundos (dependendo da dificuldade de jogo que você escolher) sem ter ela dentro do mapa.

Atualmente, existem três maneiras de desmaiar a velha.

1ª maneira: Crossbow, um arco que vem com dardos tranquilizantes.

2ª maneira: Shotgun, uma espingarda TOP.

3ª maneira: Sauna – na garagem da Granny, existe uma sauninha. Se você conseguir atrair a Granny para dentro da sauna, fechar e trancar a porta usando a tábua, e ligar a sauna usando a alavanca branca que fica ao lado da porta, a velha irá se sentir toda relaxada lá no SPA dela e desmaiará.

Mais informações sobre a 1ª e a 2ª maneira estarão abaixo, em outros setores do post.

Dia Extra

Se você não se satisfez com os 5 dias dentro da casa da Granny, existe um jeito de conseguir um sexto dia. Existem 4 peças de pintura (piece of painting) espalhadas pelo mapa. Se você reunir todas na moldura que está dentro do porão da Granny, o resultado final será uma pintura da velha, e você ganhará um dia a mais dentro da casa.

Se eu não me engano, esse método funciona apenas na dificuldade fácil ou normal.

Navegando pela casa

Se você não se sente confiante em navegar livremente pela casa, uma boa dica é sempre ter algo em mãos para criar algum barulho, atrair a Granny, e então, fugir pelo lado oposto. Você também pode fazer isso para “rastrear” ela.

Comece no Easy

Se você é um iniciante total, melhor jogar na dificuldade fácil para ir aprendendo ao seu ritmo.

Não exagere nem omita o volume

Se você usar o volume muito alto, você pode ter uma fibrilação ventricular bem inesperada, aí quando perguntarem como você morreu, diga que você tomou um susto da velha chupadora de manga.

Mas se você jogar com um volume muito baixo ou sem volume, você pode não perceber o som de algo que você derrubou, ou alguma velha correndo atrás de você com um taco de baseball.

Cuidado!

Itens

Aqui darei uma breve visão sobre a utilidade dos itens e onde encontrá-los.

*Se nesse setor você se deparar com algum nome de lugar da casa que você não conhece ou não sabe onde fica, é só procurar no próximo setor, do mapa.

Hammer

Tradução: Martelo

Onde encontrar: Na mesa do porão, dentro do poço, no Closet perto da entrada da Área Secreta, ou no porta malas do carro.

Utilidade: Retirar a tábua na porta principal, derrubar as tábuas que bloqueiam a sala do berço, no Sótão, e quebrar a câmera de segurança, também no Sótão.

Cutting pliers

Tradução: Alicate

Onde encontrar: No poço, no cofre do Porão, na gaveta esquerda da “mesa” da sala do berço, dentro de um quarto da Área Secreta que contém um pedaço de carne, nas gavetas do quarto mais distante do quarto inicial.

Utilidade: Cortar o fio da ventoinha no Sótão, Cortar o fio azul da porta principal, Cortar o fio do quadro de luz dentro do Porão.

Cogwheels

Tradução: Engrenagens

Onde encontrar:

Engrenagem Vermelha: gaveta esquerda na sala do berço, atrás da ventoinha no Sótão, gaveta esquerda no quarto mais distante do quarto inicial, dentro do poço ou dentro da Cabana

Engrenagem Laranja: dentro do microondas, no armário da cozinha, dentro da Cabana, nas pias do banheiro ou atrás da ventoinha.

Utilidade: abrir o cofre dentro da casinha, no Quintal. (Usam-se as duas engrenagens ao mesmo tempo)

Melon

Tradução: Melão, embora parece mais uma melancia

Onde encontrar: dentro da Cabana, armário azul na cozinha, no poço, na banheira e no porta malas do carro.

Utilidade: dentro do melão sempre existe uma chave. Para obtê-la, é preciso abrir o melão na Guilhotina do Quintal.

Winch Handle

Tradução: Manivela

Onde encontrar: Túnel que liga o porão á Cabana, porta malas do carro, quartinho do Teddy, no cofre ou nos armários da cozinha.

Utilidade: É usada no poço do quintal para subir o balde, que terá algum item dentro.

Screwdriver

Tradução : Chave de fenda

Onde encontrar: quando se está no segundo andar, de frente para a escada principal, pode se ver uma prateleira com um item em cima.

Utilidade: Abrir um quadro branco parafusado no andar mais baixo da Área Secreta para obter um item; Abrir um quadro no Quintal que libera uma fechadura da porta principal

Só pode abrir o quadro no quintal quando se está jogando com a opção “Extra Locks” ativada.

Battery

Tradução: Bateria

Onde encontrar: prateleira no Sótão, quartinho do Teddy, Quartinho do Pedaço de Carne, gaveteira na entrada da Área Secreta, armários da Cozinha.

Utilidade: É um item que desbloqueia uma fechadura da porta principal.

Só pode ser encontrada quando se joga no modo Difícil ou com a opção “Extra Locks” ligada.

Padlock Code

Tradução: Senha de fechadura

Onde encontrar: no Armário ou na Salinha ao lado da escada principal (no primeiro andar), na mesa no Porão, nos armários da Cozinha ou no armário do Banheiro.

Utilidade: Abrir o cadeado de senha da Porta Principal.

Só pode ser encontrado quando se joga na Dificuldade Normal ou mais difícil, ou quando se joga com opção “Extra Locks” ativada.

Weapon Key

Tradução: Chave da arma

Onde encontrar: no cofre da Casinha do Quintal, no cofre do Porão, no Melão, no Armário azul da Cozinha ou no Porta-malas do Carro.

Utilidade: Abrir o quadro na Área Secreta que contém o Crossbow e os Tranquilizer Darts.

Car Key

Tradução: Chave do Carro

Onde encontrar: no Cofre do Porão, no vaso sanitário, na gaveteira na Área Secreta, na gaveteira na Sala do Berço ou no quadro branco na Área Secreta.

Utilidade: Abrir o porta-malas do carro.

Padlock Key

Tradução: Chave do Cadeado

Onde encontrar: dentro do melão, dentro do quadro branco na Área Secreta, no cofre da Casinha do Quintal ou na Ventoinha do Sótão.

Utilidade: Abrir o cadeado da porta principal.

Playhouse Key

Tradução: Chave da “Casinha de Brinquedo”?

Onde encontrar: gaveteira no primeiro andar (á esquerda da escada principal), dentro do Melão, dentro do Cofre do Porão, dentro do quadro branco na Área Secreta ou no capô do Carro.

Utilidade: Abrir a casinha do Quintal (para após inserir duas Cogwheels na casinha, obter uma das chaves)

Safe Key

Tradução: Chave do Cofre

Onde encontrar: na Ventoinha do Sótão, no quadro branco da Área Secreta ou no quartinho do Teddy.

Utilidade: Abrir o Cofre no Porão

Master Key

Tradução: Chave Mestra

Onde Encontrar: dentro do Melão, no cofre da Casinha do Quintal ou no Porta-malas do Carro

Utilidade: Após todas as fechaduras terem sido desbloqueadas da porta principal, a Master Key possiblilita o jogador de fugir da casa.

Shotgun

Tradução: Espingarda

Onde encontrar: As partes da shotgun estão espalhadas por muitos lugares da casa. Após achar uma parte de Shotgun, você deve levá-la até a mesa com um projeto de arma na Garagem. Quando todas as 3 partes estiverem na mesa, o resultado será a Shotgun.

Utilidade: desmaiar a Granny, derrubar a Screwdriver da prateleira.

Mapa

Aqui nesse setor teremos uma visão de todos os cômodos e lugares dentro da casa.

Banheiro

Fica logo ao lado do quarto inicial.

Andar: 2º

Ligação: corredor principal

Quarto 1

O quarto mais próximo do quarto inicial

Andar: 2º

Ligações: corredor principal, Quarto 2, Área Secreta.

Quarto 2

O quarto mais distante do quarto inicial

Andar: 2º

Observação: A Granny tranca a porta no segundo dia.

Ligações: corredor principal, Quarto 1, Área Secreta.

Área Secreta

Um conjunto de cômodos em andares diferentes, que liga os Quartos 1 e 2 ao Porão.

Andares: 2º, 1º e Porão

Observações: possui o armário da Crossbow (2º andar) e o quadro branco parafusado á parede (Porão).

Engloba o Quartinho do Teddy e o Quartinho do pedaço de carne.

Sótão

Único cômodo do terceiro andar

Observações: se a Câmera de Segurança da grade não for quebrada antes do jogador adentrar na cela, a porta irá fechar e a Granny virá até o local (ela não abrirá a porta se você não fizer barulho dentro da cela), mas a porta pode ser destrancada se você retirar os pinos vermelhos que estão trancando-a. Se o jogador tentar pegar o item na ventoinha enquanto ela ainda estiver girando, a tela ficará espirrada de sangue e a visão do jogador balancará violentamente.

Ligações: corredor principal, Banheiro e área da porta principal (a tentativa de acessar a área da porta principal pelo buraco do sótão resultará no jogador desmaiando e indo ao próximo dia)

Engloba o Quarto do Berço.

1º andar interno

Esse andar não é composto por cômodos, mas sim por uma área aberta que engloba uma cozinha, uma sala de estar, uma área em frente á porta principal e uma sala que não consegui reconhecer o que era o_O

Ligações: Quintal (pela janela com uma marca vermelha de mão), escada principal, porão.

Quintal

Essa é como se fosse uma área externa do primeiro andar.

Observações: a porta que leva para a parte de dentro da casa sempre está trancada, para sair do jardim o jogador deve atravessar a janela ou atravessar a passagem subterrânea. A guilhotina produz barulho.

Ligações: 1º andar interno, passagem subterrânea.

Engloba a Cabana e a Casinha

É um dos lugares onde pode acontecer a cutscene de Game Over.

Porão

É um espaço abaixo do primeiro andar.

Observações: é o lugar de onde a Granny sai no começo de cada dia. Contém um cofre que pode ser aberto com a Safe Key, e é onde está a moldura que dá ao jogador o sexto dia.

Ligações: área da porta principal, Área Secreta, Túnel subterrâneo e Garagem.

É um dos lugares onde pode acontecer a cutscene de Game Over.

Passagem Subterrânea

É um túnel que liga o Porão ao Quintal.

Observação: Dentro desse túnel existe um bilhete, possivelmente da vítima anterior da Granny, onde está escrito uma dica sobre existir uma chave dentro da Melancia (além de uma breve história).

Garagem

A garagem contém um carro e uma sauna, e está localizada abaixo do Porão.

Observações: nesse ponto da casa se monta a Shotgun, e se localizam algumas munições. A Granny pode ser atraída para dentro da Sauna, e se o jogador fechar a porta, descer a tábua e ligar a sauna (usando a alavanca branca ao lado da porta), ao fazer isso, a Granny desmaiará, mas se o jogador não ligar a Sauna, a Granny pode quebrar a tábua e abrir a porta. O portão da garagem pode ser aberto, mas estará coberto por uma parede de tijolos onde está escrita a frase “Você não pode escapar” em inglês, obviamente.

Ligação: Porão.

Fechaduras

Aqui darei uma visão sobre a porta principal e as fechaduras que você precisa abrir pra escapar, e em qual dificuldade essas fechaduras aparecem.

Tábua – retirável com o martelo (em qualquer dificuldade)

Cadeado – retirável com a Padlock Key (em qualquer dificuldade)

Fio azul da porta – cortável com o alicate (em qualquer dificuldade)

Fio no quadro do Porão – cortável com o alicate (em qualquer dificuldade)

Cadeado de senha – retirável com o Padlock Code (A partir da dificuldade Normal, na Extra Lock da Granny ou ao jogar com Extra Locks ativado)

Entrada de Bateria – Ativa-se ao inserir a Bateria (A partir da dificuldade difícil ou ao jogar com Extra Locks)

Quadro do Quintal – Abrir com a Screwdriver e ligar a alavanca (A partir da dificuldade Extreme ou ao jogar com Extra Locks)

Fechadura Mestra – Abre a porta após retirar todas as outras fechaduras, usando-se a Master Key (em qualquer dificuldade)

Referências:

Bluestacks, Amino apps, Canal Tech, wikipedia, techtudo.

Dying Light

Dying Light é um jogo de ação e mundo aberto na primeira pessoa do gênero survival horror onde se retrata um apocalipse zumbi. O jogo foi produzido pela Techland e publicado pela Warner Bros. Interactive Entertainment, seu anúncio aconteceu em maio de 2013, e eventualmente foi lançado em janeiro de 2015 para Playstation 4, Xbox One, Microsoft Windows e distribuições Linux (SteamOS). O jogo estava planejado para ser lançado em Playstation 3 e Xbox 360, porém tais conversões foram canceladas devido as limitações de hardware.

Gameplay

É um jogo do gênero survival horror, em conjunto com um vasto e perigoso mundo aberto. Durante o dia, os jogadores percorrem um ambiente urbano expansivo invadido por um surto vicioso, procurando pelo mundo suprimentos e elaborando armas para se defender contra a crescente população infectada. À noite, o caçador torna-se caçado, os infectados tornam-se agressivos e mais perigosos. Mais assustador são os voláteis (uma espécie de zumbi muito mais agressiva e forte que os tradicionais, porém fracos à luz UV) que aparecem somente após o anoitecer. Os jogadores devem usar tudo em seu poder para sobreviver até a primeira luz da manhã.

Uma das características marcantes do jogo é a forma como a personagem se movimentará no ambiente, claramente o seu estilo foi inspirado no parkour, possibilitando que sejam feitos saltos entre edifícios, escalar muros e até usar como apoio os corpos de zumbis para escapar.

Em Dying Light haverá a possibilidade de partidas online com multiplayer de até quatro jogadores. Na sua pré estreia será disponibilizado um pacote especial para que o jogador tenha a possibilidade de tomar o controle como um zumbi modificado, com o objetivo de destruir jogadores com personagens humanas.

Morrer pode custar caro

Sabemos que é difícil ficar vivo na desolada cidade de Harran, mas, caso você esteja à beira da morte, não pense duas vezes em fugir para a construção mais próxima. Toda vez que Crane (o protagonista da trama) morre, alguns pontos de experiência são descontados de seu medidor de sobrevivência.

Pode até parecer besteira perder uma pequena quantidade de pontos, já que você será capaz de reconquistá-los. No entanto, quanto mais rápido você desbloquear as habilidades da árvore de sobrevivência, maiores serão as chances de conseguir itens melhores e, consequentemente, de evoluir outras aptidões com mais facilidade. Resumindo: nunca tente bancar o herói em meio a uma horda imensurável de zumbis.

Não tenha medo do escuro

Dica dos próprios sobreviventes de Harran: quando a noite cair, corra para um local seguro para manter-se vivo. Mas, esqueça essa besteira dita por NPCs. Uma das melhores maneiras de melhorar as habilidade do personagem de forma rápida é se aventurar no período noturno. Afinal, os pontos de agilidade e força conquistados à noite serão dobrados, como uma espécie de bônus temporário de XP.

Para sobreviver ao longo da noite, utilize flashlights para atrasar Voláteis e fogos de artifício para distraí-los. Procure evitar contato direto com as descerebradas criaturas, visto que elas certamente estarão mais agressivas que o normal. O jeito é atuar sorrateiro, como se o game fosse do gênero stealth.

Equilibre as habilidades

Em Dying Light, o sistema de upgrades funciona da seguinte forma: quanto mais você pratica determinada especialidade, mais rápido ela evolui. No início da aventura, é comum fugir dos inimigos infectados, posto que o protagonista possui armas fraquíssimas e habilidades de força desprezíveis.

Na verdade, fugir no começo da jornada é um erro. Se o jogador só foge dos inimigos, ele vai melhorar apenas os pontos de agilidade, o que irá desequilibrar completamente a árvore de habilidades. Sendo assim, procure manter todas as aptidões proporcionalmente niveladas. Crie coragem para encarar alguns zumbis com uma mísera pá, por exemplo, mesmo que você tenha que matar um ou dois zumbis e sair correndo.

Vasculhe tudo ao seu redor 

Lootear é uma obrigação em Dying Light. Por isso, vasculhe de forma minuciosa cada centímetro das inúmeras construções do game. O jogador pode encontrar itens, recursos e suprimentos por todos os cantos, como em cabines telefônicas, veículos, baús, cestos de lixo e, é claro, corpos despedaçados.

Ao buscar todos os recursos no próprio ambiente do jogo, você não terá que gastar dinheiro comprando itens essenciais, como medkits e lockpicks, já que eles poderão ser criados manualmente. Lembre-se de que os cenários também escondem objetos colecionáveis, anotações que explicam acontecimentos de Harran etc. Vale a pena se dedicar ao looting.

Mire na cabeça

Dying Light não é diferente da maioria dos jogos e filmes de zumbis. Nele, o jogador também deve acertar a cabeça (o típico ponto fraco) da aberração infectada para finalizá-la completamente. Portanto, seja com uma pá, um pé de cabra ou uma espada, certifique-se de desferir um golpe diretamente no crânio do infectado. Dessa forma, a arma ainda será poupada, já que você não terá que gastá-la com investidas desnecessárias.

Armadilhas são legais

Os ambientes do título estão repletos de armadilhas mortais, capazes de exterminar hordas de inimigos de uma só vez. O jogador pode atrair os mortos-vivos para objetos revestidos por espinhos ou ainda eletrocutá-los em arapucas estrategicamente posicionadas. Há diversas formas de aniquilar os zumbis sem a necessidade de instrumentos de extermínio. Sendo assim, poupe o seu limitado arsenal de equipamentos e utilize armadilhas para causar carnificinas.

 Faça o armamento durar mais

Em Harran, as armas possuem diferentes limites de reparo. Isso significa que certas armas podem ser reparadas mais de três vezes, enquanto outras podem ser restauradas apenas uma vez. Por esse motivo, conserte o armamento apenas quando ele quebrar completamente (o jogo vai alertá-lo automaticamente quando um item estiver quebrado). É possível verificar o status do item no canto inferior direito da tela.

Complete as missões secundárias

As sidequests são importantíssimas para a evolução de Crane. Afinal, elas concedem bastante experiência e fazem com que o personagem fique mais bem preparado para encarar os desafios da campanha principal.

Use a cabeça para fazer combinações

Craftar é uma necessidade em Dying Light. Em vista disso, o jogador precisa coletar certos recursos indispensáveis para criar armamentos melhores. Procure realizar combinações usando armas realmente valiosas, com alta taxa de dano e, é claro, maior durabilidade. Nunca desperdice acessórios com armas medíocres, descartáveis e que pouco irão ajudá-lo no decorrer da jogatina.

A noite não é uma criança em Dying Light

Você já deve ter visto uma dezena de YouTubers jogando Dying Light e humilhando centenas de zumbis durante a noite, certo? Bem, antes de mais nada é bom deixar claro o seguinte: a noite é o momento mais difícil de Dying Light, onde os Zumbis estão mais fortes e violentos. Dito isso, se você estiver em seus primeiros dias no jogo, pegue leve e tente se manter vivo! Morrer custa caro e você não quer virar comida de zumbi por um vacilo descuidado, certo?

Para iniciantes, a estratégia mais segura de se manter inteiro em Dying Light é ficar escondido durante a noite e usar as Safe Zones para dormir até a manhã. Durante o dia, os zumbis são mais lentos e você ainda pode comprar novos recursos (caso os seus estejam baixos), uma vez que os vendedores resetam seu estoque no início de cada dia no jogo.

Entretanto, se você já tem alguns pontos em Agilidade e está com uma dose responsável de sangue no olho, nossa dica é SE JOGA, MANO! Para os jogadores um pouco mais experientes, a noite é o momento mais oportuno de Dying Light – uma vez que este período concede bônus em alguns atributos do personagem, sendo uma das melhores maneiras de upar rápido dentro do jogo.

Quando a ajuda vem do céu…

Não despreze! Os Airdrops são extremamente úteis para a sua sobrevivência e sempre que você puder colocar suas mãos em um deles, não poupe esforços. Viu um avião no céu? Fique atento para ver se as caixas caíram por perto! No caminho, fique atento para as tropas que podem aparecer e aproveite o seu “presente”!

Side Quests

A história principal de Dying Light pode até ser divertida para a maioria dos jogadores. Mas o jogo realmente tem seus momentos mais memoráveis em suas missões opcionais (Side Quests). Aproveite sempre o tempo livre para realizar o maior número de Side Quests possíveis em Harran. Elas não apenas mantém o seu XP alto e lhe premiam com boas recompensas, como também fazem com que Dying Light realmente valha a pena. Resumindo: Dê uma chance às histórias secundárias e lhe garanto que você não irá se arrepender.

Cada bala conta

Eu sei que você quer se jogar em uma horda de Zumbis com sua mais nova metralhadora e dizimar todos enquanto grita “WAARRRRRR”. Acredite, todos nós queremos isso. Mas em Dying Light, munição é preciosa e cada bala perdida pode lhe fazer falta, quando for enfrentar um inimigo mais forte.

Desse modo, priorize gastar suas balas em explosivos (que afetam uma área maior – e mais inimigos no processo), mire sempre na cabeça e use e abuse das armas de contato para evitar gastar sua munição. Acha que aquele pente cheio de balas vai durar o dia inteiro? Harran não trata bem seus cidadãos descuidados… Comece a atirar sem pensar e você irá se encontrar em apuros antes do cair da noite!

Trate bem suas armas

Em um ambiente inóspito, onde 90% da população quer lhe comer (literalmente), esqueça o pacifismo e tenha certeza do seguinte: As suas armas são suas melhores amigas.

Em Dying Light, toda arma se desgasta com o uso e pode ser reparada uma quantidade limitada de vezes. É simples, algumas armas você repara algumas vezes e outras você repara apenas uma vez, antes de perdê-la de vez. Desse modo, fique atento ao status de seu equipamento e só utilize estes reparos quando a situação for absolutamente necessária (ou seja, quando ele quebrar completamente).

Outra dica importante neste ponto, é utilizar as Blueprints achadas no jogo para melhorar suas melhores armas (não se esqueça de upar as armas com a melhor durabilidade). Isso é essencial para lhe fazer aumentar o dano da arma e trazer o caos para o campo de batalha.

Não menospreze seu inimigo

Ficou meio Mestre Yoda? Mas leve a sério o que você acabou de ler, jovem Padawan! Aquele Zumbi derrubado que você jurava ter derrotado, pode muito bem ainda agarrar sua perna e dar uma bela mordida! Fique atento ao campo de batalha e não se esqueça de garantir que Zumbi bom é Zumbi morto!

É simples: Se você acertou o Zumbi e não ganhou o XP daquele ataque… significa que você precisa completar o serviço!

A Maneira mais fácil de matar zumbis em Dying Light

Matar zumbis é uma arte que deve ser aprimorada até a perfeição. Esta é a graça que faz com que Dying Light seja um jogo tão divertido. Entretanto, este é um pequeno guia para iniciantes, que tem como objetivo sobreviver da melhor forma possível dentro do jogo. Deste modo, esta é a técnica mais simples que você pode usar, para matar praticamente qualquer zumbi mais simples durante o jogo:

Passo 1: Se aproxime do Zumbi

Passo 2: Dê uma bela bicuda nas pernas do infeliz. Se ele não cair de primeira, continue chutando até que ele caia no chão.

Passo 3: Acerte a cabeça do maldito com a fúria de mil sóis.

Não é belo, mas é extremamente eficiente. Se você desbloquear a habilidade “Head Stomp” mais para frente, você pode finalizar o serviço sem precisar usar uma arma (o que preserva a durabilidade da mesma).

Habilidade e XP

Nós temos três arvores de XP em Dying Light, a primeira de sobrevivência, a segunda de agilidade e a terceira de força certo? Cada uma delas é “upada” de um jeito.

A de sobrevivência é: completando missões, sobrevivendo a hordas e ficando um tempo sem morrer, pois sempre que você morre a única coisa que você perde são de 300 pontos de XP aos 1600 pontos.

A de agilidade é: Correndo rápido por obstáculos, fazendo parkur e não se esqueça que quanto mais rápido você souber se locomover pelo parkur mais pontos ir ganhar.

A de força é: Em combate, essa é a mais simples, onde você ganha pontos apenas degolando alguns zumbis ou agentes do Rais.

Durante a noite você faz pakur sobre os prédios e construções e então cada movimento, escalada e desvio dará de 30 á 40 pontos, durante esse percurso você ira encontrar zumbis que ficam na parte de cima de casas das favelas, ou dos prédio na cidade velha, então cada golpe pode lhe dar uns 80 pontos e a morte do zumbi até uns 400 pontos por cabeça.

E finalmente ao chegar no fim da noite você ganha uma porrada de pontos de sobrevivência por ter passado a noite vivo, mas como tudo tem seu contra, você deve fazer essa aventura “parkureira” com cautela, pois não se esqueça que os “Pesadelos” estão a solta de noite, e se você não está bem upado ou até mesmo upado não aconselho a enfrentados logo de cara, caso chame atenção de um, você pode tomar distância e usar a lanterna UV para queimar ele e tentar um ataque de oportunidade, mas se chamar atenção de mais de um “Pesadelo”,  CORRA!!

Os pesadelos são casca grossa tem que tomar cuidado mesmo, mas caso queira dar uma de Highlander para enfrentar os zumbis e aprimorar sua força no máximo, aconselho a procurar uma farmácia durante a noite ou aquele laboratório do Dr. Camdan, que ambos  tem a porta semi-aberta e então chamar a atenção de uma horda para lá, ou até mesmo de “Pesadelos” será bom, pois assim que você passar por de baixo da porta os zumbis vão ficar presos do lado de fora e então ficara o vão da porta onde vocês pode atacá-los sem problema ou preocupação de levar danos e então é só matar todos os zumbis ganhar seu XP e depois ainda pegar o loot da pilha de corpos que irá deixar.

Saqueie

Para se dar bem no jogo, você vai precisar coletar bastante itens, os itens servem para você criar outros itens, consertar armas, fazer kit’s médicos (que é muito importante), aprimorar armas, fazer armas e etc…

Sempre tenha o inventário com muitos materias, sempre colete os itens, procure não deixar nenhum baú e nenhuma caixa para trás, eles podem conter itens de fabricação, itens valiosos (cigarros, cosméticos, café, bolsas, ervas e jóias) e até mesmo armas raras!

Você pode encontrar recursos em capôs de carros, em porta malas de carros, em lixeiras, baús, caixas, orelhões (possuem dinheiro), naquelas maquininhas de loja (tem dinheiro também) e em entregas aéreas!

Combate

Tome cuidado porque no Dying Light suas armas sofrem desgastes na hora que você as usa, e claro que existem armas melhores do que as outras, com melhores durabilidade e dano.

Por isso tente não gastar suas armas atoa, mas tenha em mente que você vai precisar matar uns zumbis de vez em quando para upar força!

A forma mais fácil de matar um zumbi sozinho é chutar a perna dele até que ele caia (chutar não gasta estamina!), e depois, ficar batendo na cabeça dele até ele morrer!

Não faça barulho!

Barulhos atraem os perigosos virais durante o dia, e os perigosíssimos voláteis durante a noite, tome cuidado para não fazer barulho!

Quando estiver saltando sobre os telhados, tome cuidado para não saltar sobre um telhado de madeira, porque ele vai quebrar, e depois vai fazer um barulho da porra, e vai atrair tudo que é zumbi! (Os virais principalmente)

Armas de fogo fazem barulho, por isso, só as use se for REALMENTE preciso!

Ah, e cuidado também para não causar explosões!

Obs: virais e voláteis são extremamente volozes e conseguem escalar construções rapidamente.

Pontos de agilidade

Tente se movimentar bastante pelos telhados, para upar em agilidade, além de ser bem mais seguro, porque na maioria das vezes os telhados estão fora do alcance dos zumbis!

Por isso, se não tiver nada para fazer, fique pulando para lá e para cá que nem um retardado!

Kit médico

Tenha sempre bastante kit médico no inventário, eles servem para recuperar sua vida e não são difíceis de fazer, além do fato de que o jogador aprende a fazer eles na primeira missão!

Para se fazer um kit médico você precisa de GAZE e ÁLCOOL!!!

Dinheiro

Venda itens valiosos na loja para conseguir dinheiro, e também saqueie cadáveres e orelhões, que também possuem dinheiro, sempre tenha bastante dinheiro, e NÃO gaste no começo!

Você pode usar dinheiro para comprar itens e armas!

Intendente

Todo dia o intendente vai ter itens GRATUITOS para te dar! Armas, peças de metais, gazuas (para abrir fechaduras), kit médicos são exemplos de itens que ele te da!

Obs: com o intendente, você pode resgatar vales para ganhar itens também!

Fast travel

Após terminar o jogo, você poderá dar fast travel e andar rapidamente pelo mapa  para todas as áreas principais do jogo (Slums, Old Town, Antenna).

Para ir de Slums a Old Town, vá para o seu quarto na torre. Use o pôster na parede para se teleportar para a outra área. Para viajar a partir da área da Antenna use a porta á norte de Slums ou a entrada do esgoto ao norte da Old Town. Depois você poderá retornar aos esgotos se quiser através dos pontos de acesso marcados no mapa nos mesmos locais que estavam durante as missões do modo história.

Referências:

Jogos Internauta, O Vicio, Amino Apps, Game for fun, Wikipedia, techtudo.