Dragon Ball FighterZ

Dragon Ball FighterZ é um jogo da franquia Dragon Ball, desenvolvido pela Arc System Works é publicado pela Bandai Namco Entertainment para PlayStation 4, Xbox One e Microsoft Windows via Steam. Sua data de lançamento foi em janeiro de 2018.

Jogabilidade

A jogabilidade pega conceitos de vários outros jogos de luta, principalmente o esquema de controles do Marvel vs. Capcom com a mecânica da equipe, com três botões de ataque primários e um botão de ação exclusivo mais alguns outros. Os jogadores selecionam três personagens para formar uma equipe no estilo The King of Fighters. Um deles é controlado e pode ser trocado com um dos outros personagens a qualquer momento. Os jogadores também podem chamar um de seus outros personagens para executar um movimento “Assist” (assistência), permitindo ataques simultâneos e combos com toda a equipe. Os três personagens do oponente devem ser derrotados para vencer o jogo.

Os movimentos universais “Vanish” e “Dragon Rush” se assemelham ao sistema “Roman Cancel” encontrado nos jogos da Arc System Works, além de seus ataques também serem de Guilty Gear Xrds Dust (o jogo também funciona visualmente no mesmo motor gráfico e esquema como Xrd também), enquanto o movimento “Super Dash” se assemelha ao sistema Homing de Arcana Heart e é semelhante aos traços Homing vistos em outros jogos de luta Dragon Ball. Assim como nos jogos de luta clássicos “Dragon Ball”, os personagens podem usar a “carga de Ki” aumentar seu nível de poder se eles tiverem alguma distância do oponente.

Busque um tutor

Cada uma das áreas principais do lobby de Dragon Ball FighterZ tem seu próprio guardião (ou tutor), mas nenhum deles é mais importante que aquele do lado de fora da área de Tutorial. Isso deve-se principalmente por ele dar acesso à sala de treinamentos. Contudo, por mais que esses tutoriais possam parecer um pouco desanimadores no início, eles explicam as mecânicas básicas, enquanto permitem que você execute os comandos. Eles servirão como o alicerce do entendimento mínimo para que você obtenha sucesso nos modos Arcade e Story, assim como o início de sua jornada online. São tão importantes que talvez seja interessante fazê-los duas vezes, só para ter certeza – afinal, a melhor coisa que invocar Shenlong uma vez, é invocá-lo duas vezes.

Desafie-se

Como qualquer bom jogo de luta, Dragon Ball FighterZ tem uma vasta coleção de desafios de combos ao seu dispor. Eles estão disponíveis para todos os personagens do elenco e mostram os combos básicos, especiais e supers. Você pode até descobrir que seu personagem tem alguns ataques normais que não estão listados no menu de pausa, como a sequência de Cell com golpes médios. Por último, é uma ótima zona segura para que você experimente tudo desse eclético elenco de guerreiros, até encontrar os melhores para seu estilo.

Encontre seu time perfeito

Como qualquer outra grande sinfonia, todo o time em Dragon Ball FighterZ precisará de trabalho em equipe para encontrar as notas certas. Para ter certeza que seu time funciona bem, você precisa entender como seus personagens funcionam. Por exemplo, Freeza é bem forte quando o assunto é fazer os adversários manterem distância, com seus Death Saucers e Death Balls, porém quando o inimigo chega perto, ele pode passar por problemas. Para ajudá-lo com isso, Gohan pode ser a assistência perfeita na forma de um Dragon Punch. Com o apertar de um botão, Gohan voa e conecta um uppercut quase invencível, e cria espaço suficiente para você respirar. Há também assistências em disparos, como o Kamehameha de Goku, ou assistências de bloqueio, tais como a enxurrada de disparos do Ki-blast de Vegeta, que pode ajudar em uma variedade de formas. É uma questão de encontrar a combinação perfeita para seu estilo e pressionar com combos devastadores.

Jogue todos os modos

É natural convidar alguns amigos para lutar até a morte… err… se divertir em todo grande jogo de lutas, porém Dragon Ball FighterZ traz um modo Arcade desafiador e um modo Story que você vai se interessar em mergulhar até o final. Os jogadores que dominarem esses modos e espremerem até a última gota deles serão recompensados não apenas com Zeni para gastar na loja. Se você não aproveitou a promoção de pré-venda que liberava Goku e Vegeta SSJSS (modo Super Sayajin Deus, aqueles com cabelo azul vistos em Dragon Ball Super), é possível liberá-los ao vencer o modo Arcade Hard (os dois últimos percursos mais difíceis), desde que conquiste notas A ou S. E tenha certeza, essa não é uma tarefa nada fácil.

Torre seu dinheiro do jogo

Literalmente tudo o que você faz, dos desafios ao modo história, é recompensado com Zeni – a moeda dentro do jogo em Dragon Ball FighterZ. Ao acumular sua fortuna lentamente, você precisará investir em uma vasta quantidade de cápsulas da loja. Cada uma delas oferece uma chance de encontrar itens customizáveis raros do DBFZ. De itens básicos a extremamente raros, elas têm novas cores para seu personagem favorito, adesivos únicos e uma variedade de avatares “chibi” para o lounge do lobby online.

Não se estresse com o layout do seu controle

Dragon Ball FighterZ traz tanta utilidade com seu esquema de controles que pode parecer até um pouco intimidador. Com a habilidade de configurar seus botões da forma que desejar, seria bobagem não explorar as possibilidades. Cada função (Ki charge, Sparking Blast, Super Dash, Vanish e o Dragon Rush), com excessão das assistências, pode ser executada ao combinar botões (Fraco, Médio, Forte, e Ki). Isso quer dizer que, desde que você tenha todos os botões principais ao seu alcance, vale tudo – pode até contorcer sua mão a um ponto que nem você irá reconhecer.

Auto-combos são seus amigos

Combos podem ser complicados, tipo bem complicados, quando você acaba de pegar um novo jogo de luta. Ainda bem que Dragon Ball FighterZ tem um rico e envolvente sistema de auto-combo nos ataques fraco, médio e forte. Ao pressionar o ataque fraco repetidamente, você irá executar uma combinação furiosa de ataques terrestres que se transformarão em combos aéreos sem esforço. Todavia, se você atacar com golpes médios, irá executar um combo totalmente diferente que termina com um dos ataques especiais de seu personagem favorito (e consome uma barra de Ki, quando houver). Agora, imagine quando você tiver a prática e aprender a ligar um combo a outro, ou até com os ataques especiais certos. O céu é o limite.

Gerencie sua energia vital

A energia vital é, obviamente, uma parte bastante importante de qualquer game de luta, mas poucos deles pedem para você trocar entre três barras de vida enquanto ainda fica de olho no adversário. Não é possível esquivar de todos aqueles ataques voadores para sempre, então quando for atingido, é importante checar quanto de dano levou. Afinal, quando a grande barra vermelha se dissipar, você verá uma outra azul/cinza que representa a vida recuperável. Uma troca rápida com outro lutador permitirá recuperar energia vital, como você também pode utilizar seu Sparking Blast (aquele símbolo indicado abaixo da barra de vida) para recuperar vida sem ter que trocar de personagem (ou caso não tenha mais ninguém com quem mudar). Se puder ativar esse poder, além de expulsar um inimigo de perto de você, ele irá curar o personagem atual e quaisquer aliados ainda vivos mais rapidamente.

Ki Blast

O botão do ataque especial usa o Ki Blast da tua personagem. Geralmente, consiste em bolas de fogo pouco poderosas, que te permitem manter o teu opositor à distância. Com o timing certo, podes mesmo reflectir o Ki Blast do teu atacante, premindo os botões Back + Ataque Especial.

Cada personagem possui também um Special Move único. São normalmente activados girando o stick analógico um quarto de círculo (da posição inicial, terás de mover o stick para baixo e em seguida para a esquerda ou para a direita) juntamente com um dos quatro botões de ataque. Terás de experimentar para veres aquilo que cada personagem é capaz de executar.

Assistência 1 e Assistência 2 chama as outras duas personagens que escolheste para fazerem um único ataque. Cada personagem possui uma Assistência diferente e ainda um pequeno período de recarga. Se manteres a Assistência 1 ou 2 activada, uma personagem irá entrar na luta por completo. Isto dá à tua personagem actual a possibilidade de descansar e restaurar as partes azuis da barra da saúde e também poderá permitir-te mudar por completo o curso da batalha. Não te esqueças que as personagens que escolheste para Assistência podem ser atacadas assim que apareçam, pelo que deves ter cuidado. Saber o momento em que deves usá-las é a chave do sucesso.

Dragon Rush é o nome do movimento de arremesso em Dragon Ball FighterZ. Prime a combinação de botões listada acima para te aproximares do teu inimigo e atirá-lo. Isto não é “bloqueável”. Se vires um Dragon Rush a chegar, podes usar a mesma combinação de botões dentro de um tempo limitado para te libertares.

A combinação de botões para o Ki Charge pode ser usada para carregar o teu Super Meter. Quando mais tempo premires os botões, mais depressa o irás recarregar. Todavia, enquanto o estás a fazer, não podes atacar nem defender. Podes carregar o teu Super meter até 7 vezes. Cada personagem tem um conjunto de Super Moves que irá consumir uma ou três barras do Super Meter. Podes ver aqui a lista de Super Moves para as personagens de Dragon Ball FighterZ. Os Super Moves são activados movendo o stick um quarto do círculo e usando dois botões de ataque. (Muitos obrigam-te a usar dois botões de ataque específicos, mas outros requerem dois botões à tua escolha). Podes também usar partes da barra para executares ataques especiais EX, versões mais fortes dos teus ataques de comando.

Sparking Blast foi projectado de modo a permitir ao jogador regressar à luta. Se premires os quatro botões de ataque, irás derrubar o teu oponente, aumentar o dano dos teus ataques durante um pequeno período de tempo e recuperar a tua barra azul de saúde. Quanto menos personagens tiveres disponíveis, durante mais tempo o Sparking Blast durará.

Super Dash é a forma de te aproximares do teu oponente. Executa a combinação listada na tabela anterior e voarás em direcção ao teu inimigo a alta velocidade. Mas atenção: o Super Dash pode ser evitado se o teu opositor usar determinados ataques. Não te torna invencível. Podes também usá-lo para manteres o momentum dos teus combos, caso estejas em alta.

Finalmente, existe o Vanish. Estes ataques estão muito relacionados com a essência de Dragon Ball Z, onde as personagens usam frequentemente teletransporte para se posicionarem por trás dos seus inimigos. Ao activares um Ataque Vanish, irás teletransportar-te para trás do teu inimigo e infligir um único golpe. Isto custa uma barra do teu Super Meter mas, para além de negares ao teu oponente a oportunidade de executar combos, poderás jogá-los contra as paredes da arena.

Outros guias de Dragon Ball FighterZ

Existem alguns movimentos adicionais que deves saber antes de terminarmos. Um Guard Cancel Tag consiste em mudar de personagem enquanto bloqueias. Este método é igual à Assitência Normal – só tens de pressionar os botões das assistências que colocámos acima mas terás de o fazer enquanto bloqueias um ataque. Uma vez que esta é uma ocasião única, um Guard Cancel Tag custar-te-á uma barra do Super Meter. Premir para baixo ao mesmo tempo que executas uma Ataque Forte irá proteger-te dos inimigos que tentam atacar-te por cima, pelo ar. Mover a tua personagem para a frente juntamente com um Ataque Médio irá permitir-te atacar por cima de uma área que estejam a proteger, infligindo dano.

Não te esqueças que a opção para trocar de personagem é diferente das assistências, permitindo alterar o lutador com o qual está a jogar no momento por outro que se encontra à espera nas laterais.

Dragon Ball FighterZ possui um ritmo rápido e muito acontece dentro de uma única partida. A melhor opção será jogares o modo história de modo a aprenderes e treinares os diferentes combos e perceber como funcionam as lutas. Se fores devagar e com paciência, irás rapidamente tornar-te um mestre.

Descanse seu time

As lutas de Dragon Ball FighterZ são realizados em um esquema de três contra três, bem parecido com o da série Marvel vs. Capcom. Para vencer um combate, é preciso derrotar a equipe adversária.

A barra de energia é drenada a cada golpe, mas sua parcela na cor azul pode ser recuperada colocando o personagem para descansar em segundo plano. Para fazer isso, segure os botões de Assistência 1 e 2 a mesmo tempo.

Teleporte esperto

Como de praxe nas lutas de Dragon Ball, um bom teleporte é algo essencial para vencer. Neste game, fazer o movimento custa uma barra de super e pode ser ligado com um combo se bem realizado.

Basta apertar os botões de ataques médio e forte ao mesmo tempo para começar o teleporte, algo que deve ser bem treinado a fim de surpreender os seus inimigos.

Quebre a guarda

Outra boa forma de gastar uma barra de especial é usar o cancelamento de guarda, que deve ser feito enquanto o seu personagem estiver bloqueando. Ao sofrer um golpe, aperte para frente no direcional e então Assistência 1 ou 2.

Ao fazer isso, um personagem de suporte vai entrar em ação com uma super corrida. Tome cuidado com isso, pois o seu rival pode prever o movimento e acertar o herói que está entrando em ação!

Jogue os raios para longe

Uma forma inteligente e mais segura de impedir ofensivas rivais é por meio de deflexão de ataques Ki. Sempre que uma rajada partir em sua direção, segure para trás e use um especial.

Acertar o timing exato exige um pouco de treino, especialmente na hora de defletir super golpes especiais. Vale lembrar que isso não pode ser feito nem abaixado e nem no ar.

Solte rajadas também

Diferentemente de outros games de luta, Dragon Ball FighterZ torna bem acessível o uso de golpes especiais. Basta apertar o botão de ataque especial para soltar rajadas de Ki, o que pode ser feito sem moderação.

O segredo é não tentar causar muito dano desferindo magias de ki, mas sim utilizar as rajadas para quebrar o ritmo do rival. Dessa forma, você o deixará em dúvida se é melhor tentar defletir ou partir para cima de você.

Abuse da super corrida

Ao apertar o botão de ataque pesado e de especial ao mesmo tempo você realiza uma super corrida, que é um ataque teleguiado capaz de perseguir o oponente em qualquer lugar da tela.

Além disso, a super corrida também atravessa todos os projéteis que não forem super movimentos. Seu único cuidado deve ser com as defletidas explicadas anteriormente, já que elas são capazes de contra-atacar facilmente uma super corrida.

Faça arremessos agressivos

Mesmo depois de dominar todos os movimentos acima, é difícil vencer lutas mais avançadas sem treinar bastante os arremessos. Para atirar um oponente longe é preciso apertar ataques leve e médio ao mesmo tempo.

Se quiser causar ainda mais dano, logo no começo do movimento de arremesso você pode apertar o botão de assistência 1 ou 2, o que força uma troca de personagem ativo por parte do rival. Faça isso especialmente nos casos de o lutador secundário estar com pouca energia, pois assim você corta qualquer chance de ela ser restaurada.

Aprenda a nomenclatura de jogos de luta

Geralmente, quando estamos conversando com alguns amigos sobre um jogo, nós comentamos “ah, é só você apertar pra baixo e soco forte para fazer tal coisa”. Mas na internet escrever tudo isso dá muito trabalho, ainda mais quando estamos falando de combos. Por isso existem certos termos e abreviações que comentarei a seguir:

A principal nomenclatura usada para jogos de luta de anime, como BlazBlue, Guilty Gear e Under Night In-Birth, por exemplo, é substituir as direções do direcional por números, como a seguir:

789, 456, 123.

Onde o número 5 representa seu personagem em estado neutro, 2 ele agachado, 6 apertando para frente, e assim por diante.

Além das nomenclaturas para as direções em que apertar para efetuar certos comandos, há também uma certa nomenclatura para saber qual botão de ataque estamos falando. Isso acontece por FighterZ lançar para dois consoles que tem botões diferentes para o mesmo comando, tornando confuso uma pessoa falar com os botões do PS4 e outro com os do Xbox One. São eles:

Ataque Fraco = Quadrado (PS4) – X (XOne) = L

Ataque Médio = Triângulo (PS4) – Y (XOne) = M

Ataque Forte = “Bolinha” (PS4) – B (XOne) = H

Ataques de Ki = X (PS4) – A (XOne) = S

Então, caso você veja na internet o ataque 236S com Goku, significa meia lua pra frete + botão de ki. A princípio isso pode parecer confuso, mas com o tempo vai ficando mais natural, acredite.

Use o sistema de tag

Por ser um jogo de 3 vs. 3, muitas pessoas que jogam jogos de luta mais convencionais ou que jogam os jogos de anime de arena que a Bandai Namco costuma lançar acabam esquecendo que existe a possibilidade de você trocar de personagem no meio da luta.

Só o fato de você substituir um personagem pelo outro vai garantir algumas vitórias no começo do jogo. Afirmo isso pois quando você troca de personagem, o personagem que foi substituído começa a recuperar sua vida até, no máximo, completar a barra azul de vida que ele tem.

Então sempre que seu personagem estiver passando por apuros, lembre de que há outros dois no seu time para socorre-lo.

Cuidado com o Super Dash

“Como assim cuidado com o Super Dash? Ele me faz ir muito rápido na direção do inimigo, onde quer que ele esteja na tela, e ainda por cima tem como começar um combo com ele. É a melhor coisa do jogo!”

Concordo, o Super Dash é uma ferramente bem forte em Dragon Ball FighterZ. Ela é “safe” (não tem como punir mesmo se o oponente defender) e caso ele não defenda abre a possibilidade de diversas coisas. Mas existe uma forma extremamente simples de contra-atacar isso: apertando “baixo + ataque forte”, o famoso anti-aéreo universal.

Esse ataque é invencível na parte superior do corpo, e, caso conecte, permite que você use o seu Super Dash e puna o oponente por abusar dos Super Dashes aleatórios.

Fica a dica: Treine sua reação para dar anti aéreos nos Super Dashes e ganhe diversas partidas.

Use os auto-combos, mas não dependa deles

Dragon Ball FighterZ traz dois tipos de auto-combos, combos pré definidos em que basta apertar o botão de ataque leve, ou médio, e saem alguns combos simples, mas até que eficientes.

Para quem está começando, os auto-combos são de grande ajuda e conseguem tornar a experiência de aprender um novo jogo de luta bem menos frustrante do que, digamos, tentar aprender os combos de um Street Fighter ou Mortal Kombat.

Entretanto, os combos dos auto-combos não são nem um pouco otimizados, sendo possível, com um pouco de treino, criar outros combos que são ainda mais eficientes que eles. Mas para isso é necessário passar aquele bom e velho tempo no modo treino, e sei que muitos acham isso chato.

Então não tenha vergonha de usar o auto-combo, só não dependa tanto deles conforme for avançando no jogo, pois seus oponentes não dependerão.

Referência:

Jogazera, redbull, eurogamer, techtudo, wikipedia.

Deixe seu comentário: